História I Love a Sins not tragedie - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias Falling In Reverse, Panic! At The Disco, Twenty One Pilots
Personagens Brendon Urie, Dallon Weekes, Ian Crawford, Jon Walker, Josh Dun, Kenneth Aaron Harris, Personagens Originais, Ronnie Radke, Ryan Ross, Ryan Seaman, Spencer Smith, Tyler Joseph
Tags Brallon, Breezy, Brendon Urie, Dallon Weekes, Panic At The Disco, Sarah Urie, Spencer Smith
Visualizações 24
Palavras 857
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 30 - Chapter 30


P.o.v Dallon

Acordo com o Gerard cantando Mama na cozinha, Uau, ele realmente canta muito. Me levanto, ouço minhas costas Estalarem.

- Que susto Dallon!- Ele se vira rápido.

- Desculpa atrapalhar a cantoria- Ele cora- Ficou vermelho por que?

- A tempos não canto na frente de alguém sem ser minha família.

- Cacete! Tu não sai mais de casa não?!

- Não muito.

- Hum, Continua, Estava muito bom- Ele cora novamente- Você é branquelo, quando fica corado você fica mais vermelhos que seus cabelos antigamente.

- Porra não me diga!

- Continua cantando, Se for possível I Don't Love You.

- Referências ao que você está vivendo agora?

- Não, eu amo essa música, E ela fica bonita na sua voz. Eu não preciso ver para saber que você ficou corado, Para de ser gay Gerard.

- Vai se fuder!- Ele ri.

Vou no banheiro, faço minhas necessidades e volto.

- Olha, fica a vontade! Tem café, leite, pão, pão de queijo, manteiga.

- Nossa.

- Se quiser faço panqueca.

- Gerard Relaxa!

- Ok ok, se senta- Me sento e ele se senta em minha frente.

- E seu irmão?

- Mikey? Está bem.

- Ray e Frank?

- Provavelmente bem também, não falei com eles ontem.

- A tempos não vejo eles.

- não me surpreende- Rio, o silêncio reina.

- Ligo para ele?

- Mikey?

- Não! O Brendon!

- Ata, Cara, não sei.

- Me ajuda!

- Tá calma.

- Liga para ele, fala tudo que aconteceu.

- Ok- Ele pega o celular e disca- Tá chamando.

- Atende Gay!

- Alô!

- Finalmente!

- Brendon! Que? Ele tá dormindo.

- Pera! Então quem está Falando?!

- Quem está falando?! Ah... Oi! Se o Brendon acordar, fala que eu liguei, é o Gerard, Gerard Way. Ok obrigada- Ele desliga.

- Quem era?

- Você é ciumento?

- Não muito.

- Imagino- Ele fala baixo.

- Ei!

- Oi!

- Quem era?

- Não vai surtar né?

- FALA LOGO!

- Ryan!

- O Ross?!

- É.

- NÃO CREIO!- Me levanto.

- Vai aonde?

- Para casa!

- Quer que eu te levo? Está sem dinheiro lembra.

- Sim sim, Por favor.

- Ok, espere um minuto- Ele pega a chave do carro- Vamos.

Ele me leva até em casa, Estava muito puto, não acredito que só por causa de uma briguinha ele vai correndo para o colo de outro.

- Dallon eu vou entrar com você!

- Por que?

- Vou separar a briga.

- Não vai rolar briga!

- Ok, mas vou entrar do mesmo jeito.

- Tá- Saímos do carro, Abro a porta e vou direto para o quarto- BRENDON!- Ele se assusta e acorda.

- Dallon? Gerard?

- Oi! ( :3 )- Fala acenando a ele.

- CADÊ ELE?

- Ele quem peste!

- Ryan!

- Ah, Sei lá.

- VOCÊ DORMIU COM ELE?

- O que está acontecendo?- Me viro, era o Ryan.

- SEU MALDITO!- Dou um soco em Ryan, que cai no chão.

- "Não vai rolar briga!" Né!- Fala Gerard me segurando.

- POR QUE BATEU NELE!- Fala Brendon.

- Por que ele está aqui!

- Ele foi minha companhia a noite! Eu estava triste com o fato de você ter saído de casa e SUMIDO!

- E-Eu apenas o consolei! Ele me ligou chorando falando que você sumiu e que ele havia batido em você, e você estava puto com ele. Quando cheguei aqui ele me atendeu chorando, quando entrei estava tudo bagunçado, eu conversei com ele, aí ele ficou mais calmo. Eu fui e preparei algumas coisas para ele, Chá, biscoitos, essas coisas para ele se alimentar, aí ele ficou no sofá descansando, eu fui e comecei a arrumar a bagunça, quando terminei, ele estava dormindo, Aí eu fui e o levei para a cama, e fiquei aqui no sofá assistindo, eu nem dormi, eu estava preocupado com ele, estou acordado desde ontem.

- I-Isso tudo é verdade Brendon?

- Sim, ele realmente fez tudo isso.

- M-Me desculpe! Meu deus eu sou um puta babaca!

- Eu te desculpo, Sei que tem raiva de mim, eu apareci do nada na vida do Brendon, Logo eu ainda.

- Não! Sério! Me desculpa mesmo!- O Ajudo a levantar.

- Tudo bem.

- Meu amor- Me aproximo dele- Me perdoa.

- Ok- Ele solta um pequeno sorriso.

- Eu prometo, Que não vou ser mais um babaca como sempre sou, me perdoa!- O abraço.

- Eu te perdoa, Me desculpe também por ter...Te machucado.

- Tudo bem, Gerard me ajudou com o machucado- Gerard solta um sorriso.

- Obrigada Gerard.

- Nada.

- Ryan, é. Obrigada por cuidar do Brendon, Eu...Eu realmente perdi o controle.

- De nada.

- E Obrigada Gerard por me ajudar também.

- Nada.



P.o.v Ryan R.

Quanto mais eu ajudo, mais próximo eu tô de ter o Brendon de volta para mim!
Eu não vou desistir.
Isso realmente pode durar muito tempo, porém, vai valer a pena quando der certo!



P.o.v Garard

É tão legal saber que ajudei! :D


....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...