História Imaginário: O psicopata e a nerd - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Personagens Originais, Ryan Butler
Tags Babyyoongiz, Justin Bieber
Visualizações 439
Palavras 474
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


♤ Primeiro, estamos tão longe dos 100 ;-; será que eu consigo novamente?

♤ Aproveitem esse capítulo, acho que estava devendo a todos.

Boa leitura...

Betagem por ~BabyYoongiz

Capítulo 17 - Dreams


Fanfic / Fanfiction Imaginário: O psicopata e a nerd - Capítulo 17 - Dreams

Point Of View Clara Santori

Sua mão descia e subia pela curvatura de meu corpo me trazendo certos prazeres que nunca havia sentido em toda minha vida.

Suspirando pesadamente envolvo meus braços em cintura e logo começo a arranhar seu tronco já nu. Sentia que a qualquer momento meu coração iria saltar pela minha boca pela velocidade que o mesmo batia.

- Gostosa.

Ele falava coisas obscenas em meu ouvido, sua voz extremamente rouca piorava mais minha situação.

Sinto uma de suas mãos ágeis irem de encontro com minha parte íntima por debaixo de minha saia, afasta minha calcinha para o lado e logo introduz dois dedos em meu interior, me fazendo arfar alto.

- Jusstiiinnn.

Sentia todo meu corpo se contrair com cada toque seu, olhava para tudo com um desejo enorme, desejo de ser possuída por ele, eu precisava, necessitava dele naquele instante, agora.

Com investidas lentas e torturantes ele começou a fazer um vai e vem com seus dedos em minha intimidade, mas logo os retira ganhando um resmungo de minha parte.

- Calma pequena - fala.

Justin roubo-me um selinho e logo em seguida atacou meu pescoço, intercalando entre beijos molhados e pequenas mordidas, que, obviamente, mais tarde ficaria uma marca evidente. Mas não ligava, naquele momento mais nada importava.

Bieber aperta minha cintura e puxa para mais perto de seu corpo, deixando uma mordida em meu ombro nu, pois o rapaz em cima já havia retirado minha blusa me deixando somente com minha saia e minhas peças íntimas.

- Jus-Justin não tortura - imploro em meios aos gemidos.

Vendo o quanto eu estava necessitada ele para com suas carícias e com um movimento rápido o mais velho retira meu sutiã fazendo meus peitos pequenos saltarem desejando que ele os castigue e é isso que Drew faz no momento seguinte.

Mordiscava ambos os dois, apertava um enquanto o outro ele estava ocupado com sua boca, uma verdadeira loucura e luxúria.

Cansada de somente o vê-lo me proporcionar prazer eu inverto as posições ficando por cima de seu corpo, sentada em cima de seu membro para ser mais exata. Com um sorriso malicioso no rosto eu começo a me movimentar em ondas circulares no seu colo o vendo tombar a cabeça para trás pela sensação que que ambos estavam a sentir.

- Continua assim ah.

Justin me segura pela cintura me estimulando a continuar com os movimentos, rebolava e até mesmo cavalgava as vezes em seu colo, sentia que a qualquer momento iria ter um orgasmo antes mesmo de ele ter me penetrado e aquilo era um perdição para mim.

- Wow Justiinnn.


- JUSTIN.

Acordo ofegante e extremamente suada, não acreditava que tinha sonhado com o Bieber, ainda mais um sonho erótico, eu definitivamente estava ficando louca.

Mexo-me na cama sentindo um desconforto entre minhas pernas, droga estou molhada.

Suspiro, ligo a luz do meu abajur e me endireito na cama ficando sentada na mesma.

- Eu posso resolver esse seu problema pequena.


Continua...


Notas Finais


Beijinhos de biscoito...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...