História Imagine Itachi - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Itachi Uchiha
Tags Itachi
Visualizações 48
Palavras 898
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Decisão de Konan


Fanfic / Fanfiction Imagine Itachi - Capítulo 4 - Decisão de Konan

S/n: ─ Ah droga! Tô fudida... Konan-sama, por favor, não conte nada para o Pain. 

Konan: ─ Eu não sei não. 

S/n: ─ Por favor, eu imploro! 

Konan: ─ Não precisa. Não vou dizer nada, até porque eu nunca concordei com esta regra. 

S/n: ─ Ah, que bom! Konan-sama, você gosta do Pain-sama? 

Konan: ─ Eu…? 

S/n: ─ Pode me contar, não vou espalhar para ninguém. 

Konan: ─ S/n-Kun, porque você acha que eu gosto dele? 

S/n: ─ Agora a pouco você disse: "eu também sou uma mulher e sei como nós agimos quando gostamos de alguém...", esse "nós" me fez pensar nisso. 

Konan: ─ Nossa, você presta atenção nos pequenos detalhes.

S/n: ─ Um pouco ─ Sorri.  Mas e aí, estou certa? 

Konan: ─ Eu poderia mentir, mas não vou. Sim, você está certa. 

S/n: ─ Vocês são tão fofos juntos, super apoio. 

Konan: ─ Você acha que eu tenho alguma chance com ele? 

S/n: ─ É claro que tem! Vocês vão acabar juntos, tenho certeza. 

Konan: ─ Eu espero ─ Ela deu um sorriso fraco. 

Passamos a madrugada quase toda conversando, e uma coisa que nunca esperei: era que Konan não chegava nem perto daquela imagem rígida que ela transmitia para todos da Akatsuki, ela é meiga e gentil. Fiquei muito surpresa com esse lado dela que eu não conhecia. 



06:00 AM 

Só tive duas horas de sono e ainda estou meio cansada, levantei e fui até o quarto de Itachi. 

─ Bom dia! ─ Disse entrando no quarto dele. 

Itachi: ─ Bom dia! 

S/n: ─ Já está melhor? 

Itachi: ─ Graças àquele seu incrível remédio horrível, estou cem por cento curado, já não sinto mais nada. 

S/n: ─ Quem bom, amor ─ Dei um selinho nele. 

─ Com licença.

Itachi: ─ Konan-sama, não é o que você está pensando! Eu posso explicar. 

S/n: ─ Tudo bem, amor. Ela já sabe. 

Itachi: ─ Como é? 

S/n: ─ Ela sabe de tudo e antes que diga alguma coisa, saiba que ela não vai dizer nada para o Pain-sama. 

Itachi: ─ Ah, que bom… mas s/n, isso não está ficando muito perigoso? 

S/n: ─ An? 

Itachi: ─ Hidan e a Konan-sama já sabem, e se todos descobrirem? 

Konan: ─ Não vão. Vou falar com Hidan e se tudo der certo, isso morrerá com nós dois. Vamos dar um jeito para que essa informação não vaze, senão, já sabem o que pode acontecer, né? 

S/n: ─ Sabemos muito bem. 

Konan: ─ Fiquem tranquilos, não vai acontecer nada. Já está pronto para voltar às suas atividades, Itachi? 

Itachi: ─ Já. 

Konan: ─ Mesmo que esteja bem, hoje, vocês podem tirar uma folga, depois me viro com o Pain. Itachi descanse mais um pouco e s/n, durma mais, seus olhos estão inchados. 

S/n: ─ Muito obrigada, Konan-sama. 


[...]


Os dias foram passando e tudo estava indo bem, eu até me tornei a melhor amiga da Konan-sama. Ela e Hidan nos ajudava a esconder o segredo. 

No início, Hidan não estava nem aí, mas depois ele passou a cooperar com a gente, ele até nós ajudava a despistar os outros membros caso alguém nos visse ou suspeitasse de algo. 

Sasori saiu em busca de pessoas para servirem como marionetes humanas, e uma nova dupla foi formada: agora era Deidara e Tobi. Eles também saíram, foram em busca do Sanbi (Três caudas). 

Sem nada para fazer, comecei a amolar as minhas Kunais que já estavam desgastadas, Hidan chega correndo e para na minha frente com as mãos no joelho tentando recuperar o fôlego. 

S/n: ─ O que aconteceu? Por que você está assim? 

Hidan: ─ S/n, tenho péssimas notícias! 

S/n: ─ Vish, lá vem. O que houve? 

Hidan: ─ Tudo indica que Kakuzu e Kisame já sabem do seu segredo. 

S/n: ─ Mas como iss- Ai!!! ─ Essa má notícia me fez ficar desconcentrada, só senti a dor e vi o sangue escorrer pelos meus dedos. 

Hidan: ─ S/n, você está bem? 

S/n: ─ Preciso estancar esse sangue ─ Saí correndo, fui para dentro da sala e fiquei à procura da maleta de primeiros socorros  que estava escondida no armário. 

Hidan: ─ Já parou de sangrar? 

S/n: ─ Já ─ Rapidamente fiz um curativo. ─ Mas como eles sabem disso? 

Hidan: ─ Alguém pode ouvir. ─ Ele dizia olhando nos corredores que davam acesso àquela sala. 

S/n: ─ Pode falar, não tem ninguém além da gente. 

Hidan: ─ Ok ─ Como eu estava sentada no chão, Hidan fez a mesma coisa.

Hidan: ─ No caso do Kisame, lembra daquele dia que o Itachi ficou doente? 

S/n: ─ Lembro. 

Hidan: ─ Naquele dia, ele também teve que ir na sua antiga vila (Kirigakure) e no meio do caminho, ele viu vocês dois e notou que estavam agindo de uma forma totalmente diferente da qual se comportavam no grupo, então… ele só juntou as peças. 

S/n: ─ E o Kakuzu? 

Hidan: ─ É… é… você não vai me matar se eu disser que eu deixei escapar em um momento de fúria, né? 

S/n: ─ Ah não Hidan! Você disse que não contaria ─ Reclamei. 

Hidan: ─ Me desculpe s/n, foi sem querer, eu juro! Mas… eu tenho uma notícia boa. 

S/n: ─ E qual é? 

Hidan: ─ Os dois também não concordam com essa regra, portanto, seu segredo está seguro. 

S/n: ─ Ah que alívio! 

─ Ah, então vocês realmente quebraram as regras?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...