História I love you, brother! - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Boris, Castiel, Charlotte, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Violette
Visualizações 25
Palavras 1.007
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demorei, me auto-castiguei por demorar TAAAAANTO! Mais cá estou eeeeuzinha, em carne e osso, postando um cap louco pra V6! Espero que gostem, e me perdoem o atraso!

Capítulo 5 - Hi Mom!


Domingo de manhã. Abri os olhos lentamente, e vi madeixas ruivas ao meu lado. Sorri, tirando alguns fios que caiam sobre seu rosto. Fiquei observando seus traços, sua boca entreaberta, tão lindo!  Fui me aproximando lentamente. Mais que merda eu estou fazendo!? Levantei rápido, me dando conta do que estava fazendo, e do que ia fazer. Vou para o banheiro, tomo um banho bem demorado, me visto e saio. Castiel estava sentado na cama, e encarava suas mãos.

- Bom dia bela adormecida! - ri, dando um beijo na bochecha dele.

- Bom dia ruivinha! - ele ri me encarando.

-Vamos descer. Vou fazer o café da manhã!

- Cla...

DING DONG * ( autora: MELHOR SOM DE CAMPAINHA EEEVEEEER! )

- Quem será? - me levantei,  saindo do quarto e indo em direção a sala.

- Seu namoradinho nerd, não? - Castiel falou sarcástico e o encarei brava. - Não tá mais aqui quem falou!

         DING DONG*

- Porra, já vai! - gritei, indo abrir a porta. Me deparei com algo que eu não queria ver por um bom tempo. Fiquei plantada na porta. Meus comandos não respondem. Socorro! 

- Quem é Kathe... MOM?! - Castiel parou do meu lado, e encarou a pessoa a minha frente. Sim, mamãe estava lá, e com o maior sorriso do mundo.

- Oi meus picurruchos! - ela abriu os braços, e nos abraçou juntos. Troquei olhares com o Castiel por cima de seus ombros. Estávamos assustados, espantados, com medo, e acima de tudo, surpresos!

- O que você tá fazendo aqui? Como soube onde eu morava? - ela entrou, carregando suas malas, e depois nos olhou.

- Oras! Num desses aplicativos para celular. Eu senti saudades, pedi ajuda aquele seu amigo nerd Kathezinha, o....

- Eduward ! - coloquei a mão na testa. Óbvio que seria o Edu! Ele é um puta Hacker, e lógico que a mamãe pediria ajuda a ele!

- Esse mesmo! Garoto bom, de coração bom! Gosto dele! - ela riu. Lyn veio correndo pelas escadas, e pulou na mamãe. Falsa! - Oi princesinha! Também estava com saudades! - Mamãe fazia carinho na Lyn, que estava toda alegre e pulava em sua volta. Eu olhei pro Castiel, que me olhou de volta. Um olhar de: que porra nós vamos fazer agora?

- Tá mãe, o que veio fazer aqui? - Castiel perguntou seco. Mamãe o olhou incrédula, como se não acreditasse no que ele estava dizendo.

- O que vim fazer aqui? Lhe pedi para ver sua irmã, e você não voltou para casa. Ligo para os dois, e não me atendem! Não me dão notícias. Resolvi vim vê-los com meus próprios olhos! Acima de tudo, ainda sou mãe de vocês! - ela cruzou os braços. Ótimo! Mamãe em casa, tudo que eu queria...

- E você vai ficar aqui quanto tempo? - fui para a cozinha para tentar disfarçar meu medo e nervosismo, e ela me seguiu. Castiel continuou parado, de cara fechada, nos olhando.

- Quando eu ver que vocês têm capacidade para se suportar, e de viver sozinhos... quem sabe eu vá embora! - ela deu um de seus sorrisos desafiadores! Ótimo! Perfeito! Sabe-se lá quando essa doida vai decidir ir embora!

~ foge pra bem longe menina!

Não consciência! Até queria, mais ela me perseguiria! Vou enfrentar a situação!

Enquanto preparo, ou tento preparar, o café da manhã, mamãe não para de perguntar coisas ao Castiel. Ele está puto, muito puto! Relevo a situação. Talvez ela não toque no assunto de nós dois... Ou talvez toque!

- Pronto! - sirvo a mesa croissants  quatro queijos, café, e algumas outras coisas. Mamãe parecia analisar cada coisa. Ela me encarou, e sorriu.

- Katherine cozinhando? Ótimo! Espero não ter intoxicação alimentar - ela riu, e eu fechei a cara. Castiel riu do comentário de mom, mais quando o olhei, parou de rir e começou a comer. 

- Vocês moram juntos? - ela tomou um gole de café. Castiel engasgou, e eu parei de me mover. Olhei Castiel. Não poderíamos contar que ele ficou dois meses comigo, e que nossa relação não foi das melhores. Ela inventaria um castigo de nos colocar na mesma camiseta, ou nos prender em algum lugar juntos!

- N-nao Mom! Castiel é meu vizinho - falei baixo e ela sorriu

- Sério querido? Isso é ótimo! - Castiel bufou. Graças a alguém, a campainha tocou.

 - Eu atendo! - respondi rapidamente, correndo até a porta. 

Abro a porta, e dou de cara com o Armin e o Alexy. Eu respiro ofegante e eles sorriem

- Porra, correu uma maratona é amiga? - Alexy me dá um tapinha nas costas entrando em casa.

- Oi meu amor. Não sabia que era do tipo... esportiva - Armin me dá um beijo rindo, e entra. Eles paralisam ao meu lado. Saio de trás das costas do Armin, de cabeça baixa.

- Meninos, essa é minha mãe! - aponto para Mom, que abre um sorriso.

- Por que não avisou? Não tô pronto pra conhecer meus sogros Kath! - Armin cochichou comigo

- Porque eu também não sabia que ela vinha! - resmunguei, e quando mamãe se aproximou, eu sorri. Odeio fingir!

- Temos convidados filha? - ela se pôs a nossa frente. Castiel estava logo atrás, e agora ria.

- Mom, esses são Armin, e Alexy. Armin é... bem...

- É um prazer. Sou namorado da Kath! - ele sorri. Para quem não está pronto para conhecer os sogros, ele tá bem de boa!

- E eu, sou o melhor e o único, melhor amigo da ruivinha resmungona! - ele dá um abraço na minha mãe que ri. Pronto! Ela e o Alexy tem uma personalidade parecida...

- Sou Valerie! Mãe desses dois fofuchos aqui! - ela puxa eu e o Castiel, que rimos nervosos. 

- Mom, não extravase! - falo baixo perto do seu ouvido

- Relaxe, relaxe! - ela piscou um olho pra mim - Venham, se juntem a nós no café da manhã - ela puxa os gêmeos para mesa conosco! 

Isso não me cheira nenhum pouco bem! Olho Castiel, procurando refúgio do que está por vir, e ele apenas me olha da mesma forma. AAAAH MOM, VOCÊ NOS PAGA!


Notas Finais


Mom, mom! O que será que ela vai aprontar? Será que ela vai aproximar mais ainda Cast e Katherine? Será que Katherine e Cast vão aturar Mom por muito tempo em casa? Isso tudo, você descobre aqui! Hihihi
Huuuuum, sinto cheiro de mistério no ar! Umaaa beijoka :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...