História (Imagine) Bakugou Katsuki - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Denki Kaminari, Eijirou Kirishima, Fumikage Tokoyami, Hanta Sero, Ibara Shiozaki, Iida Tenya, Katsuki Bakugou, Kyoka Jiro, Mashirao Ojiro, Midoriya Izuku (Deku), Mina Ashido, Momo Yaoyorozu, Personagens Originais, Shouta Aizawa (Eraserhead), Shouto Todoroki, Toru Hagakure, Tsuyu Asui, Uraraka Ochako (Uravity), Yagi Toshinori (All Might), Yuuga Aoyama
Tags Imagine
Visualizações 40
Palavras 600
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pensamentos da personagem serão marcados por "( )"

Capítulo 5 - Desculpa (mas eu não fiz nada)


Fanfic / Fanfiction (Imagine) Bakugou Katsuki - Capítulo 5 - Desculpa (mas eu não fiz nada)

No primeiro dia de aula tudo foi de ruim para pior. Eu estava na sala do garoto loiro, tive que ir para infermaria por causa de um surto que tive e no final irritei o mesmo garoto. 

Normalmente eu não me importaria em ter alguém me odiando porém, esse alguém está sentado do meu lado e parece perder a cabeça com tudo. Então por isso eu vou tentar me desculpar mesmo sabendo que a culpa não é minha. 

Eu cheguei no colégio mais cedo para juntar coragem e repassar todo o plano na minha cabeça no mínimo vinte vezes só para ter certeza que não vou estragar tudo. Quando entrei na sala só tinham algumas pessoas dentro e infelizmente o garoto loiro estava entre eles; plano A falhou, vamos ao plano B e o mais arriscado. Falar diretamente com ele sem repassar o plano vinte vezes. Eu estou morta.

Antes de me aproximar e respirei fundo e decidi que iria apenas me desculpar. 

Eu :" Hey..."

Quando eu tentei chamar sua atenção de forma pacífica ele olhou para mim com raiva como se eu tivesse roubado o cão dele!

Garoto: "O que foi?!"

Eu :"(é agora) me desculpe por ontem. Não queria causar problemas (mesmo eu não tendo!)

Ao terminar de falar o garoto olhou para mim e soltou um belo sorriso sarcástico.

Garoto: " E por que diabos eu deveria aceitar suas desculpas?!"

Alguém diminue o volume dele, por favor! Eu vou fingir que ele não está sendo um completo imbecil! 

Eu:" (Respira fundo,solta todo o ar e tenta não o matar!) Não quero ter rivalidades em sala de aula, especialmente com alguém igual a você."

Depois da última frase sua cara virou uma careta assustadora em menos de segundos.

Garoto: "O que quer dizer com isso?!"

Eu: "(AAAAAAAAAAAH) Eu vi você na prova prática! Eu não quero ser rival de alguém igual a você pois você é forte (ego sendo alimentado...)"

Essa frase parece ter o acalmado um pouco. Ego alimentado com sucesso! Acho que as coisas devem melhorar um pouco por agora. 

Garoto: " Parece que você não perdeu sua cabeça. Mas se realmente não quiser ter contas para acertar comigo você terá que me faz favores!"

Eu:" (com favores ele com certeza quis dizer ordens. E lá vou eu virar escrava para não ter rivais!) Ok, mas nenhum desse favores pode envolver machucar alguém.(por favor, concorda)"

Garoto: "Ok, tanto faz." 

Deu certo... DEU CERTO! Eu tô viva! porém agora sou uma escrava de alguém que eu nem sei o nome e que provavelmente também não sabe o meu. E eu como sempre vou ter que dar o primeiro passo.

Eu: "Acaso, meu nome é [Sobrenome] [Nome] e o seu?"

Bakugou: " Bakugou Katsuki."

Eu :"É um prazer" 

Eu nem vou me dar o trabalho de estender minha mão, eu sei que eu vou ficar esperando igual uma idiota. 

Depois de um tempo, eu saí da sala para agradecer o Hagime por mensagem. Não pude conversar muito com ele pois a aula ia começar então guardei meu telefone e voltei a sala. O resto do dia foi calmo e não recebi nenhuma ordem do Bakugou, o que me deixou preucupada e aliviada ao mesmo tempo. Quando cheguei em casa tomei um banho eu fui direto para cama. O dia foi mais longo e exaustivo que ontem então ao deitar na cama eu caí no sono profundo que eu esperava jamais acordar. Não quero ter que ver o Bakugou denovo ou ouvir seus frutos de raiva, no fim não me surpreendo por ele parecer não ter amigos. Espero que ele não seja tão ruim quanto ele parece ser, mesmo que não seja tão provável.


Notas Finais


Desculpa a demora ^^; estive ocupada esses dias.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...