1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine: Daryl Dixon por uma noite! >
  3. Por uma noite com Daryl Dixon

História Imagine: Daryl Dixon por uma noite! - Capítulo 1


Escrita por: _Favorite_Girl_

Notas do Autor


Espero que gostem, e me desculpe se tiver algum erro ortográfico.
Boa Leitura!

Capítulo 1 - Por uma noite com Daryl Dixon


Fanfic / Fanfiction Imagine: Daryl Dixon por uma noite! - Capítulo 1 - Por uma noite com Daryl Dixon

23:58


Os noticiários estavam loucos, tantas e tantas mortes, pessoas voltando a vida porém estando mortas ao mesmo tempo, "Fiquem em suas casas" evacuem a cidade, busque suprimentos! Isso está me deixando louca, já não sabemos o que fazer nessa situação, Daryl como teve uma vida "difícil" sempre se oferece para ir até a cidade para buscar suprimentos, enquanto ao seu irmão continua vendendo drogas como se dinheiro fosse ser útil numa situação dessas...Eu por outro lado apenas quero encontrar um lugar para estarmos a salvo.

Daryl- S/N no que você pensa tanto? - Ele deixava leves beijos em um de meus braços e então subia até meu pescoço, sua respiração era notável, e então seus lábios chegavam até minha orelha, assim o mesmo mordiscava meu lóbulo.

- Só estava aqui pensando....Eu posso te perder a qualquer instante sabe? E isso é o que eu não quero...- Dizia segurando um de seus braços ao redor de meu pescoço

Daryl- Isso não é verdade...Você sabe! S/N escuta, antes disso tudo nos alcançar, você eu, meu irmão, nós damos um jeito, fugimos fazemos nossas próprias regras mas me perder você não vai! Nós sempre damos um jeito...Agora tire esses pensamentos ruins da sua cabeça! - Dito isso ele me empurrava na cama suavemente fazendo uma trilha de beijos em meu abdômen.

- Isso faz cócegas!- Sorria com seu ato.

Daryl- Sente cócegas é?! - Ele sorria de canto para mim...Seu sorriso me fazia perder o chão!

- Sabe que se fizer isso eu vou querer mais....Não sabe!?- Olhava para o mesmo que estava prestes a tirar meu shorts

Daryl- E eu sou o tipo de homem que faz serviço incompleto!? - Daryl me olhava fixamente e então saia de cima de mim

Daryl- Vou trancar a porta da sala, me espere aqui.

•••••••


00:20


- Você demorou...- Dizia meio sonolenta

Daryl- Fui preparar isso...- Ele me mostrava uma cristalina, na mesma havia uma porção de chocolate derretido.

- Onde estão os morangos!? - Dizia para o mesmo

Daryl- Estão na minha frente!

- O que como assim!? - Dizia meio confusa observando o mesmo que se aproximava de mim vagarosamente.

Daryl- S/N me permite? - Ele deixava o chocolate na cama e então ficava sobre mim, começando a beijar meus pontos mais sensíveis despertando meu prazer que por enquanto estava controlado.

- Desde quando precisa de minha permissão Senhor Dixon!? - Mordia meus lábios excitada mantendo o olhar fixo ao seu.

Daryl- Pensei que não fosse uma mulher tão fácil! - Ele me olhava por um instante enquanto passava a mão pela minha regata fina de dormir....Sim eu estou de regata....Ou pelo menos estava! Daryl apenas com um puxão rasgava minha regata predileta deixando então meus seios a sua disposição

- Era minha predileta....

Daryl- S/N depois do que vamos fazer você vai me agradecer por ter rasgado essa regata! - Ele tirava sua camisa mantendo seu olhar em meus seios.

Obcecada por seu corpo, não conseguia me conter, começava a tirar o cinto de sua calça e então com certa dificuldade tentava tirar a mesma

Daryl- Ei ei....Está proibida de me tocar!

- Isso....isso é impossível! Como!?

Daryl- Eu comprei isso pra experimentar com você....- Ele tirava duas algemas do bolso de sua calça e então balançava as mesmas diante de meus olhos.

- O que!? Pra que isso? DARYL! Não estou entendendo!- Falava um pouco alto

Daryl- S/N....Shh....shh....Faz silêncio...Ou terei que te amordaçar também!?

- Você não pretende....- Era interrompida quando o mesmo rasgava uma tira de minha regata e então amarrava a mesma sobre minha boca, após isso ele prendia meus pulsos na cabeceira da cama com as algemas.

Daryl- Calada assim você é um anjo sabia?! S/N apenas diga sim e eu te possuo aqui nessa cama...-  Ele sorria diante de seu próprio comentário e então começava a mexer com meu corpo!

O mesmo retirava minha "amordaça" para que eu pudesse falar.

- Daryl sempre fizemos amor nesta cama, até que ponto você quer chegar!?

Daryl- Mas...Vai ser diferente eu prometo! Apenas diga sim.

- Você pretende mesmo continuar não é mesmo? Então sim, me surpreenda! - Logo após essas palavras o mesmo amordaçava minha boca novamente e então me observava por um momento.

Daryl- Eu vou brincar muito com você! - Ele retirava meu shorts por completo jogando o mesmo no chão, e então sentia suas mãos grandes deslizando pelo meu quadril, meu corpo se arrepiava com seus toques

- Uh.....- Soltava um pequeno gemido abafado.

Daryl- Calma eu nem comecei! - Dito isso ele beijava minha pélvis e então retirava minha calcinha vagarosamente, logo pegava a mesma pressionando contra seu rosto

Daryl- Vamos lá!- Sentia algo meio gelado tocar meu corpo, o mesmo estava derramando chocolate em meu corpo, aquilo era excitante, sentir seu cheiro é excitante!

Daryl- Calminha....- Ele deixava chocolate em meus seios, me lambuzando por inteira e então deixava o chocolate de lado e começava a me devorar com os olhos.

Daryl- S/N você....Assim toda vulnerável aqui nessa cama só me faz querer te meter gostoso!

Após essas palavras, Daryl ficava sobre mim começando a abocanhar um de meus seios, ter sua boca quente contra meu seio era....Era mágico...todas aquelas emoções, minha respiração ofegante e desregulada só se saciava apenas com seus toques

Daryl- Você quer mais né!?

Intimidada balançava a cabeça para responder a sua pergunta.

Daryl- Eu quero sentir seu gosto....Sabe ao que me refiro!? Sabe!? - Ele gritava comigo, e então me virava na cama logo puxando meu quadril até estar a sua disposição

Daryl- Eu vou te chupar até eu me cansar...- O mesmo se ajoelhava na beira na cama, e então começava a passar uma de suas mãos sobre minha intimidade, estimulando a mesma

Daryl- Nossa....Mal começamos e você já está encharcada!?- O mesmo não esperava uma resposta e então abocanhava minha buceta, sua língua fazia alguns movimentos circulatórios dentro de mim, aquilo me fazia sentir borboletas....eu estava delirando com seus toques

Sem conseguir me conter começava a gemer ali naquela cama, por estar amordaçada meus gemidos ficavam baixos e abafados, isso me dava grande vantagem por poder gemer sem restrições além sa grande excitação de momento.

Daryl- Eu vou te fazer gozar na minha boca minha vadiazinha!- Ele sorria contra minha intimidade que estava pulsando em sua boca, e então começava a enfiar sua língua dentro de mim numa intensidade mais poderosa.

Decidido a me fazer gozar, Daryl Intensificava seus movimentos, penetrando dois dedos rapidamente em minha intimidade e então chegava ao meu auge começando a gozar em sua boca gemendo sentindo alguns espasmos em meu corpo.

Daryl- Boa garota! - Ele se aproximava de meu rosto e então tirava aquele pano de minha boca logo me puxava para um longo beijo, assim eu podia sentir o gosto de minha intimidade.

- Isso....Isso foi incrível- Dizia ofegante para o mesmo que me beijava vagarosamente

Daryl- Ah você achou? Agora eu quero que me satisfaça! - Ele começava a soltar minhas algemas mantendo seu olhar fixo ao meu com um sorriso perverso em seu rosto.

- Mas...

Daryl- Sem "mas" anda! - Ele depositava um tapa em minha bunda

- Não precisa ser agressivo...- Mordia meus lábios olhando o mesmo enquanto ele se sentava na cama

Daryl- Anda to esperando!- Dito isso me apressava e então ficava de joelhos diante do mesmo

- Posso?

Daryl- Ainda pergunta? S/N....Vamos lá me satisfaça, dê o seu melhor...

- Ou?

Daryl- Ou eu fodo você sem dó aqui nessa cama até você pedir pra parar....Acredite sua bunda vai ficar vermelha! - Ele mordia seus lábios após terminar sua fala

- Está bem...Como quiser!- Sem mais nada a dizer, colocava seu membro em minha boca, após esse ato Daryl ficava de pé e então metia seu pau em minha garganta me pegando de surpresa.

Daryl- Achou que seria do seu jeito!? Oh....S/N só estamos começando! - Dito isso Daryl segurava em meu cabelo e voltava a dar suas estocadas intensas em minha garganta

Um sorriso se formava em meus lábios enquanto olhava para Daryl, suas expressões de prazer eram tão visíveis....Ele estava vulnerável ao meu ver....Eu não posso deixar que somente ele tome conta de mim...

Utilizando as duas mãos, começava a estimular seu membro fazendo movimentos de vai e vem rapidamente.

Daryl- Uh....Calma....Não tão rápido benzinho! - Ele dava um puxão em meu cabelo ficando excitado

- Eu vou te deixar louco! - Dizia enquanto tirava seu membro de minha boca por um instante

Daryl- Essa eu pago pra ver....Menos falação e mais ação vamos! - Ele empurrava seu pau para dentro de minha boca novamente, porém eu tomava liderança naquela situação, e então com as mãos começava a fazer movimentos mais vagarosos e longos, não demorava muito e pude degustar daquela cena, vê-lo ali se contorcendo de prazer era tudo para mim...

Daryl- Desgraçada....Eu vou gozar!- Ele Fechava os olhos mordendo seus lábios por um instante, porém retirava seu membro de minha boca, e em menos de segundos Daryl me pegava em seu colo me pondo contra a parede

- Você é cheio de surpresas....- Dizia ofegante enquanto sentia aquela parede fria tocar minhas costas

Daryl- Você não imagina o quanto...- Ele dizia mantendo nossos rostos próximos um do outro e então selava nossos lábios e com uma das mãos encaixava seu pau contra a minha buceta molhada.

- Daryl....

Daryl- Shh....S/N me deixa cuidar de você...deixa? - Ele dizia em meio ao nosso beijo, sua voz rouca saindo naquele tom baixo invadia minha mente me hipnotizando por completa.

Em frações de segundos fazia um sinal de positividade com a cabeça, logo após isso Daryl tomava posse de meu corpo para si

Daryl- Está proibida de gemer a partir de agora....Vamos ver se aguenta!

- Mas...

Daryl- S/N....Não tente se safar dessa vamos lá....É só não gemer, isso é difícil pra você!?

- Sim é sim...- Cravava minhas unhas em seus ombros pois o mesmo havia estocado fundo apenas para me ver perder o controle

Daryl- Oh....Garota esperta! Eu não vou aliviar pro seu lado!

Daryl segurava fortemente meu quadril e com seu pau dentro de mim começava a se movimentar rapidamente, suas estocadas eram contínuas, nossa respiração estava em sincronia ali naquele quarto...Nossos corpos....O cheiro do nosso amor pairando no ar.

- Daryl....Continue....Me faça sua - Acabava não conseguindo conter meus gemidos que agora estavam ecoando pelo quarto

Daryl- Que garotinha mais desobediente....Qual sua punição!? - Ele me jogava na cama logo me enforcando levemente enquanto me penetrava novamente

Daryl- Quero ouvir de você agora....Você pertence a quem!? Uh!? Diga vadia!

- Eu....Eu sou sua...apenas sua...Me possua

Daryl- Ótimo, S/N....Eu vou gozar em você....Farei de você um depósito de porra minha puta....- Lentamente ele fazia seu membro ir fundo de mim....Continuamos assim por alguns minutos até que sentia uma grande pulsação dentro de mim...Seu membro acabava de ejacular porra em minha intimidade

- Daryl....Me beija! - Dizia sedenta, um fogo se acendia em meu ventre naquele momento, Daryl então sem questionar começava a me beijar intensificando suas estocadas.

••••••••


Daryl- S/N?....- Ele se deitava ao meu lado com sua respiração desregulada e ofegante

- O que foi? - Dizia me deitando sobre seu peito.

Daryl- Você....É ótima no que faz... - Após essas palavras Daryl colocava seus braços ao meu redor nos deixando mais próximos

- O mundo está em caos nesse momento e estamos aqui...Juntos...Nessa cama, eu tenho sorte em ter você

Daryl- Que romântica! - Ele sorria diante de minhas palavras e então deixava um beijo em minha testa

Daryl- Vamos dormir...Essa provavelmente será uma de nossas últimas noites tranquilas!

•••••••••


■ OFF


Iiii aqui é a autora, bom esse "Imagine" foi bem curtinho, por que!? Porque do nada as 03:00 da manhã da madrugada de ontem me veio isso em mente e comecei a escrever, enfim espero que tenham gostado e se esse Imagine ganhar bastante reconhecimento possos estar trazendo outras histórias curtas como essa pra vocês! 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...