1. Spirit Fanfics >
  2. I still LOVE YOU - Bakugou >
  3. Estudando os sentimentos

História I still LOVE YOU - Bakugou - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que goxxtem❤

Capítulo 7 - Estudando os sentimentos


Fanfic / Fanfiction I still LOVE YOU - Bakugou - Capítulo 7 - Estudando os sentimentos

QUARTA FEIRA

naomi on:

Era de manha,eu estava de frente para o espelho penteando meus cabelos curtos.

Bakugo estava roucando do outros lado da parede,logo,olho por um breve momento o mesmo dormir todo esticado em sua cama...


Eu estava avoada repensando sobre tudo que havia acontecido ontem:na atitude de Bakugou; na nossa luta e...nela;...

deixo esses pensamentos pra lá e volto novamente a me olha no espelho e me pentear, por um momento fico olhando fixamente para meu reflexo e pensamentos não gradaveis vem átona em minha mente, eles pesavam em minha cabeça...

o peso...

tudo aquilo junto de uma vez me fazia pensar que ia enlouquecer de vez.


Num surto de raiva acabo dando um soco no espelho consequentemente o quebrando em varios pedaços, o som cacofonico é alto, ao ponto de acorda o maior que logo vem em direção ao quarto de banho, ele olha toda aquela situação e diz zangado -Que porta é essa?-


(-Não ta vendo porra? E-EU QUEBREI ESSA MERDA DE ESPELHO ) Digo chutando um balde de lixo que estava proximo, logo baixo meu olhar e em seguida limpo meu rosto salgado por causa das lagrimas que caiam dele, fico parada no mesmo lugar escondendo meu olhar triste do garoto de olhos rubros, automaticamente vou me aproximando dele e encosto minha cabeça no peitoral do mesmo, não choro nem nada, apenas fico sentindo o calor do corpo do maior, Bakugo hesita virando o rosto e acaba falando

-Voce nunca vai ser uma heroina se continuar sendo um bebe chorao-

Fico revoltada com tal comentário e me afasto -C-Como voce pode ser tão insensivel?- Falo dando uns passos pra tras,ele com raiva diz seu comentario -...-.

Levemente corado o maior dá de ombros e me empurra para eu sair de frente do banheiro, ele assim o faz fechando a porta rapidamente.

Sentada em sua cama percebo que o celular de Bakugo havia vidrado, eu como sempre curiosa fui averiguar o que era ,era mensagem de Kirishima "Então ta certo a gente estudar hoje neh? Ja que amanhã vai ter prova e eu não sei de nada"

(O QUEEEE AMANHA TEM PROVA?? eu realmente tenho que prestar mais atenção no que o sensei diz)

Eu rapidamente vou ate a porta do banheiro do banheiro TOC TOC TOC

-Bakugou?-Digo colocando meu ouvido na porta,bato novamente -Hei seu idio- Quando eu ia terminar meu insultp rapidamente  mesma se abre e noto o loiro com uma toalha na cintura e com uma cara de puto -O QUE ÉH?-

-E-Eu posso estudar mais voce e Kirishima?-Digo entrelaçando os dedos meio irritada 

-Tanto faz- O loiro hesita pegando o celular e olha para a mensagem de Kirishima e percebe que eu havia vasculhado o seu celular,de repente ele agarra meu braço com muita força e me puxa mais pra perto


 -EU JA TE FALEI PRA NÃO MEXER NAS MINHAS COISAS- 

(-Voce nunca falou isso-) digo baixinho enquanto tentava desviar do olhar mortal do garoto que me segurava-CALA A BOCA-


O mesmo grita enquanto apertava cada vez mais meu pulso ,eu tentava a qualquer forma fazer com que ele parasse de apertar meu braço ate que eu acabo chutando a regiao da barriga dele e consequentemente acabo caindo de bunda no chão,como eu estava vulnerada com tudo, as lacrimas começaram a cair de meu rosto sem eu nem mesmo querer,o garoto que estava espumando de raiva percebe o que ele tinha acabado de fazer e acaba ficando quieto por um tempo


-Voce é um bebe chorão ,sabia?-ele fala estendendo sua mão para me ajudar, ele me levanta e logo se vira e vai até a porta de saida do quarto, ele apenas me espera sem dizer nada. 

 A gente vai caminhando juntos ate que o bicolor sai de seu quarto e fica a frente de nos


-Proxima vez tente não fazer muito barulho quando forem brigar.-

Diz o mesmo sereno enquanto pronunciava suas palavras -TSC- o maior ao meu lado bufa so de olhar para o garoto mediano, o meio albino observa meu braço que havia ficado com uma pequena mancha roxa


-Voce tem muitas manchas em pulso, não é mesmo?!-O mesmo diz pegando meu braço para olhar


-Voce pode colocar na agua morna e deixa agir por 20 min ,caso queira saber-  Ele fala olhando diretamente para Bakugou e os dois ficam se encarando friamente -Isso é muita gentileza sua Todoroki-


 Eu seguro a ponta da cabelo preta de Bakugo e a puxo para sairmos logo dali- Ate mais - digo tando um sorriso meio incerto e acenando, o maior vinha atras de mim com suas mão nos bolso e uma cara preocupada.

Bakugou bate na porta e o garoto de cabelos vermelhos abre a porta com um sorriso enorme

-Iae cara- ele percebe que eu estava atras do garoto -Oh voce trouxe a Naomi tambem?!- ele fala meio confuso, Bakugou chega entrando -Espero não ser um incômodo-

-Não é um incômodo, so não esperava voce por aqui-  Ele fala coçando a nuca.


Logo todos estavamos sentados na mesa com os materias para estudarmos,  Bakugo estava ensinado kirishima de uma forma mais bruta possivel enquanto eu estava no quanto da mesa sem falar com ninguem, percebo que Bakugou e Kirishima são realmente grandes amigos, Bakugo parece diferente quano esta com o garoto de dentes ponteagudos.


Depois de certo tempo Bakugou fica procurando seu celular mas acaba percebendo que o deixou no nosso quarto, ele sai para pega-lo 



fica apenas eu e Kirishima no quarto, eu o olho e desvio o olhar  -Voces são amigos?- Pergunta o garoto conscentrado em seu caderno de estudo, eu fico meio confusa com a pergunta  -B-Bom...eu não sei,as coisas são bem dificieis quando o assunto é Bakugou-


Ele olha pra mim com uma cara seria-Eu so sei que ele fala de voce-eu permaneço quieta.

-Você é bastante forte,e eu não sou o unico que reconhece isso, Bakugou tambem acha isso-

Eu fico inquieta sobre os comentarios do mesmo -Se ele me achasse realmente forte ele começaria a me respeitaria como gente não como lixo...voce tem sorte dele te respeitar-

-Ele com certeza não pode de respeitar como pessoa, mas  ele respeita sua individualidade, se voce continuar seguindo nesse ritmo chegara longe -

(UAU)

 Fico surpressa com o fato de Katsuki respeitar meu quirk, mas acabo revelevando outro ponto


-É facil falar quando se tem uma motivação para seguir em frente...- (-E voce não tem?-) nego com a cabeça meio melancolica logo o questiono -E voce kirishima,têm?- 


pegunto para o mesmo e logo o garoto se anima rapidamente -Claro,ele se chama Crimson Riot ,ele sim sabe o real significado de masculinidade-

 Fico dando umas risadinhas baixinhas mas logo fico quieta de repente,Kirishima percebe e coloca a mão dele sob meu ombro  -Tudo bem,é so voce encontrar uma nova motivação ,alguem que você admira...sei la um loiro nervoso, talvez... -

-Bakugou?Não mesmo..- Enfio minha cara toda corada no livro, ele rir e inquiri

-Voce gosta muito dele neh Naomi-chan?- Meus olhos se arregalam e eu fiquei totalmente surpressa


-N-- Quando eu abro a boca para responde-lo o louro chuta a porta e entra no quarto, fica um silencio entre nos três, Kirishima so ficava olhando para nos dois ate a hora de sairmos,na saida sussurro para Kirishima

*Ele acena e fecha a porta.*

No quarto

Eu estava escorada na parede,o loiro ficava me encarando, so de olhar pra ele meus olhos automaticamente encheram de lacrimas

(MDSS O Q TEM COMIGO??)Ele se levanta calmo e fica se frente pra mim


-A cara de bolacha me disse tudo o que voce contou sobre a sua irmã,  meus  pêsames 

 - ele mostra um textão que ochaco tinha mandado por mensagem(Uraraka sua explandora)



-Ah Agora voce vai ficar com pena de mim?se for assim é melhor ficar ai mesmo-  digo limpando as lacrimas do meu rosto e logo me lafastando do alto.

-Não sinto -  Ele diz colocando a mão dele em minha cabeça,  olho para o mesmo que estava com os rosto virado e um pouco incomodado, eu retiro a mão do alto, ele ia se afastar de mim mas eu o abraço, como sou baixa fico batendo no peitoral do garoto, mesmo que ele não gostasse do abraço e ficasse forçando pra eu parar de abraçar ele eu continuava a envolver ele  com os braços.

Aquele momento eu praticamente tirei todo a pressão que eu estava sentindo por todo esse tempo,  eu estava chorando como um bebe


Entres choros e soluços Bakugo não sabia muito bem o que fazer naquela situação então so ficava parado com cara de merda.

A noite

Na cama ao lado onde o loiro dormia serenamente a luz do luar iluminava o seu rosto delicado, eu  o observa-lo enquanto dormia com um sorriso bobo no rosto

ele parecia um anjo dormindo (apesar de ser um diabo acordado)

no meio da noite eu fiquei repensando sobre o que kirishima falou e é verdade, eu preciso de uma motivação pra eu seguir em frente... Mesmo que você não seja tão importante eu me inspiro muito em você Bakugou... 


Bakugou era minha motivção esse temão todo... 


EU QUERO SER TÃO INCRIVEL QUANTO VOCE BAKUGOU...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...