História IMAGINE Jeon Jungkook Dangerous Love - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Jay Park
Personagens Jay Park, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 32
Palavras 1.208
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), LGBT, Policial, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 14 - Por mim ele pode morrer!


Cap 14


Anteriormente...


S/n- Mas meninos, o que o Nam Joo Hyuk quer fazer comigo? - Eles se olham e ficam tensos. - O mistério me irrita. Eu fiz uma pergunta, me respondam meninos.  

Jk- Eu conto ou você conta? - Ele pergunta olhando pro Jin.

Jin- Eu conto. - Ele me olha e respira bem fundo tomando coragem. - Eu vou contar tudo pra você. Desde o início até agora. 

S/n- Até que fim vou saber minha origem. 

Jin- Bom... Quando você era bem novinha, tinha uns 4 anos de idade, acho que você não vai lembrar. Seu pai veio atrás de você de novo, veio atrás de você, da sua avó e da sua mãe. 

S/n- Mas pra que ? 

Jin- Você já ficou sabendo que você é, de certa forma, valiosa né? 

S/n- Sim, mas eu nunca entendi o por quê. 

Jin- Vamos lá. - Olho para os meninos e eles pareciam tensos, o Jungkook nem se fala. Só não estava entendendo o por que dele estar assim. - Você praticamente nasceu pra viver fugindo, não só do seu pai mas sim como de outras gangues rivais de gângster's. Era para o seu pai proteger você, ser seu "herói" como normalmente os pais são. Mas não foi bem assim que as coisas se desenvolveram. Seu pai se tornou um dos seus piores inimigos. Ele te quer pra poder te usar. Como eu posso dizer? Te usar como uma mina de dinheiro, entende? Você, por ser estrangeira pode render muito dinheiro pra ele em baladas, boates e casas noturnas, sabe? - Assenti. - Ele te quer também não só pra isso. Ele te quer pra te usar pra ganhar dinheiro, ou pra te matar. 

S/n- Como um pai pode fazer isso com um filho? - Pergunto com os olhos cheios de lágrimas. 

Jin- Não sabemos o por que dele querer isso, por isso aceitamos você pra trabalhar conosco. Sua mãe falou pro Namjoon que você sempre sonhou em ser do exército ou do FBI, e que você aprende as coisas muito rápido. Acha que em 2 semanas de treino você aprende a atirar e em 2 meses ou menos aprende a lutar?

S/n- Sim!! - Falo confiante. - Meu ódio pelo Nam Joo Hyuk só cresce mais e mais!! - Paro e penso um pouco. - Jin?

Jin- Sim? 

S/n- Você sabe tudo sobre mim e minha família né? 

Jin- Sei sim. Por que? 

S/n- Você sabe quem matou minha avó? Quero me vingar dele ou dela. Quero ver essa pessoa morta. - Jin engole seco e todos olham pro Jungkook. - Por que vocês estão olhando pro Jungkook? - Pergunto sentindo meu coração disparar. 

Jk- S-s/n.... Preciso te falar uma coisa...

S/n- O que? - Pergunto com certo medo. Ele caminha até mim e segura minhas mãos.

Jk- F-foi eu quem matou sua avó. - Arregalo os olhos sentindo as lágrimas descerem pelo meu rosto. 

S/n- V-você? - Tiro suas mãos de cima das minhas. - Você mentiu pra mim!! Você matou uma das pessoas que me mantia viva! Você tem noção disso? Ah, esquece. Você não tem noção de nada. POR QUE VOCÊ SÓ PENSA EM VOCÊ!!! - Acabo gritando com o mesmo. Ele tenta chegar perto de mim mas eu me afasto. - Não chega perto de mim, SEU MONSTRO !!!! - Saio correndo dali e subo pro quarto batendo a porta com muita força fazendo o quadro de flores que tinha na parede cair no chão. 


Jungkook On           


Ver a s/n daquele jeito me magoou muito. Mas eu a magoei muito mais. Eu mereço mais, muito mais. Pensei em ir falar com ela mas Jin me impediu, pediu pra eu ficar na sala que seria melhor. 

A ouvir me chamando de monstro me quebrou por dentro. Passo as mãos no cabelo frustrado em saber que eu magoei o amor da minha vida. Alguém que eu amo, depois de muito tempo sem amar ninguém. S/n dispertou esse meu lado que estava adormecido por anos e anos, ela me ajudou quando eu estava no telhado pensando na IU e me jurando que não iria amar mais ninguém, quando eu estava no hospital ferido, foi ela que me fez ficar feliz naquele lugar fechado. Agora a magoei pela segunda ou terceira vez. Acho melhor deixar de ama-lá. Eu só irei a machucar. Agora ela está com um ódio de mim, e com toda a razão. Daqui da sala eu consigo ouvir seus choros, gritos e soluços. 

Jin- Eu vou ir falar com ela. - Assenti de cabeça baixa e Jin sobe. 


S/n On          


Começo a chorar, gritar, soluçar tão alto que acho que se tivesse outras casas aqui, todo mundo ouviria meus gritos. Começo a socar o travesseiro com muita força quando ouço alguém bater na porta.

S/n- Vai embora!!!! Eu quero ficar sozinha!! - Falei gritando em meio a soluços. - A pessoa abre a porta e eu vejo que era Jin. Começo a chorar mais ainda. O mesmo entra, fecha a porta e caminha até mim me abraçando forte. 

Jin- Eu sei como se sente. Sei que você deve tá querendo socar a cara do Jeon, sei que se você tivesse uma arma você atiraria nele, eu sei. 

S/n- Eu o odeio com todas as minhas forças. Por mim ele pode morrer! Eu odeio ele!! Odeio, odeio, odeio, odeio!!!!! - Falei gritando no peito de Jin tentando descontar a raiva que eu estava sentindo naquele momento.

Jin- Grita, pode gritar. Você tem todo esse direito. - Deito na perna de Jin e continuo chorando por 2 ou 3 horas seguidas, Jin não saiu um minuto sequer do meu lado, ele ficou alisando meus cabelos até eu pegar no sono. 


Kim Seokjin On          


Ver s/n naquele estado estava me machucando tanto... Depois dela chorar muito, ela acaba dormindo. A deito com cuidado na cama direito, fecho as janelas, fecho as cortinas e ligo o ar-condicionado na temperatura que ela gosta. A cubro, apago a luz, ligo um abajur deixando o quarto com pouquíssima iluminação e saio do quarto. Fecho a porta em seguida e caminho até a sala aonde todos estavam.

Hoseok- Como ela está? - Jungkook me olha meio preocupado. - Vocês passaram horas lá dentro. 

Jin- Acredite, esse tempo todo ela chorou sem parar. Agora ela dormiu, não façam barulho, vocês sabem como ela tem o sono leve. Já está de noite, vou fazer algo pra comer e depois dormir. Amanhã vai ser mais um dia cheio meninos. O treino da s/n começa amanhã. 

Jimin- Quem vai treinar ela? 

Jin- Eu pensei no Jungkook, mas ela não quer ver ele nem pintado de ouro. Então, Hoseok, Taehyung, vocês podem treinar ela? 

Hoseok e Taehyung- Sim - Sorrio pra eles e caminho até a cozinha pra começar a fazer algo rápido. Faço kimchi, comemos e cada um foi pra seus quartos. Dei uma passada no quarto da s/n pra ver se a mesma estava bem, ela dormia como um anjo, sorrio a olhando e fecho a porta. Vou para meu quarto, tomo um banho, escovo os dentes, coloco uma roupa confortável e me deito. Leio um pouco e depois desligo as luzes e fecho a porta do quarto. Me deito e logo pego no sono. 


Continua.....



Notas Finais


Próximo capítulo promete hein 🤭🤭🤭🤭
Muita tretaaaaaaa 🤭❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...