História I Hate You - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Jeon Wonwoo, Kim Jong-in (Kai), Nana, Personagens Originais, Seungcheol "S.Coups", Somin, Son Na-eun, Soonyoung "Hoshi"
Tags After School, Exo, Hoshi, Jongin, Kai, Kard, Naeun, Nana, Seungcheol, Seventeen, Somin, Wonwoo
Visualizações 9
Palavras 862
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mil anos depois cá estou

Capítulo 7 - Nova casa


Fanfic / Fanfiction I Hate You - Capítulo 7 - Nova casa

-Oi,posso entrar?-Youngjae cumprinentou sem jeito. A choi sorriu com a cabeça concordando,logo os dois seguiram até o quarto

-Por que temos que fazer o trabalho aqui, não é meio sugestivo?- o outro perguntou

A garota ficou pensativa por alguns segundos,ficou sem graça por ele ter razão

-Meu pai não é uma pessoa amigavel,prefiro que ele não nos veja- Suspirou fundo 

Youngjae pareceu confuso com tudo aquilo mas deixou pra lá já que não queria se meter nesses assuntos

-Então,por onde começamos?- questionou animado

Rapidamente a choi sumiu,voltando com muitos livros nas mãos,atirou eles em cima da cama e pegou seus cadernos

-Se importa se sentarmos no chão?- Choi sugeriu, Youngjae concordou

-Você é tão fascinante - O garoto disse baixinho

-Hum?- A menor não entendeu,prestava tanta atenção nos livros que ignorava tudo ao redor

-Nada não....

Os dois continuaram a procurar as coisas que precisavam para o trabalho nos livros. De vez em quando Youngjae até paralisava para olhar a beleza da garota e depois disfarçava 

(...)

-Minah,você já se apaixonou por alguém?-Surpreendeu com a pergunta

Dizer ou não?

Kim Jongin ou Jeon Wonwoo?

Apesar de negar,wonwoo fazia a garota sentir coisas estranhas,talvez raiva e somente isso

Já jongin a fazia sentir se bem,era gentil,educado legal e bem humorado

-Não- Na verdade não fazia a menor idéia- Por quê?

-Porque eu sim - Ele sorriu de um forma fofa- Por você - Aquilo havia pegado a menor de surpresa,que sorria sem jeito,sem graça 

De fato Minah percebeu que o amigo não estava como de costume,lançava olhares estranhos a ela várias vezes

-É.......como já acabamos acho melhor você ir - Sorriu amarelo enquanto pegava os livros do chão e colocava na cama de volta

-Eu vou,mas antes preciso dizer que gosto de você e não é algo bobo.Quando eu olho pra você minah eu imagino nós dois,nós dois para sempre. Eu admiro a pessoa que você é,essa pessoa tão especial pra mim

O garoto parecia mais uma criança fantasiando coisas 

Minah se encontrava paralisada com cara de boba e totalmente sem reação. Vendo isso o garoto deixou escapar um sorriso bobo pela boca e saiu em seguida

(...)

A campainha tocava,enquanto isso a Choi tomava coragem para abri-la

Sabia o que tinha "aprontado" e sabia que depois que atendesse a porta sua vida mudaria

-Você é a garota que nos ligou?- um homem alto perguntou do outro lado da porta,sua voz rouca combinava com sua profissão

Ao todo tinham 5 pessoas da justiça no local

-Quem está ai?- Tae Hoon que estava o tempo todo deitado no sofá se pronunciou

-É a policia- O mesmo homem disse

-E a assistência social - outra mulher completou

Um silêncio tomou conta do lugar,os segundos pareciam horas. Até que o pai da Choi se levantou do sofá- ao que parecia sóbrio aos olhos de todo mundo- e encarou todos na sala

Lançou uma gargalhada esquisita e debochada,como se não acreditasse que a própria filha tivesse a coragem de denúncia-lo

- o que é tudo isso?- Questionou irritado

- Denunciei tudo o que você fez,seu trabalho com as drogas ,as agressões,tudo.....-Minah se sentia péssima mas esse era o único jeito do inferno ter um fim 

- Eu sabia,esse garoto que trouxe aqui hoje,você acha que eu não percebi?.Você quer a casa só pra você pra poder se divertir com homens - Tae Hoon agarrou o braço esquerdo da garota e pressionou os dedos apertando.Você é uma decepção,uma vadia igual sua mãe- E terminou por cuspir no rosto da própria filha

- Acabou,senhor Tae Hoon está preso por agressão e tráfico de drogas. É melhor não tentar fugir ou será pior- Um dos oficiais afastou o Homem e assim que o mesmo deixou,pôs as algemas nos seus pulsos 

- Que piada- Infelizmente o pai da garota não se dava conta o quanto era abusivo e demorou a entender que o que acontecia ali era grave

- Não,não é,queria que fosse mas você me fez fazer isso pai- Uma lágrima escorreu do canto direito do olho de Minah 

- Então é isso? Vai me abandonar igual sua mãe?- o outro ainda fazia questão de deixar tudo pior,fazer a pobre filha se sentir ainda mais culpada 

-Você que nos abandonou pai,espero que pense na vida e em tudo que fez. Eu te amo mas não aguento mais tudo isso

Essas foram as ultimas palavras ditas pela Choi para o pai,antes de vê -lo sendo levado pelos oficiais de justiça

(...)

Tudo aconteceu muito rápido.Como Minah não tinha maioridade,se viu obrigada a ter que morar com a mãe. A loja iria ser vendida e o dinheiro seria investido em algo que trouxesse mais lucro

-Você já comeu?- Jinah perguntou

- Não estou com fome,posso ir dormir agora? - A menor levantou da cadeira assim que a mãe autorizou

Subia alguns degraus da pequena escada que levava até os dois quartos da casa,viu um dos quadros de dias das mães que havia pintado para Jinah quando era menor de relance na parede. O quadro enfeitava perfeitamente a parede combinando com os tons vermelhos da mesma

Sorriu minimamente e continuou indo em direção ao quarto

Deitou devagar na cama e ajeitou de forma confortável a cabeça no travesseiro suspirando aliviada de certa forma pelo dia ter acabado 

O cansaço dominava cada parte do corpo da garota e por isso não foi difícil pegar no sono 


Notas Finais


Desculpem se tem algo meio fora do sentido,como até eu tava um pouco perdida na história to tentando por ordem na zona que tava


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...