1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine Ereri - Meu baby boy >
  3. Un rêve étrange

História Imagine Ereri - Meu baby boy - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Un rêve étrange


Fanfic / Fanfiction Imagine Ereri - Meu baby boy - Capítulo 7 - Un rêve étrange

💨




Era uma noite fria, caia uma chuva lá fora, mas nada parecia tão quente e molhado quanto o calor naquele quarto abafado por um corpo ofegante e suado jogado em cima da cama, e o outro andando sobre o quarto enquanto seu corpo se mechia ao som de Earned It

O baixinho de olhos verdes e cabelos castanhos dançava ao ritmo da música enquanto olhava nos olhos de seu parceiro vendo o mesmo se masturbando enquanto não tirava os olhos de si. Ah sim, seria uma noite alucinante para ambos, afinal, não era todo dia que se fazia um striptease para um dos homens mais ricos e poderosos da França. Claro que o baixinho sabia disso, e faria a noite valer a pena, caso não se repetisse ficaria guardada para sempre na lembrança do barão Ackerman

Eren rebolava completamente nú enquanto mantia um contato direto aos olhos do outro, que em momento algum desviou o olhar. Eren ia chegando cada vez mais perto se aproximando da cama até se colocar sobre a mesma e começar a engatiar em direção do mais alto que já estava com sua visão meio turva e seus cabelos colados na testa. Tirando as mãos de Ackerman do próprio membro e passando a língua na cabeça de seu pau já o preparando para um boquete fazendo Levi gemer alto. Iria dar início ao ato que tanto queria quando algo começou a soar estranho para o menor 

Levi puxou seus cabelos levantando sua cabeça e fazendo o menor olhar para cima e o olhar nos olhos. Ackerman era mesmo muito lindo, seu rosto iluminado pela luz azul do quarto e a meia claridade do céu refletindo em seu busto dava mesmo um toque especial a ele. Era sem dúvida um dos homens mais lindos que teve a dádiva de encontrar e tê-lo tão entregue a si era sem dúvida uma coisa única, uma oportunidade que poucos tinham e ele reconhecia isso 

Levi - Por que está tão pensativo meu doce? - Pergunto o mesmo indo de encontro ao pescoço do outro dando leves chupões e mordidas no mesmo que dava leves suspiros por ter tal contato 

Eren - Amor...hã-ã....Isso não parece real, não pode ser real! - Falo o mesmo fazendo o outro levantar a cabeça e o olhar com um sorriso

Levi - Mas eu estou bem aqui meu bem, não parece real pra você? hum? - Falou puchando Eren para seu colo e começando a dar leves sugadas em seus mamilos. - Eu não pareço real agora bebê? - Falou começando a massagear a entradinha do garoto 

Eren desfrutava de cada toque de Ackerman, eram coisas pequenas que o levava ao paraíso, era tudo tão intenso.... Tão profundo.... Tão lin--

Eren - Aii!!! - Gritou o menor ao sentir uma mordida no seu pescoço. - Vivi vai mais devagar amor... - Manhou o baixinho ao sentir uma dor no pescoço levando a mão no local. Ao fazer tal ação sentiu um líquido molhar seus dedos e foi então que percebeu que estava sangrando

Levi - Perdão meu amor eu não resisti haha. - Disse o mesmo o olhando, Eren arregalou seus olhos com--.... - Você tem presas?? Vam-Vampiro!!! - Gritou o menor tentando correr mas foi impedido por Ackeman, como?? Oque estava acontecendo???

Eren - Me solte!! - Gritou o menor fazendo o outro soltar uma risada baixinha e virar seu corpo de barriga para baixo prendendo suas mãos nas costas e se aproximando do seu ouvido lentamente

Levi - Amor você sabia oque eu era desde o início e foi só uma mordidinha o pior está por vim agora Hahaha - falou sussurrando  



.......



...... 



Eren.... Eren....Psiu.... Eren....



.....


Eren Jaeger 



Levi - Eren acorda! Foi apenas um sonho ruim não precisa ficar tão apavorando. - Disse o mesmo enquanto enquanto passava as mãos no meu cabelo

Oque?....

Ah meu Deus eu não acredito que isso aconteceu, como eu puder sonhar que por um misero momento eu dormia com esse ogro.  Inacreditável. Me levantei em um pulo sentando na cama e  olhando para os lados praticamente em um puro sinal de alerta, eu não sabia onde eu estava e como fui parar nesse lugar, por Deus oque tá acontecendo. E oque ele tá fazendo aqui? 

Levi - Eren fique calmo, deixa eu explicar oque está acontecendo. - Disse o mesmo se levantando com calma e indo até uma mesinha no centro do quarto pegando um copo com whisky voltando sua atenção pra mim. Quem vê não fala que esse homem é um carrasco insuportável

O mesmo me encarou com um puro olhar que eu julguei ser de deboche, espero que não seja por que se for eu o mato nesse exato momento

Levi - Pois bem. - Disse o mesmo se sentando na cama em frente a mim. - Como você sabe estávamos em uma festa digamos assim, onde você me estragou uma roupa estremamente cara, mas não creio que você entenda isso até por que alguém do seu nível não poderia compensar tal perdar, bem, eu te trouxe para minha casa para você passar a noite depois que você demaiou e agora que você está acordado pode ir embora, de preferência saia pela porta dos fundos para que nenhum paparazzi o veja e pense que eu baixei meu nível. - Falou simples se levantando e indo até a janela 

Ah não ele não fez isso, como uma pessoa pode ser tão nariz empinado, tão rude e tão esnobe, eu não acredito nisso, eu realmente estou pasmo com isso 

- Não se preocupe viu, eu vô pagar essa sua roupa e digo mais eu terei uma dívida com você, oh, aliás parabéns - Falei me levantando e indo até a porta do jeito que eu estava pronto para ir embora. - Parabéns por ser um belo filha de uma puta. - Disse vendo o mesmo me olhar com as sombrancelha arqueadas e um sorriso nós lábios

Ele andou até mim com passos largos parando bem na minha frente e detesto ressalta, mas ele usava um perfume muito bom, era um cheiro indecifrável pra mim, mas sem dúvida era bom, muito bom

Ackeman - Muito bem então senhor Eren, você tem uma dívida comigo e eu vô aguarda o dinheiro da roupa, agora me poupe de uma discussão logo de manhã que eu não estou com cabeça pra isso. Adeus mini praga - Falou me olhando sorrindo e jogando os cabelos para trás 

Mas que homem desgraçado, debochado... agora ele vai me ouvir, ah mais ele vai ver só, já que ele se acha tão perfeito eu vô dizer umas verdades e ele vai ver só uma coi--

??? - Oi priminho sentiu saudades Vivi? - Disse um homem que abriu a porta de uma maneira um tanto como "deselegante", um homem alto de cabelos castanhos e um belo par de olhos azuis que agora me olhava de cima a baixo mordendo os lábios

Ackerman - Não é possível!! Só pode ser brincadeira. - Falou com os olhos arregalados e um semblante claramente irritado 

Mas oque está acontecendo?






Notas Finais


Saudades de uma atualização né minha filha?kkkk
Demorei porém cá estou eu❤️
Dêem uma olhadinha nas minhas outras histórias quem sabe vcs gostam❤️ bjss❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...