História I Need You - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Comedia, Drama, Família, Hentai, Horror, Luta, Original, Romance E Novela, Sexo, Suspense, Terror, Violencia
Visualizações 144
Palavras 1.637
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Que lindo esse feriado, mas ele podia ter caído na quinta-feira. No capítulo: A recaída, teve 12 comentários e depois que eu li todos, eu fiquei literalmente saltitando pela casa, minha mãe chegou e perguntou: porque está assim? Eu fui e respondi: pelo simples fato de terem pessoas apreciando uma coisa que eu fiz, isso me deixa feliz e saltitante.
-lil.

Capítulo 22 - Não quero te perder de novo...


Fanfic / Fanfiction I Need You - Capítulo 22 - Não quero te perder de novo...

2 semanas depois.

Estava jogada em minha querida cama esperando o Matthew pra nós podermos ir no aeroporto buscar minha mãe que chega hoje, eu to dando pulinhos de alegria. Ele buzinou, eu desci e fui pro carro.

- Vamos, eu to com saudades da minha mãe. - falei assim que entrei no carro.

Matt - Ah, boa tarde, Lolla, também é muito bom te ver.

- Desculpa - dei um beijo na bochecha do mesmo - agora vamos e depois nos passamos no shopping pra comprar um celular novo pra você.

O caminho foi igual a min de manhã cedo, lerda toda vida, assim que chegamos ainda tive que esperar o Matthew estacionar o carro, o que demorou muito, mas, logo já estávamos dentro do aeroporto e procurando a minha mãe. Não estávamos achando ela, então eu resolvi ligar pra saber onde ela estava. Um... dois... três... quatro... ignorada com sucesso.

 

- Já desembarquei, me encontra na frente da loja de pão de queijo.

 

Corri igual a uma louca e Matthew veio atrás de mim, cheguei em frente ao aeroporto mas ela não estava lá. Senti um cutuque frenético no meu ombro e eu só pensei : quem é o demônio que está fazendo está merda. Me virei e vi ela, confesso que chorei. Abracei a mesma com todas as minhas forças.

-Nunca senti tanto a sua falta... - falei entre soluços.

Mãe - Eu já cheguei, meu amor.

- Da próxima vez eu vou com a senhora... - comentei secando as lágrimas com a ajuda dela.

Mãe - Da próxima vez você vai está na faculdade.

Matt - Vamos? Ainda temos que passar no shopping. - ele tinha ficado desconfortável.

Mãe - Ué, porque?

- Ele deixou o celular cai dentro da privada e nós vamos passar no shopping pra comprar um novo.

Mãe - Vocês já se acertaram? - vi um sorrisinho crescer nos lábios da minha linda mãe.

- Pode se considerar que sim... 

Mãe - Então vamos.

Saimos e fomos pro shopping, minha mãe pediu pra eu poder chamar a Charlie e o Tyler e eu fiz, assim que eles chegaram nós fomos direto na Apple, ficamos vendo os celulares e ele finalmente comprou um, ele pegou o 7 plus black, caro pra caralho. Depois que saímos fomos lanchar e dpois o Matthew nos deixou em casa.

Mãe - Filha, desce aqui. - me chamou da cozinha, fui até ela é sentei na bancada.

- Diga senhora...

Mãe - É depois de amanhã, quer fazer o que? - dia 23 tá chegando.

- Ah mãe, acho que o simples fato da senhora está em casa já é ótimo.

Mãe - Nos meus 18 anos, eu e os meus melhores amigos fomos “viajar”, passamos uma semana fora foi incrível, claro que sua avó quase me matou quando eu voltei, eu era a filhinha de papai e conseguia tudo o que queria por isso eu fui.

- Mãe, eu não posso passar uma semana fora, eu tenho aula.

Mãe - Eu vou na escola e pronto você pode ir, filha - disse se aproximando - 18 é tipo o seu aniversário de 10 anos na minha cabeça.

- Porque? 

Mãe - Porque eu sabia que você menstruou pela primeira vez, foi tão emocionante.

- Mãe, não, nossa... que nojo.

Mãe - Amanhã eu vou na sua escola, falo com a mãe da Charlie e do Tyler, pego a Lara pro Matthew ir também e vocês vão.

- Vou conversar com eles primeiro...

Subi e fui esperar a janta ficar pronta e assim que ficou eu desci correndo, amo a comida da minha mãe, depois que comemos a Tiffany e o Chris chegaram.

- Olha, eu nunca pensei que iria dizer isso alguma vez pra Tiff, mas, eu shippo. E aproveita, ele beija bem e ainda tem pegada. - falei mesmo.

Mãe - Lolla... - me chamou surpresa com o que eu falei.

- Ta, desculpa.

[…]

Mãe - Lolla, já pegou aquele seu shorts? 

- Já, mãe, já está tudo arrumado.

Mãe - Então desce, daqui a pouco o - bateram na porta - Matthew chega.

Matt - Vamos? Ainda temos que pegar Charlie, o Tyler tá na casa dela.

- Tchau mãe e obrigado por isso. - dei um beijo na mesma e logo saímos.

Chegamos na casa da Charlie, colocamos as coisas dentro do Jeep e logo já estávamos na estrada. Estávamos na estrada, passando por um “deserto” e escutamos um barulho, tipo de alguma coisa estourando.

Tyler - Que merda foi essa?

- Acho que foi o pneu.

Charlie - Ótimo, o pneu tinha mesmo que furar nesse fim de mundo?

Matt - Eu vou lá ver - saiu de dentro do carro e o rodiou verificando os pneus, mas parou na traseira - Tyler chega aqui. - Tyler saiu e eles começaram a falar umas coisas que eu não estendi.

Tyler - Meninas, venham aqui. - gritou do lado de fora, saímos do carro e fomos até ele.

Charlie - E aí? O que aconteceu?

Matt - O pneu furou e como está escurecendo, não dá pra trocar agora.

- Nos vamos ter que dormir aqui? - diz que não.

Tyler - Sim.

[…]

Terminamos de montar as barracas e acender a fogueira, fui dentro da barraca e peguei um casaco, estava começando a esfriar e acabei ficando dentro da barraca mesmo.

Charlie - Vai ficar dentro da barraca mesmo? - perguntou colocando só a cabeça dentro da barraca - Hm, aqui tá quentinho. - comentou já entrando e se deitando do meu lado.

- Cadê os meninos?

Charlie - Conversando coisas de meninos.

- Acho que vou dormir...

Charlie - Lolla?

- Oi?

Charlie - Você está... desconfortável com o Matthew aqui?

- Não, porque?

Charlie - Sabe, depois do que aconteceu entre vocês, tudo ficou diferente. Ele parece um pouco distante...

- A partir do momento em que nos começamos a ter algo a mais, tudo ficou diferente e ele só está distante pelo fato da mãe dele ter morrido a duas semanas atrás. Final no ano, nós vamos procurar um colégio interno pra Lara, ele vai pra faculdade e não vai poder cuidar dela.

Charlie - Vou sentir sua falta...

- Também vou e muito, mas, depois que terminar a faculdade eu volto.

Tyler - Chegamos. - se pronunciou junto do Matthew.

Matt - Estão falando sobre o que? - perguntou se sentando perto de mim.

Charlie - Faculdade.

Tyler - Você tem que ir mesmo, Lolla?

- Não tenho outra escolha, ou eu vou ou eu fico dependendo da minha mãe.

Matt - Até que não é uma má ideia...

Charlie - Se isso é pro seu bem, eu deixo você ir...

Tyler - Você vai fazer falta...

Matt - Muita... - completou desviando o olhar.

- Credo gente - chamei atenção de todos - vocês estão falando como se eu estivesse morta, eu vou voltar quando terminar a faculdade.

Charlie - Ty, vamos pra nossa barraca? To ficando com sono... 

Tyler - Boa noite, gente. - demos boa noite e eles saíram deixando eu e o Matt sozinhos.

Matt - Posso pagar a sua faculdade. - que?

- Não inventa moda.

Matt - Lolla, eu posso pagar, eu tenho o dinheiro pra pagar...

- Matthew, já disse que não, logo depois da formatura já estarei viajando.

Matt - Lolla, por favor.

- Não. - virei as costas pra ele e fechei os olhos tentando pegar no sono.

Matt - Eu só não quero te perder de novo...

- Ei - me virei e o abracei por trás - você nunca me perdeu, só vacilou comigo quando eu mais precisei de você.

Matt - Desculpa não ter esperado o seu tempo e desculpa por ser um idiota e ter dito aquilo quando você aceitou conversar comigo.

- Vamos deixar o passado no passado. 

Ficamos abraçadinhos juntos e logo pegamos no sono. Não senti o Matthew do meu lado, então, acabei acordando, já estava clareando e ele estava lá, trocando o pneu pra podermos sair daquele lugar. Assim que ele terminou eu fui lá na barraca da Charlie e do Tyler acordar eles.

- Casal, vamos acorda - falei batendo palmas - temos um longo percurso pela frente.

Charlie - Nos já vamos, agora sai.

- Olha, garota, fala direito comigo.

Charlie - Direito comigo. Sai, Lolla, por favor, o Tyler não tá vestido.

- Ah, eca, não quero mais ficar. Tchau. - sai e fui ajudar o Matthew recolher as coisas que faltavam.

Terminamos, fomos todos pro carro e seguimos pra estrada, aí a Charlie faz a segunda pergunta.

Charlie - Porque quando eu falei o Ty não estava vestido você disse eca?

- É como se fosse ver meu irmão pelado, é nojento. Eu posso não ter irmão de sangue, mas, eu tenho Ty.

Tyler - Own, eu sou seu irmão.

Matt - To ficando com fome...

Charlie - Eu também, trouxemos algo pra comer?

- Ta no porta mala, tem que ir lá pegar.

Pegamos uns sanduíches naturais que minha mãe fez pra gente e quando terminamos de comer seguimos com a viajem.

[…]

A viajem foi legal, nós curtimos bastante e meu aniversário não poderia ser melhor, só que o Matthew estava inquieto e eu acho que já sei o motivo, amanhã eu converso com ele. Estou fuçando a internet atrás de um vestido pra minha formatura,eu e Charlie combinamos de usar o mesmo modelo, mas, com cores diferentes.

Nos vamos junto com os meninos ver o terno deles. Cada dia eu fico mais chateada de ir pra Los Angeles pois já está perto e ainda vou ter que deixar todos eles pra trás, mas eu vou voltar, quando acabar a faculdade eu volto e nós vamos ficar todos juntos.

Eu espero...

 

Continua...

 


Notas Finais


Falta 3 capítulos pra acabar a fic, já estou preparando a segunda parte e acho que sexta ou sábado já vou está postando a segunda parte.
Hoje eu caí de bicicleta porque estava olhando pro crush, to toda machucada, mas, ainda bem que ele não viu.
Tem uma possível volta da Lolla e o Matthew. Amanhã é feriado e eu vou tentar postar capítulo cedo.
KISSES.
-lil.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...