História I Sing, And Sing Forever For You Pennywise! - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias It: A Coisa
Tags It: A Coisa, Pennywise
Visualizações 22
Palavras 1.086
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - We Are... Venom!


Fanfic / Fanfiction I Sing, And Sing Forever For You Pennywise! - Capítulo 8 - We Are... Venom!

{ Carry ON }

Penny Some,Me Deixando Com a Gosma.

- Ok, Agora Fiquei sem Ter Oq Fazer! - Digo Cruzando Os Braços, E a Cabeça da Gosma Fica em Meu Ombro. - Mas Me Diz Aí, Oq Vai Acontecer Agora Que Você Tá "Grudado" Em Mim?

- " Simples, Você Vai Arcar Com as Consequências." - Ele Fala Dando Um Sorriso Macabro, Eu Disse que ele Era Um Pennywise!

- Ok, Então Até agora Por Mim Tá Tudo Bem. - Falo Me Deitando Na Cama.

| Quebra de Tempo |

Eu Havia Dormido Ali Mesmo, Até eu Ser Acordada Por Uma Explosão Lá Fora.

Me Assusto e Vou Correndo até à Minha Varanda Para Ver Oq Tinha Acontecido, Eram Dois Homens Com Ternos Brancos Usando Armas e Bombas.

- " Vamos Lá!" - Diz Ele Me Olhando Com Um Sorriso No Rosto. 

Ir Lá?! - Digo O Olhando Espantada, Até Que Sinto Ele Entrar Em Mim e Envolver Todo Meu Corpo, Nos Transformando Num Ser Grande E Cheio de Dentes.

A Gosma Pula Para Fora Do Meu Quarto, Caindo Na Rua e Quebrando o Chão, E Os Homens O Olham Assustados.

Eles Atiravam No Ser Alienígena, Mas Não Fazia Efeito, Até Que ele Pula Em Um Dos Homens e COME Sua Cabeça.

E O Outro ele Come a Metade do Corpo Dele, E Logo A Criatura Sai Pulando Pelos Prédios, Parando em Um Estacionamento.

Sinto a Gosma Entrar Para Dentro do Meu Corpo Novamente e Aquela Criatura Grande Sumir.

- Você...Comeu Aqueles Homens... - Falo Surpresa e Ele Solta Uma Risada em Minha Mente.

Passo Por Um Carro e Vejo Meu Reflexo, Ele Estava Totalmente ANORMAL, Em Meu Reflexo Não Estava Eu, E Sim Um Monstro Negro Com Dentes Afiados e Olhos Brancos.

- Isso é Coisa Da Minha Cabeça, Isso é Coisa da Minha Cabeça. - Digo Repetidamente Andando de Um Lado Para o Outro. - Porque... Você é Um Parasita.

- "Parasita!?!"  - Diz Ele Com Raiva, E De repente Fios Negros Me Puxam Para Trás, Me "Colando" Na Parede.

- Eu Devo Tá Com um Tumor No Cérebro. - Falo Tentando Soltar Meu Braço Direito Da Gosma, Mas Falhando. - Me Perdoa Por Ter Te chamado de Parasita, E Se Eu Te Chamar De Tumor Cerebral? - Digo Olhando o Reflexo.

Até Que Mais Homens Com Ternos Brancos Aparecem, A Gosma Me Desgruda Da Parede e Envolve Minha Mão, Esticando Para Pegar o Pescoço de Um Dos Homens. Uso o Homem que eu Estava Segurando Para Bater Nos Outros Que Estavam Vindo, Fazendo Dois Deles Apagarem, A Gosma Que Estava Em Meu Braço Estica e Pega a Porta de Um Carro e Arremessa Nos 3 Homens Restantes Que Estavam Vindo, Até Que Meu Outro Braço é Envolvido Pela Gosma e Vou Até Um Carro, O Levantando e o Arremessando.

E nesse Momento eu Já não Tinha Mais o Controle Sob Meu Corpo.

 

Os Homens Desmaiam e Meus Braços Voltam ao Normal.

Maravilha.!  Agora, Vamos Arrancar as Cabeças Deles e Empilhar No Canto.

- Pq Você Quer Fazer Isso? - Pergunto Ofegante Olhando para Os Homens Desmaiados.

Uma Pilha De Corpos, Uma Pilha de Cabeças.

Não Falo Mais Nada e Saio Dali, Não Quero Ser Responsável por Aquilo.

Saio Do Estacionamento e Me Deparo com Penny, Que Estava Me Olhando Com um Sorriso Psicopata.

Até Que eu Apago...

[ Quebra de Tempo ]

Acordo e Deixo Meus Olhos Semicerrados, Até Que Vejo Aquele Parasita Em Uma "Forma Pequena" Flutuando Em Cima de Mim.

- Onde Eu Estou...? - Falo Com a Voz Fraca Olhando para Aquela Gosma.

- "Nós Estamos Nos Esgotos De Derry" - Falou o Parasita e Eu Me Sento Rapidamente, Olhando para Cima e Vendo Várias Crianças Flutuando.

Eu Estava de Frente a Uma Pilha de Destroços, E Havia Uma Porta Nessa Pilha, Até Que a Voz De Pennywise Em Forma de "Apresentador" E Uma Música De Circo Começam a Ecoar pelo Local. 

- Aproxime-se Carry, Aproxime-se! - Falou a Voz, E eu Me Assusto, E a Gosma Entra dentro de Mim. - Venha Se Transformar!, Venha Flutuar!, Você Vai Rir, Vai Chorar, Vai Vibrar, Vai Morrer... - Assim que ele Fala a Última Frase a Voz Dele Fica Muito Lenta.

Wtfk...

- Apresentando Pennywise! O Palhaço Dançarino! - Termina a frase E Uma Risada Macabra Surge, E a Música De Circo Vai Ficando Cada vez Mais Rápida.

A Porta Se Abre, Revelando Um Fundo Meio Infernal Dentro Daquilo, Até Que "Mini Bobinhas"São Atiradas, Fazendo Subir Uma Fumaça Em Frente Aquela Porta. 

A Música De Circo Volta e a Fumaça Cai, Revelando Pennywise.

Ele Estava Com Um Sorriso Macabro No Rosto, E ainda Estava Dançando! É cada Coisa Que eu Vejo Hoje em dia Viu.

Avisto Uma Saída e Tento Ir Até Ela, mas Ele Pula Do Lugar Em que Estava Dando Um Risada Macabra e Vem Parar Em Minha Frente, Pegando Em Meu Pescoço e Me Levantando no Ar.

Fico Tentando Me Soltar Mas Ele é Mais Forte que Eu, Então ele Fica Fazendo Uma Cara Macabra.

Carrey, Está Com o Coração Acelerado.

- " Cala a Boca Gosma. " - Penso e Ele Rosna.

Penny Estava Com os Dentes a Mostra, Tentando Me Botar Medo, mas Eu não Estava Tendo Reação.

- Eu..Não Tenho Medo de Você. - Falo e Ele Fecha a Cara.

Ele Me Aproxima Mais Dele e Cheira Meu Pescoço, E ele Faz Uma Cara Brava Em Reprovação.

- Mas Vai Ter. - Diz Ele Me Olhando Com Um Olhar Odioso, Até Que ele Abre a Boca Cheia de Dentes, E a Gosma Aparece Em Meus Olhos, Me Impedindo de Ver.

Temos Que Admitir,Ele Tem Mais Dentes Que Nós.

Falou a Gosma Impressionada, E Penny Percebe que Eu não Estava Olhando para as "Deadlights" Que Haviam Dentro dele.

Mesmo Eu Não Enxergando As "Deadlights" Eu Podia Ouvir Os Gritos de Várias Crianças e Adolescentes Pedindo Socorro, E Eram Muitas, MUITAS MESMO.

Até Que Os Gritos de Socorro Cessaram, e a Gosma Que estava Em meus Olhos Some.

Pennywise Me Joga No Chão e Me Olha Curioso e Com Ódio, E a Gosma Aparece Em Sua "Forma Pequena" Ficando em Meu Ombro.

- Oq Diabos Você é Agora Garota?! - Falou Ele Me Olhando Com os Braços Cruzados.

- Nós... Somos Venom! - Falamos Eu e a Gosma Juntos, E eu Me Toco No Que eu Disse. 

- Venom? - Pergunta Ele Olhando para Mim e Para o "Venom".

 

 

Continua...


Notas Finais


Owo
Acho que Isso Vai Ficar Muito Mais Que Interessante De Agora em Diante...

7w7


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...