História I Love You Hope - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jinyoung, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé, Youngjae, Yugyeom
Tags Jikook, Markson, Namjin, Vhope, Yoonkook, Yoonkookmin
Visualizações 18
Palavras 1.147
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Romance e Novela, Suspense, Yaoi (Gay)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiieee turu bomm? Fiquem com o capítulo e boa leitura

Capítulo 5 - Não é fácil lidar!


Bom, vamos lá, eu e Taehyung discutimos, ele saiu correndo sem 'motivos', acabou encontrando Jaebum e os amiguinhos dele, Jaebum disse pra eu não me intrometer no assunto entre ele e o Tae; o que eu não entendi muito bem até porque eles não se conhecem, mas não pareceu... Pra mim Jaebum tem algum motivo para 'odiar' o Tae, mas eu não consigo compreender, o Tae é a pessoa mais adorável que eu já conheci! Ou pelo menos acho que conheço, faz pouco tempo que nós temos contato. Apesar de quase termos feito aquilo, não pude conhecer Tae direito... Nós realmente começamos mal. Tudo isso que já aconteceu entre nós foi por impulso, não tenho certeza de meus sentimentos por ele:

 Isso é uma longa história — disse encarando o moreno — No começo em que me assumi gay, muitas pessoas não aceitaram isso, e a partir daí já tive receio de tentar algo com alguém. Então comecei a gostar de Yoongi... — Ele me olhou surpreso — E o sentimento era recíproco, o que me surpreendeu, porque não sabia que Yoongi gostava de homens, nós começamos a conversar e fomos ficando cada vez mais próximos e acabou que nós tivemos um 'rolo'... Na escola as pessoas nos olhavam estranho e eu acabei sofrendo muito, já que as amizades que eu tinha na época, foram se distanciando de mim... Uma vez já até tentaram me agredir por conta disso, mas Nam e os meninos sempre ficaram do meu lado e me ajudaram. Eu e Yoongi percebemos que isso não ia dar certo e decidimos parar o que nem tinha começado direito. E foi a partir daí que criei esse medo 'bobo'. — Terminei de contar a história e ele me olhou um pouco assustado:

— O-Olha Hoseok... Eu não sei nem o que falar, me desculpe por julgar sem saber o real moti... Não, desculpa nada! Você fez a mesma coisa comigo! — Ele falou e um biquinho fofo se formou em seus lábios.

Calma senhor estressado

Calma é o caralho a quatro Hoseok! Agora me dá licença que eu vou pro meu refugio, vulgo meu quarto — Ele então se levantou da cadeira e seguiu para o ponto de ônibus perto da sorveteria.

Pois é, lidar com Kim Taehyung é difícil!

• • •

Quebra de tempo

Quando cheguei em casa, fui tomar um banho e fui me deitar para assistir série, quando Jin me mandou uma mensagem:

Mensagem on:

Jinsus: Oii Seok tudo bem?

Eu: Oii Jin, tudo e você?

Jinsus: Tudo ótimo, então vou direto ao ponto, desde que começou as aulas ainda não dei nenhuma festa aqui em casa. Topa vir em uma semana que vem? O Tae vai estar aqui, bom eu acho que sim :) 

Eu: Ah tava demorando mesmo pra vc vir com um convite pra suas festas de arromba, que sinceramente são as melhores! Eu vou sim! Ahh e não vá achando que é porque o Tae vai estar lá, até porque somos só amigos, não sinto nenhum sentimento por ele ao não ser amizade 

Jinsus: Ok, não era necessário esse discurso todo só pra falar que 'não gosta' do Tae. Hobi, só te digo uma coisa: não negue seus sentimentos, eles podem acabar se tornando maiores!

Mensagem off

Apenas visualizei a mensagem e deixei o celular de lado, voltando minha atenção para a série. Logo me destrai em meus pensamentos, eu não quero magoar Taehyung com os meus sentimentos não correspondidos... Ou eu acho que não são correspondidos. Na minha cabeça tá tudo uma grande confusão, não sei mais o que eu sinto! Eu só sei que o tempo organizará tudo isso na minha cabeça. Eu tenho medo! Medo de ceder e acabar tomando no cu bem tomado! Medo de ceder e acabar me machucando, e até mesmo machucando ele. A dúvida é... Insistir, ou virar a página e seguimos como amigos?

Sai dos meus pensamentos quando minha mãe me chamou para jantar, desci,  e o jantar foi normal, sem perguntas... Dormi ainda pensando no assunto: Kim Taehyung

• • • 

Quebra de tempo

O dia amanheceu e logo acordei com o despertador tocando. Fiz minha higiene diária e segui para a escola, quando cheguei lá e comprimentei todos os meninos, e Taehyung estava me evitando, ele passou o tempo todo conversando com o Jimin, eles estão bem amiguinhos esses últimos dias... Não que eu me incomode com isso, jamais, nem venha me convencer de que isso é ciúme! Eu estava sentado alguns bancos ao lado deles, enquanto escutava "Love Scenario", mais conhecido como hino coreano, quando vi Jungkook se aproximar:

 Tá bem Hoseok? 

— Tô sim Kookie — Respondi com um sorriso

 Tem certeza? Se quiser conversar estarei aqui viu?! 

— Tá bom, obrigado pela preocupação — Falei e o abracei

•••

O sinal tocou e fomos todos para sala, eu e Tae seguimos calados até a aula de educação física, quando decidi tentar puxar assunto:

— Vai continuar me evitando até quando? 

— Até você me pedir desculpas — Ele falou sem me olhar 

Mas eu não já pedi Taehyung?! Você é difícil em?!

— Ah cala a boca Hoseok! Eu sou  mesmo, se reclamar eu fico pior e não faço questão nem de te... — Quando ele mandou calar a boca, logo pensei naquelas cenas que mandam calar a boca e você vai direto beijar a pessoa. Um pouco idiota e beemm clichê! Era pra ter sido uma coisa bonita, fofa, cheio de amor e carinho, mas Taehyung logo me empurrou:

 Que calúnia Hoseok! Meu Deus que calúnia! Que atrevimento! Você acha que eu sou seus nego que você beija a hora que bem entende? Eu vou meter um processo! Você entendeu bem? P-R-O-C-E-S-S-O! — Ele disse todo irritadinho e me olhou com aquele típico biquinho

Que exagero Tae! Realmente não dá pra conversar com você! — Respondi e sai. Ainda não sei porque insisto nesse garoto! 

Estava andando pela quadra da escola e ouvi Jimin me chamar:

 Heyy Hobi!

— Oii Jiminnie — Falei apertando suas bochechas

Ok, ok, já deu! — Ele disse tirando minhas mãos de seu rosto — Vim aqui para conversar sobre Tae!

— Ahh Jimin nem vem! O assunto 'Taehyung' já está enchendo minha cabeça!

— Mas é sério, você precisa me ouvir! Por favorzinhooo — Ele disse fazendo aquela típica carinha de gatinho carente

— Poxa Jimin não pode ser outra hora? 

— Tá bom então... Fica ai curioso — Ele disse e saiu em direção aos meninos e eu continuei vagando por aquela quadra, as vezes fico pensando... Eu tenho vontade de largar tudo, pegar aqueles bichinho que tem no shopping, montar nele, pegar uns toddynhos e sair por aí sem rumo. Essa vida é complicada demais! Se eu soubesse que era assim... Bem que os outros espermatozóides poderiam ter ido no meu lugar, eu tenho certeza que esses seriam pessoas decentes na vida, e não um ser humano igual eu que não consegue nem distinguir os sentimentos.


Notas Finais


Fooii isso, espero que estejam gostando, me dêem sugestões e perdoem os erros!
Bjs e até o próximo, que vai ser narrado pelo tae normalmente 💜🌈


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...