História I Fell In Love With My Best Friend - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Yugyeom
Tags Bamgyeom, Got7, Yugbam
Visualizações 68
Palavras 1.983
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Segundo e último capítulo dessa shortfic :")

Sim, nesse capítulo vai ter lemon. Se você não gosta ou não se sente confortável com isso, ignore esse capítulo.

E desculpem pelo meu hot estar uma merda ; u ;

Aproveitem o capítulo! :)

Capítulo 2 - Our Night Together


Fanfic / Fanfiction I Fell In Love With My Best Friend - Capítulo 2 - Our Night Together

A frase que Kunpimook disse deixa Yugyeom ficar sem palavras em um estado de choque, com uma cara de espantado, mas logo voltou a falar.

— I-Isso é s-sério Kun-Kunpimook? — Gaguejou ele.

— S-sim! Eu te amo muito mesmo! — Kunpimook finalmente teve sua coragem de dizer seus sentimentos por Yugyeom. — É sério, desde que te conheci e quando percebi que você é uma pessoa muito doce que sempre foi para mim... Eu me senti uma flecha enfiar no fundo do meu coração, você sempre me confrontou com esses seus abraços fofos... Seus toques em mim fez com que o meu coração quase ia sair dentro de mim... Isso quer dizer que eu gosto de você mais que um amigo, Yugyeommie..

As palavras de Kunpimook fez Yugyeom mais uma vez ficar sem palavras, mas só que com uma cara de que ele quase se emociona com a fala do tailandês.

— E-e.... C-Como você pode provar para mim s-se isso é verdade..? E-Eu não tinha sabido disso antes... — Diz o maknae fazendo o tailandês ficar sério.

— Como que eu posso provar? É claro que eu posso provar o quanto que eu gosto de você. — Diz Kunpimook olhando para Yugyeom com uma cara de sério. — E eu vou te mostrar para você agora!

— Kunpi....


Yugyeom é interrompido com o beijo de Kunpimook, que passa a ser um beijo quente e de precisão, depois ele empurra Yugyeom junto com ele até eles ficarem deitados um em cima do outro. Kunpimook pede passagem com a língua e o maknae cede mesmo assim, depois o tailandês distribuía chupões e beijos no pescoço do maior e enquanto rebolava em seu membro fazendo o maknae arfar e sentiu o membro de Yugyeom ficar eréto. Foi aí que Kunpimook que ainda não descolava seus lábios com as de Yugyeom tira sua camisa e a dele depois tirar a calça de dormir de Yugyeom. O tailandês bota sua mão de dentro da box do maknae e começou a apertar-lo, Yugyeom gemeu de forma precisa, fazendo Kunpimook tirar sua box e que seu membro pulasse para fora. Foi aí o tailandês começa a masturbar a glande do maior fazendo o outro começar a arrepiar todo, aí ele pega o membro do maior e logo bota em sua boca.

— Anwww... B-Bam... A-ah..... —Yugyeom fala entre gemidos, fazendo o tailandês olhar para ele.

— Hm..? Agora já sabe né?.... Pois isso não é o suficiente.. — diz Kunpimook mexendo e brincando com o membro do maior.

Kunpimook vira o maknae de quatro e começou a dar umas estocadas no Yugyeom fazendo o gemer ainda mais, cada gemido que Yugyeom dava num tom alto, mais o outro se arrepiava. O tailandês acelerava os movimentos, e os gemidos de Yugyeom aumentaram, e aumentaram. Quando aí ele goza na hora quando o tailandês atingiu seu ponto sensível.

— Aii!! T-Tá doendo K-Kunpimook-h-hyung... — Yugyeom fala em um tom de voz rouco.

— Calma... Vai passar. — Kunpimook diz enquanto estava se retirando dentro de Yugyeom. — Mas agora... Você não chame mais de hyung.... Me chame de Baby, eu não me importo se eu sou mais velho que você.

Kunpimook se retira em Yugyeom e depois o levanta e vira ele para perto dele, e logo bota seus braços ao redor do pescoço do maior.

— Viu agora...? — Ele pergunta.

— N-nossa.... — O maknae se surpreende. — E-Eu não sei o que dizer hyun... Q-quer dizer... Baby.....

O tailandês dá um riso, porque ele sabia o quão Yugyeom é fofo. E deu um selinho em seguida, fazendo o outro ficar ainda surpreendido no que fez com o tailandês.

— *risos* Eu sei que você está surpreso o quanto eu sou bom.. — Kunpimook tira seus braços ao redor do pescoço do maior e logo se deita sem deitar na cama e começa tirar sua box de forma lenta e sexy, fazendo o maknae se traumatizar e ficar vermelho ao observar o membro do tailandês aparecer. —  Agora.... Eu quero que você me foda agora... Daddy..

Yugyeom só engatinha e fica em cima de Kunpimook e logo pergunta.

— M-mas.... E-Eu não sou muito bom nessas coisas.... Essa é a primeira vez que eu estou fazendo... — Disse Yugyeom com uma cara de nervoso olhando para o membro do menor, mas Kunpimook levanta seu rosto para olhar para ele.

— Por favor Daddy....

Kunpimook traz o rosto de Yugyeom para perto do seu e cola seus lábios com as dele de precisão. Yugyeom não tinha outra opção para rejeitar o pedido de Kunpimook mas ele fecha seus olhos e retribui o beijo, porque na verdade, ele gostou do beijo de Kunpimook, que desfizeram o beijo trocando salivas saindo de suas bocas.

— Tá... — Diz o maknae olhando para o menor e seus olhos preciosos que Yugyeom amava desde que conheceu ele. — Se você não gostar é só me dizer.

— Pode deixar Daddy.. -—Kunpimook diz já preparado.

Yugyeom pega as pernas de Kunpimook e as levantam e começa a masturbar ele lentamente, fazendo o tailandês se arrepiar todo e gemer, logo surtou na hora quando sentiu o indicador do maior entrar em sua entrada sensível e quase pesava sua respiração. Aí Yugyeom começou a fazer um boquete para avisar para o menor ir pra próxima etapa dele. Kunpimook gemeu de precisão, logo Yugyeom começou  a fazer movimentos no seu membro e o penetrando para preparar o tailandês. Que ficou gemendo de forma manhosa.

— Aawwwnn owwnnn m-mais ráp-rápido D-d-daddy p-por f-favor.... — Kunpimook fala entre gemidos.

Yugyeom assenti com a cabeça e acelerou os movimentos o mais rápido possível para atingir a ápice de Kunpimook, que o mesmo levantou sua cintura para que chegasse lá mais rápido e depois gemer alto na hora. Yugyeom sente um líquido quente dentro de Kunpimook e logo bota sua língua na entrada do menor e depois engolir aquele líquido em sua boca. Que se desfaz depois só para olhar para seu tailandês.

— E aí, gostou? — Perguntou Yugyeom em cima de Kunpimook falando entre respirações. — Eu fiz o que você pediu.

— Eu adorei Oppa. Você me fode muito bem, quem no mundo te disse que você é ruim? —Brincou Kunpimook.

Ambos riram e sorriram um para o outro, eles simplesmente amavam o sorriso um do outro. E também Yugyeom, que riu de uma forma fofa só por causa que seu tailandês o chamou de "Oppa", como sempre, o maior sempre gostou de ser chamado assim.

— E agora, tá prepararado? —Kunpimook pergunta.

— Preparado para o que? — Diz o maknae confuso.

— Para o nosso toque final. — O tailandês diz se levantando com o maior.

Kunpimook puxa Yugyeom pelo braço para perto e mais uma vez cola seus lábios com as dele, que o mesmo retribui. Logo as mãos do tailandês passavam sobre as costas do maior de cima a baixo, e as mãos do maknae na cintura do menor. Depois Yugyeom leva Kunpimook para uma parede e logo seus membros ficavam juntos e depois um entrar pelo outro, os dois ficavam penetrando e gozando um pelo outro, levaram alguns minutos transando e já estava tarde. Os dois pararam por falta de ar. Foram ao banheiro tomar um banho e ligaram o chuveiro. Enquanto eles ficavam se encarando e sorrindo um para um outro.

— Bammie. — Yugyeom fala.

— Sim Gyeommie? — Diz Kunpimook.

— Eu só quero te perguntar uma coisa.

— Pode falar. — Diz Kunpimook botando seus braços ao redor do pescoço do maior.

— Porque não me disse antes que você gostava de mim? — Yugyeom pergunta e a expressão que o tailandês tava desaparece na hora. — Era pra você ter me contado antes, se não, eu nunca saberia.

A expressão de Kunpimook muda, e depois olha para baixo com uma cara de desespero.

— O que foi? — Diz o maior. —Não quer me contar?

— Yuggie..... Deixa eu te contar tudo a verdade.... — Diz Kunpimook olhando para o maior e o outro assenti.

— Antes de eu gostar de você... Eu também gostava de outras pessoas no passado.... Eu tinha um amigo que ele era da sua personalidade..... Mas aí quando eu descobri uma coisa dentro de mim.... Eu descobri que eu era apaixonado por ele..... Eu não sabia o que era aquilo Mas aí.... Um dia.... Eu falei para ele os meus sentimentos por ele.... Mas....... Ele começou a desgostar de mim e depois me rejeitar..... Depois no dia seguinte...... Todo mundo ficou me zoando e me chamando de louco, doido, e outras palavras de mal gosto.... Até os meus amigos..... Eu os perdi....... Isso doeu muito em mim e fez que eu nunca mais posso sair de casa..... Foi aí que decidi para sair do meu país para morar em outro por causa de tanto sofrimento que tive...... E por isso eu guardei esse meu segredo pelo resto da minha vida e nunca mais dizer para ninguém...... Minha infância foi terrível...... Eu pensei que quando eu ia dizer para você o quanto eu gosto de você...... Você ia me abandonar e os outros meninos também........ E-Eu me senti muito sozinho.....

Kunpimook sente lágrimas caírem em seu rosto, ficou muito apavorado quando disse isso, pois ele era muito sentimental, colocou suas mãos em seu rosto e deitou sua cabeça no peitoral do maior. Daí Yugyeom sabia o porque Kunpimook era tão triste desde que conheceu ele, ele sentiu muita pena do pobre tailandês, por que ele é o único amigo de Kunpimook que sempre se preocupa muito com ele.

— Mookie..... — Diz Yugyeom levantando a cabeça do outro e tirando as mãos do tailandês no rosto dele e depois colocar as suas mãos adiante. — Eu entendo você, você não é louco, doido, e algumas coisas. Você é especial, bonito, fofo, engraçado, e várias coisas que são boas e positivas em você, não liga para aqueles que te maltratavam, mas você tem eu agora, eu confio em você, e sempre confiarei, os hyungs também confiam em você Mookie. Eu não me importo se você é assim ou se você gosta de garotos. Você ainda é Kunpimook Bhuwakul, eu nunca irei te abandonar, e nunca mais, agora lembre-se, se algo acontecer com você, fale comigo, que tudo vai dar certo. Você é o meu tailandês predileto que eu estarei com você para sempre.

As palavras de Yugyeom emocionavam Kunpimook, logo Yugyeom ficou acariciando seus preciosos cabelos pintados de branco, e também o seu rostinho, que o tailandês sempre amava seus toques carismáticos. Ele apenas fecha os olhos e sorri aproveitando o carinho de Yugyeom, depois eles se abraçam e se beijam adiante.

Quando acabaram de tomar banho, eles vestiram seus pijamas, mas antes deles dormirem, Kunpimook mostra para Yugyeom uma música que falava tudo sobre a relação entre eles desde que eles eram melhores amigos.

— Yuggie, essa música não é minha mas é uma das músicas preferidas do meu pai quando ele conheceu a minha mãe, ela fala tudo o que eu sinto por você. Por favor escuta ela, você vai gostar.

— Claro, mas eu quero ouvir com você. — Yugyeom diz adiante e pega o fone de ouvido e dá uma parte para Kunpimook e uma para ele. E eles começam a ouvir a música.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Música: Best Friend - Jason Chen

"Eu peço por todo seu amor, garota o nosso amor e tão irreal, eu apenas queria alcançá-la e tocá-la, apertá-la, alguém me belisque; (Eu devo estar sonhando) isto é algo como um filme, e eu não sei como isto termina, mas eu me apaixonei pelo meu melhor amigo."

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Depois ao ouvirem a música toda, Yugyeom se surpreende, arregala seus olhos e sorri para Kunpimook.

— Que linda música, mesmo não sendo sua, eu entendo tudo o que você realmente se sente por mim. — Yugyeom diz sorrindo para Kunpimook, fazendo o mesmo também sorrir para ele e depois abraçar o maior e fazendo carinho com os narizes.


— Eu te amo muito Yugyeommie.

— Eu também te amo muito Mookie.

Ambos sorriem e se beijam de forma carinhosa e apaixonante. E foram dormir juntos bem abraçadinhos.


Fim.


Notas Finais


Gostaram? Mais uma vez me desculpa pelo meu hot estar uma merda!

Sério gente essa música é tão linda escutem por favor. :"3

Tchau Tchau! :) ✋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...