História Imagine Kim TaeHyung - Possessivo - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7, Jay Park
Personagens BamBam, Jackson, Jay Park, JB, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jinyoung, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Suga, Tae, Taetae
Visualizações 1.386
Palavras 1.900
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Me desculpe por qualquer erro, espero que gostem e tenham uma boa leitura♡

Aaah e muitos de vocês estão me chamando no privado e dizendo o quanto gostam das minhas fics e do jeito que eu escrevo, e eu agradeço por isso :3

Esses tipos de mensagens são bem legais de serem lidos e eu tento fazer o máximo pra melhor as fics pra vcs

Capítulo 21 - O Perigo


Fanfic / Fanfiction Imagine Kim TaeHyung - Possessivo - Capítulo 21 - O Perigo

O PERIGO




- Hey o que é isso oque pensam que estão fazendo?! - perguntei encarando um dos homens que estava do meu lado e que a propósito usava uma mascara que cobria seu rosto rodo.

Xxx- Ah... Você deve ser a S/n ainda não tínhamos nos conhecido! - disse e eu percebi que sua voz era fina e grave... Era uma voz de mulher - Me chamo Young Yang Moo! - tirou sua máscara e estou seu cabelo me dando visão do seu rosto bonito - É um prazer conhecer a esposa do Taehyung! - estendeu sua mão para mim apertar a mesma mas eu não fiz nada apenas olhei para sua mão e ignorei.

- Eu não te conheço, e quem são vocês? Como conhece o meu marido?!

Yang- Seu marido já trabalhou comigo à muito tempo... E todos te conhecem, você namora o dono de uma empresa multi bilionária e muito conhecida na Coreia e nas EUA sem contar no Canadá, China e Japão... Até parece que não sabe.

- Eu não sabia de nada disso, a empresa do Taehyung é uma empresa normal! E você já trabalhou com o meu marido a onde? Ele nunca me falou sobre você ou pelo menos já citou seu nome!

Moo- É bem típico do Taehyung mesmo! - sorriu tirando uma luva preta de suas mãos - Eu já trabalhei do ele no exército... - falou e eu me surpreendi muito - Não sabia disso também? - perguntou e eu neguei - Humm... Não esperava isso.

- Pra onde estão me levando? - perguntei olhando pra janela mais meus olhos logo voltaram pra mulher que estava do meu lado.

Moo- Logo logo você vai ver... Mas eu vou te dar uma dica! - se aproximou do meu rosto me olhando nos olhos - É um lugar que você vai ficar muito tempo se o seu marido não vir te buscar! - sorriu de lado e se separou.

- Por que me sequestraram já que vocês querem conversar com o Taehyung?!

Moo- Já chamamos o Taehyung varias vezes pra conversar, mas ele nem liga pra nós e pelo que parece ele te ama muito e não irá te deixar nas mãos de um desconhecido, e pode deixar Sra.Kim, que vamos cuidar muito bem de você!

- Não confio em você! Não sei quem você é direto então não posso crer que vou ainda estar viva quando chegar nesse lugar que estão me levando.

Moo- Olha Sra.Kim... O Taehyung é um homem muito importante pra mim e é por isso que eu não vou deixar ninguém encostar na mulher amada dele!

- Eu quero o meu segurança!

Moo- Aquele homem que deixamos pra trás com um porte físico bem bonito? - perguntou e eu assenti - Oh, talvez quando você voltar pra casa. - sorriu forçado - Vai mais rápido! - falou pro homem que estava dirigindo.

- Eu quero ir pra casa agora, o Taehyung vai matar vocês! - falei em alto s sério.

Moo- É o que parece! - Olhou pra mim e sorriu - Mas isso não vai acontecer. Por acaso já ouviu falar em uma mulher chamada Somi?

- Já... É uma mulher ligada com o Taehyung, quando eu pergunto quem é ela, ele fica nervoso...

Moo- A Somi é minha irmã mais nova, ex noiva e namorada do Taehyung.

- O que...? - me surpreendi novamente quase caindo do banco.

Moo- Uma militar do exército também... Mas eu acho que não posso te contar tudo já que o Taehyung não gosta de falar sobre a minha irmã... - olhou pra janela do seu lado.

- Eu quero o Taehyung... - abaixei minha cabeça.

Nesse momento eu estava me sentindo muito insegura e por isso estava com muito medo e de algum jeito o Taehyung era a única pessoa que vinha na minha cabeça pra me ajudar.

(...)

Depois de um tempo dentro da droga daquele carro finalmente me tiraram dali mais foi outras pessoas, dois homens com armas e eu nem via a necessidade daquilo, eu nem sou um ser perigoso, mas na minha cabeça eu já imaginava eles usando essas armas pra me matar.

Entramos em uma casa muito bonita, e logo colocaram algemas nas minhas mãos e começaram a me puxar pra uma sala e assim que entramos eu vi um homem sentado.

XxX- Olha que temos aqui! - abriu um sorriso enorme e se levantou - A grande esposa de Kim Taehyung... - se aproximou me dando visão que ele era bem maior que eu - Bem... De grande não tem nada apenas a beleza mesmo! - disse sorrindo - Podem ir, eu acho que posso cuidar dela sozinho. - falou e os homens foram embora - Prazer me chamo Kim Ki Bum. - estendeu sua mão e mas uma vez eu não apertei a mão de alguém - Bem... Você parece ser bem tímida!

- Não sou, apenas quero ir pra casa, eu quero o meu marido... - olhei para seu rosto.

KiBum- Que ótimo, assim você pode nos ajudar... - pegou seu telefone dentro do bolso e discou um número - Alô? Kim Taehyung? - colocou no Viva-voz.

Tae- Cadê a minha mulher?! Eu sei que "tem um dedo seu nisso!" - disse pelo telefone.

KiBum- Ainda bem que você ainda é esperto! - sorriu - Pode vir buscar a sua mulher ela está aqui do meu lado.

"Taehyung- Eu quero falar com ela!"

KiBum- Tudo bem! - colocou o celular um pouco perto da minha boca para que eu pudesse conversar com o Taehyung.

- Tae... - falei em um tom baixo - Vem me buscar por favor... Eu estou com medo...

"Tae- Calma Amor... Eu vou ir te buscar e você não precisa ficar com medo de nada, eu vou ir atrás de você e vou matar quem te fazer mal..." - disse pelo celular e o homem logo voltou a falar com o Taehyung de novo.

KiBum- Não quero que você traga ninguém com você apenas vinha sozinho, eu quero ver seu rosto depois de tanto tempo. Vou te dar o local e tudo certinho onde devemos nos encontrar!

"Tae- Ok..."

Os dois ficaram conversando por alguns minutos e o homem logo desligou o celular e colocou encima da mesa que tinha naquela sala.

KiBum- Você é muito bonita! - tocou meu rosto e eu me afastei - O Taehyung tem um ótimo gosto pra mulher! - sorriu - Quer alguma coisa pra beber ou comer? - perguntou e eu neguei com a cabeça - Calma eu não vou fazer nada com você... - se aproximou mais e a porta da sala foi aberta.

Moo- Appa! - entrou na sala - Já falou com o Taehyung?

KiBum- Sim e ele já está indo até o lugar... Vamos também antes que ele chegue primeiro! - pegou em meu braço e saiu me puxando.

Entramos em um carro com mais quatro homens e aquela mulher que se chama por Moon. Fomos até um outro lugar que apenas tinha mato e uma parte coberta, saímos do carro e fomos até a parte coberta que tinha pinchasão em todas as paredes. Ficamos um tempo naquele lugar até finalmente o Taehyung chegar apenas segurando uma mala e vestido com uma roupa social.

- Tae! - tentei sair do local em que eu estava pra abraçar o Taehyung mas me puxaram.

Taehyung- Eu já estou aqui... Pode soltar a minha mulher! - disse encarando o tal Kim Ki Bum.

KiBum- Não é assim que funciona Kim! - sorriu e o Taehyung logo tirou uma arma de seu terno e Ki Bum apontou uma arma em minha cabeça na mesma hora que Tae sacou sua arma - Não quer perder sua esposa só por causa de um mal estendido, não é? - perguntou fazendo uma voz estranha.

Taehyung- Apenas deixe a minha mulher em paz, se quer dinheiro, aqui está! - colocou a maleta no chão e chutou até a mesma parar nos pés do Ki Bum.

KiBum- Eu não quero dinheiro! - sorriu - E eu acho melhor abaixar essa arma antes que eu tire a vida dela por nada! - falou e eu abaixei minha cabeça já querendo chorar. Mas logo olhei pro Taehyung que guardou a arma em sua cintura e assim o Ki Bum tirou a arma da minha cabeça - É assim que eu gosto Kim! - sorriu.

Taehyung- Me fala logo o que você quer!

KiBum- Vamos conversar ali... - apontou r logo me empurrou até eu ser segurada por um dos homens que estavam lá - Cuida dela enquanto eu estiver conversando com o Taehyung! - falou para o homem que me segurou e o mesmo assentiu e então o Taehyung e o homem foram conversar em outro lugar e depois de um tempo voltaram.

Ki Bum apareceu junto com o Taehyung e já foi se aproximando de mim e tiranos minhas algemas. E com a chance de estar livre eu abracei o Taehyung assim que dei um pulo em seus braços, comecei a chorar.

Taehyung- Calma Jagiya... - fiz um carinho nas minhas costas tentando me confortar - Está tudo bem...

KiBum- Agora está tudo bem mesmo. Podem ir, e Kim! - chamou o Taehyung que olhou para seu rosto - Temos um acordo, nem invente de acabar com isso, a vida dela está em jogo! - apontou pra mim.

Taehyung- Eu sei o que eu tenho que fazer! - se separou do abraço e me levou de mãos dadas até seu carro, onde entramos e mesmo assim eu não quis me afastar do Taehyung e fiquei abraçada com um dos abraços do mesmo enquanto o outro dirigida.

- Obrigada... - disse em choro tentando me acalmar respirando - Obrigada por não ter me deixado.

Taehyung- Eu nunca vou te deixar... Estamos juntos pra vida toda, até que a morte nos separe! - beijou minha cabeça e depois disso continuamos em silêncio até chegarmos em casa.

Assim que chegamos tamos pra cozinha e o Taehyung fez um chá pra mim e logo depois ficou do meu lado me abraçando e me passado uma segurança que só ele conseguia me passar.

- Eu espero que minha mãe esteja bem... - disse pra mim mesma - Kim! - me separei e olhei pro Taehyung - Você já foi do exército e nunca me contou nada? Você sabe mexer com uma arma e nunca me contou nada?!

Taehyung- Me desculpe amor, achei melhor você ir descobrindo isso com o tempo... Mas olha... - tocou meu cabelo - O motivo deu ter saído do exército foi você. Quando eu fui te buscar na sua casa, pra ser minha, eu estava de folga do Exército ... E juro que com o tempo eu vou te contando tudo.

- Você é mais misterioso que eu pensei... - abaixei minha cabeça e o Taehyung riu.

Taehyung- Talvez um pouco... Me acha mais atraente sendo misterioso? - perguntou sorrindo e eu neguei - E gosta de homens de uniforme? Se quiser eu posso vesti meu uniforme do exército!

- Kim isso não é engraçado... Acabamos de sair de um lugar que eu não conheço com pessoas desconhecidas que usam armas! E que principalmente poderiam ter me matado!

Taehyung- Eu nunca ia deixar que isso acontecesse. - selou nossos lábios por alguns minutos mas logo se separou - Você está agradecida por mim ter te salvado não é?!

- Estou... Obrigada mas uma vez Kim... - coloquei a xícara de chá encima da mesma e abracei Kim pela cintura deixando minha cabeça em sua barriga já que ele estava sentado - Confesso que estava com medo de morrer, e de te perder...






Continua....









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...