História I Saw The Love In Your Eyes - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bts, Hoseok, Jimin, Jin, Jungkook, Min Yoongi, Nanjoom, Taehyung, Taekook, Vkook
Visualizações 26
Palavras 1.086
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Violência
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura :)

(leiam as notas no final)

Capítulo 1 - A Viajem (parte 1)


Fanfic / Fanfiction I Saw The Love In Your Eyes - Capítulo 1 - A Viajem (parte 1)

Eu me encontrava em meu quarto, por volta das uma da tarde, onde a única iluminação presente, era vinda da televisão. Meus olhos estavam fixados na grande tela, em minhas mãos uma xícara de café. Estava tão distraído, que esqueci de que o café logo esfriaria.

Meu celular, que estava no criado mudo ao lado de minha cama, começa a tocar, fazendo com que eu tirarasse os olhos da grande tela em minha frente, lhe dando atenção. Não demorou muito para que eu o pegasse e lhe atendesse.

- Jeon? - pude ouvir logo em seguida de um baixo "alô" - Está aí?

- Oie Yoongi, pode falar. - minha voz estava um pouco rouca por estar a manhã toda deitado na cama, saindo dela apenas para pegar algo na cozinha.

- Preciso conversar contigo. Podemos ir em uma cafeteria?! - ele parecia estar um pouco preocupado e eu já sabia que ele havia feito alguma merda.

- Pode ser, preciso mesmo sair um pouco.- falei levando a xícara de café até minha boca, tomando um pequeno gole.

- Nos vemos mais tarde então.- encerra a ligação antes mesmo que eu pudesse dizer algo. Parecia se tratar de um assunto sério.

~ • ~

Min Yoongi era meu melhor amigo. Nos conhecíamos a bastante tempo e eramos bastante próximos. Algumas pessoas, achavam que fossemos namorados, e eu certamente achava aqui nojento - de onde tiravam isso afinal?! -.

Certo que algumas vezes já tivessemos ficado por culpa do álcool, mas nada além de beijos. Eu o achava muito só, apesar de ter bastantes amigos. Certamente eu era o que ele mais confiava, e o que ele contava tudo -e quando eu digo tudo, era exatamente tudo-.

Com apenas oito anos de idade, ele viu sua mãe se suicidar por conta de depressão. Seu pai cuidou dele até seus treze anos de idade, mas o perdeu em um acidente de carro. Desde então, Yoongi é, digamos que, "rebelde" - se é que usam ainda essa expressão -. Ele tinha muitos problemas com bebidas, mas pelo menos, as drogas já não eram mais um problema em sua vida. Ele vivia fugindo de casa para sair com alguns amigos, que dizia sua avó, ser marginais. E depois de ser preso uma vez, sua avó, a qual cuidava dele, não o quis mais, foi aí que Yoongi veio morar aqui em Bussan.

~ • ~

Após encerrada a ligação, vou correndo tomar um banho - meu estado estava mesmo péssimo por ter passado horas e horas assistindo séries, o que mais precisava naquele momento era um demorado e quente banho -.

Já pronto, saí de casa, avisando Yoongi que iria buscá-lo.

Sua casa não era muito longe da minha então não demorou para que eu já estivesse lá.

Ele entrou no carro e deu um pequeno e forçado sorriso.

- Vamos?! - disse baixo, mal podendo ouvi-lo.

- Oi pra você também. - dou a partida seguindo então para a cafeteria. Ele permaneceu em completo silêncio, não fiz questão de pergunta-lo nada. Eu nem sequer sabia que cafeteria ir, então segui para a primeira que me veio a mente.

Finalmente chegado à cafeteria, estaciono em uma vaga qualquer. Yoongi sai do carro e não fala nada. Fico pelo menos dois segundos sentado onde estava, meio confuso - ele estava mesmo estranho, o que ele tinha para me contar afinal?! -.

Saíu do carro e apenas o sigo para dentro do estabelecimento. Sento em uma mesa junto à ele, esperando que ambos diga algo. O silêncio tomou-se conta por alguns segundos até uma moça se apróximar.

- Posso ajuda-los? - diz ela, nos dando um cardápio.

- Bom.. acho que vou querer um capuccino e uma fatia de bolo, de chocolate por favor - ah, finalmente ele falou, achei que tinha perdido a língua.

- E o senhor?! - referiu-se a mim

- O mesmo!

- Daqui alguns minutos está pronto - disse a moça saindo logo em seguida.

Meu olhar foi direto para Yoongi, que observava pela janela, a movimentação que havia lá fora.

- Então... não vai dizer de uma vez?!

- seu olhar foi-se para mim e ele ficou pensativo por alguns segundos.

- Jeon - finalmente ele ia falar, eu já não aguentava mais. - Bom.. não sei como te dizer iss..

- Você fez merda né?! - era óbvio que ele havia feito alguma bosta, estava escrito em sua testa. - Não me diga que voltou usar drogas de novo?!

- Meu Deus Kook, não!! Tá louco?! - falou ele fazendo uma careta - Posso falar pelo menos, ou você vai ficar tentando adivinhar o que eu tenho pra falar?!

- Foi mal - ah não é culpa minha, eu realmente me preocupo com ele.

- Então... - disse, já mais calmo - Lembra do Kwan? - fiquei meio pensativo - Aquele homem que eu pegava dinheiro emprestado - logo me veio a mente.

- Lembro. O que tem ele?!

- Bom, meio que eu peguei dinheiro emprestado com ele... de novo. - disse então, passando a mão na nuca.

- Mas Yoongi, já falei pra você não pegar mais, você sabe que ele é metido com coisa errada.

Logo a moça se apróxima, colocando os pedidos na mesa. - Obrigado! - falo dando um pequeno sorriso fazendo com que a mesma o retribua.

Yoongi mexia o café de cabeça baixa, parecia estar pensando o que falaria.

- Eu sei que eu não devia, me desculpa, mas cara... eu perdi o emprego e eu precisa pagar o alugu...

- Você oq?! - eu o olhei surpreso e confuso, pois ele não me havia dito que perdeu o emprego - cara, se você me dissesse eu teria te ajudado. Eu já disse para você sair daquela merda de casa e vir morar comigo, pelo menos não precisaria pagar aluguel. - disse mais sério - cara, você as vezes tem que deixar a porra do orgulho de lado...

- Eu sei JungKook... você sabe que eu odeio depender dos outros, mas relaxa que isso não é o pior - ele desviou seu olhar, que estava para mim, até a xícara de café a sua frente, levando-a então, até sua boca. - Bom... eu não vou conseguir pagá-lo, e ele disse que só me dá mais uma semana pra conseguir o dinheiro - disse assim que tomou um gole de café, direcionando seu olhar pra mim. Céus Yoongi, oq você havia se metido. - Se eu não pagá-lo, ele vai vim atrás de mim, e ninguém sabe o que ele pode fazer.

Suas palavras frias me arrepiaram, vi ele engolindo um seco, aquilo realmente não era brincadeira.

- Por isso amanhã cedo, estarei partindo para Seul.

~ • ~


Notas Finais


Foi isso, espero que tenham gostado e logo o segundo capítulo estará pronto e será postado.
Me desculpem se tiverem alguns erros, eu já revisei muitas vezes e toda vez que eu reviso, eu acabo mudando algo então deixei como estava.

obrigada, até mais :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...