História I need you, I want you - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Tags Lutteo, Pelfi, Simbar
Visualizações 113
Palavras 2.141
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 16 - Não fica chateado, só peço isso






             Todos, com exceção de Luna e Matteo, estavam na casa de Pedro. Antes de irem para casa de Pedro, Simon passou na casa dele, de Delfi e de Ámbar para pegar roupas. As meninas estavam tomando sol, Pedro assando a carne e Simon na piscina.

Simon-Depois liga para o Matteo e a Luna para virem para cá.

Ámbar-Depois eu ligo.

Delfi-Já tem carne assada, Pedro?

Pedro-Já - Delfi vai onde Pedro estava.

Simon-Hey, vem para a piscina - Simon encosta na borda ficando de frente para Ámbar e ela senta para olha Simon.

Ámbar-Daqui a pouco.

Simon-Vem agora, estou me sentindo solitário.

Ámbar-Aff, você é bem besta.

Simon-Não sou besta, só quero que você faça companhia para mim. Se você me pedir companhia você será besta?

Ámbar-É, não.

Simon-Então, vem?

Ámbar-Vou - ela tira o chapéu e o óculos e entra na piscina.

Simon-Pronto agora já não me sinto mais sozinho.

Ámbar-Eu estava apenas do lado de fora da piscina.

Simon-É mais eu preciso de você do meu lado - ele se aproxima dela.

Ámbar-Se afaste, Delfi e Pedro estão aqui.

Simon-Eles devem saber que a gente está ficando.

Ámbar-Mesmo assim - ela dá um empurrãozinho nele - Delfi, pega o meu celular.

Delfi-Onde está?

Ámbar-Tá aqui na cadeira - Delfi entrega o celular e volta para onde estava.

Ligação on

Luna-Mãe?

Ámbar-Oi, filha - ela ri - estamos aqui na casa de Pedro. Na piscina, se vocês quererem vir estamos aqui, e vamos dormir aqui.

Luna-Tá vou falar com o Matteo.

Ámbar-Tá tchau.

Ligação of

Simon-Vão vir?

Ámbar-Luna disse que ia falar com Matteo - ela coloca o celular no chão - Delfi, pega aqui.

Delfi-Ê Ámbar - ela faz o que pede.

Ámbar-Ei, por que vocês não entram na piscina?

Pedro-Estou indo - ele coloca o pedaço de carne que estava assando em uma tapuer e pula na piscina, molhando Delfi.

Delfi-Pedro - ela diz brava.

Pedro-Desculpa.

Ámbar-Para de drama Delfi, entra aqui logo.

Delfi-Calma - ela entra devagar pela escada.

Simon-Que bom que não estamos mais brigando como antes.

Pedro-É, o nosso grupo fica mais unido.

Delfi-E ficamos separados em casais - olham para ela confusos - digo, casais de amigos, como eu e Pedro, Ámbar e Simon e a Luna e o Matteo.

Ámbar-Sim, se antes quem diria que ficaria amiga de Simon, eu riria da cara dela.

Pedro-É, vocês melhoraram muito. Toda vez que se encontravam rolava briguinhas.

Delfi-Lembram da vez que a Ámbar jogou um copo de água no Simon - ela diz e eles riem da lembrança.

Ámbar-Não mandei ele falar do meu ursinho.

Simon-Mas Ámbar, eles estava rasgado e sujo, como você dormia com ele?

Ámbar-Eu gostava dele.

Simon-Eu via mesmo.

Delfi-Na verdade o Simon estava certo, como dormia com ele, o Ping cheirava mal.

Pedro-Ping era o nome do seu ursinho? - ele pergunta segurando o riso.

Ámbar-Sim, algum problema? - ela pergunta séria.

Pedro-Não, não, magina.

Simon-E da vez que a Delfi pôs o celular do Matteo no balde de lixo - todos riem novamente da lembrança.

Pedro-Aquele dia o Matteo ficou puto da vida.

Delfi-Ninguém mandou tirar foto minha sem permissão.

Ámbar-Você estava apenas com a boca suja de ketchup, que que tem ?

Delfi-Todo mal.

Simon-Frescurinha - Simon dá um abraço nela.

Pedro-Vocês são melhores amigos, né?

Simon-Sim, algum problema, ou devo dizer, está com ciúmes, Pedrito?

Pedro-Não - ele diz um pouco nervoso.

Ámbar-Pedro fala logo para Delfi que gosta dela.

Pedro-Ámbar - ele diz a repreendendo.

Simon-Beija ela logo - ele empurra Delfi para Pedro.

Pedro-Quer saber - ele aproxima dela - não tenho nada a perder - ele beija ela.

Ámbar-É, a Delfi está certa, nosso grupinho está separado em casais.

Simon-Sim, - ele fica ao lado dela observando o casal se beijando - mas aposto que o melhor casal somos nós.

Ámbar-Isso eu tenho que concordar com você - ela dá um selinho nele.

Matteo-Opa, opa que pouca vergonha é essa? - ele diz chegando com Luna se referindo a Delfi e Pedro.

Luna-Estão quase se comendo - ela diz e eles se separam envergonhados.

Ámbar-Filha, isso são modos?

Luna-Desculpa, mãe, só que você tem que concordar comigo - Ámbar balança a cabeça concordando com Luna.

Simon-Como foi o encontro filha?

Luna-Legal.

Pedro-Ei, como vocês entraram?

Matteo-Lembra que um dia você deixou a chave da sua casa comigo para passar um final de semana com sua família? - Pedro assente - então eu fiz uma cópia - ele balança a chave.

Pedro-Que isso, eu te peço um favor e você faz a cópia da minha casa.

Matteo-Não mandei confiar em mim - ele dá de ombros.

Pedro-Bom saber, dá próxima vez não confio em ti.

Luna-Pisicina é minha praia - ela tira a roupa ficando apenas de biquíni e pula na piscina.

Simon-Aprende com a Luna, Delfi - ele ri e ela mostra língua.

Matteo-Mais que maravilha - ele diz após pular na piscina - a água está quente.

Simon-Mas depois do fogo de Pedro e Delfi, não tinha água que ficava fria - eles riem, menos Pedro e Delfi.

Pedro-Cala a boca.

Luna-Tem o que de comer?

Matteo-Mas Luna você acabou de comer.

Luna-Mas eu já estou com fome.

Matteo-Meu Deus - ele ri.

Pedro-Bom estava assando carne, mas depois deixe e vim para piscina. Tem assada na tapuer.

Luna-Depois vou lá, agora vou aproveitar a piscina.

Delfi-Onde vocês foram?

Matteo-Fomos ao cinema.

Ámbar-Você estão ficando né?

Matteo-Sim.

Simon-Não magoe minha filha.

Ámbar-Eu quero pedido de namoro, não quero que minha filha tenha um relacionamento não oficial.

Luna-Calma, estamos nos conhecendo.

Matteo-Mais tarde.

Simon-Estão se conhecendo, mas do que já conhecem?

Luna-Aff Simon, você sabe o sentido.

...

Delfi-Sim, estamos - Delfi responde a pergunta de Luna, enquanto eles estão reunidos na sala, assistindo TV.

Matteo-É, agora falta apenas Simon e Ámbar.

Ámbar-Não, não quer dizer que vocês estão ficando que eu e o Simon também vamos ficar.

Pedro-Ui.

Simon-Assistem ao filme galera, quero assistir.

Delfi e Pedro estavam deitados em um colchão que estava no chão em frente a TV, Luna e Matteo estavam do lado deles, também em um colchão, e Simon e Ámbar estavam no sofá, ela estava deitada na perna dele.

Ámbar percebeu que Simon ficou estranho depois que ela respondeu Matteo e pensou se ele poderia ter ficado chateado com o que ela disse. Depois de um bom tempo só tinha Ámbar e Simon acordados, pois Luna, Delfi, Matteo e Pedro dormiram durante o filme.

Ámbar-Você ficou chateado? - ela pergunta olhando para ele ainda deitada no seu colo.

Simon-Chateado com que? - ele pergunta com o olhar fixo na TV e continua a comer pipoca.

Ámbar-Com o que eu disse.

Simon-Não, só... - ele para de falar.

Ámbar-Só... - ela diz tentando fazer com que ele continue.

Simon-Nada.

Ámbar-Vai Simon, diz - ela senta e olha fixamente para ele que mantém seu olhar ainda na TV.

Simon-Nada, Ámbar.

Ámbar-Simon, fala.

Simon-É que... - ele se ajeita no sofá ficando de frente para ela - que, quero que nosso relacionamento não seja um segredo.

Ámbar-Mas não estamos em um relacionamento oficial, estamos apenas ficando.

Simon-Mas para mim é importante, quero contar, pelo menos, para nossos amigos.

Ámbar-Eu ainda não quero dizer nada para eles, quero que apenas nós disfrutemos dos nossos momentos - ela segura a mão dele - quero que nós saiba o que sente pelo outro direito, quero que nós nos conhecemos melhor, quero que só nós, só nós saibamos disso.

Simon-Mas eu sei o que sinto, ao longo do tempo a gente vai se conhecendo melhor, e eu respeito o seu pedido.

Ámbar-Eu sei que você quer falar para todos que estamos ficando, eu também, mas ainda precisamos de mais tempo para decidir o que queremos, passando tempo juntos.

Simon-Eu sei Ámbar. Eu quero ser só seu e quero que você seja só minha.

Ámbar-Eu te entendo Simon, mas por favor, faça isso por mim. Eu quero passar mais momentos com você.

Simon-Tudo bem Ámbar, eu faço o que é melhor para você - ele volta a olhar para TV.

Ámbar-Não fica chateado, só peço isso.

Ela senta ao lado dele e o abraça de lado, colocando sua cabeça no peito dele, ele continua intacto mas depois de um tempo ele passa seu braço pela cintura dela, e aí, Ámbar se sente protegida, se sente melhor e acaba dormindo. Simon percebe e faz carinho no cabelo dela.

Simon-Eu gosto de você e faço de tudo para que fique bem.

...

Delfi foi a primeira a acordar e saiu sem fazer barulho para que seus amigos não acordassem. Preparou café da manhã para todos e decidiu acordar eles. Ela pegou o celular e conectou em uma caixinha de som e colocou uma música bem alta.

Ámbar-DELFI, DESLIGA AGORA - diz com o travesseiro na cabeça.

Delfi-Vamos levantar povo. Tá na hora do café.

Matteo-DELFI, DESLIGA ISSO, SÉRIO.

Luna-AH, EU VOU TE MATAR.

Pedro-Melhor forma de acordar - ele vira de um lado - só que não.

Delfi-Fiz o café da manhã para todos.

Luna-Epa, ouvi café - ela levanta - já levantei.

Delfi-Gente, peguem o exemplo de Luna.

Ámbar-A Luna não pode ouvir comida que ela para de fazer o que é que esteja fazendo.

Simon-Estou com fome - ele levanta e vai ao banheiro.

Deldi-Pedro, Ámbar e Matteo levantem se não o café vai esfriar - vai em direção à cozinha.

Passado 20 minutos todos estavam na cozinha.

Ámbar-Delfi se você me acordar outra vez daquele jeito nunca mais falo contigo.

Delfi-Frescura.

Matteo-Você nos acordou 8 da manhã em pleno sábado.

Luna-Pelo menos ela consertou o erro com comida.

Pedro-Nossa Luna, só pensa em comer.

Delfi-E no Matteo.

Luna-hahaha, engraçadinha.

Ámbar-Mas é pura verdade, fique tranquila também acontece a mesma coisa com ele.

Matteo-Verdade.

Delfi-Simon, por que está tão quieto? - ela está ao seu lado e pergunta baixo apenas para ele escutar, enquanto os outros discutiam.

Simon-Nada.

Delfi-Nada é peixe. Fala logo.

Simon-Uns problemas aí.

Delfi-Eu posso ajudar?

Simon-Não precisa se preocupar.

Delfi-Ok, mas se precisar estou aqui - ela aperta a mão dele.

Simon-Obrigado - ele devolve o gesto.

...

Ámbar, Pedro, Luna e Matteo estavam na piscina enquanto Delfi e Simon estavam na área da cozinha de fora.

Delfi-Não vai entrar?

Simon-Não sei.

Delfi-Vamos.

Simon-Ah, não.

Delfi-Vamos logo, Simon.

Simon-Tá - ele tira a blusa e fica apenas de short.

Delfi-Olha, ele está de boa forma.

Simon-Besta. O Pedro vai sentir ciúmes.

Delfi-Que ciúmes, elogio de amiga - eles riem.

Simon-Você também não está nada mal - ela dá um tapa no braço dele - Ai.

Delfi-Cala a boca e vamos.

Simon-Vamos donzela - ele passa o braço no dela.

Delfi-Que isso, você não é príncipe suficiente para mim.

Simon-Está me ofendendo, senhorita?

Delfi-Não príncipe, apenas lhe dizendo que sou muita areia pro seu caminhãzinho.

Simon-Ui, ela é direta ela - eles riem e vão para a piscina.

Pedro-Pensei que não ia entrar bebê.

Delfi-O Simon estava fazendo drama, baby - ela vai até ele, lhe dá um selinho e eles ficam abraçados.

Pedro-Por que?

Delfi-Não sei, só ele sabe.

Simon-Não era nada, estava apenas com preguiça.

Matteo-Ok, o que vamos fazer à tarde?

Luna-Podemos sair juntos.

Ámbar-Mas para que lugar?

Pedro-Poderíamos ir no parque aquático.

Matteo-Uma boa, podemos dormir lá no hotel.

Delfi-Eu topo.

Luna-Tô dentro.

Ámbar-Também.

Pedro-Simon?

Simon-É... não sei.

Delfi-Simon, para de fazer drama e aceita logo.

Simon-Tá bom, aceito ir.

Matteo-Combinado, vamos às três?

Pedro-Sim, nos encontramos na praça perto daqui.

Luna-Quero ir pra minha casa arrumar minhas roupas, Matteo.

Delfi-Pedrinho, também quero.

Matteo-Vamos, Luna - eles saem da piscina e vão para dentro de casa.

Pedro-Te levo lá, bora - eles vão em direção a casa.

Ámbar-Simon? - ela vê que ele está distraído e se aproxima dele - hey passa a mão no rosto dele.

Simon-Ah, oi.

Ámbar-Está estranho.

Simon-Não, engano seu.

Ámbar-Está assim por causa de ontem?

Simon-Não.

Ámbar-Simon!

Simon-É.

Ámbar-Olha se não quiser esperar meu tempo, pode ir - ela vá em direção a borda, mas Simon a puxa fazendo seus corpos se chocarem.

Simon-Ámbar te disse que irei te esperar, aliás esses dias no parque será bom para você se decidir, e, saiba que estarei esperando a resposta.

Ámbar-Obrigada, Simon, mesmo. Se fosse outro já teria me largado, me sinto insegura ainda, não quero que aconteça de novo o que me aconteceu.

Simon-Pode ter certeza que nunca irei fazer o que aquele idiota fez. Juro que se encontrar ele, eu o quebro inteiro.

Ámbar-Não vale a pena sujar as mãos por ele.

Simon-Tá bem, quer que eu te leve em casa?

Ámbar-Se não for um incômodo.

Simon-Nada de você me incomoda, baby - ele a beija, um beijo com um pouco de saudades, isso com menos de 24 horas sem se beijar - senti falta dessa sua boca.

Ámbar-Digo o mesmo. Agora vamos?

Simon-Vamos.









Notas Finais


Desculpa não ter postado quinta passada.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...