História I hate to love you (Vhope) - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys, Bts, Hoseok, Taehyung, Taeseok, Vhope
Visualizações 307
Palavras 1.151
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AAAAAA QUERIA AGRADECER PELOS 42 FAVORITOS, AMO VOCÊS <3

E eu tentei responder os comentários, mas eu não estava conseguindo ;-;
Então em compensação eu resolvi postar esse capítulo um dia adiatado

Alguém perguntou quem seria o passivo do nosso amado shipp Vhope. Eu acho que vai ser o Tae, ele é tão delicado do jeito dele ksksksk

Espero que gostem desse capítulo

Capítulo 7 - Hoseok estava mesmo me iludindo


[Taehyung P.O.V]

Pego meu celular e em seguida ligo para Jin. Na hora ele entende e já começa a falar:

-Tae, você não acredita – ele diz e eu consigo perceber algo de estranho na sua voz

-O que aconteceu, Hyung? – Eu pergunto preocupado

-Eu passei mal no meio do caminho de volta – Ele diz e eu já penso na fraqueza que ele tem com o Sol – E quando eu acordei o Nam estava tirando minha roupa e... – Eu o interrompo

-Espera... Vocês transaram? – Eu pergunto me sentando rápido na cama

-O que? Claro que não! – Ele quase grita

-Então o que aconteceu?

-Eu me levantei rápido e fui pro banheiro, foi quando eu te liguei. Depois quando Nam ia me explicar o que aconteceu, eu o machuquei no olho com meu dedo... – Ele diz diminuindo o tom na sua voz

-No olho do cú, né? Porque o Nam fica puto quando machucam ele

-Eu sei, mas ele não disse nada. Tá, mas o importante é que: Quando eu fui olhar o olho dele, a gente se beijou – Jin diz rapidamente e eu rio

-Sério? Mas não era você que dizia que não gostava dele e tal? – Eu pergunto ainda rindo

-Não ria! Isso é sério. Eu não gosto dele, mas foi no calor do momento... agora eu entendo como você se sente – Rio mais ainda. Era exatamente o que aconteceu comigo

-Você gosta dele, Hyung. Relaxa, se acalma que é a verdade

-Não é e eu vou te provar isso – Jin teimoso ataca

-Okay, duvido muito.

-Mas me conta, como foi o seu encontro?

-Hoje depois da aula... – Conto toda a trajetória do meu encontro para Jin e depois desligo o telefone

Do jeito que eu estava, eu apenas deitei e dormi. No dia seguinte, sou acordado por um Jin pulando na minha cama, totalmente animado. Tinha esquecido que hoje era sábado e que tínhamos que combinar algo para fazer no final de semana, assim como todos os outros

-Alguma ideia do que fazer hoje? – Eu pergunto saindo do banheiro depois de ter tomado um banho

-Nenhuma e você? – Jin pergunta e eu balanço a cabeça negativamente

Escuto meu celular vibrando então corro para ver quem é e sorrio ao ver que era uma mensagem de Hoseok. Ele estava me chamando para uma festa na qual ele iria fazer hoje na casa dele. Perguntei se podia levar o Jin e ele deixou

-Já sei... Hoseok chamou a gente pra ir numa festa hoje – Eu me viro para Jin, totalmente animado

-Ah, uma festa? – Ele faz cara de entediado – Não sei agir direito em uma festa

-Hyung! Vamos, por favor! – Eu vou até ele e seguro a sua mão – Eu só vou se você for

-Hm... – Ele olha pra mim com cara e desconfiado e depois sorri – Tá bom, Tae, mas eu já falo que não vou ficar muito tempo lá

-Ae! – eu comemoro me jogando em cima de Jin – Vamos nos divertir demais nessa festa

-Espero... – Jin diz e eu rio

Depois de mais algum tempo conversando, eu e Jin resolvemos nos arrumar. Hoseok disse que ia nos buscar em uma hora, então fomos rápidos. Como eu e o Jin não soubemos o que vestir, porque a gente quase não sai de casa, eu vesti uma calça jeans rasgada preta com uma blusa listrada e uma jaqueta de couro. Jin vestiu uma calça jeans azul escura com uma blusa salmão quase rosa. Admito que aquela roupa não iria dar certo em mim, mas tudo o que o Jin veste fica bom. Escuto o barulho da campainha e logo em seguida escuto minha mãe conversando com Hoseok e mais alguma pessoa. Terminamos de nos arrumar e depois descemos as escadas, encontrando um Hoseok e um Yoongi sentados no meu sofá

-Wow - Escuto Hoseok sussurrar, o que me fez rir baixinho

-Você é o Jin, certo? - Yoongi pergunta olhando Jin, que assente na hora

-Filho, não beba muito lá - Minha mãe diz

-Vou cuidar dele - Hoseok diz se levantando do sofá

-Ah, vamos logo... Tchau mãe! - Me despeço da mesma e saio de casa junto com os meninos

Entramos no carro de Hoseok e o mesmo começou a dirigir. Ele ligou a rádio, então não ficamos no silêncio total. Ás vezes cantávamos as músicas que tocavam, mas depois parávamos. Hoseok estacionou o carro e de lá eu consegui ver sua casa. Ela estava com luzes brilhando e tinha várias pessoas no jardim bebendo e se pegando.

-Vamos? – Hoseok pergunta já saindo do carro

Todos saímos do carro e depois Hoseok nos guiou para dentro de sua casa. Assim que entrei já lembrei do dia em que nos beijamos. Sorrio fraco e logo continuamos a andar. Hoseok disse onde ficavam as bebidas, os banheiros e também nos apresentou algumas pessoas, mas ninguém interessante. Agora eu e o Jin estamos encostados no balcão, olhando o ambiente e escutando a música alta. Vejo um corpo se aproximar de nós e assim que eu vejo quem é, eu sorrio

-Oi Nam – Eu digo ainda sorrindo

-Oi Tae, oi Jin – Ele responde encarando o mesmo. Vejo Jin virar o rosto e então eu me afasto deles rindo

Deixei eles sozinhos e depois fui para fora da casa. O barulho da festa já estava me incomodando. Me sento no banco vazio do lado da casa e suspiro fundo, encarando meu copo com bebida. Eu não era de beber, mas álcool era a única coisa que tinha na festa. Eu chamei Jin achando que essa festa seria legal, mas até agora nada aconteceu

-Namjoon espera! – Escuto Jin gritar, então eu me curvo um pouquinho para ver o que estava acontecendo

Namjoon estava todo molhado e Jin estava o seguindo enquanto gritava o chamando. Olho para Namjoon se afastando cada vez mais da casa e Jin ainda o seguindo. Ótimo. Agora eu estou totalmente sozinho aqui. Pelo menos Jin vai resolver de uma vez a relação dele com o Nam, eu acho. Olho novamente meu copo e resolvo pegar mais bebida. Assim talvez eu possa aproveitar para procurar Hoseok e ficar com ele, já que Jin me abandonou. Entro na festa e vou diretamente para a cozinha. Encho o meu copo e depois ando pela casa, á procura de Hoseok. Acho o Yoongi sentado e vou até ele

-Yoongi – O chamo e ele olha para mim – Você viu o Hoseok?

-Er... não... já procurou do lado de fora? – Ele diz com a voz hesitante

-Eu estava lá, mas eu não vi ele... – Ele suspira e olha a hora em seu celular

-Bom... desculpa, mas não sei onde ele está – Eu agradeço e me afasto.

Se ele não estava lá fora e nem na sala ou na cozinha, talvez ele está no quarto. Subo as escadas e vou para o seu quarto, lembrando novamente do dia em que ele me beijou. Sorrio e abro a porta. Ele realmente estava lá, mas ele estava com uma garota, a beijando da mesma forma que ele havia me beijado aquele dia. Eu só saí daquele lugar sem dizer uma palavra. Eu estava uma mistura de chateado com raiva

Jin estava certo

Hoseok estava mesmo me iludindo


Notas Finais


Me digam o que acharam nos comentários, eu amo vocês ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...