1. Spirit Fanfics >
  2. I think I want to marry you! >
  3. Capitulo 12

História I think I want to marry you! - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


Obs: Aviso [+18]

As imagens não são minhas *créditos aos autores originais das imagens*

Alguns dos personagens encontrados nesta história não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores, os eventuais personagens e/ou universo originais desta história são de minha propriedade intelectual. Criada sem fins lucrativos de fã para fã sem comprometer a obra original da base, plágio é crime.

Capítulo 12 - Capitulo 12


Fanfic / Fanfiction I think I want to marry you! - Capítulo 12 - Capitulo 12

(POV Itachi) 

Eu vou ate o frízer pegar uma bebida e Shikamaru me segue. 

Shikamaru: O que foi aquilo cara? 

Itachi: Longa história. 

Shikamaru: Eu pude ver claramente que tem algo entre você e a Hinata, então me diz o que está acontecendo? 

Itachi: Tsc! Nem eu sei, uma hora a gente ta bem e na outra eu quero esgana-la. - Ele ri - 

Shikamaru: Realmente não importa para mim se alguma vez eu entrar em um relacionamento ou não, mas eu acho que não deveria se deixar ser abatido por uma mulher cara, então é melhor você fazer o que tem que fazer.  

Deidara: Ouviu o que queria? - Ele sussurra parando atrás de mim - 

Itachi: O que? Saber que ela não liga para padrões não me surpreende. 

Shikamaru: Nem a mim. 

Deidara: Mas...? 

Itachi: O que você quer que eu fale? Tem fotos do cara pela casa toda! E ela acabou de insinuar uma coisa que... - Eu falo entre dentes apertando a garrafa em minha mão - QUE EU REALMENTE NÃO QUERO IMAGINAR...  

Deidara: Então faz alguma coisa cara porque ate agora você só está perdendo para o senhor perfeito! 

Shikamaru: Infelizmente tenho que concordar com ele Ita.  

Shikamaru dá de ombros indo em direção a Temari e Deidara e sai correndo ate a Ino a jogando pelo ombro e pulando na piscina, Sasuke está com Karin em seu colo no sofá e Temari está conversando com a Hinata, Shisui e Sakura sumiram..., não querendo me meter em conversa de garotas após o sermão dos meus amigos eu pego mais umas três garrafas de cervejas reservas e vou para dentro da casa explorar em busca de um lugar para deitar em paz e putz! Como essa casa é grande, eu duvido que ela use todos esses cômodos! Encontro uma sala de TV e me jogo no sofá pegando o controle, então vejo um barzinho no canto da sala e sorrio, ótimo! Eu ligo a tv passando os canais, minha cerveja acaba e eu coloco a garrafa vazia de lado no chão no canto do sofá, então abro outra com o dente mesmo, não vou levantar só pra pegar a porra do abridor, eu me deito confortavelmente parando no canal de CSI e respiro fundo relaxadamente. 

Hinata: As pessoas invadem a sua casa assim como você faz com a minha ou é só um habito seu mesmo? - Ela fala parada na porta - 

Itachi: Eu não fechei a porta? Como me achou aqui? - Eu falo sarcasticamente -  

Hinata: Minha casa lembra?  

Itachi: Difícil esquecer já que tem fotos do casal destaque em todo canto! O interessante é como tem tantas fotos de vocês dois juntos na sua casa, mas nenhuma foto em revistas ou divulgações... 

Eu viro o rosto de volta pra tv entornando mais um gole da cerveja e ela entra na sala. 

Hinata: Minha vida pessoal não é da conta da sociedade, nem de ninguém. 

Itachi: Ok. - Eu viro mais um gole de cerveja sem olhar pra ela - 

Hinata: Você foi o único que não respondeu a brincadeira idiota. 

Itachi: Você quer saber qual é o meu tipo? - Olho para ela surpreso - Você mesma acabou de dizer que não acredita em estereótipos. 

Hinata: Mas eu quero saber o seu, se você tiver um...  

Eu me sento no sofá pegando outra garrafa e a abrindo então estendo pra ela fazendo sinal para que sente ao meu lado. 

Hinata: Não posso beber mais, já bebi o suficiente... - Ela da um sorriso fraco e se senta -  

Itachi: Meu tipo costumava ser... modelos, fáceis de lidar e que não se apegassem. - Olho pra ela pelo canto do olho -  

Hinata: Costumava? - Eu aceno que sim com a cabeça - 

Itachi: Eu cansei de garotas superficiais, agora acho que estou me acostumando com a ideia de estar interessado em alguém um pouco mais complicada, geniosa, correta e independente, alguém que não me pressiona por causa do trabalho sabe? - Eu me viro pra ela -  

Hinata: Sei, por causa das fotos, viagens e tal... 

Itachi: Sim... Você tem algo mais forte? Tipo Whisky? Essa conversa está me deixando estranho! 

Hinata: Sim, pode pegar você já invadiu tudo mesmo. - Ela dá de ombros - 

Eu me levanto e encho um copo para mim, logo voltando a me sentar. 

Itachi: Onde estão os outros? 

Hinata: A ultima vez que os vi, Tema levou Shikamaru para o quarto da reserva da Hanabi, Ino e seu amigo doido foram para o quarto de hospedes, Sakura e o... enfim não vi eles..., Sasuke acabou de ir embora com a Karin. 

Itachi: Entendi... Essa é a deixa - Suspiro - Melhor eu ir embora.  

Eu entorno o whisky em minha garganta e me levanto. 

Hinata: Não, espera!  

Ela segura em minha mão me impedindo e eu olho pra ela. 

Hinata: Se você prometer se comportar e colocar pelo menos suas calças... - Os olhos dela deslizam por meu corpo rapidamente inconscientemente voltando para os meus olhos - A gente pode assistir um filme... juntos... antes de você ir... se quiser... 

Itachi: Ok, mas eu quero pipoca e essa camisa - Eu aponto para ela - tem que sair se quiser que eu me comporte!  

Hinata: Feito! - Ela sorri -  

Saímos juntos da sala e eu vou pegar minhas roupas no quintal enquanto ela foi fazer pipoca, eu pego mais algumas garrafas de cerveja pra mim e um champanhe, não que eu esteja com segundas intenções... só para o caso dela ter sede... melhor eu não levar? Eu hesito, mas acabo pegando mesmo assim, se ela não beber eu tomo essa coisa! Eu volto para a sala de tv me sentando no sofá e apoiando as pernas sobre a mesinha de centro, logo ela entra segurando um balde de pipoca e vestindo um baby doll de cetim, ela apaga a luz e vem em minha direção. 

Itachi: Retiro o que eu disse era mais seguro ter ficado com a camisa... 

Ela ri pulando minhas pernas e se sentando ao meu lado colocando uma almofada entre nós e me entregando o balde de pipoca. 

Hinata: Lembra, se comporte ou te jogo para fora! - Ela enfia um punhado de pipoca na boca e pega o controle - O que você quer assistir? 

Itachi: Qualquer coisa que não seja aqueles filmes chatos de mulherzinha.  

Hinata: Adrenalina 2, com Jason Statham? 

Itachi: Pode ser! 

Ela coloca o filme e nos começamos a assistir, depois de alguns minutos eu viro mais um gole de cerveja e então ela estende a mão para mim, eu olho pra ela sem entender. 

Hinata: A garrafa, eu quero um gole. 

Eu entrego minha garrafa e ela bebe um longo gole. 

Itachi: Eu trouxe seu champanhe madame, não seque minha cerveja. - Eu rio -  

Hinata: Eu disse que não podia beber mais. 

Itachi: Quando você come precisa beber, é a lógica, ainda mais pipoca. - Dou de ombros pegando minha garrafa de volta da mão dela -  

Aos quarenta minutos de filme ela já bebeu toda a garrafa de champanhe e chegou a melhor parte onde Chev vai ganhar uma recarga de adrenalina fazendo sexo com a Eve no meio de uma partida de corrida de cavalos, Hinata morde o lábio assistindo a cena vidrada em silencio então ela puxa a almofada que estava entre nós para cima do seu colo, ela esta tão fofa com as bochechas coradas que não tem como eu não provoca-la, ela é diabolicamente perfeita demais. 

Itachi: Hina. - Eu a chamo, mas ela continua vidrada no filme -  

Hinata: Hum? – Ela geme em resposta - 

Itachi: Hipoteticamente falando se eu precisasse de uma recarga de adrenalina o que você faria?  

Hinata: Hipoteticamente? – Ela olha pra mim – 

Itachi: sim, hipoteticamente... você me odeia o suficiente pra me deixar morrer ou hipoteticamente não me odeia tanto a ponto de cavalgar em mim em meio a um hipódromo?  

Um sorrisinho de canto aparece no rosto dela e eu me divirto com sua reação.  

Hinata: Eu sou obrigada a responder?  

Itachi: É! Acho que sim. – Eu passo o braço por trás dela no encosto do sofá me aproximando dela – Eu realmente quero saber sua resposta.  

Hinata: Hipoteticamente falando, se eu fosse sequestrada pela máfia russa você me resgataria igual em carga explosiva? – Ela sorri divertida – Sabe enfrentar 4 caras e mais um grandalhão não foi fácil para o Jason Statham... - Ela puxa a garrafa da minha mão tomando outro gole da minha cerveja - 

Itachi: Eu acabaria com os cinco bem mais rápido e sem pensar duas vezes, se fosse por você. – Eu falo rapidamente com a certeza convicta da minha resposta sentindo o impacto das minhas palavras sobre mim - 

Hinata: Sabe... Eu não curto muito esse negócio de sexo em público...  

Ela da uma risadinha e eu fecho os olhos jogando a cabeça para trás no encosto do sofá desapontado, então eu a sinto se mover no sofá e abro os olhos ao tempo de vê-la montar em meu colo.  

Itachi: O que você está fazendo?  

Hinata: Te respondendo.  

Ela pousa as mãos sobre o meu peito e se deixa sentar em meu colo, eu cerro o maxilar sentindo a bunda dela pressionar a minhas coxas e me seguro para não me mover contra ela. 

Hinata: Eu disse que não curto, mas não disse que não o salvaria Uchiha!  

Itachi: Hinata! - Eu a repreendo - O que eu te disse sobre me chamar assim? Não brinca comigo... - Minha voz é baixa e eu sinto o efeito que ela causa arrepiando a pele dela -   

Hinata: Você não vai fazer nada! Você teve a chance de fazer duas vezes e não fez! Porque você me respeita e isso é fofo! - Ela fala passando a mão entre meus cabelos e eu quase rosno quando a unha dela roça a minha nuca - 

Itachi: Eu não sou fofo! Você está bêbada e sentada em meu colo, não está nem um pouquinho preocupada? - Eu falo aproximando minha boca da dela a provocando - 

Hinata: Eu estou entediada... - Ela se curva para trás se afastando quase caindo, mas eu a seguro pela cintura. - 

Itachi: Cuidado.  

Hinata: Ops! - Ela ri pegando o controle e desliga a TV, então se endireita em meu colo. - 

Itachi: Hinata você precisa sair do meu colo ou então parar de se mexer, os dois não dá! - Eu aperto a cintura dela a mantendo parada -  

Hinata: Porque eu não posso fazer isso Uchiha? - Ela me provoca mexendo o quadril em direção ao meu friccionando sobre o meu membro já duro. - 

Itachi: Hinata você está indo longe demais, não vai poder me culpar depois se eu passar dos limites!  

MAS QUE MERDA EU ESTOU FAZENDO? PORQUE EU NÃO A AGARRO DE UMA VEZ? Eu estou tão louco com ela se mexendo em meu colo que chega a ser doloroso, porque diabos eu estou preocupado com o que ela vai pensar se eu fizer algo! Que inferno! Eu estou parecendo um daqueles varjões da faculdade, o Deidara com certeza me zoaria ate a morte se me visse agora! 

Hinata: Uchiha! Uchiha! Uchiha! Quantas vezes mais eu vou ter que falar pra você em fim fazer alguma coisa? Você só fala não é mesmo? – Ela ri fraco enrolando minha franja em seu dedo enquanto mexe o quadril – Você não tem coragem! Desde o começo você só estava brincando comigo...  

Ela se curva em direção ao meu ouvido e sussurra enquanto desliza a mão sobre o meu abdômen.  

Hinata: U-Chi-ha!  

Itachi: Chega! Agora você vai ver garota levada!  

Eu a seguro pela cintura a erguendo do meu colo e a deito no sofá me deitando em cima dela entre suas pernas.  

Itachi: Essa é a última vez que você me desafia e se amanhã você me odiar por isso que seja! Mas se lembre que a culpa é toda sua!  

Eu seguro as pernas dela e pressionou meu membro duro contra ela.  

Itachi: Você me deixou excitado pra caralho rebolando em cima de mim e dormir assim vai ser um inferno! - Eu falo entre dentes e ela geme de surpresa mordendo o lábio então eu saio de cima dela a deixando deitada e pego minha camisa que está no outro sofá. 

Hinata: O que foi? - Ela me olha sem entender - 

Itachi: O que parece pra você? - Eu falo vestindo minha camisa - 

Hinata: O que parece é que você estava brincando comigo ate agora! Veio aqui em casa me rodeando e cercando, me provocando! Você não quer realmente ficar comigo, eu não passo de um jogo pro seu ego! Não é?    

Itachi: Você ao menos está se ouvindo Hinata!? Você não está sóbria! Você nunca falaria isso pra mim se estivesse!  

Hinata: Eu não te entendo!? Você ficou me enchendo o saco se insinuando pra mim e agora que eu estou literalmente em cima de você, você não quer!? Vai se ferrar Uchiha! 

Itachi: Eu não vou transar com você só para facilitar as coisas e você ter em quem jogar a culpa depois, eu não sou esse tipo de cara! - Eu estou para sair, mas paro e aponto pra ela - Quando transarmos vai ser porque você quer! E não se engane porque você sabe muito bem que isso vai acontecer é inevitável! Nós dois sabemos o que está rolando aqui Hinata e eu não vou facilitar pra você! 

Eu saio da sala e em seguida da casa dela, subo na minha moto e vou para minha casa. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...