1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine Hwang HyunJin, Who Are You? Stray Kids. >
  3. Pervertido .

História Imagine Hwang HyunJin, Who Are You? Stray Kids. - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Esse é um capítulo grande, eu iria postar ontem mas não terminei a tempo. Descupe pelos erros e boa leitura meus bolinhos.

Capítulo 7 - Pervertido .



Dia seguinte ( Primeiro dia de aula )


Ao chegar na escola eu procuro pelo meu nome no mural.

Sn: Terceiro ano... Sn, sn, sn.- eu continuo passando os olhos por ali até que encontro.- Ah, sala 303.- dou uma olhada rapida pela lista.- Rosé... que bom que vamos estudar juntas.- sem demora vou procurar minha sala, segundo andar, perto da escada, dou uma olhada da porta para dentro.

Rosé: Oi Sn?.- ela acena do lugar onde ela tá e então sorrir.

Sn: Oie.- eu aceno do lado de fora, atrás dela eu vejo Jisoo a mesma estava lendo algo, eu nunca estudei com ela mas pelo comportamento ela odeia ser encomodada e parece que só tem Bang Chan como amigo.

Chan: Ah, ei jisoo não acredito que vamos estudar juntos de novo.- ele grita atrás de mim, me fazendo levar um susto. Eu também ja havia estudado com ele no fundamental, o resto dos meninos eu não sei muito sobre eles.

I.N entra na sala e se senta ao lado de Rosé.

Jeongin: Oi Rosé.- ele sorrir fofamente para ela e a mesma sorrir de volta.- que bom que vamos estudar juntos.

Rosé: Também me sinto feliz em ser sua colega de sala.

 Chan: Ei jisoo você acha que esse uniforme está grande demais para o meu tamanho.

Jisoo: Não...

Hyunjin: Ele parece bem bagunceiro.- eu encolho os ombros com o susto e olho para trás.- ele não era assim no fundamental, ou será que era, que arrogante. - ele debocha e me olha.

Sn: Hyun? 

Hyunjin: Oi .- ele diz um pouco gentil e então entra na sala.

Chan: Depois da aula hoje... você gostaria de...

Sn: Eu estou na mesma sala que o Hyunjin.

- Bom dia.- uma menina diz ao entrar.

- Aiiiai. Que sono.- um garoto borceja logo atrás. Eu decido ir me sentar atrás da jisoo.

Ta bom, esse ano não vou me envolver com pessoas idiotas. Antigamente eu tinha que fingir quem eu sou mas agora eu posso ser quem eu quizer, estou em uma nova sala e vou fazer o que eu quizer.

- Hey hyunjin como é sair das aulas avançadas para entrar nas normais?.- eu olho na direção do Hyunjin, onde ele ta conversando com dois meninos.

Hyunjin: como assim cara?

- Sei lá, porque você iria querer ficar nessa sala com esses idiotas...

Ele está sendo tão grosso, que garoto idiota.

Hyunjin: Do que ta falando cara, não sou nenhum gênio ou coisa do tipo, no fundamental eu estudava muito mas agora relaxei um pouco e então as minhas notas cairam.- ele sorrir sem jeito.

Hyunjin é muito bom de papo, deve ser por isso que ele se saiu  bem. Ja consequiu amizade e tudo mais, ele derrepente olha em minha direção e então me olha por um momento antes de mostrar a lingua para mim. 

Affs que cara chato, eles então voltam a conversar, Hyunjin até mesmo riu. Ah, ele parece tanto com o HyunJin do fundamental agora e isso me deixa bem feliz, por um momento eu penso que ele voltou mas continua o chato e grosso de sempre.

No fim da tarde eu estava indo até a saida para ir pra casa mas derrepente sentir vontade de ver Hyunjin, deciso voltar e quando me viro dou de cara com ele.

Hyunjin: Ta perdida?.- ele me encara por um momento, eu fiquei feliz em vê-lo. 

Sn: Hyun... eu estava te procurando. - disse sorrindo.- queria te contar uma coisa.

Hyunjin: O que ? Fez as pazes  com as suas amiguinhas?.- ele pergunta triste. 

Sn: Quê? Não... eu só queria dizer que...

HyunJon: Hwang eu ainda estava falando com você... - eu olho na sua direção, ele vem até a gente e então me olha. - Ei, você não é a garota se ontem? Das impressões?

Sn: Oie.- sorri gentil.

Hyunjin: Se for sobre aquilo... ja foi, desista.

HyunJon: Não é isso, hoje eu vou cozinhar então fique em casa. Eu também vou dormir lá. - eu derrepente me sinto envergonhada... eles, eles estão namorando?

Sn: Você disse dormir?...- eu quase grito, Oh meu deus eles...aaaahhhh.

Hyunjin: O que está pensando idiota.- ele puxa um lado da minha bochecha e eu olho para os dois, ao ver eles me olhando.- Ele é meu irmão mais velho.

Uau... olhando eles um do lado do outro dava para ver que eles eram mesmo parecidos. HyunJon derrepente começa a rir, Uau a risada dele e parecida com o do Hyunjin.

HyunJon: Isso é um pouco óbvio, não escondemos isso mas também não saimos espalhando por ai.- ele sorrir gentil.

O olhando assim, parece que ele era o keiketara...HyunJon derrepente fica corado e meio fofo.

HyunJon: Ei, então vocês são namorados?.- ele se aproxima de mim, seus olhos estão brilhando e um sorriso maravilhoso está em seus lábios.  Uau ele é mesmo muito lindo.

Hyunjin: O que?.- ele se vira para o irmão. - Eu namorando alguém que come mais do que eu, jamais?.- reviro os olho e debocho dele.

Sn: mas você me amava no fundamental...- digo rispida.

Hyunjin: Você que me amava.- ele diz simples se aproximando.

Sn: Mas você disse que também me amava.- me aproximo mais 

Hyunjin: ah é mesmo eu estava mentindo, foi só coisa do momento...

Sn: O que? mas você olhou no fundo dos meus olhos.- ele se aproxima mais de mim.

Hyunjin: Tem certeza? Pelo que me lembro você não parava de me olhar eu estava apenas encarando de volta. Ah, não seja idiota Sn de qualquer forma isso não é importante agora. - ele passa por mim.

Sn: Isso, foge mesmo.- HyunJon começa a rir da gente.

HyunJon: Hahaha, pelo menos vocês são íntimos...- hyunjin para e nos olha.- Como você se chama mesmo?.- sorrir para ele.

Sn: Ah, Meu nome é Sn Lau.

HyunJon: Ah, lindo nome Sn, mas eu... hum.- ele põe a mão no queixo e pensa um pouco.- Sn... esse nome, eu já, ah é claro.- ele se aproxima de mim, ficando bem pertinho.- Então você e a Sn Lau.- ele sorrir para mim.

Hyunjin: Professor Tarado está dando em cima das alunas.- ele diz isso muito alto e todos começam olhar para HyunJon e então o mesmo se afasta rapidamente.

HyunJon: O quê? Não... eu não estava.- ele olha para os lados.

( Autora On )

Enquanto HyunJon estava tentando explicar para os alunos que não era verdade, Hyunjin pegou no pulso de Sn e puxou a mesma para fora da escola, forçando-a a correr.

HyunJon: Não mesmo, eu não estava dando em cima de uma aluna.- disse nervoso, quando ele se virou para falar com Sn, ele viu Hyunjin puxando a mesma para fora.- Droga... Então essa é a Sn Lau.- ele sorriu e então se lembrou de três anos atras. 

[ Flashback On ]

Hyunjin estava no seu quarto, rabiscando no caderno, até que HyunJon se aproximou e se curvou sobre o mesmo e em seguida leu o que o garoto havia  escrevido.

HyunJon: Sn Lau...quem é ela?.- ao perceber o irmão mais velho, o mesmo pegou o caderno e escondeu sobre o peito.

Hyunjin: Ah, não olha.- ele disse um tanto alto com o rosto completamente vermelho.

HyunJon: É uma garota que você gosta Hyun?.

Hyunjin: ah, cala boca Hyun... sai do meu quarto vai.- o mesmo disse nervoso.

[ Flashback Off ]

HyunJon: Entendi.- ele sorriu.- Entendi, entendi, entendi.- ele disse rindo.

[ No caminho para casa ]

Sn: Então você não mora com o professor HyunJon? .- Hyunjin ainda segurava o pulso da mesma, a puxando de leve.

Hyunjin: Por enquanto...

Sn: Você saiu de casa Hyun?

Hyunjin: Não meu irmão saiu...

Sn:  Então você já voltou para a sua antiga casa?

Hyunjin: Sim Sn.

Sn: Com a sua mãe.

Hyunjin: So eu Sn...

Sn: Por que mudou seu nome? .- ele para bruscamente e ela também para.

Hyunjin: Já chega.- ele diz ríspido.- Você é muito chata,  não é da sua conta...- ele vira e a encara.

Sn: Mas foi você que me arrastou até aqui.- ela ergueu o pulso que ele segurava. Hyunjin a olha por um momento e me seguida a solta lentamente. 

Hyunjin: Pronto Sn... eu te soltei, agora está tudo bem não está?.- de algum jeito ele simplismente ficou mais friu e Sn notou isso claro que notou, ambos estavam se olhando, mas ela sentiu que ele não está olhando para lugar nenhum, como se ele estivesse vazio,  perdido de alguma forma.

( Sn On )

Esse não é o cara que eu conheço,  seu temperamento frio me dá vontade de chorar, eu o seguro pelos ombros, apertando meus dedos contra o braço dele.

Hyunjin: Você não queria que eu te soltasse então...  me solta.- ele diz simples, me olhando de uma forma fria, meus olhos começam a arder, meu coração acelera e eu me pergunto o que fizeram com o meu Hyunjin, ele... ele não é mais o mesmo de antes, parece que ele não tem mais coração.

Sn: Você...- eu sinto o medo e a dor me alcançar.- sumiu do nada Hyun... e derrepente apareceu do nada, eu quero saber muitas coisas.- Abaixo o olhar.- quero perguntar muitas coisas.- meus dedos apertam o tecido do uniforme dele e então eu não consigo me controlar, o choro vem e um junto a ele um soluço.- tem muitas coisas que eu não consigo parar de pensar.

Hyunjin: Você... é muito chata. - Ele diz simplesmente e então me abraça.- Eu ja disse para não chorar.- ele afunda o rosto no meu pescoço e isso me assusta.- me desculpa Sn...

Sn: Hyun...- ele me interrompe. 

Hyunjin: A três anos atrás... naquele dia no festival de comida...- ele me aperta forte e eu volto a chorar.- naquele dia no parque... você me esperou?.- sua voz saiu trêmula e ele afaga minha costa de leve, eu abraço o mesmo fortemente, sentindo seu cheiro me invadir. Eu me lembro daquele dia, aquele dia estúpido que passei a noite chorando.

Sn: Eu... esperei hyun.- ele começou a chorar e então ele me apertou forte.- eu esperei muito hyunjin.- ele afagou os meus cabelos.

Hyunjin: Me...desculpe.- ele disse em meio aos soluços.- pensei que você odiasse os garotos então... então...eu pensei em não ir... mas eu sentir tanta vontade de ir Sn, eu sentir tanta vontade de ir naquele parque com você mesmo sabendo que você odiava os garotos.- Afago seus cabelos e ele respira fundo.- porem... não conseguir. E depois que as férias acabaram tivemos problemas em casa, complicações.- ele se afastou um pouco e me olhou.

Sn: Sinto muito...- ele se aproxima e então enxuga as minhas lágrimas, faço o mesmo com ele.- eu fui insensível e perguntei de mais.

Hyunjin: tudo bem.- ele olha para longe de mim, seus olhos estavam vermelhos e ele fransiu os lábios.

Sn: Quer ir pra casa?.- pergunto ainda com vontade de chorar.

Hyunjin: Por favor Sn... não chora mais.- eu aperto os lábios e seguro o choro e então ele me abraça novamente.- Já passou ta bom, eu sinto muito por não ter ido.- ele afaga minhas costas e em seguida me da um beijo no topo da cabeça. - vem... vamos embora.- me puxa.

Chegando perto de casa ele se afastou um pouco de mim.

Sn: Bom... tchau Hyunjin. - ele sorrir para mim. - esta ansioso para o jantar de hoje?

Hyunjin: Hum? Jantar?.- concordo.- ah, com HyunJon me esquecir, valeu por me fazer lembrar.- ele começa a rir e eu faço o mesmo.

Sn: Tchau Hyunjin.- ele concorda e então se vira para ir embora.


Assim que ele ja estava longe o suficiente de Sn, o sorriso em seu rosto se apagou, aquele vazio voltou e lágrimas  desceram pelo seu rosto,  ele passou a mão nos cabelos, decidindo que precisava corta-los mas não agora.

[ Casa do Hyunjin ]

HyunJon estava na mesa, ela ja estava posta, comida para dois e prato para dois, ele tinha feito o jantar sozinho e arrumou a mesa também, Ele olhou a hora no celular, o cheiro na cozinha estava muito bom.

 A cozinha era pequena, tinha uma mesa no centro com quatro cadeiras, um pequeno balcão. HyunJon olhou para a porta onde tinha alguns rapisco que a mãe deles havia feito, medindo a altura de ambos, ele sempre ganhava de hyunjin por ser mais velho e isso aborrecia muito o irmão mais novo.

HyunJon: Seu irmão está esperando.- ele batuca com o dedos sobre a mesa, fazendo um som insistente surgir ali.- seu irmão sempre vai te esperar Hyun...


Hyunjin estava sozinho na praça principal do bairro, estava com um refrigerante nas mãos onde bebericava de vez em quanto, ele olhou para as luzes da cidade. Mas especialmente para a casa dele, onde não conseguia nem mesmo entrar, ele suspirou e então apertou os juelhos Contra o peito, sentindo uma dor conhecida surgir.

• Dia Seguinte • ( SN on )

Rosé e eu estavamos andando uma ao lado da outra em direção a escola, ambas estavam com o uniforme novo que compramos no dia anterior, hoje eu deixei os cabelos soltos e dessa vez passei uma maquiagem leve no rosto e  corei um pouco os lábios. Tinha muitas pessoas na rua, indo em direção a escola.

Rosé: Hoje o dia está bonito.- ela fecha os olhos, sentindo o sol em seu rosto, parece que hoje vão escolher o representante de turma.- ela diz me olhando enquanto ajeitava os cabelo.

Sn: Representante de turma...- passamos pelo protões e entramos na escola.- Só espero que não seja ninguém irresponsável como no segundo ano.

Rosé: A representante de tuma no ano passado não era a....

Sn: Jennie e a vice era a Lisa. - Rosé riu.

Rosé: Por isso aquela bagunça então...

Sn: Sim.- ela riu.- Na verdade eu planejava tudo para elas então toda a ideia que ainda surgia era minha.

Rosé: Como você conseguiu viver tanto tempo assim sendo capacho delas... eu achava melhor ficar sem ninguém...

Sn: Por isso que você é  sozinha?.- ela me olha e então sorrir.

Rosé: Agora tenho você, não preciso mais ficar sozinha.- eu a olho seria mas logo em seguida a abraço. 

Sn: Eeeeehhh.- ela começa  a rir e então começa a fazer cócegas em mim, aquilo meio que me assustou até porque ninguém fez isso em mim antes, não publicamente também. 

Hyunjin: Chatas...- ele resmunga ao passar pela gente, ficamos olhando para ele mas logo Rosé me olha.

Rosé: desculpa... vamos entrar.- ela segura minha mão e me puxa.

Ja na sala, tinha algumas pessoas.

- Hey... aquela garota de cabelo roxo ali. Eu olho na direção de duas garotas fofocando no canto sobre a Rosé. - Eu soube que todo muinto evitou ela no ano passado.- Rosé rapidamente cora e em seguida vai as presas para a cadeira dela.

- Você sabe do porque?

- Não sei deve ser algo importante né?.- a Rosé apenas morde os lábios e começa a tirar os materiais da mochila. Ela está fingindo que não liga? Sinto que ela ficou mais excluída, assim como eu mas agora estamos juntas.

Sn: Ei Rosé.- ela me olha, vou ate a mesma.- lembra do ursinho que você me deu? Eu coloquei na minha mochila.- Eu mostro a ela e a mesma fica feliz.

Rosé: aaah que fofo, obrigada eu pensei que você tinha jogado fora.

Sn: Por que eu faria isso?.- ela da de ombros e sorrir.

- Ela conversar normalmente lary.

Lary: Talvez seja só escluição das garotas mesmo elas parece ser gente boa.

A jisoo entra na sala, ela tem um ar tão... séria, ela se senta atrás de Rosé e eu vou colocar minha mochila na minha mesa.

Sn: Oi jisoo...- conprimento e ela apenas...

Jisoo: Oi.- ela coloca os fones de ouvido e não diz mais nada.

Chan: Bom dia jisoo.- ele diz alegre indo até ela, haha o Chan tem mesmo olhos só pra jisoo.- o que está lendo? Ta ouvindo algo?.- a mesma não liga, que dó dele...- Eu estava pensando, temos muita sorte de está na mesma sala outra vez né?

Affs da vontade de bater nele e gritar que ela não gosta dele da mesma forma, mas é melhor deixar ele se iludir. Olho ao redor e vejo Hyunjin me olhando seriamente, monstro língua pra ele e o mesmo sorrir, debochando.

[ Hora do intervalo ]

Sn: Eu tentei fazer amizade com alguns colegas mas parece que tudo que eu faço da errado.- suspiro, me encostando ao lado da porta da minha sala.

Hyunjon: É uma nova sala so isso.- eu olho para o lado e vejo o professor.

Sn: Não está dando certo.- eu suspiro de novo e ele da tapinhas na minha cabeça de leve, o mesmo estava com uma roupa muito fofa, onde tinha algumas patas de gato da cor rosa por toda a camisa. Haha que fofo.

HyunJon: Por que não tenta ser voluntária para representante de classe.

Sn: Quê? Ah, eu não sirvo para essas coisas...- digo sem graça. 

HyunJon: Sua vida colegial vai acabar logo, por que não tenta? Existe coisas que você só pode fazer agora, você deveria fazer o seu máximo Senhorita Lau.- ele sorrir afetuosamente para mim, eu não consigo para de encara-lo... ele, me lembra o HyunJin do fundamental. 

No refeitório, eu pego algo para comer e me sento sozinha mas não me sinto com vontade de comer. 

Sn: É mais fácil falar do que fazer.- eu suspiro, pensando no que o professor disse minutos atrás, no começo do dia estava me sentindo bem mas parece que está dando tudo errado, eu sei que eu não deveria ligar mas não e tão simples.

Hyunjin: Que clima hein.- ele se senta no banco a minha frente enquanto me olha, ele está com um suco de caixinha nas mãos, com o canudo entre nos labios, e então eu me lembro dele chorando... ele finalmente disse algo sobre ele, mas ainda sim ele parece distante e estranho pra mim, preciso saber mais...

Sn: Oi hyun...

Hyunjin: Você ta triste?.- ele se ergue para frente e pega uma maçã do meu prato, comendo em seguida, pego a maçã de volta e ele revira os olhos, começo a comer a mesma.- não presta escaciar. - ele pega de volta a maçã. 

Sn: Você não tem dinheiro pra comprar não? - tento pegar de volta mas ele bate na minha mão. - me devolve..- choramingo.

Hyunjin: Porque está triste? Dia difícil?

Sn: Eu não consigo seguir em frente.

Hyunjin: Você não precisa de ninguém pra seguir em frente.

Sn: Não quero ficar solitária pra sempre...

Hyunjin: Você não vai ficar... não pra sempre idiota.

Sn: Me chamaram até de pessoa ruim hyun.- Abaixo o olhar e derrepente uma gargalhada surge no ar.

Hyunjin: Você é tão fofa mas a fofura não vai te ajudar a seguir em frente idiota. Você também é muito indecisa sobre as coisas.

Sn: Isso não melhora nada...

Hyunjin: eu não estava tentando deixar as coisas melhor...

Sn: Idiota....

Hyunjin: Chata do cacete...- debocho dele.- Você disse que iria começar do zero... e assim ta começando?

Sn: Eu ja percebir que não tem jeito, então é melhor eu ficar sozinha mesmo.

Hyunjin: o que está acontecendo?.- ele se inclina mais para perto, de forma em que eu possa ver seu rosto mais detalhadamente.- se você desistir tão rápido ninguém vai ligar mas se você também dar tudo de si, ninguém vai notar então faz o que você quizer.

Sn: Você tem razão... vou fazer o que você quizer, os outros não importam.- ele sorrir e então bagunça o meu cabelo.

Hyunjin: Vamos pra sala. -ele se inclina mais para pegar meu pote de bolo mas bato nele.- Ah qual é só esse. 

Sn: Você tem dinheiro então va comprar para você. 

Hyunjin: Mas você tem... um suco, três pães um bolo e ...

Sn: Eu vou comer tudo...

Hyunjin: Morta de fome.

Sn: Morto de fome e você,  que vai pedir pros outros.

Hyunjin: Mas você é minha amiga não é?.- ele diz de forma fofa e eu o olho intensamente. - Isso mesmo amiguinha.- ele ergue a mão para pegar mas bato na mão dele de novo.

Sn: Sai fora, você só esta tentando me comprar... idiota.- pego tudo e vou andando para a sala e ele vem atrás de mim. Affs garoto chato.

Hyunjin: Um pão talvez?.- ele continua me seguindo.

Sn: O que deu em você? Sai fora. 

Hyunjin: Se você me der algo eu vou.- eu escolho algo e jogo um pão de mel para ele.

Sn: Agora vaza. - ele abre o pacote do pão e sorrir, começando a comer.

Hyunjin: Não...- Eu reviro os olhos e eu ando mais rapido.- Você revirou os olhos não foi?- eu me viro e me aproximo de mesmo, chegando bem perto, ele vai para trás e então me olha seriamente. 

Sn: Seu irritante.-Ele sorrir de leve.

Hyunjin Chata...

Sn: Você gosta de me aborrecer ou o que? - ele vem para cima de mim e então puxa minha cintura, me encolho e então ele sorrir, seus olhos estão  brilhando e o sorriso que havia em seu rosto não existia mais, ele se aproxima... mais e mais até que  nossos nariz se tocassem.

Meu coração acelerar dentro do peito, um beijo... agora? Eu não sei como fazer isso... ah, que vergonha ele deve ser mais experiente que eu.

- NÃO PODEM SE PEGAR NA ESCOLA.- alguem grita e então Hyunjin me solta, ele estava segurando todo o meu peso nos braços e quando ele me soltou eu cair de bunda no chão.

Sn: Ai...- eu fecho os olhos, sentindo a dor.

Hyunjin: Você está bem?.- ele me puxa pelos ombros e então me vira de costas.- me desculpa, me desculpa.- ele passa a mão na minha bunda, por cima da minha saia... o que ele esta. me afasto rapidamente. 

Sn: O que está fazendo seu tarado. -Jogo um pão nele e o mesmo me olha assustado.

Hyunjin: Eu só estava tentando...

Sn: Pervertido, não pense em chegar perto de mim com essa sua mão safada.

Hyunjin: Mas eu não...- eu me viro e saiu correndo. O pensamento dele passando a mão na minha bunda, affs o que deu nele, que imbecil. - eu estava tentando ajudar. 

Eu olho para trás e vejo ele correndo atrás de mim, que diabos aconteceu com esse garoto. 

Sn: Para de me seguir ou eu vou chamar a polícia. - ele para e então começa a rir.- IDIOTA.

Hyunjin: CHATAAAAA...

Eu continuo correndo,  entrando de volta no corredor e indo para a sala.





Notas Finais


Beijos ate o próximo Episódio


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...