1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine Jeon Jungkook >
  3. Três dias para o meu aniversário ( Capítulo 1)

História Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 1


Escrita por: _Dk

Notas do Autor


Bom, eu acho que voltei
(y/n= your name/ seu nome)

Compartilhem e comentem por favor

Capítulo 1 - Três dias para o meu aniversário ( Capítulo 1)


Fanfic / Fanfiction Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 1 - Três dias para o meu aniversário ( Capítulo 1)

 - Eu era um garoto feliz, um garoto adolescente assim como qualquer outro. Tudo era incrível, eu tinha minha vida, meu carro, minha garota, o meu sonho de ser uma pessoa livre, sair sem rumo, sem destino, a procura de aventura, eu posso ser o que eu quiser. 

Jeon Jungkook. 


28 de Agosto

06:00 am

dim! drim! dim! drim! dim! drim!, era o som do despertador no ouvido de Jungkook,o garoto estava deitado de bruços com cada braço esticado para cima com suas costas nuas,JK estava somente com cueca boxer preta de uma loja de conveniência qualquer. 

Aos poucos o garoto vai despertando e processando que o horário de seu descanso já havia acabado. 

- Seis horas - o garoto diz bocejando


Jeon pega o seu celular olhando primeiro a data e depois as notificações, o garoto estranhou pois não havia alguma mensagem de sua amada, Emily

 

             *Chat*


                                Oi amor

                                 Não lida

                                 Bom dia

                                    Não lida


Jeon larga o celular e vai ao banheiro tomar um banho, o garoto não demora 15 minutos e sai do cômodo vestindo uma blusa bastante larga estilo Streetwear e uma calça jeans um pouco mais larga mas não chega na mesma categoria que a blusa. JK não curte muito cores, então sua paleta é muito simples, preto, branco e vários tons diferentes de cinza. Antes do moreno descer para tomar seu café, o garoto olha novamente sua caixa de mensagem para saber se sua amada o havia respondido mas infelizmente não. 

- É muito anormal a Emily não me responder a essa altura, será que eu fiz algo de errado? - O moreno diz tentando lembrar sobre algo da noite passada. 

- Se tivesse acontecido alguma coisa ela me contaria, não é?... Ela me contaria - Jeon diz na esperança de sua hipótese ser verídica. 


O garoto desce as escadas na intenção de preparar algo rápido e prático para comer mas uma notificação chega em seu celular, 

JK pega rapidamente o telefone na esperança de ser sua namorada mas não é, era o seu tutor avisando que hoje ele iria fazer vista grossa em relação às atividades escolares, domésticas e de seu trabalho. O garoto visualiza mas não responde, Jeon termina de tomar seu café, pega a chave de seu automóvel e sai de partida para a escola. 

 No caminho JK liga a sua música e começa a cantarolar para passar o tempo


When I see you smile in the screen

You're good at everything

You're just perfect

Feels like I've never been you


Do you even see me?


Do you know who I am?

Or how do I look now?

You don't like me like that


Come and tell me so much, beautiful heart

Oh I'm gonna listen to you

Please


All the numbers too big

Can't get out of your game

Oh I want to paint it like you

Please


I want to be your decalcomania

I want you

I want to be your decalcomania

I want

I want you


Essa música foi feita especificamente para uma pessoa, mas não era a Emily, ele não conhecia uma pessoa que causasse essa euforia em seu peito, isso não quer dizer que ele não ame Emily mas essa sensação que ele sente quando canta essa música não se compara a nada que a Emily fizesse até hoje. 

O garoto chega em sua escola e vai direto a procura de Emily, no caminho ele observa uma pessoa nova, nunca havia visto essa menina na escola então logo ele cogita a idéia de ser uma transferida, e como JK é minimalista em tudo que olha, já notou que a garota chegou até á escola por mau comportamento, o garoto passa direito encarando a garota que faz o mesmo com uma expressão mal-humorada. JK de longe avista sua amada que também não parecia estar com a cara muito boa. 

- Oi amor, como você está? - o garoto diz totalmente rendido à amada. 

- Jeon, nós precisamos conversar - a garota mantém-se séria. 

- Tudo bem, vamos para a sala de música, esse horário ela está completamente vazia. 

 

chegando na sala JK se senta esperando sua amada dizer o que está havendo. 

 - Jk… eu não sei como te dizer isso… mas… eu preciso terminar com você. 

- Emily, como assim? Eu percebi que você estava estranha mas eu não achei que seria por esse motivo, eu fiz algo que não te agradou? pode me dizer. - O garoto levou um shock tão grande que o que ele queria agora é recompensar o que quer que tivesse feito. 

- Não JK, você não fez nada. você é uma excelente pessoa mas temos rumos diferentes, temos ambições diferentes, vidas diferentes. você mantém a sua palavra de ser um homem livre, você curte adrenalina,você curte uma encrenca de vez em quando não leve isso para o pessoal,eu te admiro muito mas não é o que eu quero para mim, para o meu futuro. 

-O que está querendo dizer com isso? - Jeon pergunta aparentemente confuso com as falas de Emily. 

- Eu quero dizer que eu não posso ficar com uma pessoa que não tem um futuro de garantia, você é o típico cara que não quer responsabilidade com nada, eu não posso te apresentar para os meus pais, eles são muito conservadores imagina só eu apresentando um cara como você. 

- Então,você está me dizendo que você teve todo tempo do mundo para me dizer isso, mas você preferiu esconder isso por 6 meses?... É o motivo de você não me querer na sua vida é o mesmo motivo que eu deixei claro a 6 meses atrás?. 


Eu pensei que poderia fazer você mudar de idei-

- Então você ficou comigo durante 6 meses para me fazer mudar de ideia em relação ao meu sonho? Isso não cabe na minha cabeça, não é só por esse motivo que você me aturou durante 6 meses. Qual o real motivo disso tudo?. - Jeon pergunta 

- Não há motivo específico, eu só achei que você poderia ser o cara que eu realmente sonhei. 

- O cara que você realmente sonhou? conta outra, você nunca suportou o fato de sempre pesquisar sobre o laboratório Lee, você sabe muito bem o que me aconteceu a 3 anos atrás e nem assim você liga para os meus sentimentos, você só ficou comigo pelo fato de ter o dom enorme para engenharia, então você tentou nesses 6 meses mudar a merda da minha cabeça. 

- Você está sendo injusto. 

- Eu estou injusto? Você termina comigo por motivo de não querer superar a sua expectativa de vida social incrível com um cara sucinto, Conservador e totalmente elegante e eu sou injusto? para acabar com a merda desse assunto de vez, eu amo do jeito que eu sou, eu amo as minhas tattoos, eu amo meu piercing, eu amo o fato de querer ser um garoto livre e viver a vida intensamente e ninguém, me escuta, ninguém vai me fazer mudar disso tudo para um cara mesquinho que só pensa na droga de uma conta bancária, que sai uma vez na semana para beber com um monte de caras que só sabem denegrir cada vez mais a sua cônjuge para se sentirem melhor pois são tão superficiais a esse ponto que não conseguem dizer que não aguenta mais obter uma vida monótona e enjoativa, e para que? para no final posar lindamente em um tapete vermelho e acenar como se nada na vida estivesse um fio por terminar. - JK com os olhos marejados, sai dali sem ao menos olhar para trás. ele não poderia imaginar que a garota que ele entregou o coração teria vergonha dele, teria vergonha do eu que ele sempre mostrou que era. 


JK sobe para o terraço na intenção de ficar sozinho, mas… 


Jeon abre a porta do terraço e se senta em uma plataforma que havia ali, por fim se permitindo chorar de desapontamento. 

- Me parece que levou um pé na bunda - Y/N diz com abundância em sarcasmo. 


Jeon a olha com um olhar feroz e responde

- Eu em algum momento pedi para você abrir a boca? . 

- Não, mas ainda sim é divertido olhar para você, com esses olhinhos vermelhos de tanto chorar e de brinde essa expressão entristecida em seu rosto. 


Jeon apenas fica calado, estava em outro mundo e não perderia seus valores brigando com uma desconhecida 

- Sabe, você deveria se acostumar com punhaladas, mesmo sendo elas na sua frente. vai sentir bem menos - Y/N diz isso olhando para o garoto. 


- Você está desesperada por atenção? parece que você não percebeu mas eu como um bom amigo irei te dizer, teu joguinho ou seja lá o que você chama isso de fingir não se importar com opinião alheia não está dando muito certo, você só está mostrando escancaradamente que é insegura - JK diz saindo dali. 


- Emocionou demais - Y/N diz para si mesma. 


O dia inteiro foi Jeon sentando na cadeira mas com seu pensamento longe, o sinal para voltarem para casa tocou e Jeon saiu da sala diretamente para seu carro, só queria chegar o mais breve possível em sua casa.

Chegando lá o tutor já estava a espera de Jeon que passou por ele direto e foi para seu quarto, o tutor era um grande amigo de JK e entendeu que o garoto não estava apto para qualquer coisa, então o tutor foi embora deixando um bilhete para o garoto dizendo que havia comida na geladeira. 

Enquanto isso Jeon estava tomando um banho quente para aliviar a tensão que estava sentindo, as palavras de Emily faziam eco em sua cabeça o deixando cada vez mais inseguro de si próprio, o moreno deitou-se na cama na esperança que o sono chegue o mais rápido possível, seus olhos estavam inchados e o garoto não conseguia parar de chorar em nenhum momento. depois de tanto chorar por Emily o garoto foi abençoado com uma baque grande de fadiga e estresse que ajudou-o a dormir mais rápido. 

 

23:00 

há 3 horas da casa se Jeon houve um surto de 4 pessoas comendo animais vivos e até mesmo cabeça de seres humanos, é claro que o cientistas Lee pagou uma leve propina para os policiais e jornalistas não levarem a notícia adiante. De 4 simbiose 3 foram capturados,a 4° simbiose desapareceu de vista e o doutor Lee ainda continua a procura dela, Mas ninguém sabe aonde esse parasita foi parar. 





Notas Finais


bom esse é o primeiro capítulo, ao decorrer da semana eu vou fazendo o segundo para. postar ou sex,ou sábado ou domingo. me perdoem desde já qualquer erro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...