História I Guess I Need You (Imagine Yongguk) - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias B.A.P, Bang Yong Gook
Personagens Bang Yong Gook
Tags Bang Yongguk
Visualizações 23
Palavras 929
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


então meu povo que come pão com ovo agora que pude atualizar desculpa a demora e o suspense (vou manter mais um pouquinho) PORÉM prometo surpresas nesse capítulo espero que gostem ok?

Capítulo 4 - Um estranho familiar


Fanfic / Fanfiction I Guess I Need You (Imagine Yongguk) - Capítulo 4 - Um estranho familiar

Dois dias haviam se passado após a segunda tentativa de matar S/N, fazia três dias que ela não via a luz do sol desde que ela saiu da cidade em que vivia, apenas comia e se banhava tudo isso no quarto em que a deixaram desde a noite que chegaram em Busan, Yongguk parecia preocupado com seu bem estar, pelo fato de ela aparentar  estar bem triste, ela tinha seus motivos, S/N não queria estar lá, mas ainda havia um motivo , todos precisavam dela, ele precisava dela. Yongguk levou uma muda de roupas para S/N que ele mesmo escolheu, pediu para seu companheiro HimChan que comprasse na cidade, para S/N poder mudar suas roupas que já estavam sujas de todos os tipos de coisas que se pudesse imaginar.

Yongguk

Estava um dia ensolarado mas ao mesmo tempo frio, estava bebendo Yamazaki quando HimChan chegou com as mudas de roupas que eu pedi, subi até o quarto de S/N e destranquei , bati na porta antes de entrar até ouvir sua permissão. Assim que entrei no quarto ela estava na mesma posição de todos os dias, sentada abraçando os seus joelhos com o rosto pouco inchado devido ficar chorando.
- Trouxe pra você sorrio fraco olhando ela está frio, va se banhar depois saia do quarto estou te esperando no corredor dou as mudas de roupa e saio.
S/N: Pego o fitando um pouco confusa e vou tomar um banho quente, coloco as roupas que ele acabara de me dar e saio do quarto Obrigado.. elas couberam perfeitamente.. onde vamos agora?
Yongguk: Vem Pego sua mão e subo pro terraço da casa Faz tempo que você não sai me preocupei com sua saúde você precisa pegar sol.
S/N:  Acompanho Mas está frio, não deveria se preocupar comigo.
Yongguk: Mas está batendo uns raios de sol, e se você morrer nunca saberemos que matou nosso companheiro.
S/N: Suspiro entristecida e chegamos no terraço.
Yongguk:
Quer fazer alguma ligação? família? amigos? comunicar seu sumiço e avisar que ainda esta viva?
S/N: Não, não quero envolvê-los nisso... obrigado... mas por que esta se preocupando tanto comigo?
Yongguk: Ja disse se acontecer algo com você nunca saberemos que fez aquilo!
S/N: respiro fundo e se já mataram e nem sabem?
Yongguk: Se tivéssemos matado ainda não estariam atrás de você.

Alguns minutos se passaram até os raios ficarem um pouco mais forte então Yongguk fechou os olhos retirando sua jaqueta e  deixou o sol esquentar o seu corpo enquanto S/N o observava em silêncio, Yongguk estava muito pensativo durante o seu ''banho'' de sol, pensava no rosto de S/N e como ela era quando sorria,mesmo com medo de tudo ainda soltou um sorriso sincero que não via há anos em uma pessoa. S/N prestou melhor atenção nele agora  depois desses dias e percebeu sua beleza diferente, ele é um rapaz sério sempre mantendo a postura até nos piores momentos, desde o tiroteio até quando quase ela o acerta com um tiro, ela o viu sorrindo uma única vez e por alguns instantes ficou pensando em como o seu sorriso era belo até seus pensamentos serem interrompidos pelo Choi.
Choi: Yongguk, o hyung Chegou!

Yongguk

Após ouvir o que Choi falou eu desci novamente com S/N indo até a sala e procurando o restante de meus companheiros, encontrei apenas HimChan.
- Onde ele está? aconteceu algo?
HimChan: está na cozinha com YoungJae e Choi... não aconteceu nada demais você apenas terá uma bela surpresa.
S/N: Quem está aqui?
HimChan: O companheiro que faltava Ando com eles até a cozinha.

S/N

Ao chegar na cozinha estavam realmente todos lá, e junto estava um rapaz que ainda não tinha conhecido entre eles, ele tem cabelos pretos  e um rosto familiar, porém, não sorria muito assim como Yongguk. Deveria estar triste também pela morte de seu companheiro, Youngjae e Choi conversavam com ele atentamente ignorando a presença de todos, o de cabelos pretos me fitou profundamente e eu senti muito medo pelo olhar dele até que senti as mãos quentes de Yongguk tocar meus ombros.
??: então essa é a garota que você viu no local do crime? ela ja falou algo? ou reconheceu alguém?
Yongguk: Ainda não mas sinto que estamos quase lá... suspeitamos de uma emboscada, o celular dele não foi encontrado e isso complica mais as coisas.
??: Solto um suspiro olhando ela então ela se torna inútil por que não a matamos? aponto a arma em sua cabeça.
Choi:
eu disse isso ninguém me escuta hyung.
HimChan: Baixo a arma dele  pare
Yongguk: Eu ja falei uma vez e não vou mais repetir, ninguém encosta nela, se encostarem eu não me importaria dessa vez em perder outro companheiro.
S/N: Morrendo de medo fecho meus olhos.

Yongguk a levou novamente para o quarto em que ela estava desde que chegou e se trancou com ela lá dentro.
S/N: Por que... se eu sou a única pessoa que sabe sobre esse crime, por que querem me matar ?
Yongguk: tolice... não se preocupe... não deixarei nada acontecer com você enquanto estiver aqui e enquanto eu estiver vivo.
S/N: coloco a mão no rosto tudo bem, mas sobre o novo rapaz... qual seu nome?
Yongguk: Assim que eu ia dizer ouço me chamando lá em baixo mais tarde conversamos sobre isso ok? descanse amanhã temos muitas coisas pra fazer.

Yongguk saiu do quarto a trancando novamente lá e foi ver o que seus Hyungs queriam e descobriu novas informações sobre o assassinato.
Yongguk: Por que mudou a cor do cabelo?
??: estava resolvendo assuntos sobre isso.


Notas Finais


tudo booom? vamo dialogar?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...