História I see me in you girl - (Bang Chan) - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias AOA, BtoB, Got7, Monsta X, Somi, Stray Kids, TWICE
Visualizações 58
Palavras 2.080
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu ia tentar postar ontem, mas dormir kkkkkk
Boa leitura 😘

Capítulo 13 - Chapter thirteen


Sábado

Acordo com o toque do meu celular, achava que era despertador, mas era yugyeom. Ele tinha falado que ia vir me buscar, e nada de eu estar arrumada, me levantei e me preparei rápido, ele não disse que ia ser de tarde ? Termino tudo e...

Mãe - S/N ! 

S/N - QUE 

Mãe - YUGYEOM TÁ AQUI ! 

Que rápido. Desço as escadas e chego na sala vendo minha mãe conversar com ele. 

Mãe - Ah que bom, fico feliz! 

Yug - Obrigado 

Eles olham pra mim. Sem falar nada eu e ele nos abraçamos. 

Mãe - O meu Deus - nos separamos.

Yug - Oi s/a, que saudades... Vou sair um pouco com ela, depois trago ela novamente! - fala pra minha mãe.

Mãe - tudo bem ... Se divirtam - abre a porta e saímos.


...


S/N - Nem acredito que você veio, fazia muito tempo que não nos viamos, a última vez foi a ... - me corta.

Yug - Menos de um ano senhorita! - ele ri e eu o acompanho- só que fiquei uma noite porque no outro dia ia ter aula, que foi a festa da mãe do changbin. 

S/N - Verdade... Eae como vai as coisas, a vida, a faculdade e o que você queria me contar ? 

Yug - Uma coisa de cada vez s/n, primeiro, a minha vida tá ótima, e a faculdade é complicada mas eu me entendo com ela, vou sobreviver até a formatura que vai demorar mais três anos e sobre o que eu ia falar é que... Vamos em outro lugar, aqui tá muito barulhento! - estávamos na rua andando, então seguimos em direção a uma lanchonete. 


Garçonete - Olá casal, o que vão querer ? 

S/N - Nós não som... - pela segunda vez sou cortada por ele.

Yug- eu quero um milk shake de morango e você princesa ? - olho pra ele desconfiada e pego o cardápio.

S/N - Quero o mesmo, mas quero de baunilha! 

Garçonete - tudo bem, daqui a pouco o pedido de vocês serão entregues. - ela saí de nossa mesa e vai para o balcão. 

Yugyeom e eu ficamos em silêncio até que eu começo a falar.

S/N - Você não havia falado que seria de tarde que sairíamos ? 

Yug - Mudei de planos, eu estava lá no Changbin, mas a mãe dele só me fazia perguntas chatas, então falei pra ela que ia sair um pouco, desculpa, você tinha alguma coisa pra agora ?

S/N- Não, pelo contrário, meu compromisso era dormindo! - nós rimos e a garçonete chega com nossos pedidos. 

Garçonete - Bom apetite - se curva e nós agradecemos, ela logo sai. 

S/N - Não tem nada para me contar não Yugyeom ? 

Yug - Ah sim, verdade, então ... - Coça a cabeça. - Eu sei que isso pode parecer estranho vindo a tona agora, mas eu queria que você analisasse e entendesse meu lado por eu nunca ter te contado.. 

S/N - Sobre ?

Yug - Eu gos... - Foi cortado por dois rapazes vindo em nossa direção.

Xxx - AQUELE É O YUGYEOM ? YUGYEOM ! 

Yug - Merda! - fala sussurrando mas pude escutar - O-oi pessoal - ele levanta e cumprimenta os dois rapazes, parece que já conhecem a muito tempo. 

Xxx - Não vai nos apresentar a linda garota ?! 

Yug - É... Claro! Essa é s/n, s/n esses são Jackson e Bambam! - aponta pros dois.

S/N - Prazer 

Jackson - O prazer é todo meu - pisca pra mim. 

Mais gente que isso, um mais lindo que o outro, mas o que tem de lindo tem de safados, parece que estão me comendo com os olhos. Medo!

Yug - Pessoal, o que vieram fazer aqui ?

Bambam - a gente estava passeando, mas vimos você do vidro, o que faz pelas redondezas daqui, que eu saiba você é do outro lado da cidade

Yug - estou visitando meu primo. - ele olha pra mim - eles são da minha turma na faculdade. 

S/N - entendo - me sinto meia desconfortável ali. - Yugyeom... 

Yug - Hum ? 

S/N - Acho melhor eu ir embora..

Jackson - Que isso, claro que não, fica com a gente, vamos conversar se conhecer melhor! 

Olho pro yugyeom que parece ter entendido como eu estava.

Yug - Não gente, vamos deixar pra outra hora, ok ? - eu afirmo com a cabeça. - eu e ela temos planos pra ir a outro lugar! 

Jackson - que pena ... Só uma pergunta !?- olha pra mim - vocês estão namorando ? - balanço a cabeça negativamente. - bom saber - ele sorri. 

Yug - tira o olho

S/N - tchau meninos 

Todos deram tchau e eu saí da loja com yugyeom.

Yug - Quem ele pensa que é pra ficar todo - ele para e me olha.

S/N - que foi ?

Yug - Você é muito linda!

S/N - obrigada. 

Yug - vamos pro Changbin ? A mãe dele tinha pedido pra mim te levar lá pra almoçar. 

S/N - vamos ..


Bang Chan On 

A mãe de Changbin tinha convidado eu e o Félix para almoçar hoje na casa dela. Já que nossos pais ainda estão viajando e as vezes temos preguiça de cozinhar, nós aceitamos. 

Agora estamos no quarto do Changbin, só acho que devia ter outra pessoa aqui, pra me entreter ou sei lá. Os dois estão de casalzinho, pelo menos não estão se pegando na minha frente. 

Os dois param de se bater ou sei lá, quando escutam um barulho de fora do quarto, parece que alguém chegou. Só consegui escutar a mãe de changbin falar "eles estão no quarto" e então depois de uns dois minutos a porta abre revelando um branquelo alto. 

Changbin - Gente esse é o Yugyeom, meu primo! - nós nos cumprimentamos - e esses são meus amigos... - então esse é o tal do menino que a s/n ficou animadinha. 

Yugyeom - Changbin, a sua mãe tá falando com a s/n como faz pra cortar ela e fazer a s/n vim pra cá ? - ela tá aqui ? Aff ele trouxe ela, esse momento todo que ele tava fora daqui é porque ele tava com ela. 

Changbin - S/N ! 

S/N - ESTOU INDO! 

Logo a garota entra no quarto. 

S/N - Oi meninos. 

Changbin - Você já disse o que ia falar pra ela ? - olha pra yugyeom entediado. 

Yugyeom - Não consegui, os meus amigos chegaram bem na hora! 

Changbin - Ótimo! 

Yugyeom - Como assim ótimo ? Péssimo! 

S/N - Eu estou aqui, por que não contam logo de uma vez o que está acontecendo ? - Não, não, ele não pode falar o que eu tô pensando.. ele se vira de frente pra s/n e pega em sua mão. 

Yugyeom - S/n eu ... - ele é cortado pela mãe de Changbin. Amo você tia. 

M.d. Changbin - O almoço está pronto, venham comer! - ela sai 

Félix - melhor nós irmos comer ... 

Yugyeom - Que merda! 

S/N - tá tudo bem yug ?

Yugyeom - tudo sim princesa, vamos comer ...

Ai que raiva, por que eu não consigo dizer a ela o que eu sinto, já tentei muitas vezes, treinando em casa claro! Mas nunca tive coragem nem se quer de pensar sobre isso. Agora esse babaca vai conseguir o que quer e eu vou ficar só vendo a cena de amor dos dois. Eu simplesmente poderia ter cortado ele, mas não fiz. Estou me sentindo um merda agora ... A única coisa que passou pela minha cabeça é que tem algum ser divino dando chances pra mim e eu desperdiçando, porque não é possível... 

Todos saem do quarto e cada um escolhe seu lugar na mesa, a mãe de Changbin ao lado de Changbin e Félix ao lado dele, yugyeom parece estar esperando s/n sentar na ponta  pra ele ficar ao lado dela e ele ao meu lado,  mas ela simplesmente senta no meio ficando ao meu lado e ele no outro. Assim que ela senta, me olha e dá um sorriso lindo. 

S/N - Você está bem ? - ela percebeu que não tô legal. 

Chan - estou sim - minto. 

S/N - se quiser conversar sobre ... - Como ela sabe que não tô bem, será que estou transparecendo tanto assim ? Se tivesse a mãe de Changbin perguntaria eu acho. Quer saber... Eu preciso falar, preciso falar o que eu sinto, preciso perder essa vergonha! 

Eu ia falar até yugyeom chamar a atenção dela. 

Yugyeom - Eu sei que o dia não foi tão legal, porque os meninos apareceram, mas prometo de compensar outra hora.

S/N - tá tudo bem. 

Todos estão comendo em paz e nada de olhares de ninguém, ou toques, está tudo em silêncio. 


M.d. Changbin - Tem alguma coisa acontecendo ? 

Changbin - que ? Claro que não! 

M.d. Changbin - Vocês são todos falantes e hoje estão tudo quietos, tá me incomodando. - todos rimos menos ela - que foi ? 

Changbin - nada mãe 

Depois de um tempinho todos acabaram e a mãe dele arrumou a mesa, disse que não queria ajuda pois somos visitas, s/n insistiu várias vezes, mas a mulher é teimosa! 

Nós todos ficamos na sala enquanto a mãe dele arrumava as coisas, todos conversando e adivinha quem é o vela ?! Eu mesmo, s/n conversa com o garoto sorrindo e isso corta meu coração, era pra eu estar no lugar dele. Meus próprios amigos nem me dão atenção! 

 S/N On

O Chan está meio estranho,  ele tá tão quietinho e parece estar meio bravo, não sei explicar. 

Yugyeom não para de falar, e eu nem estou prestando atenção, só queria conversar com Chan pra ver se ele está bem. 

Yugyeom - muito bom né ? - saio dos meus pensamentos e volto a prestar atenção só no final. 

S/N - Sim - sorrio pra ele e olho para Chan que estava me olhando - Dormiu bem hoje ? - pergunto pra ele. 

Chan - Sim... 

Parece que ele não está com vontade de conversar agora.

 O dia foi passando e matei a saudades do yugyeom. Fui olhar o relógio e já eram 17:00. 

Félix - Eu e o Chan já vamos! 

M.d. Changbin - Mais já ? 

Chan - precisamos ir, está ficando tarde! - vou aproveitar e ir com eles. 

S/N - Vou pegar caminho com vocês! 

Yug - Nada disso - todos olham pra ele - É... É que eu prometi pra sua mãe que levaria você! 

S/N - Não tem problema, vou com eles, o caminho é o mesmo, e depois eu explico pra ela. 

Changbin - Deixa ela ir com eles, você precisa arrumar suas coisas - fala pra ele. 

Yugyeom - Ok, mas Félix cuida bem dela! 

Bang Chan On

Esse cara já não gostou de mim, primeiramente que nem falou comigo direito, e depois "Félix cuida bem dela". Não me importa também não gosto dele. Saímos de lá e Félix estava com o braço envolta do pescoço de s/n. 

Chan - Quando ele falou pra cuidar, não mandou você ficar escorado nela. - s/n tira o braço dele com delicadeza e segura na mão dele. 

S/N - precisamos conversar Chan! 

Chan - não temos nada pra conversar!

S/N - certeza ? Você está todo emburrado e respondendo com uma certa grosseiria, eu sei que tem alguma coisa errada... - sua voz tem um tom de preocupação. 

Félix - Chan ... - olho pra ele - Fala pra ela... 

S/N - meu deus parece que hoje às pessoas pegou o dia pra querer me falar as coisas e no final não falam nada. Chan se você tem alguma coisa pra falar eu estou escutando mas por favor termina o que você for falar, não fala pela metade! 

Chan - E- Eu não tenho nada pra falar.

Félix - Não acredito .. - fala baixo 

Passei o caminho inteiro arrependido de tudo que falei, eu deveria ter contado, ainda tem tempo Bang Chan, ainda tem! Chegamos na porta dela. Ela deu um abraço no Félix e depois quando chegou minha vez ela me deu um beijo na bochecha e depois um abraço. Ela vira e vai caminhando até a porta, o Félix me olha com uma certa decepção. VAI BANG CHAN VOCÊ CONSEGUE ... 

Chan - S/N 

Ela se vira pra mim antes de tocar na maçaneta. 

S/N - Sim ? 

Félix - Dorme um dia lá em casa ? - olho para ele surpreso.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...