1. Spirit Fanfics >
  2. I'm need you! >
  3. O perigo se aproxima.

História I'm need you! - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Boa noite ou bom dia,dependo de qual horário vcs estão lendo,espero que gostem!

Capítulo 3 - O perigo se aproxima.


Fanfic / Fanfiction I'm need you! - Capítulo 3 - O perigo se aproxima.

Asta estava comendo,junto dos touros negros,a comida que Charmy tinha feito para eles,mas uma deles ainda não tinha se recuperado de seus ferimentos. A princesa Noelle já tinha recuperado grande parte da mana,mas tem que ficar algumas hora de repouso...

Noelle On

– A Vanessa é melhor que a minha própria Irmã,que irônico. Ela me ajudou quando eu estava fraca,vou agradeça-la depois,o Asta também,ele me salvou. Mesmo ele sendo um total idiota,ele tem um jeito marcante de tocar a pessoas,acho isso incrível! Fala Noelle 

Até que Vanessa entra no seu quarto sem bater e ouve uma parte da frase.

– Quem é incrível,Noelle? Pergunta Vanessa.

– N-ninguém e por que você entrou sem bater.

– Ah desculpa,é que eu me acostumo rápido com as coisas. Depois que você apagou,eu tive que sair e entrar desse quarto para ver o seu estado. 

– D-d-desculpa o incômodo. Diz Noelle corada.

– Hahaha! Não precisa se desculpar,eu cuidei de você por vontade própria e também me dava dó ver o pirralho daquele jeito.

– Que jeito?

– Ele ficou bastante preocupado,sempre ficava me perguntando sobre qual era o seu estado.


Noelle ficou um pouco surpresa com a declaração repentina de que Asta ficara preocupado com ela e também o pouco vermelha.

– Ora ora,não vai me dizer que o pirralho mexeu com o seu coração.

– É c-c-claro que não!

– Hihihi! 

Noelle começa a se acalmar da pergunta que Vanesa fez,se ela sentia algo pelo seu "amigo". Ela não sabia se tinha sentimentos por ele,mas com o tempo certamente o amor iria florescer.

– Mas Vanessa,por quanto tempo eu dormir?

– Hum... Uns 4 dias.

– Hum,ok... Obrigada!

– Se precisar se alguém é so me chamar – Diz Vanessa se aproximando do ouvido de Noelle – Ou quem sabe,talvez você chame o seu querido Asta.

– V-v-vanessa!!

Vanessa apenas ri e vai embora fechado a porta,deixando a princesa dos touros negros  vagando pelos seus pensamentos,acabado assim,adormecendo. Dessa vez o que ela teve não foi um pesadelo,e sim um belo sonho.

– Ue,onde estou? Pergunta Noelle.

– Noelle,você chegou! Como foi o passeio com os seus irmãos? 

Noelle se vira e ve a sua mãe parada na frente do Palácio Real,com os braços apertos para abraçar Noelle,assim como qualquer outra mãe faria com os seus filhos.

– M-mãe? Noelle estava começando a chorar e foi de encontro com os braços de sua mãe. – Como eu senti a sua falta... Mãe!

– Calma minha querida,você já está em casa.

– Você me promete que nunca irá mais me abandonar?

– Eu claro minha filha,que tipo de mãe seria eu se ti abandonasse.

– Obrigada... Mãe!

A filha adormeceu no colo de seu mãe,ali mesmo,no chão de frente ao Palácio...


...

– Noelle? Noelle? Pergunta alguém batendo na porta.

– Hum... Quem é? 

– É o Asta!

– A,pode entrar. Eu estava tendo um sonho maravilhoso,espero que seja um bom motivo para entrar no meu quarto.

– Pode apostar que é bom o motivo.


Asta então entra no quarto de Noelle,mas a princesa tinha esquecido um detalhe. Ela só estava de pijama e odiava se alguém a visse assim.

– Iai Noelle,como você está? Pergunta Asta.

– Eu to bem,obrigada por perguntar. Diz Noelle se levantando.

– Que bom! Eu trouxe uma comida que a veterana Charmy fez. Diz Asta tirando de suas costa uma bandeja cheia de comida.

– Pode colocar ali. Diz Noelle apontando para o criado-mudo.

– Okay! Diz Asta colocando-a no criado-mudo. – Nossa! Eu gostei desse pajima,ficou bonito em você.

– Que pijama? Noelle estava confusa.

– A Vanessa te trocou enquanto você dormia.

Noelle lentamente olhou para as suas roupas e rapidamente ficou vermelha. O pijama que ele estava usando era de gatinhos,o animal preferido dela,mas ele tinha muita vergonha disso.

– Noelle?

– S-s-seu pervertido!! Diz Noelle atacando Asta e o jogando para fora do seu quarto.

– O QUE EU TI FIZ?!

– Aquela Vanessa,será que ela...? – Pensa Noelle. – NÃO VOLTE ATÉ EU ME ARRUMAR!! SEU ESTÚPIDO!

– SÉRIO O QUE EU FIZ?!

...

Noelle estava em seu quarto mais calma e foi para a área de lazer dos touros negros,onde encontra Vanessa bebendo.

– O que aconteceu? Eu vi o pirralho voando.

– N-n-nada de mais. Diz Noelle corada.

– Hum... Okay! Todos os outros membros foram embora. Ou eles estão em missão,ou estão comprando algo ou estão andando po aí. Só tem nós três aqui.

– Três?

– Sim! O Nero está na sua cabeça,não percebeu? Ele esteve com você o tempo todo enquanto você estava dormindo.

Noelle pega Nero da sua cabeça e começa a acaricia-lo.

– Você é um bom garoto,diferente do seu dono. Aliás,cadê aquele estúpido? 

– O pirralho está treinando lá fora com a sua espada.

– Hum...

– Está preocupada?

– E-e-eu?? JAMAIS,HUMPF!!

– Você fica muita fofa quando está vermelha. 

Noelle estava mais vermelha que um tomate,naquela ocasião. Ela realmente não sabia o que sentia pelo Asta.

– E-e-eu cou c-caminhar um pouco. Diz Noelle se levantando e colocando Nero na sua cabeça.

– Asta foi para aquele lado. Diz Noelle apontando para uma direção aleatória.

– E-eu n-n-não me importo.

...

Asta on

O mago sem magia estava treinando todas as partes do seu corpo e movendo a sua espada,para ter mais facilidade quando for usar ela. Como já estava ficando cansado,resolveu voltar para a base.

– Nossa! Dessa vez eu treinei bastante,vou voltar!

Asta estava andando calmamente em direção a base quando viu uma certa garota albina de olhos roxos. Noelle estava de costas para Asta,que resolveu perguntar:

– O que está fazendo aqui,Noelle?

Noelle não se virou,pois já tinha reconhecido a voz do seu companheiro de esquadrão.

– Eu só estou olhando essa flores. Responde Noelle ainda de costas para o Asta. –Minha mãe gostava dessa flores.

– Hum... Você já está bem? 

– Sim,já melhorei,só foi um susto!

– Que bom! Você sabe onde está o Nero?

– Ele está aqui. Diz apontando para a sua cabeça.

Nero foi voando para a cabeça de Asta.

– Ele gosta de você.

– Sim! Ele também gosta de você!

– S-s-sim!

– Okay,tchau! Tenha cuidado!

Noelle estava colhendo algumas flores quando sentiu,no seu peito,um forte incômodo,como se algo de ruim fosse acontecer.

– O que será isso? Pergunta a princesa.

...

– Então vocês falharam de novo? Pergunta uma voz assustadora.

– S-s-sim mestra.

– Vocês são uns inúteis. É melhor eu me livrar de vocês três. Diz a voz acumulando uma energia na mão.

– E-e-espera mestra,nós de m-m-mais uma chance.

– Vocês falharam em ferir uma menina,em que vocês seriam úteis? 

– A m-m-mestra podia n-n-nós emprestar u-um p-p-ouco da sua força.

– Hum... – Diz a voz pensando um pouco. – Okay,eu vou dar uma parte do meu poder. Mas talvez vocês mais aguentem o meu grandioso poder.

– Nós aceitamos mesmo assim,t-tudo para agradar a nossa mestra. 

– Okay,depois não digam que eu não avisei.

A voz então lança três partes do seu poder naqueles seus servos.

– NÃO... AGUENTAMOS MAIS... ESSE PODER!! Os três gritaram.

– HAHAHAHA! VOCÊS NÃO QUERIAM O PODER,POIS ENTÃO! ESSE É O MEU PODER... O PODER DE MEGÍCULA!

Os três explodiram explodiram,expandindo grande quantidade de sangue.

– É isso que merecem pode falhararem comigo. Agora,quem são os próximos? Diz Megícula se referindo a multidão que lhe procurava em busca de poder.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...