1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine Jung Jaehyun >
  3. Capítulo 2

História Imagine Jung Jaehyun - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Uma explicaçãozinha básica aqui.
O nome do pai do Johnny não é verdadeiro, pois não achei o nome do pai dele. Então eu inventei um, ok.
Outra explicação:
Quando você faz intercâmbio, a família que você fica se chama "Host Family". É como se eles te adotassem, então eles chamam a mãe de "Host Mom", o pai de "Host Dad", o irmão de "Host brother" e por assim vai.
Boa leitura, amores💛

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Imagine Jung Jaehyun - Capítulo 2 - Capítulo 2

 Hoje, finalmente é o dia em que eu irei para Chicago.

Como explicar os meus sentimentos? Eu estou feliz, triste, nervosa, com medo e tantos sentimentos que eu não sei nem distinguir.

Ontem minha família fez uma festa de despedida para mim e eu poderia lavar um chão com as minhas lágrimas. 

Abraço cada um deles dizendo que irei sentir saudade de todos e meio hesitante, me afasto deles indo até o portão de embarque.

O que mais dói é a saudade que eu vou sentir da minha família, mas sei que isso faz parte da vida. 

Entro no avião e coloco meus fones de ouvindo, afinal seriam longas 18 horas de avião até Chicago.

        ◇Quebra de Tempo◇

Faltando alguns minutos para o avião aterrissar, eu vou ao banheiro do avião é lavo meu rosto, pois eu tinha dormido umas boas horas.

Não sei muito sobre a minha Host Family, apenas conversei com eles algumas poucas vezes. Eles estarão me esperando no aeroporto com meu nome escrito em uma placa.
Pelo que eu sei, eles são asiáticos, mas moram aqui em Chicago. Inclusive, eles têm um filho que frequenta a mesma universidade que eu irei frequentar.

Volto para o meu assento e olho para a janela, já podendo ver a cidade daqui de cima.

O avião aterrissar e eu pego minhas malas, indo para a entrada do aeroporto, procurando meu nome nas placas que algumas pessoas estavam segurando. 

Após alguns segundos, eu finalmente acho eles e ansiosamente me dirijo até os mesmos.

-Olá, senhora Seo!- Falo para a mulher em minha frente com um grande sorriso no rosto.

-____? Ai meu Deus, é um prazer finalmente conhecer você, minha querida!- Ela me abraça calorosamente.- A propósito, esse é o meu marido, Dong Yul e esse é o meu filho, Johnny.- Ela aponta para os dois homens que sorriram acenando para mim.

- É um prazer conhecer vocês e muito obrigada por me acolherem em sua casa!

- O prazer é nosso. Agora a nossa casa é sua também.- Diz o senhor Dong Yul sorrindo simpático.

- Agora vamos, pois você deve estar cansada. Foi uma viagem muito longa- Diz a senhora Seo.

Depois de insistir muito, o garoto de cabelos pretos, filho da senhora Seo, pegou algumas das minhas malas e nos dirigimos até o carro e, enfim chegamos na casa da família Seo. A casa era muito bonita e parecia muito aconchegante.

- Bem vinda a nossa casa, querida. Johnny irá te mostrar o seu quarto. Tome um banho e descanse. Se precisar de algo é só nos chamar.

 - Tudo bem, muito obrigada, senhora Seo!

- Meu amor, pode me chamar de Myoryon ou de mãe - Ela sorri para mim e eu concordo.

Com isso, Johnny me leva até onde ficaria o meu quarto.

- Bom, é aqui. Se precisar de algo, pode me chamar. Meu quarto fica ao lado do seu. - Johnny sorri, deixando minhas malas que havia trago para mim na cama.

- Chamarei sim. Muito obrigada!- Digo sorrindo e o garoto faz o mesmo, saindo do meu quarto.

Fecho a porta do meu quarto reparando nos detalhes do mesmo. Era grande e muito bonito. 

Guardei minhas roupas no armário e tomei um belo banho, logo depois deitando na cama pensando do dia de hoje.
A família Seo é totalmente agradável e gentil, o que me deixou muito agradecida.

Mando uma mensagem para a minha família dizendo que cheguei bem e segura, e saio do meu quarto procurando alguém na casa.

- Com licença - Digo tímida entrando na cozinha, onde estavam os demais. 

- Olá, querida. Esta com fome?- Senhora Seo pergunta enquanto mexe em algumas panelas que estavam no fogão.

- Estou sim.

- A comida já está quase pronta. Sente-se aí e descanse um pouco.

- Tudo bem, obrigada!

- A propósito, ____, o seu inglês é muito bom. Você já viajou para os EUA alguma vez?- Pergunta Johnny adentrando a cozinha e se sentando na ao meu lado na bancada.

- Na verdade não, essa é a minha primeira vez fora do Brasil. Eu apenas estudei a língua por muito tempo.

- Você realmente quase não tem sotaque nenhum. Dês de quando estuda inglês?- Pergunta o Senhor Seo

- Eu estudo dês dos meus onze anos. 

- Wow, deve ser por isso então. Ouvi falar que a língua portuguesa é muito difícil. Depois você poderia me ajudar a aprender algumas coisas. - Diz Johnny

- É difícil mesmo, mas eu ensino sim.

-_____, você cursará bbiologia, não é mesmo? - Pergunta senhora Seo

- Sim, senhora.

- Com o que pretende trabalhar? - Pergunta a senhora me olhando curiosa

- Bom, se tudo der certo, eu pretendo ser perita criminal.

- Isso é muito legal. É tipo detetive, né? - Diz Johnny

- Sim, quase isso. A diferença é que o perito trabalha mais na cena do crime para analisar provas, enquanto o detetive realiza investigações. 

- Uhul, teremos uma policial aqui em casa - Diz a senhora Seo brincando enquanto colocava a comida na mesa.

-_____, aproveita essa semana que ainda não começam as aulas para conhecer mais a cidade. O Johnny pode te levar para conhecer, se quiser. - Diz o senhor Seo

- Não, não se incomode. Não quero dar trabalho para ele.

- Está tudo bem, eu não tenho nada para fazer essa semana. Fique tranquila eu te levo.

Depois de comermos, eu os ajudei a arrumar a cozinha e fui para o meu quarto o descansae, pois ja estava de noite.

A semana foi muito legal, Johnny me levou para conhecer vários lugares da cidade. Aproveitei também para conhecer mais o garoto. Ele é muito divertido, eu não consigo ficar um minuto do lado dele sem rir.

Fico feliz de ter tantas pessoas legais aqui.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...