História I hate you, I love you - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Alan Deaton, Allison Argent, Chris Argent, Cora Hale, Derek Hale, Erica Reyes, Isaac Lahey, Jackson Whittemore, Kira Yukimura, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Melissa McCall, Paige, Personagens Originais, Peter Hale, Rafael McCall, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski, Stiles Stilinski, Talia Hale, Vernon Boyd
Tags Sterek
Visualizações 176
Palavras 1.154
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Vôo 567


Depois que o meu pai me buscou na casa do Brett fomos a caminho do aeroporto. Ele não queria falar para aonde estávamos indo. Eu acho que era medo de que pudesse fugir. Olhando para ele eu vejo agora que ele tá com olhos fundos e algumas olheiras amostras sinal claro que não estava dormindo. É isso era culpa com certeza minha. Não queria que o meu pai sofresse por minha causa. E verdade que quando você tá mal todos a sua volta acabam sofrendo também.

Entrando dentro do aeroporto fomos diretamente para o saguão. Ele tá aéreo sobre tudo que ele nem olhava na minha cara direito. E esse silêncio todo já estava me incomodando já.

- posso saber que esta me ignorando? - pergunto a ele mais parece que ele não que me responder - pai, por favor.

- agora não Mieczyslaw - foi a única coisa que disse - estou bem desapontado com você

- comigo? O que eu fiz nada dessa vez? - questionei ele - fale comigo pai

- fala com você do mesmo jeito que você fala comigo - Mieczyslaw eu não fiquei triste por você te ido para casa de um amigo até porque isso é bom... Mais saber que você prefere contar com gente estranho do que seu próprio pai isso feri meu sentimentos.

- você não entenderia isso.

- não entenderia oque Stiles? - ele parece realmente magoado - que é difícil esquece os amigo que você sente saudades de sua mãe. Pois é filho eu realmente não entendo. Mais entendo que você não  precisa do seu velho  pai aqui né

- eu sei sempre vou precisar de você pai - eu parei - e complicado eu não sei explicar

O vôo 567 está aguardando para o embarque. Por favor todos os passageiros se direcione para o portão.

Meu pai se levantou do rapidamente e começou a andar sem dá tempo para que eu o acompanhe. Se o vôo é para nova York a única que ele conhece por lá e o... Não pode ser.

Beacon Hills

Derek estava andando devagar pela a rua de Beacon Hills indo em direção a sua casa. Saber que John estava com Stiles o deixava um pouco mais tranquilo mas na verdade ele que queria está ali. Sabia exatamente o que estava acontecendo e perdeu a chance de poder explicar a John. O bom do dia de hoje na opinião de Derek era saber que finalmente ficou livre de Paige. Até gostava da garota mais depois de beijar Stiles o sentimentos automaticamente morreram.

Passou por uma lanchonete e viu Brett lanchando com mais três pessoas que parecia com ele. Dereveria se sua família. Pai, mãe e irmã mais velha. "Bastante clichê" pensou o moreno.

Continuou o caminho para casa até avista a entrada da reserva. Estava bastante escuro. Deu boa noite para os funcionários da reserva e andou para casa. Adentrou em casa e viu que  um homem estranho ao lado de Laura que estava deitando no sofa com sua família toda em volta. Começou a andar rápido para vê o que aconteceu com sua irmã.

- o que ouve com você Laura? - pergunta Derek abaixando para ficar na altura da irmã - e quem é esse? - apontou para o cara ao lado de Laura

- Laura teve um mal está Derek e esse é o Garret o namorado da Laura - diz calmamente Talia

- é tão foi você que engravidou minha? - pergunta com os braços cruzados - quais são as suas intenções com a minha irmã?

- desde quando você virou um investigador deBear?

- desde que esse cara arruinou sua vida engravidando você

- que isso Derek isso é jeito de fala com o  rapaz? - pergunta Peter - Derek que tipo de educação seus pais estão dando você

- exatamente Peter - diz Laura com os em chamas -  o garoto não pegou sua irmã e a estrupou foi tudo consensual e por falta de cuidado ambos vão te um filho

- eu sei - pediu - desculpa Garrett. Desculpa Laura e família estou com um pouco de dor de cabeça

- está abatido filho está tudo bem?

- sim. Eu vou para o meu quarto agora mais tarde nos se falamos

Derek começou a subir para o segundo para ir para o quarto. Entrou no quarto indo em direção ao banheiro. Retirou a roupa e entrou embaixo do chuveiro para toma um banho de água quente.

Stiles estava deitado com a cabeça no ombro do seu pai. Vendo um filme que passava na TV embutida na poltrona. A aeromoça vinha na direção de ambos.

- desejam mais alguma coisas? - indagou simpática

- não, não - diz meu pai

Ela sorriu e balançou a cabeça como se fosse um comprimento. Ficou um silêncio que na opinião de Stiles se tornou constrangedor. Se levantou do ombro do pai e olhou para o mais velho.

- até quando vai ficar me ignorando? - pergunta o castanho

- até você finalmente decidir se deve ou não confiar em mim

- eu confio em você pai

- então prove Mieczyslaw - sorriu sem humor - porquê de repente você começou a usar camisas com manga comprida? O porquê de está com uma gilete ou uma faca na mão como se fosse resolver seus problemas

- eles não resolvem - suspirou Stiles - eles dão é um fim a tudo

- então você que dá um fim a sua vida? Por quais motivos?

- você não saber o que é ser um adolescente naquele colégio e na vida

- sim eu sei - apontou para si - e pode te certeza saber porque eu namorei um cara, o meu pai, seu avô o matou porque disse que isso era um pecado isso

- vice nunca contou isso?

- no dia do casamento eu peguei sua mãe trasando com meu pai e meu irmão - John encarava o filho com olhos molhados mais sem derramar - e mesmo assim casei com ela e convevir por mais de 8 anos

- o que?

- já fui baleado, sequestrado e esfaqueada por causa do trabalho e mesmo assim eu tô aqui vivo por mim e por você e agora Melissa e Scott

- ata - debochou - tinha que meter a família feliz aqui também

- feliz não - diz John - são sobreviventes assim como nós a diferença que Scott é um criminoso

- como assim criminoso?

- eu sei sobre o vídeo Stiles - Stiles tomou um expressão de surpresa - como também sei da aposta que rolou na delegacia para vê que é que pegava a "filha puta do xerife" - vez aspas - mais que saber eu fico feliz e te você como filho só que queria que você fosse feliz em me te como pai

- eu tenho - declarou

- na verdade eu amo você demais xerife Stiles

- eu também amo você Mieczyslaw Stilisnki - abraçou - saber porquê


- somos Stilisnki's



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...