História I hate loving you - Shawn Mendes - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Drama, Romance
Visualizações 118
Palavras 1.803
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii genteee❤️
Como sempre estou atrasada não é mesmo!!!🤦
Me perdoem, mais por favor, se acostumem, porque só gosto de postar um capítulo quando ele está realmente bom, então por favor não me matem, eu amo vcs😂❤️

Tentei fazer grande, espero ter conseguido, leiam as notas finais

Boa leitura ❤️

Capítulo 23 - Capítulo 23


Eu não estava acreditando que o Ivan tinha vindo pra cá, eu não acredito, e agora ele está vindo em direção a nossa mesa, o que eu vou falar? o que vou fazer??? oh meu Deus

- Alice!! - veio até mim me dando um abraço

- Ah! oi Ivan - retribui o abraço meio sem jeito

- E ai cara - falou estendendo a mão para o Shawn que retribuiu o aperto de mão

- Oi - Shawn falou meio sem jeito

- Pensei que você estaria ocupada Alice - Ivan falou

- Ah..., Éé..., bem, eu estava - ele continuou me olhando para que eu continuasse o que estava falando- é que... - graças a Deus o pedido chegou, interrompendo a conversa

Depois que o pedido chegou, Ivan foi para outra mesa, fez seu pedido e logo depois foi embora - ainda bem, porque eu não sabia o que responder pra ele - Shawn não estava entendendo nada do que estava acontecendo ali, mais resolveu não perguntar, sobre o assunto, depois de comemos e rir atoa com brincadeiras bobas que o Shawn fazia com a comida

Saímos dali e ele me levou pra casa, o caminho foi bem divertido, rimos muito, mais não​ comentamos nada do que havia acontecido na noite/madrugada passada, resolvi tambem não começar a falar nada ao respeito, pois nem eu sabia o que era que estava acontecendo entre nós, e estou um pouco com a consciência pesada, pois eu estava ficando com o Ivan, mais como não era nada sério, era mais pra uma amizade colorida, espero que ele não fique com raiva, e espero que isso não estrague a nossa amizade - meu Deus Alice você só faz burrada - pensei comigo mesma

Depois de um longo caminho, finalmente chegamos na minha casa, Shawn estacionou o carro e quando eu já estava saindo ele pegou na minha mão, me fazendo, olhar pra ele, ele me encarou por alguns segundos sem falar nada, e eu não sabia o que fazer, então em um ato inesperado da minha parte, Shawn selou nossos​ lábios​ e me deu um beijo calmo, logo depois me olhando sorrindo, sorri de volta e sai do carro, entrei em casa e já estava me preparando para o sermão que minha tia ia me dá com certeza, e como eu esperava minha tia já estava me esperando na sala, e lá vamos nós

- Alice, isso é horas de chegar?? eu estava preocupada!

- Desculpa tia, é que como já estava tarde ontem eu acabei dormindo, desculpa mesmo, isso não vai acontecer de novo tia eu juro, juro de dedinho

- Alice, eu sei que é chato, e eu também odeio da sermão em você, mais você não pode ficar fazendo isso sem dá explicação, ou quando bem entender, espero mesmo que isso não se repita - falou tentando fazer cara de brava, mais logo depois veio me dá uma abraço

- Eu entendo tia, e não vai mais acontecer - retribui o abraço e logo depois ela subiu para o seu quarto

Depois desse incrível sermão, subi para o meu quarto e fui direto para o banheiro tomar um banho, depois de um longo banho quente - pois estava muito frio - fui para o meu quarto me trocar, vesti uma calça preta, e um casaco moletom rosa clarinho, depois disso deitei na minha cama, pus o fone, e coloquei uma playlist aleatória e comecei a pensar no Shawn, e em tudo que tinha acontecido com a gente, ou melhor, o que estava acontecendo entre a gente (???), eu não sei ao certo o que está acontecendo, só sei que eu estou gostando muito. Sou tirada dos meus pensamentos quando sinto algo muito pesado pular sobre meu corpo, abro os olhos desesperadamente e vejo Duda em cima de mim

- NÃO ACREDITOOOOOOOOOOOOO - falou toda eufórica

- Não acredita em quê loka? - perguntei empurrando ela para sair de cima de mim - SAAAAIIII - gritei pois ela não havia saido

- Não acredito que você tá pegando aquele canadense gostosão, vulgo Shawn Mendes - falou com cara de safada

- Quem te disse?? - só aí percebi o que eu tinha falado - q-quer dizer, de onde você tirou isso loka?

- AAaaAaAaAaaAaa eu sabia, você acabou de se entregar

- Nada a ver - falei sentando na cama - mais por que você tá pensando que eu uma mera mortal, estou pegando o "canadense gostosão vulgo Shawn Mendes"? - fiz aspas com os dedos nas últimas palavras para destacar o que ela tinha dito, que não era nenhuma mentira

- Já tava suspeitando depois que ele te seguiu no insta, e curtiu suas fotos, Ah, e também depois que o Ivan me falou...

- O Ivan o que? - falei a interrompendo

- Ah, ele disse que viu vocês em um clima bem romântico na cafeteiria mais cedo

- A gente só tava tomando um café, nada demais

- Uhum, sei - fez cara de safada de novo - Alice, Alice, você não me engana sua santa de Taubaté

- É sério idiota kkk, Mais e aí, você acha que o Ivan tá com ciúmes, raiva ou sei lá?

- Não sei, ele tava meio bad, Mais acho que não foi por causa disso

- Espero não seja mesmo por causa disso, eu não quero perder minha amizade com ele - falo suspirando pesadamente

As horas se passaram voando, e resolvi chamar a Duda para passar o dia comigo e logo aproveitando chamei ela pra dormir também, já que minha tia tinha ido deixar a Milly na casa do pai dela, e depois ela ia passar o dia fora resolvendo coisas do trabalho dela e tals, não queria ficar sozinha, então juntei o útil ao agradável

[...]

- Duda eu já falei que isso não vai dá certo

- Vira essa boca pra lá, eu sou profissional em fazer isso

- Tá parecendo que tá queimado, argh!

- Ja te falei 500 vezes Alice, você não sabe fazer brigadeiro então fica quietinha ai e deixa a mamãe aqui trabalhar, dois beijos de luz

- Okay Sra.MasterChef - digo debochando

Pra quem não sabe a Duda é meio brasileira, o pai dela conheceu a mãe dela quando ela estava passando umas férias aqui no Canadá, e que por conhecidencia ela era brasileira, aí rolou os negócio que tinha que rolar né, se apaixonaram e ai veio ao mundo essa louca que eu chamo de amiga, que eu não conheço ah muito tempo, mais já considero pakas.

- Prontinho - falou vindo com a panela em minha direção

- Realmente o cheiro tá bom - adimito - só espero que esse negócio preste

- Brigadeiro Alice, bri-ga-dei-ro - falou rindo da minha cara

- Você sabe que eu não consigo falar essa palavra aff - falei rindo

Depois de comermos o tal brigadeiro, que por sinal era muito bom, começamos a assistir séries na Netflix, maratonamos várias séries, e nem percebemos as horas passar, já se passava das 1h da manhã e o sono já tava batendo na porta

p.o.v. Duda

Hoje o dia foi bem divertido, Alice me chamou para passar o dia e dormir aqui na casa dela, e claro que eu aceitei né

Depois de fazer o brigadeiro - que por sinal ela amou - assistimos um pouco de Netflix e nem notamos as horas passar, a tia da Alice já tinha chegado e já tinha ido deitar, depois de assistir mais um pouco decidimos e para o quarto

- Alice você vai dormir no chão, já que eu sou visita a cama é minha - falo me deitando e tomando todo o espaço da cama

- Não vem que não tem meu bem, vamos dividir - ela fala me empurrando um pouco pro lado e logo deitando

- Okay, eu sei que você me ama e quer ficar colada em mim, vou ter que lidar com mais uma fã - falo e ela literalmente berra no meu ouvido

- Ai sua Loka, que me deixar surda ô queridinha? - pergunto fazendo careta

- Desculpa - ela fala tentando controlar o riso

- tudo bem, mais e ai, vai dormir agora??

- Quero conversar um pouco - ela fala pensativa

- Sobre?

- O Ivan - ela fala se sentando na cama

Na hora eu fico meio sem jeito mais não quero da na cara que eu gosto do Ivan, sim gente, eu gosto do Ivan, gosto mesmo, e faz tempo já, conheço ele desde o high school que a gente estudou junto, mais eu era mais tímida que o normal e nunca tive iniciativa pra falar com ele, e ele nunca me notou vamos dizer assim, depois que descobri que ele ia fazer a mesma faculdade que a minha, eu decidi que eu iria falar com ele, nem que eu levasse um fora, mais ai a gente conheceu a Alice, ela meio que fez a gente ser amigo mais...ela e ele tavam em uma amizade colorida, então eu não quis me meter, e nem falar nada, ele parecia gostar dela, ninguém sabe que eu gosto dele, nem mesmo a Laura que é minha amiga desde o high school, pois é, nunca contei pra ninguém, estou na famosa Friendzone

Sou tirada dos meus pensamentos por uma louca que está me cutucando

- Terra chamando Duda, alôooô - ela fala ainda me cutucando

- Desculpa, o que você tava falando mesmo?

- Eu estava dizendo que não quero perder a amizade com o Ivan - fala triste

- Calma amiga, não precisa ficar triste, afinal vocês não tinha nada sério, não é mesmo? - falo tentando ajudá-la

- Sim, mais sei lá, vai que ele estava gostando de mim de verdade?! e se ele não quiser mais falar comigo? - ela fala me sacudindo

- Drama Queen hein, calma amiga, ele não vai ficar com raiva de você

- Você poderia me ajudar né?

- Ajudar, como? - pergunto confusa

- Ah, sei lá, você poderia se aproximar mais dele, sei lá - ela fala abraçando o travesseiro

- Alice eu acho que isso não daria muito certo, eu tenho muita vergonha

- Ah, mais nisso eu posso ajudar - ela fala com uma cara de safada

- Eu não sei não - na verdade estou com medo de sair machucada nessa história

- Por favor Duda, por favorzinho - ela pede ficando de joelhos na cama

- E como que iriamos fazer isso??? - pergunto um pouco receosa

- Primeiro, você fica mais amiga dele, e depois eu posso ajudar mandando algumas mensagens fingindo ser você, já que você muito é tímida

- Okay, eu vou pensar pode ser?

- Tá bom, mais pensa com carinho

- Tá, chata

Na verdade eu quero me aproximar do Ivan, quero muito, mais eu não sei como, e minha timidez atrapalha muito, talvez com a "ajuda" da Alice isso dê certo, mais ainda preciso pensar sobre tudo isso, tenho medo me machucar, vai que ele não gosta de mim do mesmo jeito?!?

Depois de um tempo eu e Alice tiramos algumas fotos e acabamos dormido


Notas Finais


E ai, gostaram???
Me digam nos comentários oq estão achando, e se tão gostando, e favoritem e divulguem. (Sempre acho estranho essas palavras mais ok)
E lembrem-se, toda crítica construtiva é bem vinda, e se quiserem dá algumas opiniões para deixar a fanfic Mais legal, sintam se a vontade.
Bjs e até o próximo capítulo 😚❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...