História "I'm very dangerous" - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki
Visualizações 6
Palavras 559
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura📚

Capítulo 1 - Ep 1 : Um novo pesadelo.....


Fanfic / Fanfiction "I'm very dangerous" - Capítulo 1 - Ep 1 : Um novo pesadelo.....

×HARUMI ON×


Oi.....Meu nome é Harumi eu tenho 16 anos...e eu vou contar um pouco da minha história.....Bom eu nunca conheci meus pais,mas também nunca sentir falta deles.....Eu cresci em um orfanato e lá eu nunca tive nenhum amigo ou pelo menos alguém que se importasse comigo,na verdade as pessoas de lá tinham medo de mim....Porque?,Eu era....."estranha"....."defeituosa"...."vazia"...."Morta',ou era oque todos falavam....Quando eu completei 12 anos eu fui adotada por um homem que parecia bem simpático,Mas a simpatia dele acabou em alguns,Ele era.....como eu posso dizer ,totalmente insano,ele começou a fazer experiências comigo,experiências que me matavam aos poucos.....E quando eu completei 16 bom digamos que eu virei a "Pessoa" perfeita ou no caso a "Arma" perfeita,Uma pessoa totalmente sem sentimentos,sem dores......A assasina perfeita....E ai que começa meu novo pesadelo.

×NARRADORA ON×

A jovem estaria sentada desenhando em sua escrivaninha que localizava em seu quarto que além de ser enorme era um "pouco" sombrio com quase tudo(exceto sua cama e sua penteadeira)na cor preta ou em tons similares,Quando alguém abre a porta do quarto fazendo imediatamente a jovem olhar para a pessoa que abriu a porta.

-O mestre está te esperando na s-sala

Diria uma moça meio baixinha abaixando a cabeça e usando uma roupa tradicional de empregada,A jovem respiraria fundo se levantando da sua escrivaninha e indo em direção a porta logo passando na frente da empregada a olhando de canto com um rosto neutro porém com um olhar muito intimidador,Logo indo em direção a sala.

Logo que chegaria na sala Harumi daria de cara com o seu "criador" sentado em um sofá muito chique com uma taça de vinho (ou oque seja )rodeado por empregadas com o mesmo uniforme.

-Minha querida filha sente-se aqui comigo.

O homem daria um sorriso olhando a jovem e tomando um gole da bebida que estava na taça.

-Fale logo oque você quer.

Harumi crusaria os braços encarando o homem com um olhar assassino pois odiava ser chamada de querida,filha ou qualquer apelido feito por seu "criador",O homem daria sua taça de vinho pra uma de suas empregadas logo mudando sua expressão para um rosto sério e meio intimidador.

-Você vai ser noiva.

-Q-que?!

Harumi falaria em um tom totalmente irritada quase atacando o homem,Logo o homem dar um sorriso de lado.

-Vai logo se arrumar minha querida

(....)

A jovem e o homem estariam dentro de um limusine (bem luxuosa por sinal),Eles estariam viajando há cerca de 5 horas sem dar uma palavra afinal nenhum dos dois se gostam apenas se toleram.

Depois de realmente muito tempo os dois chegariam em uma mansão enorme que parecia ter umas 1.000 janelas no mínimo com um lindo jardim de rosas vermelhas que nem sangue,Logo chamando a atenção da garota,Assim que chegaram na mansão foram recebidos por um garoto alto de terno e óculos com um olhar frio para a garota que estava com um rosto sem esboçar nenhuma reação.

-Quanto tempo Reiji 

-Digo o mesmo Hisoka

-Bom Haru querida esse é meu amigo Reiji,Reiji essa é minha filha Harumi

Harumi olharia Reiji com um olhar frio e intimidador logo crusando os braços,Reiji olharia pra garota com um olhar de ameaçador logo arumando seus óculos.

-Ela é sempre assim,me desculpe,Mas preciso ir agora,cuidem bem dela ,Adeus

O homem diria se virando e indo embora deixando Harumi e Reiji.....


Continua....






Notas Finais


=_=Preguiça ataca novamente


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...