História Imagine Jin - Casamento Forçado - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 94
Palavras 1.942
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Festa, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


"Desculpa os erros de ortografia"



Boa leitura :3

Capítulo 16 - EU TE AMO E FELIZ ANIVERSÁRIO SEOKJIN


Fanfic / Fanfiction Imagine Jin - Casamento Forçado - Capítulo 16 - EU TE AMO E FELIZ ANIVERSÁRIO SEOKJIN

Corri para o quarto e tranquei a porta me jogando na cama.

S/n: Meu deus eu não posso me apaixona por ele, não mesmo a Lee vai me matar e eu tbm vou 

Tentei pregar os olhos e durmi, mais todo momento vinha na mente aquele replay, sentindo aqueles lábios carnudos, foi tão bom mais eu tenho que evitar.

Dps de muito pensar acabei pegando no sono. Mais no dia seguinte fui acordada por umas batidas na porta. E era ele ainda pra ajudar.

Jin: S/n faça as malas agente vai dar uma pequena viagem, e leva só roupa de frio, nós vamos ficar 3 dias

S/n: Taaaa *falei cm raiva e cm voz de sono* 

Fui fazendo hora na cama mais uma hora ou outra tinha que levantar, assim que fiz minhas higiene matinais troquei de roupa me arrumando e ao dar uma pequena olhada para fora tinha um ar frio e cheio de chuva.

Arrumei a mala e logo a cama e desci para tomar café e encontrei ele na mesa como sempre.

S/n: Pq agente e não vc ?

Jin: Não posso te deixar sozinha aqui dps do ocorrido no carro a muitos por ai que não desejam meu bem 

S/n: Me deixa na casa da Lee ent !

Jin: Piorou vcs duas juntas 

S/n: Haaaaaaa

Jin: Ande logo que eu já estou atrasado

S/n: Pq vc vai mesmo ?

Jin: Trabalho, agora chega de perguntas

Tomei um café bem reforçado, mais enquanto tomava já via minha mala sendo carregada em direção ao carro provavelmente. Ao terminar já fui em direção do carro junto ao Jin que logo deu a partida.

S/n: É muito longe ?

Jin: Um pouco 

S/n: E esse trabalho envolve eu ? Pq até agora não vejo a necessidade deu ir pq segurança é oq eu mais tenho na casa da Lee

Jin: S/n me ajuda pf ficando calada 

A todo momento ele atendia ao telefone falando coisas sobre negócios que eu não fazia ideia.

Assim que chegamos eu sai e logo vi um carro preto atrás, dele saiu 3 homens que descarregavam as nossas coisas a todo momento.

Jin: Vão no mercado e comprem algumas coisas 

Ao redor não havia nada nem uma casa, por conta da lonjura o dia já estava anoitecendo.

Jin: Vamos logo eu preciso ir organizando algumas coisas

S/n: Lá vamos nós

Revirei os olhos e fui acompanhando ele. Ao entrar era maravilhosa, grande e pequena ao mesmo tempo, confortável e muito bem rústica e mobiliada, a lareira já estava acesa e tinha algumas bebidas quentes ao redor.

Jin: Seu quarto é lá em cima ao lado do banheiro

Ele já foi pegando alguns papéis em cima da escrivaninha e começou a anotar. Eu fui olhando mais como aquele lugar era lindo.

No andar de cima tinha lindas decorações, e como ele disse fui até me quarto e tbm tinha uma lareira, era tão confortável cm aquele tempo chuvoso melhor coisa. Entrei e tinha um banheiro no quarto ainda bem, minha mala estava em cima da cama. Aproveitei e tirei minhas coisas e um par de roupas confortáveis e fui para o banheiro. Tomei um banho tão gostoso.

Dps sequei meu cabelo e desci para comer algo e o Jin já não estava na sala mais.

Fui para a cozinha e o encontrei só de calça de moletom secando seu cabelo enquanto pegava algo para beber na geladeira.

Eu caminhei tranquila até o balcão mais ai lembrei que não sabia onde estava as coisas.

S/n: Jin onde fica as coisas pra fazer um chocolate quente ?

Jin: Sla tbm cheguei hoje aqui

Fui abrindo tudo e encontrei as coisas, fui preparando cm calma até que em fim ficou pronto.

Me sentei naquela pequena mesinha de madeira pura e comecei a tomar aquela bebida tão quentinha e gostosa.

Mais de repente ele se sentou a minha frente me encarando.

Jin: Oq eu disse ontem não foi mentira

S/n: Entendido

Jin: Ent me dá uma chance

S/n: Chance de que, de arruinar minha vida igual está fazendo

Jin: Não estou arruinando nada , estou querendo te dar um futuro, imagina como que ao meu lado as coisas pra vc seria mais fácil

S/n: Hahahah *ri de nervoso* as coisas nunca foram fácil pra mim e eu já estou muito bem conformada e acostumada cm isso. Nunca precisei de homem nenhum pra tornarem as coisas mais fácil muito menos de vc

Jin: Eu não quis ser machista, apenas queria tentar te confortá

S/n: Pois saiba que está me incomodando

Ele se levantou e veio até mim ficando de frente me encarando bem nos fundos dos meus olhos. Cm delicadeza retirou meu copo da minha mão e iniciou um selar calmo e doce.

Jin: E isso te incomodou ?

S/n: Não *falei baixinho*

Parecia que ele tinha algo que me deixava enfeitiçada.

Me levantei e fui pra cima dele voltando cm o selar mais longo e intenso. Ele pegou minha cintura e por um movimento rápido já me colocou por cima do balcão subindo sua mão calmamente até meu pescoço deixando o beijo mais profundo e intenso.

Mais ele parou e me encarou mais uma vez.

Jin: Não agente, não vc tem razão eu vou arruinar sua vida 

S/n: ??isso

Jin: Olha só pra nossa situação, parece que tudo que agente quer não passa de um simples momento de prazer, eu me arrependo pelo que fiz com vc, *segurei seu rosto*, e oq eu quero é que dure até meu último suspiro pq eu estou apaixonado, loucamente apaixonado por vc S/n 

Sem nem mesmo perceber deixei surgir aquele baita sorriso bobo na cara.

S/n: Ent vamos tentar juntos, sem julgamentos, impedimentos ou algo que nos afetes, vamos dar uma chanse juntos 

Foi quando eu realmente vi aquele sorriso sincero que me deixou alegre e cm mais certeza do que eu tinha acabado de falar.

Jin: Vem 

Ele me pegou pelo colo mesmo e foi caminhando até o quarto dando vários amassos pelo caminho. Cm delicadeza me colocou na sua cama e foi depositando beijos pelo meu pescoço até chegar perto do meu ouvido.

Jin: Vc quer mesmo isso ?

S/n: Cm toda certeza absoluta

Suas mãos voltaram até minha cintura puxando minha blusa a retirando. Logo foi minha calça me deixando somente de roupa íntima.

Aquele momento estava tão único que pra mim não pretendia ter hora pra acabar. Cm movimentos rápido me sentei no seu colo enquanto continuavamos a se beijar.

Mais uma vez suas mãos deslizava por todo meu corpo na região de cima até parar no meu sutiã. Ele retirou o mesmo e com uma mão massageava um enquanto ia descendo seus beijos por todo meu pescoço deixando vários cupões pela região até chegar no meu peito abocanhando o mesmo.

Meu corpo automaticamente já sentia aquele toque diferente, e eu me curvava dando pequenos gemidos baixos.

Ao me deitar de novo ele retirou toda sua roupa deixando a vista seu corpo perfeito, cm aquele abdômen incrível e sexy, enquanto seu membro estava totalmente ereto cheio de vontade.

Cm calma ele retirou minha calcinha me deixando completamente núa, dessa vez seus beijos foram da barriga em diante, descendo até minha intimidade, cm seus beijos me faziam enlouquecer de prazer. Minhas mãos deslizaram até seus fios de cabelos segurando o mesmo enquanto soltava alguns gemidos.

Dps de um tempo me fazendo ter meu primeiro orgasmos ele subiu e enquanto selava nossos lábios penetrava dois de seus dedos em minha intimidade.

Entre o beijo eu soltava altos gemidos que me faziam delirar.

S/n: Ji............Jin...........

Jin: Calma princesa 

Cm uma pequena parada ele pegou uma camisinha no criado mudo e coloco a mesma e logo em seguida já me penetrou cm seu membro.

Aquilo era tão maravilhoso, aquelas estocadas me levavam ao céus, sentir seu toque suas mãos deslizando pelo meu corpo era algo tão prazeroso.

As posições foram deixavam ainda mais interessantes, seus gemidos roucos me deixavam mais excitada ainda.

Jin: Tão.......apertada........tao viciante...........S/n vc é o paraíso

S/n: Jin...........J...i...n...

Aquele momento estava sendo tão especial para nós dos cheio de puro prazer intenso.

Dps de algumas horas eu já não sentia mais minhas pernas mais parecia que nenhum de nós estávamos satisfeitos. Até que eu estava sentindo que ia gozar.

S/n: Jin.........eu.......

No mesmo instante nós dois deixamos aquele líquido quente se espalhar por toda nossas intimidades.

Cansados e exaustos cm a respiração ofegante e cansativa nos jogamos na cama dando início a um beijo longo cheio de amor.

Após terminar aquele maravilhoso beijo ele me abraçou enquanto eu colocava minha cabeça em seu ombro retribuindo o afeto.

Jin: Vc é incrível

S/n: Vc é maravilhoso

Jin: Eu sempre te achei tão fantástica, perfeita, talentosa, inteligente e quando via vc cm o Dae pensava que ele tinha algo maravilhoso enquanto eu pegava restos por ai pra me satisfazer

S/n: Eu e o Dae é bem complicado mais não temos uma relação ao ponto de namoro 

Jin: Fico aliviado

S/n: Dps de transar cmg que vc fala isso ? Kkkkkkkkkk

Jin: Não kkkkkk é que eu já sabia só queria ouvir desse geito que vc acabou de dizer 

S/n: Quando te vi pensei que era sem coração, uma pessoa séria mais mal sábia que tem que conhecer a fera pra saber que tem um belo príncipe ai dentro 

Jin: Eu sei que sou maravilhoso e perfeito

S/n: Oiá só kkkkkkkkkkkkkkk

Jin: Acho que esse foi um dos melhores presente dá minha vida 

S/n: Como ???

Jin: *Sorri* Feliz aniversário pra mim 

S/n: Jin !!!!! Pq não me contou !!!

Pulei em cima dele dando um abraço tão forte mais confortável ao mesmo tempo.

Jin: Eu pensei que não ligasse

S/n: Nós dois somos os únicos que fazem companhia um ao outro é claro que eu me importaria 

Jin: Esse abraço tá tão totozo 

S/n: Feliz aniversário meu bem, te desejo tudo de bom, que sua vida seja iluminada e cheia de bênçãos, sei que não somos muitos próximos ao ponto de saber tudo sobre um ao outro mais queria deixar claro que se precisar de mim espero está aqui pra te ajudar. Não sei das suas feridas mais torço para que elas curem e se tornem apenas lembranças que não doem mais. Meu carinho por vc está a aumentar a cada dia e segundo e por mais que seja cedo eu to foda --se EU TE AMO E FELIZ ANIVERSÁRIO SEOKJIN

Ao olhar pra ele seus olhos encheram de água e eu não entendi o pq.

S/n: Ei não chora é cedo de mais pra dizer ? *falei enquanto secava suas lágrimas*

Jin: Eu tbm te amo *sorri*

Ele voltou a me abraçar e eu senti algum peso dele sendo jogado pra fora.

Jin: Vc me faz sentir sensações maravilhosas que nem posso explicar. Essas palavras é o melhor presente que alguém pode ganhar vindo de alguém tão especial como vc

S/n: Jin eu ainda não dei seu presente

Jin: É mesmo e qual seria 

S/n: Bom vc pode escolher

Jin: Casa cmg ?

S/n: Ué mais esse não é o motivo pelo qual estou até hoje cm vc 

Jin: Sim, mais quero que seja do seu coração, cm seus sentimentos não algo forçado contra sua vontade quero que seja verdadeiro 

S/n: Sim ! É claro que eu aceito 

Demos início a um beijo enquanto ele me deitava novamente deixando aquele momento mais perfeito ainda.

Jin: Esse sem dúvidas é o melhor aniversário 

Ficamos fazendo hora na cama mais tínhamos que tomar um banho já que suamos igual uns condenados.

S/n: Minhas pernas doem muito acho que vc quebrou elas 

Jin: Deixa de drama kkkkkkkkkk

Ele me pegou pelo colo cm cuidado e enquanto me levava até o banheiro me olhava tão apaixonado. Entramos na banheira e ficamos a troca de carinhos enquanto ficávamos abraçados.










Continua...............


Notas Finais


Desculpa alguma coisa (•ө•)♡


Me perdoem a demora 💓💫


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...