História Ich liebe dich. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Manuel Neuer, Thomas Müller
Personagens Manuel Neuer, Thomas Müller
Tags Alemanha, Bayern, Drabble, Futebol!, Manuel Neuer, Neuller, Thomas Muller
Visualizações 80
Palavras 321
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drabble, Drabs
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - .one shot


Se você fosse a cidade pacata que meu eu estrangeiro deseja cruzar, se eu pudesse aprender teus idiomas, descobrir todas as tuas fronteiras em cada partícula de terra, eu ficaria para sempre. Eu me tornaria um habitante de você. Almejaria conhecer todas as tuas extremidades e deslizar pelos teus quilômetros de solo como quem encontra a nudez da derme pela primeira vez. Pousaria nas tuas culturas, nos teus lugares desfalecidos, nas tuas áreas mais sutis que fossem pequenas demais a olhares ligeiros, te mostraria como cada canto da tua superfície é mais bonito que a colisão das galáxias, Manuel.

Você é todas as minhas estrelas em sincronia, a particularidade dos buracos negros que eu não compreendo (mas essa sempre foi a maior beleza deles), as cores apolíneas de andrômeda, os detalhes do pôr do sol por quais meu olhar ama percorrer e eu ainda preferiria percorrer os teus.

Minha alma dança como quem escuta a música favorita numa primavera fria quando te beija, e amar parece uma palavra pequena demais pra descrever os momentos em que você sonda meus planetas ainda não descobertos.

Eu sei que sempre faço questão de mencionar a mansidão do universo quando escrevo mesmo que a física seja a maior parte das incógnitas que eu ainda não consegui definir porque é quando percebo que você é grande demais para caber somente em analogias mundanas.

Você é o universo mais bonito que eu já testemunhei, Manu, o espaço-tempo que eu tenho a dádiva de poder tatear, os planetas e as cidades por quais minha visão sempre ama discernir.

Tu é a junção das coisas mais excepcionalmente bonitas que eu já tive a sorte de sentir e ainda suspeito sermos as ruínas enlaçadas de uma mesma estrela.

Eu sempre vou querer continuar redescobrindo todos os confins das tuas cidades, dos teus planetas anões e todos os limites da tua derme até que você perceba que é fascinante demais para ser desvendado só por uma vez.


Notas Finais


eu acho que estou amando alguém kkkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...