História I'm a crybaby - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Melanie Martinez
Personagens Personagens Originais
Tags Crybaby, Melanie Martinez
Visualizações 3
Palavras 1.265
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oioi desculpem o sumiço da pessoinha aqui, não tenho motivos , mais o spirit não tava postando o cap então decidir dá um tempo bjs nenês desculpa mesmo.

Capítulo 3 - Sangue ainda mancha os lençóis - Sippy cup


Fanfic / Fanfiction I'm a crybaby - Capítulo 3 - Sangue ainda mancha os lençóis - Sippy cup

PEDRO - Ok , t-tchau Cry Baby , até .. Mais nunca.
CRY BABY - Tchau. ( 
Respondi Seco. Eu tô pouco me fodendo pra quem tem pena de mim não pedi pra ninguém ter, não pedi pra nascer nessa família asquerosa. ) 
Fui dormir... 
                                                                            4 Horas depois...
Eu fui tomar banho por que era hora do jantar, Tomei banho ( AUTORA: porra claro que tu fui eu acabei de dizer. ) Escovei os dentes é fui pro meu quarto me vestir, Coloquei meu vestido preto de bolinhas brancas é minha meia com desenhos de sorvetes é minha sapatilha preta 
Deixei meus cabelos simétricos ( um lado rosa é o outro preto ) Solto. é desci para tomar café cheguei lá só tinha meu pai. 
PAI DA CRY BABY - Oi filha bom dia. 

CRY BABY - Pra você né?
PAI DA CRY BABY- Nossa filha, Sim pra mim sim, O que aconteceu para não ser para você?
CRY BABY- Pai para, Não tem ninguém aqui para de fingir ok? Sei que tá se fodendo para o que acontece com minha vida de merda.
PAI DA CRY BABY - Ah tá, Não ligo mesmo. Pensei que tinha algum amiguinho seu, Mais quero que me conte fala logo.
CRY BABY- Não tenho amigos é quando fui ter minha vocês acabaram com minha chance de ser social.
PAI DA CRY BABY - Melanie Adele Martinez ! 
CRY BABY - O que é? A verdade dói ?
PAI DA CRY BABY - Querida, O seu amig-- 
( O interrompi ) 
CRY BABY - Ex, ex-amigo, vocês estragaram tudo.

PAI DA CRY BABY - Porra deixa eu falar, Seu AMIGO viu o que? É dai o que visse se ele queria ser seu amigo deveria ir falar com você é não ser um garotinho "alfabeto" vamos dizer assim, PARA com ilusões garota, se toca. Você um dia só vai ter amigos quando mudar sua vida. O que não vai acontecer por que você Nasceu já, Infelizmente, Para com drama menina agora cala a boca que é vem sua mãe.
( Aquilo doeu, Meu pai dizendo que eu só teria amigos se eu morresse praticamente. Filho da puta. ) 
Minha mãe desceu incrivelmente linda, é ela estava sã meu irmão? já fumou uns sim hoje CERTEZA. 
MÃE DA CRY BABY - Bom dia.
Todos : Bom dia ( Exceto eu. )
MÃE DA CRY BABY - O que foi Cry baby? 
CRY BABY-  Foda-se ninguém liga ( 
Bufei )
PAI DA CRY BABY - Amor , hoje vou fazer plantão o cara que ia fazer decidiu ficar doente logo hoje ( bufou ) Ai como eu ia fazer amanhã mesmo, O chefe mandou eu ir hoje. 
MÃE DA CRY BABY-  Ok querido, ver se não apronta hein. 
( Não, imagina só vai dar uns amassos enquanto você bebe é fica esperando trouxa. ) 
CRY BABY - Não conte com isso.

MÃE DA CRY BABY- PORQUE? - ( Minha mãe tava com uma expressão de dúvida , é eu só balancei a cabeça em sinal de negação Kkkk ) 
PAI DA CRY BABY- Querida já vou, Beijos. ( Ele tentou me dar um beijo na bochecha apenas dei o dedo do meio quando ele foi beijar. ) 
BROTHER DA CRY BABY - A maninha hoje tá fuck Hahahaha. ( Porra tô mesmo então cala a boca irmãozinho ,Coloquei o dedo do meio na boca é depois tirei dando pra ele. ) 
                                                                                     P.O.V.S PAI DA CRY BABY ON 

Fui pro ponto da cidade esperando a Aurora vir me buscar , pra quem não sabe ela é minha amante. Eu hoje tenho férias é disse que teria plantão pra me livrar da minha mulher é ela acreditou logo ligo pra Aurora.
                                                                                           LIGAÇÃO ON
AURORA - Alô?
PAI DA CRY BABY - Oi nenêm , já ta vindo me buscar? ( 
dei um sorriso malicioso ) 
AURORA - Ah, sim gatinho. Tô na frente do parque vem aqui. 
PAI DA CRY BABY - Ok gatinha. 

( Chegando lá vejo ela acenando pra mim é botando o dedo na boca , sexy. ) 
Pai da cry baby - Oi gostosa.
AURORA- Oi gostoso. 
PAI DA CRY BABY - Vou entrar. ( 
entro no carro é fecho o vidro, Coloco ela de quatro é penetro. )
AURORA- Ahn... - D-d-d-devaa- ooh, a-q-qui não ahn.
PAI DA CRY BABY - Ok , ok. ( 
Affs ). 
fomos no hotel é transamos gozamos muito. Vamos pra casa terminar é conversar. 
                                                     5 HORAS DEPOIS 20:00 
                                                           P.O.V.S CRY BABY

( Tava compondo uma música. É o nome dela vai ser Sippy cup tradução: Mamadeira. Ouço um caralho de vozes é passos no corredor é vou ver no buraco da porta. )
??? - Então gatinho, o que você disse pra idiota da sua mulher?
PAI DA CRY BABY - Eu disse que teria plantão , mais chamaria mais de plantão sexual haha
??? - É ela?

PAI DA CRY BABY - E ela? Acreditou como sempre , é sempre acreditará daqui a pouco virará uma arvoré aquela alcoolatra inútil. ( Aquilo me destruiu, Como ele pôde falar isso de minha mãe? Quem ele acha que é ? Ela é alcoolatra mais isso não significa que ele não tem que ter respeito com ela. ) 
??? - Nossa sua mulher é muito burra ( a mulher de cabelos longos é loiros se beija com meu pai, É era a amante dele. Merda. ) 
PAI DA CRY BABY - É, vamos continuar nosso trabalho? Acho que sim né vamos. ( ele a carrega é vai para o quarto , que nojo.) 
       Me deito na cama é ouço passos dessa vez.
( Olho é vejo minha mãe deitada no sofá com uma garrafa de vodica. )
                                                                                                   P.O.V.S MÃE DA CRY BABY
Tava cochilando é ouço gemidos, Quem será? A Cry baby não a idiota nem tem amigos... O meu filho? Só se for trasando com as drogas dele.
Decidir ir seguir os gemidos , segurando nas coisas óbvio tava loucona de vodica. Porra? meu marido no quarto dele? É o plantão ?ele não seria capaz. Quando abro a porta... Puta que pariu. Meu marido me traindo com uma vadia.... 
MÃE DA CRY BABY - QUE CARALHOS TÁ ACONTECENDO AQUI? 
??? - Você sendo gaiada , tá vendo não querida? 
PAI DA CRY BABY - MENTIRA AMOR!! É-e ESSA LOUCA ENTROU NO MEU QUARTO É.. NÃO SEI ELA ME DOPOU ... É ISSO ELA ME DOPOU. 
MÃE DA CRY BABY - CONTA VADIA O QUE TÁ ACONTECENDO AQUI , FALA LOGO SUA VADIAZINHA DO CARALHO ME CONTA AGORA! ( 
vocês podem achar que sou louca por achar que essa vadia vai falar , mais ela vai falar sim. A enforquei até ela gemer de dor , de muita dor mesmo. )
??? - TÁ BOM EU CONTO , agora me larga alcoolatra. ( Oi?? ela me chamou de alcoolatra! Isso me fez chorar muito então dei um soco nela é nele é os dopei. Amarrei eles é fiquei andando pra lá é pra cá. ) 
                                                                                        P.O.V.S CRY BABY ON
eu ouvi gritos, é desci , óbvio. Porra. What fuck ? Minha mãe com uma faca na mão é meu pai é a amante amarrados, Mano do céu!
Ela os matou! na minha frente! merda! é agora? Eu ia andar só que eu cai é fez um barulho alto demais eu ia fugir, minha mãe me viu é foi até mim calmamente é depois brutamente colocou um pano na minha boca me sufocando me levando até um quarto! ela me dopou é tudo ficou... preto. 

 


Notas Finais


Espero que gostem novamente desculpa.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...