1. Spirit Fanfics >
  2. I love you both - Part 1 >
  3. Capítulo 6

História I love you both - Part 1 - Capítulo 6


Escrita por: Naka_Nakazamii5

Capítulo 6 - Capítulo 6


Kyoko POV

Foi bem rápido o que eu queria fazer, mas depois eu fiquei reunindo informações com o Erwin e enfim passamos o resto do dia juntos recolhendo informações e mais informações, eu estou mais atenta agora e sei como vou desmascarar as supostas suspeitas do loiro. São apenas duas, Petra Ral e Mikasa Ackerman (parente distante do Levi). Pode ser as duas ou apenas uma delas.  Enfim isso fica pra outra hora. Demorei tanto que nem percebi o horário e estou voltando pra casa as meia noite e doze.

Entrei pela porta dos fundos e fui passar pela sala mas tomei puta dum susto quando vi o Levi fazendo essa cara de morte;

Kyoko- Levi...O que esta fazendo acordado á essa hora?

Levi- Sua noite foi divertida?

Kyoko- Sim, um pouco até. Mas...Esta -- fui interrompida

Levi- O que foi divertido exatamente? -- ele se levantou do sofá, me puxou pelo braço e me fez cair deitada no sofá, ele ficou em cima de mim segurando minhas mãos acima de minha cabeça -- Isso é divertido pra você?

Kyoko- Le...vi...?

Levi- Que inferno Kyoko, eu to cansado de te ver saindo toda sorridente com o Erwin, o que ele tem de tão especial?

Kyoko- Eu...

Levi- Ah já sei, você não gosta de homens baixos né? - nunca falei isso - Ou porque eu não tenho olhos azuis como os dele - seu olhos são lindos seu idiota - Ou é porque ele não é um pai solteiro?

Kyoko- Eu nunca disse isso

Levi- Mas suas atitudes sim! 

Kyoko- Então sua atitude de agora, significa que gosta de mim?

Levi- Não porra, não! - antes dele continuar eu senti meu coração despeçar um pouco, ta foi muito, mas depois... - Significa que eu te amo!!

Meu coração terminou de quebrar, digo, explodir de felicidade e duvida ao mesmo tempo. Eu apenas sorri deixando uma lagrimas teimosa escorrer.

Kyoko- Seu imbecil do caralho

Levi- O que?

Kyoko- Eu também amo você, só para de me xingar toda hora! - ele soltou minhas mãos mas continuou a apoiar a sua do lado da minha cabeça, eu limpei meu rosto e tampei minha cara ainda chorando 

Levi- Tira a mão do rosto, eu quero ver - tirou minha mão com cuidado - Você fica linda pra caralho quando ta com o rosto de bolachinha

Kyoko- *cafunguei* Bobo, não tem graça

Levi- Tem sim

Kyoko- Vai me dizer que você nunca chorou também?

Levi- É segredo. Mas mudando de assunto - sentou no meu colo - O que vocês fizeram?

Kyoko- Confidencial 

Levi- É o papo das dividas por a caso? - assenti que sim - Certo... Bom, voltando ao nosso assunto

Kyoko- Nosso?

Levi- Sim, nosso. - eu me apoiei nos braços olhando pra ele em cima do meu colo e com as mãos do lado da minha cintura - Quer começar um relacionamento comigo?

Kyoko- Sim! - me levantei de vez mas não consegui porque ele ta em cima de mim então acabei deitando de novo - Merda

Levi- Deixa que eu faço isso - ficou em cima de mim e seus lábios se encostaram nos meus em um beijo, foi lento e sexy ao mesmo tempo, nossas línguas dançavam em sincrônia, nos separamos pela falta de ar - Quero fazer isso mais vezes - disse com a voz rouca e então percebemos um flash atrás de mim, próximo da cozinha

Inclinei a cabeça pra trás vendo o Henry com o celular na mão.

Levi- O que ta fazendo ai muleke?

Henry- Nadaaa -- subiu correndo 

Levi- Henry!! Porra 

Kyoko- Deixa ele, é uma criança - o mais baixo me encara - Eu queria pedir duas coisas

Levi- O que é?

Kyoko- Pode sair de cima de mim? Ta apertando minha barriga 

Ele saiu e se sentou no sofá, me sentei ao seu lado respirando aliviada.

Levi- Qual segundo pedido?

Kyoko- Pode me dar uma semana de folga?

Levi- Mas mal começamos um relacionamento e você já ta estrapolando assim?

Kyoko- Desculpe, é confidencial - ele suspirou - Por favorzinho

Levi- O preço é caro - sorriu com malicia

Eu sentei no colo dele e enrolei meus braços no seu pescoço, encostei minha testa na sua.

Kyoko- Eu vou ser rápida com meus planos, senhor Ackerman

Ele corou de leve e segurou minha cintura.

Levi- Eu vou descontar do seu salário

Kyoko- Nem precisa - beijei sua testa  e me afastei um pouco sorrindo -- Vou tomar um banho, eu tenho que partir amanhã cedo, Boa noite Levi!

Levi- Boa noite 

Levi POV

Hoje eu acordei com o espirito de limpeza, sinto que essa casa esta um lixo. E não importa o quanto eu limpe essa casa vai continuar um lixo então me veio a ideia na cabeça, mudança. E é exatamente isso que eu vou fazer, procurar uma casa grande o suficiente pra todos nós, no caso só nós três mesmo.

São oito horas mais ou menos, Henry ainda ta dormindo e a Kyoko já foi viajar, ela foi para Itália, disse que sua "missão" começa lá. Enfim enquanto ela fica fora durante uma semana, eu posso me mudar e ficar mais com o Henry já que milagrosamente o Erwin me deu folgas de uma semana também.

Já que é domingo, a empregada  não vem hoje então vou ter que acordar o Henry. Subi pro quarto, abri a porta (arrombando no caso), abri as janelas trazendo luz pra esse quarto de velho e puxei a coberta dele.

Mas advinha, não tinha nada ali, só um monte de travesseiros, procurei ele pelo banheiro, em baixo da cama, no meu quarto, no quarto da Kyoko, na garagem, nos armários da cozinha, na casa inteira e nada de eu encontrar esse garoto, começando a ficar desesperado já.

Não....De jeito nenhum, ele não seria louco de fazer uma coisa dessas, claro que não... Suspirei. Olhei pro meu celular. Inferno!!! Liguei pra Kyoko ela atendeu na hora

Levi- ONDE VOCÊ ESTA?!!!

Kyoko- Acabei de chegar na Itália e com uma coisa junto, sabe o que?

Levi- ESSE MENINO TA PASSANDO DOS LIMITES!!

Kyoko- Fale com seu pai - passou o telefone pra ele - Oi paizinho lindo do meu coração

Levi- Lindo a minha bunda Henry, por que caralhos você foi com a Kyoko?

Henry- Quero ser policial pai

Levi- Faz uma porra de academia mas não foge desse jeito

Henry- Desculpa, mas eu não resisti, sabia que o tio Eren me disse

Tinha que ser...

Henry- Me disse que quando faz alguma merda isso vira história pra contar

Bom saber, assim eu posso arrebentar o cu daquele Yaeger!

Levi- Passa pra Kyoko

Kyoko- Devo te chamar de senhor Ackerman ou de Levi?

Levi- Eu confio em você só vê se não põem meu filho em perigo, eu vou pegar o primeiro voo pra Itália pra ir até vocês

Kyoko- Não vai ser necessário amor

Corei, acho que vou gostar de ser chamado assim.

Kyoko- Fique tranquilo, nós vamos nos divertir não vamos Henry? - ele gritou um 'sim' do outro lado - Não se preocupe esta bem?

Levi- Sim eu sei mas

Kyoko- Em uma semana nós vamos voltar Levi. Eu vou cuidar dele como se fosse meu filho 

Levi- Kyoko.... -- ela não me deixou falar

Kyoko- Eu tenho que desligar, tchau. Te amo - desligou

 

Itália - Cidade Ancona 

20:03 da noite - Leilão

Terminei de me arrumar e por fim o batom, Henry estava com seu pijama e deitado na cama com os fones no ouvido e eu com o meu no ouvido também.

Kyoko- Consegue me ouvir?

Henry- Sim, mas você ta do meu lado - riu - Eu sei qual minha missão senhora Ackerman - corei - Não se preocupe eu te direi onde e não ir

Kyoko- Ok, se baterem na porta, não atenda, e se ouvir a fechadura, se esconda, tem uma arma de choque na primeira gaveta use somente se necessário Henry!

Henry- Sim senhora - bateu continencia.

(Ponha música)

Henry- é hora do show!

Narradora POV

Kyoko foi em direção ao leilão, Henry olhava tudo do laptop como se fosse um jogo, ele falaria para Kyoko qual lugar ir ou não, afinal, o menino tinha acesso de todas as câmeras do prédio.

O leilão era nada mais, nada menos que jóias e quadros antigos, originais que custam fortunas. O leilão começou, o homem que apresentaria as coisas a ser vendidas tinha o nome de Grisha Yaeger. Uma mulher de olhos azuis e cabelos loiros passaria segurando as coisas jóias na caixa ( muito parecida com aquela que conseguiu misteriosamente derrubar Kyoko da escada). E a mulher que passaria mostrando os quadros é a mesma em carne e osso Mikasa Ackerman.

Grisha- Esta primeira joia a ser vendida tem o preço de 15 mil euros, ela é de uma antiga rainha e as pérolas estão intactas. Começamos com um salto de 15 mil

As pessoas foram dizendo seus preços até finalmente chegar o que Kyoko queria, ela sabia que Petra estava lá e que também queria este quadro, o que tem nele? Simples, na colagem da moldura contêm uma pequena chave, porém, uma pequena coisa que abre muitas, naquele cofre há não apenas dinheiro mas também informações do governo que podem ser usadas contra eles mesmo, e Kyoko precisa obter esta chave!

Grisha- Muito bem agora nosso último e mais valioso, o quadrão de Anônimo, a pintura do gigante tiã colossal. Começando com um salto de 700 mil euros.

Petra- 750 mil euros

Ela estava sentada ao lado de Kyoko do outro lado da fileira.

Grisha- Alguém da mais? Dou lê uma, dou lê duas...

Kyoko- 800 mil euros

Alguns ficaram de boca aberta e outros olhares curiosos olharam para loira de olhos castanho. Petra a encarou com raiva.

Petra- 850 mil euros

Kyoko- 900 mil euros

Petra- 920 mil euros

Kyoko- 950 mil euros 

Petra- Arrgh... 990 mil euros!

A loira ficou calada por uns segundos pensativa.

Grisha- Dou lê uma...dou lê duas...

Kyoko- 995 mil eur... -- foi interrompida

Petra- 1 MILHÃO DE EUROS!! -- gritou alterada

Petra não tinha tudo isso, mas faria o que fosse possível para ter aquela chave, já Kyoko...

Grisha- A-Alguém da mais? Dou lê uma...

Kyoko- Eu dou um bilhão de euros 

Petra- O QUEEE??!!! -- gritou extremamente alterada

Grisha- Vendido por um bilhão de euros! - bateu o martelinho

As pessoas olhavam curiosas para Kyoko, de onde caralhos ela tinha tanto dinheiro?

Petra- Quem é você exatamente porra?!!

Kyoko- Você é apenas uma lagarta, nem se aproxime de mim

Petra- O que?

Kyoko- Você não é surda é? - ela fez cara feia - Ah mas se não sabe, meu nome é Natalie Smirnov. É um prazer conhecer você, foi um bom lance - estendeu a mão para tentar se dar bem com a morena que sorriu forçada

Petra- Igualmente. Eu sou Petra Ral, filha de um governante e você?

Kyoko- Filha e herdeira de um Trilionário 

Levi POV

Aaai que inferno, aqui em casa anda tudo tão chato e silencioso, já faz cinco dias que eu não tenho notícias da Kyoko, acho que ela não esta podendo ligar. 

Meu celular tocou, levantei do sofá e fui pra cozinhar pegar ele do bacão, atendi.

Levi- Alô? 

Eren- O que acha da gente sair pra beber hoje?

Levi- A surra que eu te dei não foi o suficiente?

Eren- Olha eu chamei o Armin, Erd, Mike, e o Gunter. Topa?

Levi- Ta pode ser, que horas?

Eren- Daqui a pouco, no shopBar.

Levi- Encontro vocês lá - desliguei

Subi pro quarto e fui tomar um banho, joguei minhas roupas no chão e agora nu fui pra baixo da água gelada, mas o mais estranho foi que eu senti uma pequena dor aqui em baixo e eu percebi que não era dor, e sim que...Eu estava duro.

Eu não acredito nisso, eu só pensei uma vez (várias) na Kyoko e já fiquei assim, encostei a cabeça na parede gelada e comecei a me masturbar, não ligo, mas sinto que eu preciso dela dos dois jeitos. Sendo romantico e sexualmente.

Alguns minutos depois e ofegante eu consegui o que queria. Terminei meu banho e fui trocar de roupa, vesti uma calça preta, botas masculinas marrom escuras, blusa meia manga preta e uma jaqueta. Passei perfume e desodorante, peguei as chaves do carro e o celular, saí de casa depois de deixar tudo trancado.

Cheguei no shopBar e fui para mesa do fundo porque os gritos do Eren são altos que dói até a alma, o pirralho irritante!

Eren- Olha só o atrasado chegando atrasado

Levi- Vai se foder

Mike- Ele já esta bêbado

Armin- Bêbado é pouco

Erd- Venha beber Levi! - estendeu uma caneca de cerveja eu aceitei e tomei de uma vez

Gunter- Na bebida ninguém ganha do Levi

Eren- Aaah essa eu quero ver

Armin- Por que vocês não fazem aposta?

Eren- Isso, aposta! Mas o que?

Mike- Um nude!

Armin- Boa ideia Mike-senpai. O perdedor cria uma conta fake no whatsapp e envia um nude para...

Gunter- Petra

Mike - E se o Levi perder ele vai ter que mandar um nude pra babá do Henry - todos concordam

Bobos, pelo menos a Kyoko já se tornou minha namorada.

Levi- Mas e se empatar? - pergunto ainda de pé

Armin- Se empatar...

Garçom- Vocês vão ter que dar um beijo -- disse passando com as bebidas -- E eu terei direito a uma foto

Armin- Amei você, qual seu nome?

Garçom- Podem me chamar de Nixs - sorriu sendo gentil - Suas bebidas rapazes

Armin- Prazer em te conhecer, eu sou o Armin

Nixs- Igualmente mas prazer é só na cama -- sorriu com malicia pro loiro que retribui corado -- Aproveitem a bebida, se quiserem mais é só chamar e se empatar por favor me chamem -- e saiu de perto

Gunter- E ai vai começar?

Erd- São três copos do grande pro Eren e o Levi, o primeiro a terminar vai ganhar 100 de cada um daqui

Armin- Levi senta do lado do Eren - me sentei do lado do idiota e o Armin ficou na minha frente assim como todos os outros -- Em três, dois...Um e...VAI!!

Peguei o primeiro copo e comecei a beber o Yaeger fez o mesmo.  Droga ele ta na frente, no segundo já, eu to terminando o primeiro, mas quem disse que não podia trapacear? Botei minha mão na coxa do senhor esmeralda e discretamente dei um beliscão, bem na virilha, ou seja, bem perto das bolas. Ele engasgou, eu segurei meu riso e comecei o segundo, já na metade, e terminei, comecei o terceiro e ele continuou o segundo mas rapidamente já foi pro terceiro e pra minha infelicidade terminamos juntos, já estava meio bêbado.

Armin- NIXS!!!! DEU EMPATE PORRA!! - gritou

Ela logo veio com o celular e sorrindo.

Nixs- Quero ver língua

Levi- Só pra deixar claro eu não sou gay!

Eren- Eu também não sou gay! Vai logo - tentou por a mão no meu pescoço mas eu não deixei

Segurei seu pescoço  e puxei seu cabelo fazendo ele vir pra mais perto de mim, selamos nossas bocas num beijo eu meti logo a língua pra aquela garçonete não encher mais o saco, não foi tão ruim mas eu não gostei e nunca mais quero beijar um homem na minha vida, eu quero a Kyoko e pelo amor de Deus eu não quero que ela pense que isso é uma traição. Me separei dele e bebi a bebida do Mike, e do Gunter em seguida o esverdeado fez o mesmo, respirei fundo.

Levi- Trás mais bebida Nixs!

Nixs- É pra já

Gunter- Acho que ele vai querer ficar bêbado depois dessa

Erd- Eu acho que ele vai querer se matar

Mike- É o Levi, ele vai matar o Eren

Armin- Depois de hoje vamos ter que fingir que nada nunca aconteceu

Mike- Nunca saímos pra beber



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...