História I Hate Loving You - Yaoi - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Lemon, Novela, Romance, Violencia, Yaoi
Visualizações 363
Palavras 848
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oláá Babys!! Como estão??

Desculpem-me o atrasinho, o computador que eu escrevia acabou "morrendo" de vez, e agora estou escrevendo em outro, por conta disso eu não escrevi como costumo escrever...

Agradeço pelos 118 favoritos!! Sério, eu to muito feliz!! Isso tudo graças a vocês! Obrigado!! ❤


~ BOA LEITURA ~

Capítulo 20 - Você ainda quer que eu vá?


Fanfic / Fanfiction I Hate Loving You - Yaoi - Capítulo 20 - Você ainda quer que eu vá?

 

 

Tava bom de mais pra acreditar. Eu, corado, nunca! Apenas fiquei apreensivo por ele ter feito aquilo do nada, eu nem sequer esperava essa ação dele, que bobo. Eu, corado, impossível!

 

(...)

 

-Ué, por que chegou tão cedo Nico? –Minha avó pergunta assim que chego em casa. –Aconteceu algo?

 

-Não. –Coloco minha mochila no sofá. –Eu apenas consegui sair cedo.

 

-E não te viram? -Pergunta franzindo o cenho.

 

-Não, um garoto me ajudou. –Digo enquanto tiro o tênis.

 

-E a Malu, não veio com você?

 

-Não, ela ficou.

 

-Tudo bem. Ainda está cedo, mas quer almoçar?

 

-To sem fome, depois eu como.

 

-Bem, então eu vou ter que sair pra resolver algumas coisas. –Diz se levantando do sofá. –A sua mãe também saiu, ela foi ao médico fazer alguns exames. –Ele pega a sua bolsa em cima da mesa e vai até a porta. –Qualquer coisa me liga.

 

-Ta. –Digo assim que ela sai e sigo para o meu quarto, subindo as escadas.

 

Hoje aconteceu muita merda, briguei com o professor de matemática, fui expulso da sala de aula, fui pra uma sala escura, descobri que os jogos esse ano vai ser em Mississauga, levei um beijo de... David,  fugi do colégio... É, eu sabia que esse ano ia ser uma bosta. Apenas quero deitar na minha cama e dormir profundamente.

 

Abro a porta do meu quarto e dou de cara com Vinícius deitado na minha cama, dormindo. O que ele ta fazendo aqui!?

 

-Ei! –Digo alto, mas ele não acorda, nem se quer se mexe. –Vinícius! -Ele continua imóvel e com os olhos fechados.

 

Eu mereço! Chegar cansado do colégio e acabar encontrando Vinícius dormindo na minha cama. Ele deveria estar no colégio e não aqui. Sento na ponta da cama e olho-o dormindo, nem parece o capeta quando está de olhos fechados enquanto dorme. Olho pro seu celular em cima da cômoda e o mesmo começa a tocar.

 

~ Bruna ~

 

É aquela garota que está na casa dele, talvez esteja preocupada. Desbloqueio a tela do celular e atendo.

 

~ Ligação ON ~

 

-Alô

 

-Alô, quem é?

 

-É o Nicolas

 

-Nicolas?

 

 

-Cadê o Vini?

 

-Ele ta na minha casa...

 

-Na sua casa?

 

-Sim, eu não sabia que ele estava aqui

 

-Mas o que ele ta fazendo aí?

 

-Não sei

 

-Como assim não sabe?

 

-Eu acabei de chegar do colégio

 

-Passa o telefone pra ele

 

-Bem... Ele ta dormindo agora

 

-...

 

-Bruna?

 

-Acorda ele!

 

-Tá...

 

~ Ligação OFF ~

 

Volto meus olhos pra Vinícius e o mesmo ainda está dormindo.

 

-Ei Vini. –Mexo seu braço a fim de acordá-lo. –Acorda! –Grito e o mesmo pula da cama assustado.

 

-O que foi? –Diz enquanto esfrega os olhos.

 

-Alguém quer falar com você. –Lhe entrego o celular e o mesmo atende a chamada.

 

-O que foi agora Bruna... –Diz enquanto anda de um lado para o outro na frente da cama. Talvez essa garota goste muito dele aponto de ligar e tirar satisfações do por que ele estar aqui.

 

Sento-me na ponta da cama e começo a desabotoar minha camisa, olho pra Vinícius e o mesmo ainda está no celular, essa Bruna deve ser muito ciumenta em relação a ele.

 

-Eu não vou agora, depois eu ligo pra você. –Ele desliga a chamada e vejo seu olhar pesar sobre mim. –Eu estava dormindo e você me acordou pra atender uma chamada da Bruna? –Diz parando em minha frente enquanto olha em meus olhos.

 

-Eu tentei te acordar antes, mas você dorme que nem pedra. –Digo e o mesmo coloca o celular de volta em cima da cômoda. –E por que você veio pra cá? -Pergunto cruzando os braços.

 

-Por que eu quis. –Diz com as mãos no bolso da calça. –E por que eu queria te ver. –Vejo um pequeno sorriso se formar no canto dos seus lábios.

 

-E como entrou? A minha avó não te viu, se tivesse ela teria me dito.

 

-Vim pela janela. –Diz apontando para a janela do quarto que está aberta. –Não foi tão difícil como eu pensava que fosse.

 

-Se você queria me ver então já pode ir embora.

 

Levanto da cama e fico de frente pro mesmo, que logo solta um sorriso nos lábios.

 

-Não vou embora coisa nenhuma. –Ele me empurra de leve, me fazendo sentar novamente. –E você não quer que eu vá. –Diz enquanto aproxima seu rosto do meu, fazendo sua respiração bater em minha pele. –O que me diz? Hum?

 

-E-eu... –Sinto sua mão deslizar sobre meu abdômen até o cinto da minha calça. Merda! Mal consigo falar sem ao menos gaguejar.

 

Vini sela nossos lábios mais uma vez enquanto me empurra de leve para trás deitando seu corpo em cima do meu, sinto seus lábios descerem em direção ao meu pescoço, ergo a cabeça para trás deixando-o mais exposto aos seus pequenos chupões.

 

-Hmm... –Profiro baixo.

 

-Você ainda quer que eu vá? –Diz sussurrando em meu ouvido, logo mordendo de leve o lóbulo da minha orelha me fazendo arrepiar por inteiro.

 

Não consigo evitar, meu corpo deseja seus toques, não agüento mais, eu preciso disso.

 

Continua... 

 


Notas Finais


Aaaa próximo capítulo tem!! Hmmm.... ( ͡° ͜ʖ ͡°)

Esse foi o Capítulo!! Espero que tenham gostado ^~^
O que acharam? ~Comentem~ Fico feliz quando comentam!!
Desculpem-me qualquer erro.

Até o próximo!
Beijinhos da Tai ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...