História I Hate You - Jung Hoseok - Capítulo 19


Escrita por: ~ e ~ArmyNara123

Postado
Categorias 2NE1, Ailee, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, HyunA, Minzy, Monsta X, Red Velvet
Personagens Ailee, Baekhyun, Chanyeol, Cl, HyunA, Irene, Jennie, J-hope, Jimin, Jungkook, Kris Wu, Lisa, Lu Han, Minzy, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Sandara Park, Suga, V, Xiumin
Visualizações 58
Palavras 1.519
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello, faltam nove dias! NOVE FUCKING DIAS PARA O BTS SE APRESENTAR NO AMAS

To ansiosa pelo remix do Mic Drop!! Dia 17!

Capítulo 19 - Uma noite divertida, e Ailee?


[...– Então... Vamos para o shopping?...]


Entramos no shopping, e começamos a andar em direção aos banheiros.

– Vamos ficar escondidos lá, ok?

– Ok – concordei com a cabeça. – Mas, nós vamos passar fome? 

– Não, não vamos

– Como sabe?

– Sabendo – revirou os olhos. 

– Essa bota está me machucando

– Tira ela

– Depois eu tiro – dou ombros.

– Ya! Venha – Hoseok me puxou para dentro de um banheiro. 

– Masculino?! Sério, Hoseok? – bufei. 

– Cala a boca, pare de reclamar

– Aish, idiota – dei um tapa no seu abdômen. 

– Não começa, S/N – me encarou

– Nem comecei nada...

– Ata, sua santa

– Sim, olha minhas asas

– Do demônio – Ri pelo o que ele disse.

Ouvimos um barulho de uma porta ser aberta, e sinto ser puxada rapidamente para uma das cabines do banheiro.

– Fica quieta – Hoseok sussurra no meu ouvido enquanto tampa a minha boca com uma das suas mãos.

Estávamos bem próximos, conseguia sentir sua respiração batendo contra o meu pescoço.

Hoseok tirou sua mão da minha boca lentamente, e me encarou. Olhei no fundo dos seus olhos e percebi que o mesmo estava se aproximando devagar. Do nada, apareceu uma incrível vontade de beija-lo, mas tenho medo de algo acontecer, queria esquecer isso e seguir a minha vida beijando quase todo mundo. 

Quando os nossos lábios estavam quase se tocando, a imagem dele e a Soo Ah se beijando veio na minha cabeça, odiava aquela cena, e não, isso não é ciúmes.

– Hoseok, não – coloquei a mão no seu abdômen, afastando o mesmo. – Melhor não

– Me desculpe – disse baixo, um pouco envergonhado. 

– Acho que o segurança já foi 

Hoseok abriu a porta da cabine do banheiro. É, o cara já tinha ido embora. 

– Aish... Por que? – reclamei quando as luzes do banheiro se apagaram sozinhas.

– Esta com medo, S/N? 

– Medo?! O que é isso? algo de comer? – fiz careta, mesmo sabendo que ele não ia ver por conta do escuro.

– Aham, ok – Hoseok abriu a porta do banheiro e me puxou. Adeus escuridão. – Vamos no cinema?

– Fazer o que lá?

– Fazer um filme porno – Revirou os olhos.

– Nossa, que menino engraçado 

– Virei palhaço?

– Sim, mas é sério Hoseok, o que vamos fazer lá?

– Comer, ne anta

– Já vi que vou engordar muito hoje – suspirei.

– Então fica com fome

– Não, isso não

– Então. Pare de reclamar

– Não estou reclamando

– Imagina se tivesse

– Vou te bater

– Tenta, limpadora de aquário

– Aish, Jung Hoseok! – O mesmo começou a rir e correu. O que eu fiz? Corri atrás dele. – Por que tão chato?

– Por que tão pequena?

– Não sou pequena

– É só uma anã

– Você que é gigante

– Não sou não

– Já chega de correr, não sou uma pessoa esportiva – Digo ofegante.

– Agora que estava divertido – fez biquinho. Fofo? Não, imagina.

Observei o shopping, estava escuro também, mas pelo menos não se comparava ao escuro do banheiro. Dava para enxergar as coisas, então facilitava tudo.

– 'Bora, estamos quase chegando na parte do cinema – Me empurrou levemente.

– Por que tão longe?!

– Por que tão preguiçosa?!

– Porque é a vida

– Que vida 

– Comida! Eu te amo – Saio correndo em direção à parte da comida, em frente o cinema.

– Ya! Não vai comer tudo sem mim 




Depois de quase comer toda a comida do shopping, Hoseok inventou a ideia de ir para a garagem do shopping.

– Meu deus, não sente medo de esta aqui?

– Claro que sinto. Estou sentindo medo desda hora que ficamos naquele banheiro, mas estou dando uma de corajoso.

– Olha, Jung Hoseok é medroso

– Sim, eu sou

– Bom saber disso

– Nem vem, sai pra lá

– Mas gente, eu não estou fazendo nada

– Mas pensou

– Está ouvindo isso?

– Sim, sua voz

– Não, é outra coisa

– Minha voz

– Aigoo! 

– Não tente me assustar

– Posso fingir está possuída?

– Tchau – Hoseok da meia volta, voltando para dentro do shopping.

– Não me deixe aqui sozinha – andei em passos largos até ele.

Ficamos andando em silêncio, até Hoseok dá um grito me assustando.

– Sorvete!

– Merda, puta que pariu, Jung – coloco a mão no peito. – Cadê o sorvete? 

– Aqui, dá para a gente fazer o nosso próprio sorvete.

E foi isso que a gente fez, começamos q misturar vários sabores e coberturas uma em cima da outra. Nunca pensei que passar uma noite com o Hoseok ia ser tão divertido assim, acho que estou começando a gostar dele, como meu amigo, novamente.

– Ya! Se lembra de quando nós eramos pequenos? – Me sentei no chão, íamos dormir num espaço que tínhamos achado ali.

– Sim – se sentou do meu lado.

– Se lembra do apelido que eu te dei?

– An.. Não 

– J-hope – Encarei ele. – Eu estava be triste no dia em que te conheci, mas você conseguiu me animar, então eu disse que você era a minha esperança. – Sorri de lado desviando o olhar. – pelo simples motivo de ter conseguido me fazer rir e também porque estava com uma blusa verde

– J-hope...

– É – concordei com a cabeça.

– Peço desculpas por ter te abandonado, e também por ter feito aquilo 

– Tudo bem – dou ombros.

– Sei que não está tudo bem, sei que passou a me odiar quando fiz aquilo, sei que ficou triste por tudo que aconteceu.... Sei que precisava que um ombro amigo e o que eu fiz? Te abandonei

– Por um motivo

– Sim, e vou te contar esse motivo, pode ter certeza que vou

– Vou confiar em você. J-hope?

– Sim?

– Passar essa noite com você, foi bem divertida

– Sei disso, conseguia sentir o quanto alegre você estava – sorriu.

Sorri de volta e me deitei.

– Vamos dormir?

– Com certeza


(....)


– S/N! Acorda, caralho

– Aish, Taehyung, só mais uns minutos – digo ainda de olhos fechados.

– Não venha me confundir com o garoto do sorriso quadrado

Abro meus olhos, e lembro que ainda estou no shopping.

– Ah.. Oi – me levantei.

– Anda logo. Vamos sair daqui antes que peguem a gente

– Deixa eu ir no banheiro no primeiro

– Vai assim mesmo

– Com o cabelo bagunçado?!

– Algumas pessoas ficam mais bonitas com o cabelo bagunçado, minha opinião

– Mas eu não faço parte dessas pessoas – amarro meu cabelo num coque.

– Você que acha

– Que?

– Vai logo no banheiro garota

– Ai calma 

Pela a nossa incrível esperteza, dormimos bem perto dos banheiros. Fui até lá, fiz o que tinha que fazer e voltei.

– Dois anos depois

– Não exagere

– Pura verdade, S/A

– Ata

– Ei, o que estão fazendo aqui?

– Fudeu

– Corre

Começamos a correr o mais rápido que conseguimos até a entrada principal, até eu torcer meu pé.

– Cacete – gemi de dor.

– Oque foi? 

– Torci meu pé

–Eu disse para você tirar essa bota – me pegou no colo e começou a correr, até ficarmos uma boa distância do shopping.

– Quer ir para o hospital?

– Não! Obrigada, só me leva para a minha casa

– Ok

– Sabe onde que é?

Hoseok afirmou com a cabeça e me levou até minha casa.

– Pode me colocar no chão

– Não, tá com a chave da sua casa ai ne?

– Em cima da porta

J-hope fez careta dando ombros, pegou a chave e abriu a porta.

– Seu quarto?

– Lá em cima

– Por que uma casa tão grande, ja que mora sozinha? – disse subindo as escadas, ainda comigo no colo.

– Longa história

Entramos no meu quarto e ele me colocou na cama.

– Vou pegar gelo para você

– Ok, enquanto isso vou tomar banho

– Tenha cuidado

– Pode deixar

Andei até o banheiro com uma dificuldade imensa, retirei minha roupa, entrei entrei dentro do box e tomei um banho, não muito demorado por causa da dor no meu pé.

Vesti um moletom junto com um short, não muito curto, sai do banheiro e vejo o Hope deitado na cama quase dormindo.

– Sua vez

– Que?

– Vai lá tomar banho, vou pegar algumas roupas para você

– Por que tem roupa masculina na sua casa?

– Como eu disse, longa história

Ele me olhou estranho, mas logo entrou no banheiro. Fui até o outro quarto e peguei umas roupas, que pareciam, dá nele. Bati na porta.

– Hope! Suas roupas

Fechei os olhos e abri lentamente a porta.

– Toma

– Safada, queria me ver pelado ne?

– Cala a boca – bufo.

– Que menina agressiva – pegou as roupas e fechou a porta na minha cara.

Me joguei na cama, peguei o gelo que ele tinha trago e coloquei no meu pé.

– Ficou bom?

Olhei o ser na minha frente.

– Sim

– Chame seus amigos aqui – pegou o colar e colocou em cima da cama. – E eu chamo os meus – Vai dá merda, isso.

– O seu bando sabe onde eu moro? 

– Claro

– Pra que quer chamar eles aqui?

– Vamos saber de quem é esse colar, ainda hoje


(....)


Bom, todos já estão aqui e tipo... Não está muito legal isso.

– Ya! Por que eles também estão aqui? – Hwasa reclamou olhando para o bando do Hoseok. – E ainda por cima ele – fez careta olhando para o último citado.

– O que aconteceu com vocês? Onde estavam? – Jimin disse encarando nós dois.

– O que aconteceu com seu pé? – Taehyung disse.

– Hobi, por que me acordou?! – Yoongi  reclamou. Só pensa em dormir esse menino.

– Fiquem quietos – Eu e o Hope falando juntos.

– Queremos saber de quem é esse colar 

– Que colar? – Minzy perguntou.

– Esse colar – Hoseok disse mostrando para todos ali.

– O que esta fazendo com o meu colar? – Ailee disse.

Eu e o Hoseok nos olhamos. Não podia ser ela... Eu acho.

– Foi você que nos trancou no quarto ontem na festa, Ailee? 





Notas Finais


Mistério.... Um capitulo grande hoje e talvez outra capitulo, hoje de noite
Comentem o que acharam e divulguem para seus amigos.

Goodbye, malikisses!
Ignorem os erros

Venha ler minhas outras histórias (são one-shots, uma história de apenas um capítulo)

https://spiritfanfics.com/historia/my-boyfriend-is-my-brother--kim-namjoon-incesto-10421733 -- Namjoon, One Shot

https://spiritfanfics.com/historia/dont-leave-me--min-yoongi-10377586 -- Yoongi, One Shot

https://spiritfanfics.com/historia/o-filho-da-empregada-10847888 – Kim Taehyung, fanfic


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...