1. Spirit Fanfics >
  2. I love u . - Tododeku >
  3. Seven

História I love u . - Tododeku - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Ia fazer um hot, mas acho que tá muito cedo. Ainda quero desenvolver a história, e botar fogo no parquinho🤡🤡🔥

Capítulo 7 - Seven


*POV DO TODOROKI*

Logo depois de ter acabado tudo com a Momo, saí da escola e fui em direção a casa do Midoriya ver se ele estava bem. 

Não precisei andar muito, já que era bem perto. 

Bati na porta e fiquei esperando alguém abrir.  Demorou alguns minutos, mas Izuku veio. Ele estava tão fofo.. Estava usando um pijama verde de coelhinho, pantufas, e seu cabelo estava meio bagunçado.

Ele estava parado, com uma cara estranha. Mas depois pareceu recuperar a consciencia e me mandou entrar, trancando a porta logo em seguida.

- U-uh, oque f-faz aqui? - Ele pergunta desajeitado com as bochechas vermelhas.

- Vim te ver. É que voce nunca falta, então.. fiquei preocupado. - Digo meio envergonhado.

-Ficou preocupado comigo??- Ele parece surpreso.

-Sim. Amigos fazem isso né? - Pergunto, mesmo sabendo que no fundo quero ser bem mais que seu amigo.

- O-oh, claro! - Ele sorri, mas parece forçado.

- Está tudo bem mesmo? - Pergunto com as mãos no bolso.

-Sim! - Ele diz, mas sei que não é verdade. Midoriya não sabe mentir.

O empurro contra a parede e coloco meus dois braços do lado de sua cabeça, ficando perto de seu rosto, o bastante pra conseguir sentir sua respiração . - Porque está mentindo? 

Ele me olha com um olhar choroso, e fico confuso.

- E- eu...  Gosto de voce! Naquele dia te falei que gostava da Momo porque estava com vergonha, então, me desculpe. Eu s-sou muito idiota. - Ele diz encolhido, chorando.

Por impulso, levanto seu queixo e o beijo. Seus lábios são exatamente como no sonho... Me sinto no paraíso.

Ele se afasta de mim, por causa da falta de ar, e me olha corado e confuso.

-Porque fez isso? E a Momo?? - Ele me encara sério.

- Eu terminei com ela.- Falo e ataco seus lábios denovo. 

O pego no colo, e coloco suas pernas envolta da minha cintura. Ele põe as mãos no meu pescoço, e eu coloco as minhas na sua cintura.

Mordo seu lábio e o sinto arfar.

Desço minha mão para sua bunda e ele para de me beijar.

- O-oque está fazendo? - Ele pergunta olhando diretamente pra mim.

-Não gosta disso? - Pergunto e a aperto de novo, o ouvindo segurar um pequeno gemido.

- N-não sei se quero isso Todoroki-kun... - Ele me olha e o coloco no chão.

-Ok, eu entendo, voce não está preparado. - Respondo compreensivo.

-Não está com raiva de mim? - Ele se encosta na parede e o encaro com um olhar calmo.

- Eu não irei te forçar nada, Midoriya-kun. Se não quer, pra mim tudo bem. - O mais novo agradece e pega na minha mão me levando pro seu quarto.

- Podemos ficar conversando por um tempo então. - Ele diz e eu só aceno com a cabeça.

Nos deitamos na sua cama e ficamos fazendo perguntas um pro outro. Até descobri coisas novas sobe Izuku, que nunca nem tinha imaginado.

Hoje foi bem legal.

Depois daquela vez, dei alguns outros beijos no Midoriya, teve algumas mãos bobas, e ficamos trocando carícias até a mãe dele chegar. 

- Shoto! Quando foi que veio? - Sua mãe pergunta animada.

- Ah, cheguei quase agora.

- Izuku sempre fala de voce!- Ela diz, e percebo que Deku ficou sem jeito, e disfarço uma risadinha.

-Quer que eu faça um café?

-Não, não precisa, eu já tenho que ir. - Falo e Midoriya me olha triste.

-Ah, que pena. Fique mais na próxima vez. -Ela sorri.

- Com certeza.. - Falo e dou uma piscadela a Izuku, que fica corado.

Abro a porta e saio. 

Sorrio bobo durante o caminho todo, pensando em tudo que aconteceu hoje. Queria que tivesse durado um pouco mais. Midoriya estava tão fofo envergonhado... 

-É, eu acho que estou apaixonado. 


Notas Finais


Finalmente percebeu.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...