História I Saw The Love In You Eyes - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber, Lily Collins
Personagens Justin Bieber, Lily Collins
Visualizações 10
Palavras 651
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


bom, kkkkk olha eu novamente.
boa leitura.
alguem sabe fazer capa?

Capítulo 1 - Changes


Fanfic / Fanfiction I Saw The Love In You Eyes - Capítulo 1 - Changes

Segunda-feira 04/12  20:56 pm

Entrei no banheiro precisando urgentemente de um banho, abri o Box depois de já ter tirado a roupa, hoje apesar de ter sido cansativo foi um dia bom em partes, primeiro descobri que o meu paquera gostava de mim, YES BITCHIE, segundo recebi o boletim e tinha tirado só notão, agora as partes ruins que foram demais pra um dia só, primeiro uma das minhas melhores amigas não era tão melhor amiga assim, resumindo a história, ela contava os meus segredos pra minha PIOR inimiga, sim, e ainda por cima jogou na minha cara que eu era chata, como pode? Eu sou um amor de pessoa, argh. Saí do banho frustrada, apesar do meu ``paquera´´ gostar de mim, eu só sentia atração por ele, e não vou alimentar esperança pra ninguém. Peguei um pijama soltinho já que hoje faz calor aqui no Pará (autora entrando, não liguem pro meu pequeno amor pelo Pará), desci as escadas e entrei na cozinha, fiz uma pipoca, e fui ver filme na sala, hoje só tinha eu na casa, e os funcionários, apesar do meu pai ser um grande empresário, ele nunca quis sair do Pará ele diz que aqui começou e aqui vai terminar, ultimamente eu me faço todo dia de manhã a seguinte pergunta ``você consegue vencer hoje?´´ e toda noite eu respondo, se consegui ou não de alguma forma isso me ajuda bastante,  eu me sinto mais leve, eu acabei de sair de um relacionamento tóxico e foi difícil superar não só pelo fato de ter acabado um relacionamento, mas também por finalmente enxergar aquilo que todos viam menos eu, não sei exatamente quando ``aquilo´´  se tornou tóxico, subi as escadas e olhei em volta do meu quarto, teto preto com algumas andorinhas brancas voando, toda vez que eu supero uma fase da minha vida eu coloco uma, deitei na minha cama, e logo adormeci.

                                                                     Terça-feira 05/12   06:50 am

Acordei com o despertador tocando, levantei e segui pro banheiro depois de fazer tudo que devia coloquei uma calça preta, e moletom cinza, coloquei meu vans, peguei a mochila e desci, todos estavam sentados a mesa, cumprimentei todos e comi em silêncio.

      -Queremos falar com vocês.- meu pai quebrou o silêncio, eu e meu irmão nos entreolhamos e Bruno falou:

      - Pode falar, pai.

      -Vamos nos mudar.-ele falou rápido mas eu entendi comecei a tossir desesperadamente, puta merda vou morrer engasgada.

      -Lisa, filha, tudo bem?-ouvi minha mãe perguntar depois de tomar água.

     -Tudo, mudar pra onde pai?

     -Los Angeles, Estados Unidos.

     -Ah.- não questionei pois sabia que não iria adiantar, depois de comer me despedi e fui pra escola junto com Bruno, chegando lá fui direto pra sala de aula, essa era a última semana de aula antes do baile de formatura, até que eu sobrevivi bem esse último ano, entrei na sala e Vitória veio logo depois.

    -Oi amoré mio.

    -Oi babe, tenho uma coisa pra te contar.- disse nervosa.

   -Conte.

   -Euvoumemudarproestadosunidos

  -Fala português baby.-ela disse me zoando por falar rápido.

  -Eu vou me mudar pro Estados Unidos.-disse esperando um grito de raiva, mas recebi palmas, sim, palmas e um grito de empolgação.

 -Eu sei, seus pais me chamaram pra ir junto.- ela disse quase pulando.

-Sério? Estados Unidos que nos aguarde.-agora sim fiquei animada com isso, um dos meus sonhos era morar fora com a minha melhor amiga.

-Eles conversaram com meus pais e ta tudo certo pra gente ir.- ela disse me abraçando logo a professora entrou na sala, tivemos mais 6 aulas e fomos embora, o recreio foi como sempre e a saída também, chegando em casa, subi direto pro quarto, tomei um banho e vesti uma roupa fresquinha, desci e depois do almoço tivemos uma reunião em família pra ver a casa e afins, jantei e subi pro quarto, tomei um banho e coloquei um pijama mais quentinho, hoje tava frio, logo adormeci.

 

 

CONTINUA?


Notas Finais


alguém sabe fazer capa? se souber entra em contato pfvr.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...