História "I'm fine" - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Visualizações 25
Palavras 647
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Festa, LGBT, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Pov Luíza

Capítulo 4 - "Friends"


Fanfic / Fanfiction "I'm fine" - Capítulo 4 - "Friends"

9 de julho de 2015...


Letícia fez aniversário alguns meses atrás, e me convidou para comemorar o seu dia junto dela e suas amigas. Eu fiquei feliz... Fiz amizade com uma das amigas dela, Luana. E hoje, eu quem farei 12 anos. Irei convidar ela e Letícia para a resenha que farei hoje aqui na minha casa.

Minha irmã estava me ajudando em tudo, desde enfeites as bebidas. Meus pais iriam sair hoje de tarde, e só voltariam no dia seguinte pela noite. Estava mais para uma resenha escondida.

Eu estou muito animada! Convidei alguns meninos da minha sala, e é claro minha amigas...

Minha situação com Letícia era ainda o que podemos chamar de “amizade", nós voltamos a conversar mais, fomos algumas vezes no shopping. Só que eu percebi, que ela não era mais a mesma, o seu estilo havia mudado, sua personalidade também. Ela que chegava a ser tímida em alguns momentos, se mostrava mais madura e comunicativa se assim posso dizer...

Luana, parecia me entender. Nos tornamos muito próximas, chegamos a ir no shopping também o jeito dela é meio louca, que nem eu. Confesso que no dia que saímos, compramos várias coisas e pegamos contatinhos de alguns garotos...

*20:00*

A maioria do pessoal que eu havia convidado já tinha chegado, já estavam bebendo a música já estava nas alturas, todos conversavam, algumas amigas minha estavam já nos cantinhos da casa com algum menino, mas Luana não pode ir, e Letícia só estava no celular. Me desejou parabéns e mais nada, aquilo já estava me irritando.

- Letícia, não vai beber não? – perguntei enquanto tentava ver com quem ela falava tanto naquele celular.

- Já bebi uns dois ou três copos de energético. – respondeu.

- Só isto? Por que não pega um pouco de vodka? – perguntei.

- Melhor não, amanhã eu tenho que estar cedo em um lugar e não quero acordar mal.

- Bebe só um copo, pela nossa amizade. – disse enquanto bebia um pouco de vodka que ainda tinha em meu copo.

- Será que você não está bebendo demais? Você fez 12 hoje. Não era nem para estar bebendo nada nessa festa. – disse.

- Relaxa, eu to bem. Não vai beber nem pela nossa amizade? – perguntei .

Letícia logo tirou o copo que havia em minhas mãos e bebeu. Logo se retirou para um outro canto da festa. Então resolvi ficar na rodinha com os garotos... Na verdade, perto do Lucas que é o garoto que eu gosto desde a quinta série. Fiquei com ele, e perdi a conta de quantas bebidas eu já havia entornado...

Eu poderia estar imaginando, mas Letícia estava prestando atenção em cada coisa que eu fazia, não tirava os olhos de mim... até que ela veio a mim, segurou meu pulso e me levou para um outro ponto da casa onde ficamos sós.

- Ai, o que foi? – perguntei.

- Acho melhor você parar de beber, e terminar logo com essa resenha. – disse Letícia.

- E por que eu faria isso?

- Porque eu sinto que você deveria fazer isso.

- Aposto que deve querer isso só porque... – eu devo mesmo dizer isso? – só porque você não está se enturmando com meus amigos! – falei.

- Hã? Você chama o pessoal dessa resenha de amigos? Se eles fossem mesmo seus amigos, não te dariam bebidas. Estariam se preocupando com você, como estou agora.

- E quem disse que eu preciso de sua preocupação? Eu estou ótima!

- Eu estou tentando te proteger.

- Eu não preciso da sua proteção! Desde quando se tornou tão chata heim?

Após eu dizer aquilo, Letícia abaixou a cabeça me deu tchau e foi embora. Não sei se foi minha imaginação ou pelo efeito do álcool, mas tive a impressão de ter visto uma lágrima descer pelo seu rosto e aquilo apertou meu coração. Eu não deveria ter dito aquilo para ela...





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...