História I hate you, I love you - Jungkook - Capítulo 58


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 381
Palavras 1.787
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii gente, mais um cap da fic, espero que gostem.

Capítulo 58 - Capitulo 58


Fanfic / Fanfiction I hate you, I love you - Jungkook - Capítulo 58 - Capitulo 58

Quebra de tempo...

SN ON:

O restante das aulas passou normalmente, Jungkook e Tae discutiam por qualquer coisa, Jimin e Hana estavam no maior Love, os meninos sempre juntos e me fazendo rir, a única coisa era o comportamento estranho da menina nova Sun hee, ela parecia estar sempre nos observando, mas não tinha coragem de me encarar, já tinham passado três dias e hoje iríamos pra tal viajem, eu deixei minha mochila arrumada na noite anterior, acordei cedo, tomei meu banho e vesti uma roupa confortável, um short preto, uma camiseta cinza soltinha e meu allstar vermelho, eu amarro meu cabelo e estava pronta, eu recebo uma mensagem de Hanna avisando que ela e os meninos já estavam na frente da escola, eu corro até a janela e chamo Jk que logo aparece de calça de moletom preta, sem camisa e cabelo molhado, eu o olho de cima a baixo e meu g-dragon, a cada dia que passava ele parecia mais lindo, eu balanço a cabeça tentando espantar esses pensamentos.

SN: vc ainda tá assim? Já tá todo mundo lá

JK: eu to pronto – eu o olho erguendo uma sobrancelha – só preciso botar uma camiseta

SN: aa bom – ele ri do meu ciúme – eu to pronta, te encontro em 2 min ali na frente...1,2.3 e já – eu corro e vejo Jungkook fazer o mesmo

Em 2 minutos ele chega correndo ainda vestindo a camiseta e eu rio dele, ele me dá um beijo, e nós vamos pra escola, nós chegamos lá e realmente já estava praticamente todo mundo lá, Suga já estava até dormindo dentro do ônibus, ele não era fã de acordar cedo haha.

O restante dos alunos que faltavam logo chegam, as professoras nos organizam em 2 ônibus, e seguimos viajem, pelo caminho vamos todos animados, cantando e fazendo brincadeiras, todos pareciam felizes e animados, fora Tae que estava mais quieto que de costume ultimamente.

Depois de algumas horas nós finalmente chegamos ao parque, o lugar era lindo, e enorme, tinham quadras de esporte, trilhas, cabanas onde nós ficaríamos e até uma cachoeira, assim que nós chegamos as professoras organizam as cabanas, eu fico com Hana e a garota nova, sobre os protestos de Jungkook e Jimin, mas a Sra. Choi apenas os ignora , os meninas ficam divididas nas cabanas da direita e os meninos nas da esquerda, Jimin, Tae e Jk ficam na mesma cabana, eu só espero que Jk e Tae não fiquem brigando.

Nós pegamos nossas coisas e vamos pra cabana, Sun Hee arruma suas coisas silenciosamente e logo sai da cabana, eu a olho interrogativa, mas não digo nada, essa garota é estranha. Depois de nos arrumarmos os professores fizeram várias atividades conosco, principalmente de esportes, algumas de dança tbm, foi um dia divertido, ao entardecer os professores nos dizem que nós estamos liberados mas que não deveríamos fazer muita bagunça.

Todos se reúnem e decidimos fazer uma fogueira, todos ajudam, nós organizamos tudo, as meninas cuidam do jantar e os meninos montam tudo, alguns tbm ajudam na cozinha, principalmente Jin que era muito bom nisso, e arrancava suspiros das meninas com suas habilidades culinárias, nós jantamos e nos reunimos ao redor da fogueira, nós cantávamos musicas populares e contávamos piadas e histórias, Jk parecia muito feliz, ele me olhava sorrindo, me abraçando e me beijando, eu tbm estava muito feliz, até que eu olho de canto e vejo Tae nos olhando sério, quando nossos olhares se cruzam, ele desvia o olhar, ele respira fundo e levanta sem dizer nada a ninguém, eu vejo que ele segue por uma trilha na floresta, ele não parecia bem, então decido falar com ele, eu me levanto e logo sinto Jk segurar meu pulso:

JK: SN onde vc vai? – ele me pergunta curioso, se eu dissesse que ia falar com Tae ele iria reclamar e tentar me impedir, então decido dizer outra coisa

SN: eu vou no banheiro, eu não demoro – eu me inclino um pouco selando nossos lábios e ele me solta

Eu sigo o mesmo caminho que Tae, eu tinha o perdido de vista até que o vejo na frente da cachoeira parado olhando pra água, eu me aproximo devagar e paro atrás dele:

SN: hey, o que está fazendo aqui sozinho? – pergunto descontraída e ele se vira pra mim me olhando surpreso

Tae: SN... o que faz aqui? – ele me pergunta sem jeito

SN: eu vi vc vindo pra cá sozinho, está tudo bem? – ele passa a mão atrás do pescoço parecendo desconfortável

Tae: ...vc realmente não sabe o q está acontecendo? –ele pergunta me olhando sério mas não de forma intimidadora, tinha uma tristeza e ao mesmo tempo um carrinho no olhar dele

SN:...eu...bom, é por minha causa? – pergunto sem jeito

Tae: não é fácil te ver com o Jungkook – eu o olho surpresa – vc está sempre sorrindo, parece tão feliz, e eu sei que eu deveria estar feliz por isso, mas toda vez que eu te vejo assim eu só consigo pensar que eu queria que fosse comigo, que aquele sorriso, aquele beijo fosse pra mim – eu baixo a cabeça encarando o chão, sem aviso ele se aproxima de mim e ergue cuidadosamente meu rosto me fazendo olhar nos olhos dele – eu te amo SN, eu só consigo olhar pra vc, eu já tentei parar de pensar isso mas eu não posso, vc está sempre lá, quando eu acordo e quando eu vou dormir, eu escuto a sua voz e vejo seu rosto, eu estou ficando louco- sem aviso ele segura meu rosto e me beija, eu tenho a impressão de ouvir alguém, e imediatamente o afasto o empurrando, eu o olho espantada e ele abaixa a cabeça e aperta os punhos ao lado do corpo – me...me desculpa

SN: Tae, eu tenho namorado, eu amo o Jungkook, vc sabe disso...eu..

Tae: mas vc sente alguma coisa por mim, eu sei disso – eu viro a cabeça desviando o olhar – seu silencio confirma o que eu disse

SN: Tae...

Tae: se você sente alguma coisa por mim, por menor que seja, eu tenho esperança, eu não vou desistir SN, não importa quanto vc insista, eu vou continuar te amando, até vc olhar pra mim da mesma maneira

Eu abaixo a cabeça em silencio, ele se aproxima e beija minha testa, sem dizer mais nada ele sai, me deixando ali sem saber o que fazer, eu tenho certeza sobre o Jungkook, e que é com ele que eu quero ficar, mas eu sei que eu tbm tenho sentimentos pelo Tae, mesmo que eu não saiba quais são, ou o que significam, e eu simplesmente não consigo afasta-lo como deveria.

Eu estava distraída com os meus pensamentos quando ouço alguém se aproximando, era Sun hee, eu a olho confusa, ela parecia ter chorado um pouco e me olhava rígida:

SN: ...o que vc...- antes que pudesse falar ela me interrompe

Sun: vc não namora o Jungkook? – ela fala irritada e nervosa ao mesmo tempo, eu a olho surpresa

SN: o que vc quer? Eu percebo vc agindo estranho desde que chegou na escola, qual é a sua?...

Sun: vc ama o seu namorado?

SN: sim eu amo o Jungkook, mas eu não sei pq isso seria da sua conta – falo irritada

Sun: e o Taehyung?? O que ele é pra vc??

SN: pq vc está se metendo nisso, isso não é da sua conta...

Sun: eu amo o Taehyung então isso é sim da minha conta, toda vez que eu olho pra ele, é pra vc que ele está olhando, ele nunca sequer olhou pra mim, quando vc está perto é como se ninguém mais existisse, mas o olhar dele é sempre triste – eu vejo a tristeza na voz e no olhar dela – desde o primeiro dia, eu vi que ele era apaixonado por vc, mas o seu olhar, é sempre na direção do Jungkook, se vc ama outro vc devia dizer isso de uma vez por todas pra ele

SN: vc não devia se meter nisso – falo entre dentes, eu estava braba por ela estar se metendo, mas ao mesmo tempo estava triste pelo que ela disse

Sun: eu sei que eu não tenho nada a ver com isso – ela fala tentando se conter – mas...eu não aguento mais ver ele sofrer assim

SN: o Tae é um dos meus melhores amigos, eu nunca faria ele sofrer de propósito, eu me importo com ele

Sun: se vc realmente se importa com ele, devia libertar ele disso – eu nunca tinha visto aquela garota tão firme e decidida, eu apenas desvio o olhar e a vejo respirar fundo e limpar o rosto – por favor pense nisso, e não se preocupe, eu não vou dizer nada sobre o que aconteceu aqui

Ela vira as costas e sai, eu fico lá tentando digerir tudo que aconteceu, quando Jk de repente aparece:

JK: SN?? O que tá fazendo aqui? – ele me pergunta confuso, eu corro e o abraço, escondendo meu rosto em seu peito – o que aconteceu? Vc tá bem? – ele me olha preocupado

SN: só me abraça por favor – ele me abraça com força sem dizer mais nada

Depois de algum tempo nós voltamos pra junto dos outros, nós ficamos mais um tempo ali, até que fica muito tarde e nós decidimos ir dormir, eu me despeço de Jungkook e vou  pra cabana acompanhada de Hana:

Hana: tá tudo bem SN? Vc parece preocupada

SN: Hana, vc acha que eu estou fazendo mal pro Tae? – ela me olha surpresa

Hana: bom...essa é uma pergunta complicada SN..todo mundo sabe que o Tae é apaixonado por vc, e isso a bastante tempo, e vc tá com o Jungkook...sempre perto, eu acho que isso tem sido difícil pra ele

SN: mas ele sempre soube que eu amo o Jungkook, é normal que eu e ele estejamos juntos

Hana: é mas ele tem esperança que vc mude de ideia e fique com ele, e amiga, eu não quero dizer nada, mas não dá pra julgar ele por ter esperanças, vc me contou que vc e ele tiveram alguns momentos, mas de uma vez, e vcs são muito próximos

SN: quer dizer que eu estou mantendo ele preso a mim?

Hana: olha eu sei que vc não quer magoar ele, e que vc está confusa sobre os seus sentimentos em relação ao Tae, mas eu acho que isso que vc sente por ele é mais um amor de irmão, o jeito que vc olha pro Jk e pro Tae, é diferente, e eu acho que vc tem que deixar isso claro pra ele, senão ele vai continuar preso a você

SN: vc está certa, eu até já sei o que eu vou fazer – falo sorrindo e ela pisca pra mim


Notas Finais


Era isso pessoas, então o que estão achando? espero que estejam gostando.

Bjinhos e até o próximo

Jennie


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...