História Imagine Kim Taehyung (BTS) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias A Rainha Vermelha, Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Rosé, Tristan
Tags Bts, Kim, Taehyung, Taetae
Visualizações 118
Palavras 1.265
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Ficção Científica, LGBT, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Capítulo 6 - dois pés esquerdos


Fanfic / Fanfiction Imagine Kim Taehyung (BTS) - Capítulo 6 - Capítulo 6 - dois pés esquerdos

P.O.V. S/N

Não consigo nem fingir que estava calma, por que não estava, Taehyung provavelmente saiu do meu quarto assim que peguei no sono a noite, ele de certa forma me acalma, mas não pode estar 24h comigo, então terei de segurar as pontas.

Estava indo a caminho do salão principal para tomar café da manhã, e fique feliz ao ver Tae ali, com seu irmão simpático Kookie e infelizmente a rainha. Ainda não tive oportunidade de conversar com o rei, ele parecia mais quieto, deixava com que a megera... mais conhecida como RAINHA tomasse as decisões.

- Bom dia "Ariana", como passou a noite? - Me surpreendi com o rei falando - espero que esteja tudo conforme o gosto da senhorita.

- Está tudo bem muito obri... - sou interrompida pela rainha.

- Pare de ser tão gentil, ela é apenas uma vermelha, com poderes, mas ainda uma vermelha.

-Bom dia Ariana - disseram em coro os dois irmãos com um sorriso e a rainha bufando e revirando os olhos saindo da mesa.

-Bom dia meninos -me sentei ao lado de Taehyung que estava vago.

- Dormiu bem? - sussurrou Tae meu ouvido. - você está linda "s/n" - disse ele falando quase que inaldivel o meu verdadeiro nome, o que me fez sorrir, deixando ele feliz com tal ato.

- Dormi sim, obrigada! Você também está lindo. 

Logo que disse isso a porta é novamente aberta revelando Lisa, ela estava linda, como uma rainha deve ser.

- Bom dia a todos! Bom dia meu principe - disse ela abraçando por tras da cadeira e dando um beijo no rosto de Taehyung, me encarando feio. Me senti desconfortavel com tal ato - você poderia ir para a cadeira ao lado para que eu me sente proximo ao MEU noivo? Ariana... 

Apenas fiz o que ela disse sem nem olha-la, aproveitei que ja havia acabado e sai da sala, deixando um Taehyung me olhando preocupado e uma Lisa feliz.

Era meio dia e eu não aguentava mais as aulas de etiqueta e nem de história, eram entediantes, mas infelizmente uma princesa deve saber se portar em situações publicas e em conversas com o povo prata, que agora infelizmente era meu povo. Tive de aprender a dançar na aula de etiqueta pois haveria uma festa em breve, eu era péssima em dança, um ótimo dois pés esquerdos! A festa seria no dia do meu aniversário, daqui 3 dias, mas quem se importava, sentia saudade da Rosé e do papai, agora eu não poderia ve-lo aos finais de semana e a Rosé... está trabalhando demais, eles deram montanhas de trabalho a ela propositalmente, para que não pudessemos nos ver. 

Chegando no almoço fui me sentar e infelizmente Lisa estava lá, me encarou dessa vez com curiosidade e não se conteve em perguntar.

- Qual é o seu poder mesmo Ariana?

- Eletricidade, o seu é o vento certo?

- Sim... - ela sorriu fraco, me surpreendendo com tal ato. - Não se acostuma princesa, eu sei que o Taehyung gosta de você, vejo bem como ele te olha, mas sabe? Eu sou a noiva dele, e você não pode fazer nada quanto a isso, a não ser que queira duelar comigo. - diz ela sorrindo maldosa.

Engoli um seco ouvindo isso, duelar com ela? Não, não queria morrer!

-Lisa você está enganada, eu e o príncipe Kim somos apenas amigos, só isso. Pode ficar tranquila, não vou me meter entre vocês.

- assim espero princesa Triton. - disse se retirando da sala. Ela não sabia quem eu era, apenas a família real e o Jackson sabiam que eu era uma vermelha. 

Eram 15h e chegou a hora que eu estava mais curiosa, meu treinamento, cheguei a uma sala e bati na mesma entrando em seguida, la estava um homem, um pouco mais velho que eu sentado em uma cadeira lendo algo.

- Boa tarde S/N!! - Oque? Ele sabia quem eu era? - sim eu sei quem é você vermelha, até quando eu souber como funciona seu poder, treinará sozinha comigo, meu nome é Suga, serei seu mestre, sou irmão mais novo da antiga rainha tenho o mesmo poder que ela então ninguém conseguiria esconder nada de mim, fique tranquila seu segredo está a salvo comigo assim como o conhecimento de que você cria o elemento eletricidade, relaxa a rainha não consegue ler pensamentos... acredite isso a irrita! Falei com Taehyung, ele é como um filho, pediu que eu a treinasse. E assim farei.

-Tudo bem, mas quando a rainha não está irritada? - ele deu uma risada concordando com a situação

- Ela se acha mais do que realmente é, mas não a irrite, ela é uma naja em tecido fino! Falsa, e foi ela quem mandou minha irmã para a forca, o rei? Está total manipulado por essa vibora, mas ela não se mete comigo! Seu filho Jungkook... não se engane, é igual a mãe.

Concordei, mas não acreditei no que disse sobre o Kookie, ele parecia uma boa pessoa, um bom principe. As vezes Suga deve sentir raiva dele por ser filho de quem é.

P.O.V Taehyung

Era noite, e eu estava meio incomodado,queria ve-la, conversar com ela, perguntar como foi seu dia, mesmo sabendo da resposta. Decidi ir até seu quarto, pedi para que Jackson vigiasse a porta e assim ele fez.

Bati na sua porta, e ela a abriu, sorrindo, aaa esse sorriso, esses olhos que me matam.

- Oii, pensei que não fosse te ver, estou meio acabada, tive as aulas, meu treinamento e tive de aprender a dançar para uma tal festa, mas sou dois pés esquerdos.

Dei risada com a situação, o que me deu uma ideia.

- Problemas para dançar, nunca mais, venha comigo - falei puxando a mesma que estava sem entender nada.

- onde nós vamos? - a olhei sorrindo e ela corou, linda como sempre.

- vamos dançar - chegando a bibliotéca que ela provavelmente não havia entrado ainda.

Estava tudo muito engraçado, coloquei uma musica, mas ela realmente não nasceu pra dançar, pisava em meus pés quase a todo momento, até... que uma hora a dança fluiu.

Um tempo depois nos sentamos naquela sala vazia para descançar, e quando vi eu a estava encarando e por um instinto a beijei, um beijo leve, com ternura.

- Ei... oque foi isso Tae? Você está noivo e... eu sou uma vermelha!

- Correção, noivo de uma garota que não conheço e que só quer a coroa. E não ligo para o que você seja.- eu disse a tomando em meus braços novamente.

Dessa vez mais intensamente, ela colocou seus braços em volta do meu pescoço e minhas mãos estavam em sua cintura, num passe rapido a peguei e a coloquei em meu colo de frente para mim. Seu beijo era viciante, e acabou se tornando como uma droga para mim. Eu sabia que a partir daquele momento nossas vidas mudariam completamente. 

A soltei dando leves beijinhos em seu rosto e ela me encarou com um sorriso lindo,o mais lindo de todos. Eu não queria ir rapido demais, não com ela. Me levantei pegando em sua mão e a levando novamente em seu dormitório me despedindo com um selar ou dois demorados e um abraço.

- Boa noite princesa! Espero que não esqueça do que aconteceu hoje, por que eu não vou esquecer. - disse dando outro beijo na mesma a deixando mole. - tchau

- Boa noite Tae, não vou esquecer, obrigada pela dança. - disse ela com um sorriso e fechando a porta

 Continua



.....




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...