História |•I Fell In Love With GirlCrush•|Imagine Mamamoo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mamamoo
Personagens Moonbyul, Personagens Originais
Visualizações 129
Palavras 1.228
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), FemmeSlash, Ficção Adolescente, Hentai, Orange, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá nenéns!
Bom,eu e a HiraiRin estávamos com problemas então decidimos que irei continuar a fic sozinha :(
Claro que ela vai responder vcs e me ajudar com opiniões mas apenas eu escreverei...
Desculpa ,mas não é um problema sério ,não estamos brigadas ou algo assim ksksksks
Na verdade temos até data do nosso casamento rsrsrs

Mas enfim bbs,espero que gostem do cap.

Meta - 5 fvs para o próximo capítulo ♥


:3

Capítulo 3 - 3


Fanfic / Fanfiction |•I Fell In Love With GirlCrush•|Imagine Mamamoo - Capítulo 3 - 3

                           Sim,eu a conhecia.

—Não.-diz Moon Byulyi normalmente-é a primeira vez-a lança um sorriso fraco.

S/N concorda com a cabeça e retribui o sorriso.A senhora Moon volta seu olhar para a Sra.Park e conversa algo que S/N não se importa.

 Ela abaixa a cabeça tentando não deixar a lágrima cair.

Está tudo bem,S/N

Não,mesmo que assim pense,ela não podia parar de pensar o quanto irá sofrer vivendo anos com uma pessoa tão má.

Moonbyul suspira e abaixa a cabeça também vendo a preocupação da garota,mas logo levanta e sorri para seus pais quando os mesmos a encaram.

S/N enchuga as lágrimas e e sorri quando ouve a voz de Sra.Park.

—Tchau,pequena.-ela abraça S/N-Boa sorte.-diz susurrando no ouvido dela.

—Obrigada, Hyo-Jin-aperta mais o abraço e se solta.

S/N observa a linda silueta da Sra.Park desaparecer.

Sra.Moon volta para sala depois de trancar a porta e vai ao seu lado.

—Bom,eu sei que está cansada e que temos muito a fazer,mas antes vamos conhecer a casa para depois você se acomodar no quarto.

S/N concorda com a cabeça.

Sr.Moon se animou um pouco mostrando os retratos  na sala e Sra.Moon apenas ria dos comentários de S/N.Ela sendo brasileira e convivendo mais com adolescentes coreanos, não tinha o hábito de falar formalmente e vários comentários desajeitados saíam de sua boca.

Mas uma figura não se fazia totalmente presente.Byulyi estava envergonhada andando sempre atrás da família,apenas concordava quando a mãe perguntava se estava tudo bem.

A casa era grande e S/N ficou encantada,mesmo assim era aconchegante.Quando chegaram ao último cômodo da casa,Byulyi finalmente deu sinal de vida.

—Posso mostrar o quarto pra S/N?

Todos os olhares foram para Byulyi e logo os pais sorriram.

—Claro,filha.-eles se afastaram da porta e logo S/N se via tremendo.

—Eu não vou te morder-Byulyi diz após momentos de silêncio,meio envergonhada com o quanto a garota estava assustada.

S/N toma coragem e faz contato visual com a nova irmã,assustando a mesma um pouco.

—Apenas me mostre o quarto,por favor.

Byulyi,surpresa com o repentino pedido,apenas arregala um pouco os olhos e abre a porta.

S/N ,que estava muito confiante ,quando viu o quarto amoleceu e quase caiu.

Era muita emoção ter um quarto para você,um lugar seu finalmente depois de tanto tempo.

O quarto tinha paredes brancas e altas com acabamento simples de gesso no teto,a cama de solteiro um pouco larga com almofadas de cores neutras e  um edredom branco a chamando para se jogar na cama.Um armário branco de três portas com um espelho na porta do meio e um criado mudo meio tradicional e chique de madeira.

No meio do quarto havia um tapete e a única cor no cômodo,era um tapete vermelho felpudo que ficava lindo sobre o piso de madeira.

Todos os detalhes estavam sendo percebidos por S/N que sem perceber ia mais longe pelo quarto.Byulyi a olhava admirada com a concentração da garota.

—Minha Omma-pausa-Nossa Omma disse que você pode escolher as cores da parede.

S/N sente uma aceralação no coração quando a voz de Byul quebra o silêncio a assustando.

Ela concorda com a cabeça.Moon estava  prestes a desencostar da porta e sair andando em direção a cozinha,mas para quando vê uma situação fofa e engraçada.

S/N que estava parada em frente a grande cama, simplesmente se joga no colchão e começa a rir enquanto acaricia o edredom.Byul ri também e se aproxima.

As duas param de rir e o silêncio domina.S/N,que estava de bruços no colchão,se vira olhando pro teto.Vê que o lustre simples tem a ilustração de fadinhas e ri.

Enquanto isso Byul admirava o corpo de S/N mas logo olha para o sorriso da garota quando ela ri.

—O que foi?

—O lustre.-diz ainda sorrindo.

Byul olha confusa para o teto mas cora quando vê as fadinhas no lustre.

—ah!Eu achei que tinham trocado eu...

—Eu amei-ela a interrompe.

S/N senta na cama mostrando seu cabelo bagunçado e olha para o rosto corado da outra garota.

—Era seu quarto?

Byul olha pra baixo ainda mais corada.

—Era.A casa nem sempre foi grande,mas omma e Appa disseram que esse quarto era minúsculo.Depois reformaram e transformaram num  escritório mas nunca trocaram de lustre.-sorri.

S/N para de sorrir quando vê novamente aquela cara de Byul.A antiga Moonbyul.A que enganou S/N.

—...por que você?--Diz baixinho mas a outra escuta.

—O que ?--Diz suavemente levantando o olhar para a menina de cabeça baixa.

—Por que eu tinha que vir pra sua família?

—Você divia estar agradecida de ter sido adotada pela minha família.-diz já um pouco alterada.

—Mas Você está nela!--Diz olhando diretamente para o fundo da alma de Moon,a assustando.

Byul se assusta mais quando vê uma lágrima escorrer no rosto da menina.

—Você ainda está chateada por causa daquilo?- diz num tom de deboche.

Aquilo era apenas uma coisa simples pra ela?!

Aquilo deixou S/N um pouco em choque,ela viu por um momento aquela versão má da Moonbyul e aquilo fez seu corpo tremer e seu coração acelerar de medo.

Seu rosto ficou numa expressão surpresa enquanto lágrima escorriam ao ver o rosto de deboche de Byul.Ela enchuga as lágrimas , levanta e vai até o espelho.

—Tem razão--Diz tentando parecer forte.

Ela arruma seu cabelo e sorri falsamente mas sem que a outra perceba que não é verdadeiro.

—Me ajuda com as malas,unnie?

Byul estremeceu com a rápida mudança de atitude mas concordou com a cabeça e saiu do quarto.Do corredor conseguiu ouvir as palavras de S/N.

Sabe de uma coisa? Você poderia ter ido com eles!Me polparia de você!

Byul para no meio do corredor e suspira quando o flashback vem a sua cabeça mas logo continua e vai até a sala e pega as malas.

*

—Muito obrigada pela comida,Senhora Moon.

—De nada,pequena.Você gostou?

—Sim!Bom...eu comi poucas vezes esse prato mas esse foi a melhor das vezes.-a Sra. e o Sr. Moon sorriem.

—Vocês querem ajuda com a louça?

—Não, querida.Temos máquina de lavar.

—Oh! Então,se me permitem,eu vou desfazer as malas.

—Pode ir, querida.

Ela se levanta e se curva,logo sobe as escadas e vai até o quarto.

Byul revirava os olhos ao ver os olhares felizes dos pais ao ver "sua filha ideal".

"se me permitem", eu vou lá pra cima.-diz debochando do jeito chique que S/N falou.

Ela sobe as escadas antes da resposta dos pais.Estava indo para seu quarto quando passa pelo quarto de S/N e a vê dobrando as roupas em cima da cama.Uma onda de raiva sobe pelo seu corpo.

Flashback ON

"Olha a estranha"

"Vê se muda, esquisita"

Ela não aguentava mais ouvir isso,a única coisa que a fazia continuar era S/N que dizia o quanto seu estilo era legal e que ela não precisava mudar.Mas nas férias de verão,ela acordou num dia de manhã com sua casa cheia de papel higiênico e ovos e uma grande fachada escrita "esquisita".

Ela decidiu que o melhor era mudar.Então assim fez.

Gastou sua mesada em maquiagem e acessórios e gastou semanas treinando o jeito de falar de um modo mais "feminino".

E assim ela chegou no primeiro dia de aula como uma princesa,que encantou a todos Nunca mais foi encomodada por aquelas meninas . Mas então, começou:

"Você conhece a órfã né?Ela é uma pscopata igual ao filme? Rsrsrsrsrs"

"Que dó dela nascer assim, miserável"

"Você não vai mais andar com a esquisita, né?"

Era isso?Era apenas deixar de falar com S/N,certo?Errado!

Elas não queria isso de Moon,queriam que ela destruísse sua única amiga e assim fez.

Moonbyul a destruiu ,mas virou a mais querida por todos mas nenhuma pessoa a importava.No final do ano S/N sumiu e Moon nunca mais a viu.

No próximo ano as pessoas eram diferentes e Moon não parava de sofrer.

"Olha lá a destruidora de corações"

"Não chega perto dela!Ela vai te destruir"

Era isso agora,tudo que ela fazia ou falava era usado contra ela por causa de sua burrice.

Mas era tudo por causa da S/N.


Notas Finais


Bom,esse é o passado de Moon após S/N.
Esperam que estejam gostando ♥
Vejo vcs daqui a pouco :3
=======================
Eclipse-Mamamoo
https://spiritfanfics.com/historia/eclipse-mamamoo-9297126


Love is not a crime
https://spiritfanfics.com/historia/love-is-not-a-crime-9486439


;continuar
https://spiritfanfics.com/historia/continuar-10177123


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...