História My Photographer (Imagine Jungkook) - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts
Visualizações 158
Palavras 1.161
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo *-* ♡♡

Boa leitura.

Capítulo 8 - De novo


Fanfic / Fanfiction My Photographer (Imagine Jungkook) - Capítulo 8 - De novo

...Até que Jimin cada vez mais veio se aproximando seu rosto do meu, em seguida deposita um selinho com seus lábios macios tocando nos meus.Ele pede passagem com a língua, mas demorei um pouco para processar aquilo. O beijo no começo era calmo, depois começou a ficar a ficar feroz, ele começou a passar a mão em voltas da minha cintura e eu no pescoço dele.

Jimin- D-desculpa, não consegui me controlar!- diz parando o beijo.

S/n- Não precisa se preocupar, vamos para sala?- Ele concorda e em seguida fomos para sala.

Ao chegar na sala, percebo que Jungkook me olhava com, Ciúmes?olho para Jimin e, NOSSA, eu deixei meu batom na boca dele, ficou todo borrado.

S/n- Jimin.- sussurro para ele que estava na minha frente.

Jimin- Oi?- fala vindo até em mim.

S/n- Vem aqui no canto!- falo guiando com a cabeça para o lugar.- Você está com o batom aqui!- digo passando o dedo no lugar da boca.- Pronto.

Jimin- Ah, o-obrigado.- Diz corado, e logo sentamos nos nossos lugares e esperamos a aula começar.

Tempo depois, a aula acaba, e era a aula de E.Física.Não queria jogar então fiquei assistindo o jogo. Fico observando Jungkook e começo a pensar.

Como posso ter feito isso com ele? Ele foi meu melhor amigo sem ao menos me conhecer direito. Estou amando ele mesmo desse jeito, sei que não foi ele que postou a foto.Mas isso o fez cúmplice.

FLASH BACK ON

5 dias depois do acontecimento.

Jungkook- S/n, eu sei que errei em ter tirado essa foto, mas não faria essa maldade com você. Ignoro.-  Por favor...

S/n- Estou triste com você Jungkook, pensei que era meu amigo, EU TE ODEIO, sabia? Você é igual aqueles meninos, só usam e jogam fora, faz maldade ou algo do tipo!

Jungkook- Você não me conhece direito para falar assim de mim.

S/n- VAI EMBORA.- falo batendo a porta na cara dele.

Esse foi o dia em que ele parou de falar comigo, ele me obedeceu, foi embora... mas não queria isso. Estava em choque pelos acontecimentos passados, foi tudo tão rápido, não deu para pensar, e eu fiz essa burrice, o que mais quero é Jungkook perto de mim.

Meu coração estava vazio sem ele, mas aí Jimin começou a andar comigo e viramos amigos, mas ele não ajudou totalmente em preecher o coração.

A maldita foto todo mundo praticamente esqueceu, porque chegou um aluno novo e vazou nudes dele, e isso fez com que esquececem minha foto, escola doida.

FLASHBACK OFF

E como cresceu minha paixão tão rápido por Jungkook?

Eu me apaixono fácil, e simplesmente quando ele mostrava o carinho dele por mim, seu sorriso, olhar brilhante, beijo... Nunca me esquecerei daquele beijo, talvez seja até o meu primeiro e último beijo com ele.

Mas porque não peço desculpas ao Jungkook?

Jungkook ficou estranho comigo depois de nossa discussão, sempre desviava quando queria falar com ele, chegava atrasado na escola, me senti um monstro por ter feito isso com ele.

S/N OFF

JUNGKOOK ON

Acaba a aula e vou direto para casa. Troco de roupa e deito no sofá e começo a pensar em s/n.

Faz semanas que não falo com ela, fiquei magoado quando ela falou aquilo comigo. Ela ficou mais próxima de Jimin, fiquei irritado com isso, Jimin sempre ficava falando dela. Não estou entendendo o que estou sentindo, mesmo dela longe de mim, me sinto vázio, Da primeira vez que á vi me encantei, cuidei dela mesmo nem a conhecendo direito, mas com isso a conheci melhor. Tento ficar com alguem par atentar esquecer dela mas não adianta.

Passo a tarde toda jogando, assistindo séries e comendo porcarias. Resolvo sair, já são 18:00. Pego meu casaco e saiu.

JUNGKOOK OFF

S/N ON 

Resolvo sair para esfriar minha cabeça, ponho uma saia chadrez, Blusa preta de manga, uma meia até o joelho e uma botinha tênis.

Começo a andar nas ruas frias de seoul sentindo arrepios cada vento que passava. Sem eu perceber estava dentro de um beco escuro, de dar calafrios, não reconhecia aquele lugar, já estava a noite no que fazia mais sombrio aquele local imenso e sem fim, sem nenhuma alma, as luzes meio apagadas e sombras dos faroes de carros passando do outro lado da rua. Tento sair dali, mas sou puxada bruscalmente e logo chocando minhas costas na parede tampando minha boca.

Xxx- Calada! - fala com voz rouca, não deu para mim ver quem era.

S/n- Quem é você?- falo com a voz abafada tentando me soltar de seus braços.

Xxx- Prazer, sou G- Dragon, mas pode me chamar de Daddy.- Ao falar isso ele tira a mão de minha boca e começa a passar a mão em meu corpo, ele me empurra agressivamente na chão e levanta minha saia, começo a gritar, gritar muito, ele pouco se importou. Ele começou a tirar o cinto dele, mas não deixo isso acontecer e logo dou um chute no meio das pernas dele, que o fez cair no chão pondo a mão no local e gemendo de dor. Tento correr,mas ele foi mais rápido e agarrou minha cintura e começou a me bater, mas revidei e começamos a lutar.

S/N OFF 

JUNGKOOK ON

Estava caminhando pelas ruas, até que passo perto de um beco e escuto vozes, barulhos e socorros, entro dentro do beco correndo e me deparo com um homem quase esfaqueando s/n.

Corro até nele e tiro a faca da mão dele e começo a soca-lo na parede até ele desmaiar. Olho para S/n, ela estava no cantinho onde tinha luz, sentada no chão, o cara deixou vários roxos nas partes do corpo dela. Vou até nela e ajudo ela a se levantar, ela estava tremendo, provavelmente de medo e frio, então coloco meu casaco nela fazendo ela me olhar.

Jungkook-Vem, vou te levar para sua casa. - Ela assenti, abraço ela de lado e caminhamos assim até chegar lá.

Chegamos na casa dela e estamos na porta, e para e me olha.

S/n- J-jungkook, desculpa por ter dito aquilo, eu estava aborrecida e abalada, tudo aconteceu tão rápido e não deu para pensar, você está me ajudando mesmo ter te magoado. Estou arrependida por ter ficado com raiva de você, e não te desculpar, eu te desculpo.- Ao ela dizer isso acabo abrindo um sorriso.

Jungkook- S/n, eu te desculpo, também fui muito idiota, nós dois fomos idiotas, que tal começarmos de novo?- pergunto estendendo a mão.

S/n- Sim.- fala apertando minha mão e sorrindo, Ahh e que sorriso, estava sentindo falta disso.

Entramos dentro de sua casa. Mark não estava, então ajudo a S/n com o machucado com delicadeza e depois ela vai para o banheiro tomar um banho.

S/N ON

Depois de Jungkook me ajudar com as feriadas, tomo banho e ponho uma blusa moletom, e uma calça moletom, e uma meia,pois já estava no final do ano e muito frio. Desço e encontro Jungkook dormindo deitado no sofá cama. Tento acordar ele mas ele me puxa do lado dele ainda dormindo, deito do lado dele e ele envolve os braços dele em mim me abraçando dormindo, tentei o máximo sair dali, mas não consegui, estava muito cansada e resolvo dormir ali mesmo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado.

♥♥♥♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...