1. Spirit Fanfics >
  2. I dont care >
  3. One shot

História I dont care - Capítulo 1


Escrita por: annaSk1201

Capítulo 1 - One shot


I dont care

Lucas estava numa festa muito entediante, cheia de gente dançando, gente bêbada, e gente dançando bêbada, não fazia a menor ideia do motivo de estar ali, só sabia que recebeu um convite de um amigo e foi. Lucas estava desesperado pra voltar para casa e se jogar na cama com o namorado, que provavelmente dormia com o cabelo bagunçado e fofinho. Sua mente estava perdida em como ficaria feliz quando chegasse em casa e abraçasse o namorado, o esmagando e o enchendo de amor, enquanto seus dedos passavam os vídeos do Instagram pra baixo, até que Lucas recebeu uma ligação, era Mark, então consegui ir até uma varanda que tinha li e atendeu o namorado com prontidão
-mark???-
-oi amor...- o mais novo estava com voz de sono
-oi meu amor... Tudo bem?-
-estou bem... E você?já se encaixou pelo menos um pouco?-
-não... Nem um pouco, estou me perguntando se consigo sair pelos fundos de fininho-
- é a festa de noivado do Jungwoo, só fica aí e aproveita com ele...- o menor diz sonolento
-ok ok.... Vou ficar mais um pouco, mas é tão chato-
-só aproveita... Quando você chegar vamos ver um filminho-
-certo... Te amo...-
-também te amo, agora vai se divertir!-
-vou sim, até mais amor-
Assim, eles desligam

A festa seguiu um tédio, e seu discurso foi um desastre, por mais que jungwoo tenha gostado, o discurso realmente foi uma merda. Lucas se sentia como um ninguém, no meio de pessoas que tinham lindas palavras e textos enormes pra falar, ele apenas estava ali, vendo tudo e pensando em como estragou tudo tentando se enturmar, mas para ele nada disso importava, pois Mark estava o esperando em casa, e Lucas sabia que assim que abraçasse o namorado, tudo de ruim iria desaparecer como mágica

Então após umas fotos aqui e ali, uns brindes aqui e ali, ele entregou seu presente para Jungwoo, e foi para casa ao encontro de Seu amor, Mark Lee com voz de sono e carinha cansada

Lucas abriu a porta bem devagar para não fazer muito barulho e foi devagar até o quarto onde dormia com o namorado, o menor estava deitado, com um pote cheio de leite condensado e uns morangos para molhar ali, e não podia faltar o chantilly na cabeceira, algo que o pequeno amava

-estou sentido um cheira tão bom- o maior diz entrando melhor no quarto e indo até a cama pra dar um selinho no namorado
-oi Lucas lindo do meu coração- o menor puxa o namorado pra um abraço e um beijo calombo Oi oooooooooooooo oo que se torna mais acalorado

-espera gatinho, vou tomar um banho e podemos ver filmes e ficar de namoro ok?-


O mais novo fecha a cara e faz um biquinho, igual uma criança birrenta
-afeee, ok...-
-é só esperar um pouco...- Lucas faz um afago no cabelo de Mark e vai tomar seu banho
-volteeei- diz Lucas com seu pijama, que era só uma camiseta e uma cueca box justinha
-que bom, pq quero um carinho urge
ntemente- Mark diz emburradinho
- tá bom, tá bom senhor carente- o maior diz deitando com ele -to aqui agora-
-acho bom-

Os dois começam a ver um romance bem ruim e água com açúcar que ser vê só pra passar o tempo, até que Lucas fica totalmente entediado com aquele filme de merda, então ele começa a apertar a cintura do namorado e dar beijinhos no pescoço dele
-amooor- Mark diz manhoso -agora não-
-por favor Mark... Posso fazer aquilo que você gosta e usar...- passa o dedo no leite condensado e o coloca na boca -o leite condensado-
O menor arrepia até os pelos do cu e o olha
-ok... Vamos fazer isso-

Em um movimento rápido, Lucas sobe em cima de Mark e tira a camiseta dele
-vou te ajudar a perder esse sono rapidinho- o mais velho diz tirando a cueca de seu pequeno -parece que meu menino já está duro-
-voce tem esse efeito em mim sabia?-
- a é?- Lucas aperta o membro de Mark -fala pra mim o que mais você quer além do leite condensado
O pequeno se contorce e solta um gemidinho esganiçado
-q-quero que me possua-
- não só isso, o que mais você quer?- ele aperta com mais força
-q-quero q-q-que o lulu me deixe sem andar e todo roxo- Mark diz se contorcendo
-muito bem- Lucas o solta -vou te dar o que quer, mas... Por me fazer ficar naquela merda de festa, vou te punir-
-naaao- mark diz manhoso -eu só queria você feliz...-
- eu não fiquei feliz e passei uma vergonha, então você vai ter que me recompensar por isso-
-certo...-
Lucas levanta e vai até seu armário, pega uma venda e coloca em Mark
-não vou te deixar ver como vou te punir-
O menor engole seco e o maior volta até o armário, e pega um cacetete
- você vai esquecer seu nome hoje-
-certo senhor-

E então, o mais velho pega o pote de leite condensado e o chantilly
-hm...- ele começa a passar o leite condensado no tronco do namorado -olha só...- ele diz lambendo o tronco de mark- essa pele- lambe- branquinha- ele lambe até chegar nos mamilos dele -e esses- morde o esquerdo - mamilos- morde o direito -deliciosos- morde o esquerdo de novo e puxa com força, fazendo Mark gritar
Lucas chupa os mamilos dele até ficarem roxos e Mark gozar umas três vezes
-nossa como você é sensível- o maior diz pegando o cacetete -vamos ver como é aqui- ele bate na bunda dele, e o menor da um gritinho - Quero- PAFT - Ver - PAFT -você- PAFT -todo- PAFT -roxo- ele diz por último e da uma batida mais forte, fazendo o menor gritar -sabe amor- Lucas abre as bandas dele e pega o chantilly - eu quero muito saber se seu gosto é melhor ainda com chantilly
Lucas coloca chantilly envolta no buraquinho do menor e começa um beijo grego com vontade, enquanto apertava as coxas dele com força. E lá em cima, Mark não continha seus gemidos, gemia o nome de Lucas em alto e bom tom, amava aquilo
-muito bem senhor lee- Lucas diz levantando devagar e mordendo a banda esquerda da bunda dele -vou te dar o que quer- ele se senta na cama e o coloca em seu colo -não vou ter pena de você hoje-
- certo amor, faça como achar melhor-
-é isso que eu gosto de ouvir- ele senta Mark em seu membro com força, e o menor solta um gemido esganiçado mas começa a quicar com força, e não muito depois solta um gemido alto -achei?- Lucas pergunta
- u-u-u-uhum- Mark afirma
- ótimo- Lucas começa a morder bem forte dar chupões no peito do menor

Depois que terminaram essa loucura, eles tomaram um banho e se deitaram na cama bem agarradinhos
-eu amo... Tudo isso... E eu amo você- Mark diz cansadinho
-fico feliz meu amor... Eu também te amo, mais que tudo aliás-
E assim eles dormem agarrados



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...