1. Spirit Fanfics >
  2. I Hate You >
  3. Você lutou bem...

História I Hate You - Capítulo 148


Escrita por:


Capítulo 148 - Você lutou bem...


Fanfic / Fanfiction I Hate You - Capítulo 148 - Você lutou bem...

Enquanto andava pelo Castelo, Eren derrubava ou matava qualquer soldado que aparecia em sua frente. Pelo caminho encontrou Erwin, Mike, Petra e Reiner, quando os salvava os mandava sair pelo mesmo caminho que os reis foram. Erwin e Mike imploraram pra ajudar mas Eren ordenou que saíssem.

Foi de quarto em quarto procurando reféns, Encontrou Hanji em um deles.

Hanji- Eren?!

Eren- Não dá tempo agora. Saí pela cozinha; ninguém vai te ver. - Disse a arrastando pra fora do quarto.

Hanji- E-Eren, espera! Eu preciso te contar uma coisa! O Zeke tem-

Eren- Agora não! Vai! Saí daqui! - Disse e correu para o outro corredor.

Hanji- EREN! ESPERA! ELES TEM... - Viu que Eren já estava longe o suficiente pra não escutar - ... armas diferentes...

 

.

 

Eren chegou até o quarto de seus pais, e ouviu lá no banheiro do fundo que, a julgar pelo barulho de água tinha, alguém lá. Foi lentamente para não fazer barulho para ver quem era. Ao abrir um pouquinho a porta, viu Mikasa de roupão enchendo a banheira para se lavar. A criatura tava tão desligada que nem percebeu quando Eren colocou a espada em frente a seu pescoço e cobriu sua boca com a mão machucada.

Mikasa- ...!!!

Eren-... você amoleceu... costumava saber quando eu chegava perto.

Mikasa tentou olhar pra trás mas Eren forçou a espada um pouco mais perto, fazendo um pequeno corte.

Eren- Se você se virar você morre.

Eren não tinha certeza, mas Mikasa pareceu rir.

Mikasa-... mmhhmh.

Eren não entendeu, óbvio. Então ao invés de cobrir a boca dela a segurou pelo cabelo que já estava um pouco comprido, Não com tanta força, só para ela não fugir ou revidar. A forçou pra baixo fazendo ela se ajoelhar no chão. O roupão dela caiu no chão e ela ficou nua na frente de Eren, não que vá causar efeito nele, né. Pois da última vez ele ficou exitado foi com Levi, só se aliviou com ela.

Eren- Cadê o Zeke?

Mikasa riu.

Mikasa-... Que eu saiba, foi até o seu quarto.

Eren-... não vai nem tentar proteger ele?

Mikasa- Pra que? Ele não é nada pra mim.

Eren-... eu pensei que vocês-

Mikasa- O único Jaeger que eu gosto está logo atrás de mim - Sorriu, claramente estava tentando fazer a cabeça de Eren - parece que serei morta por ele inclusive.

Eren- "parece"?

Mikasa-... verdade, né?... você foi treinado desde criança para matar.

Eren-... não teria que acontecer se você não tivesse sequestrado a minha filha... 

Mikasa-... pena, né... Tantos anos de devoção... e você prefere aquele viadinho do que eu.

Eren segurou o cabelo dela com mais força, mas ela riu.

Mikasa- Tô vendo que sei como te provocar... porém do jeito errado.

Eren-... por que?... se você não tivesse feito o que fez... nós estaríamos treinando juntos agora... 

Mikasa-... Só gostava dos treinos pq te via sem camisa. - Sorriu - Então vamos terminar logo com isso?

Eren tirou a espada do pescoço dela, mesmo com a mão doendo, segurou com força o cabelo dela e o cortou com a espada, o espalhando no chão logo depois.

Mikasa-... Sério? Isso é tudo que tem?

Eren-... eu não queria ter que matar você... Mas se eu te deixar ir... você voltaria pra matar minha família...

Mikasa-... é... provavelmente.

Antes que Eren pudesse dizer algo, Mikasa bateu seu cotovelo no estômago dele, fazendo ele perder o ar. Se levantou do chão e tentou correr até a pequena mesa perto da janela, onde estavam suas roupas e espada. Eren ignorou a dor que sentia e foi atrás dela. Pouco antes dela conseguir agarrar a espada, Eren deu um forte chute na mesa, fazendo as coisas dela caírem longe. A única coisa que ela conseguiu pegar foi seu cachecol escarlate. No mesmo segundo que se virou para Eren ela lançou uma das pontas do cachecol na espada nas mãos dele, como a espada ficou "presa" no tecido, ela deu um imenso puxão e a espada voou para o outro lado do banheiro enorme. Os dois foram pra cima um do outro lutarem sem armas, mas eles treinaram juntos a vida toda, obviamente Mikasa aprendeu os golpes que ele sabia. Era quase a mesma força entre os dois, Mikasa chutava seu rosto mas ele logo voltava e chutava seu estômago, nenhum dos dois parecia desistir. Em um dado momento, um tentou dar um soco no rosto do outro ao mesmo tempo, sendo que uma das mãos segurou o punho do outro. Eles se encararam no mais puro ódio. Um deles ia morrer ali hoje, e nenhum parecia querer ceder. Olharam ao mesmo tempo para o canto do banheiro e viram suas espadas perto da banheira quase cheia. Se Olharam mais uma vez, notando que tiveram a mesma idéia. Eles empurraram um ao outro e cada um correu em direção a sua espada. Era agora ou nunca, A única coisa que Mikasa era melhor que Eren era sua habilidade de esquiva, e a única coisa que Eren era um pouco melhor que ela, era sua velocidade.

Eren foi o primeiro a chegar em sua espada, o tempo que usou para arrancar o cachecol dele foi o tempo dela alcançar sua lâmina, mas Eren não perdeu tempo. Quando Mikasa ia correr em sua direção para assassiná-lo, Eren atirou o tecido rasgado aos pés dela, fazendo com que se prendessem e a fizessem tropeçar perto da banheira, no exato segundo que seu corpo atingiu o chão, Eren gritou de fúria, lembrando de tudo que ela fez, cravou sua espada nas costas dela até atravessar seu corpo e ficar presa no chão.

A respiração de Eren era acelerada por causa da adrenalina enquanto ainda segurava firmemente sua espada por cima dela, Mikasa não gritou, apenas cuspiu uma forte quantidade de sangue.

Enquanto Mikasa respirava com dificuldade, Eren disse em seu ouvido:

Eren- ... ahh... i-isso... é por minha filha... e meu marido.

Mikasa RIU um segundo antes de cuspir mais sangue. E ainda teve força pra dizer:

Mikasa- A-Ahh... h-hahaha... e-eu queria v-ver sua l-luta c-com o Z-Zeke. - Sorriu.

Eren-... por que?

Mikasa-... hahaha A-Argh... s-seria  interes-sante... ver você l-lutando com... urgh... c-com o homem que... ngh... e-empurrou o s-seu viad-dinho d-da e-escada.

Eren ficou paralisado. Mesmo com tudo o que aconteceu, não tinha a menor ideia que tinha sido Zeke que empurrou Levi da escada a anos.

Quando Eren voltou a "sí", notou que Mikasa parou de respirar, a espada deslizou dos dedos dela enquanto seus olhos continuavam abertos. Eren ficou uns bons minutos olhando pro nada. Quando raciocinou tudo, se levantou, puxou sua espada de volta com certa força para desprender do chão, olhou para Mikasa mais uma vez, se ajoelhou ao lado dela e fez o gesto Sasageyo.

Eren-... você não uma boa amiga... mas devo admitir... foi uma excelente escudeira... você lutou bem...

Eren se levantou, tirou o cachecol das pernas dela e cobriu o seu rosto com ele, virou de costas e saiu do banheiro, segurando firmemente a espada pronto pra matar qualquer um que entrasse em seu caminho.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...