1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine - Naruto >
  3. Foi Inevitável - Naruto.

História Imagine - Naruto - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Foi Inevitável - Naruto.


-S/N, VAI COMPRAR A PORRA DO PÃO MINHA FILHA.-Mamãe gritou da cozinha, bufei e larguei o meu controle do Xbox e fui na cozinha pegar o dinheiro.

-É só pão?.-Perguntei a olhando com tédio, mas que merda. Só porque eu estava na melhor parte, que saco.

-Leite, ovos, pão, carne, refri, arroz, feijão.-Falou e eu peguei o dinheiro e saí batendo os pés, todo dia é isso. Parece que só tem eu nessa casa.

-EII-Escutei alguém gritar e olhei para trás, paralisei quando vi o garoto desconhecido vir até mim.

-Oi?.-Olhei confusa para o loiro que puxava a respiração com força tentando recupera-la.

-Você sabe aonde fica o Central Park?.-Perguntou me olhando nos olhos, acabei me perdendo no seu lindo oceano claros.-Oooii.-O loiro moveu a mão na frente do meu rosto e eu acordei.

-A-ah sim, é no mesmo caminho que a padaria, eu tô indo pra lá agora.-Falei um pouco envergonhada, não sei porque mas sinto que minhas mãos estão suando.

-Nossa, valeu. Eu sou novo aqui e acabei me perdendo.-Falou com um grande sorriso e colocando a mão atrás da nuca. Acabei deixando um pequeno sorriso escapar, ele é bonito.

Apenas concordei com a cabeça com as bochechas um pouco coradas e continuei a caminhar para a padaria, mas agora com uma companhia que na minha opinião, é perfeita.

-É só continuar esse caminho que você chega lá.-Falei apontando em direção ao Park. O loiro olhou para mim por um tempo e deixou um sorriso escapar. Merda, meu coração deu um solavanco agora.

-Prometo que algum dia irei retribuir o favor.-Falou e começou a andar de costas para o Central Park sem desviar o olhar do meu até não podermos nos ver mais.

Com um sorriso extremamente trouxa eu entrei na padaria.

-O que era pra comprar mesmo?.-Me perguntei olhando para dentro do local.

--//--

Se passaram dois meses e por algum motivo o loira ainda está na minha cabeça, em qualquer lugar que eu esteja eu acabo me perguntando como ele está, me pergunto se ainda se lembra de mim, talvez eu tenha me apaixonado? Idiota, eu sei, mas...foi inevitável.

-Você vai se atrasar pra escola.-Minha mãe falou e eu resolvi deixar a preguiça e ir pra escola.

--//--

-S/NNNNNN.-Arregalei os olhos assim que escutei a voz que não saia da minha cabeça, virei de forma rápida e pude deslumbrar a maravilhosa visão do Uzumaki parando em minha frente com um grande sorriso.

-Oi.-Sorri o olhando.

É, iremos nos encontrar muito ainda. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...