História Imagine Love Secret - Hot CL - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias 2NE1, EXID, G-Dragon, Got7
Personagens Cl, G-Dragon, Jackson, JB, LE, Minji
Tags Cl & Sn, Imagine Cl, Imagine Hot Cl, Love Secret, Unnienoonahyuk
Visualizações 103
Palavras 706
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Hentai, LGBT, Mistério, Orange, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


➡Hot reconciliação ♡
➡Minji
➡Boate

S/nc= Seu Nome Completo.

Capítulo 19 - Reconciliação!


Fanfic / Fanfiction Imagine Love Secret - Hot CL - Capítulo 19 - Reconciliação!

P.o.v.'s  CL 

Abrir a porta da sala de reuniões, puxei ela pra dentro, e tranquei. Apaguei a luz deixando apenas o Slide ligado, para ter algum tipo de iluminação, ataquei seus lábios, começando um beijo agressivo, tirei suas roupas, logo em seguida minha saia social. Eu sentir sua falta, eu achei que ia morrer. Eu te amo S/nc...-

S/n: Eu te amo mais...

Beijei a mesma, persuadindo-a a mim. Tendo seus corpo totalmente despido, a deitei na mesa ficando por cima e beijando-a entrelaço nossos dedos e levo seus braços acima da cabeça, apoio sua coxa em cima da minha me ajeitei, e comecei a Roçar nossas intimidades, aumentando e fazendo mais forte.

aaah...isso! -

Beijei a mesma pra abafar seus gemidos, me movimento mais rápido no seu clitoris, ela ergue o quadril pra ter mais contato dar umas fracas reboladas. Aah-gemi alto.

Insana aumento a velocidade, já sentindo um enorme prazer ao sentir meu orgasmo ser posto pra fora, jorrando um líquido, a mesma apertou minha mão em um gemido alto gozou. Me abaixei rápido, lambendo toda a sua intimidade tirando seu líquido. Estava em pé então ela se abaixo pra fazer o mesmo, seguro sua cabeça enquanto ela me olha fixamente, ainda me lambendo, ah-tombo a cabeça pra trás. 

Ouço a zoada da maçaneta. Alguém tentava abrir a porta. Comecei a me vestir rapidamente  a S/n  fez o mesmo. 

Arruma, Arruma, Arruma esses papéis aqui!- ajeito os papeis bagunçado em cima da mesa. Esqueci iríamos ter uma reunião, ajeitei o Notbook botei o óculos e S/n, organizava os papéis ao meu lado. Alguém abriu a porta. 

-"sim chefe acho que tem alguém preso aqui dentro"-

-"oh Srta. Chae...rim..."

Ligaram a luz, fingia digitar no computador. 

Sim...-respondi .

Todos me olhavam, a Le fazia sinal pra eu endireitar meu cabelo assanhado, assim fiz ela sorriu, por linguagem labial disse:"Obrigado". Começamos a reunião como se nada tivesse acontecido. 

...

Assim que acabou, já na minha sala com a S/n, botei toda risada que estava presa pra fora.

S/n: tem certeza que ninguém desconfiou?

Cl: Acho que a LE desconfiou....deixa de bobagem vem cá! -

A mesma sentou no meu colo e me beijou.

(...)

Dias depois....

S/n chegaria depois estava com meus dois filhos, no parque ambos estavam no carrinho. 

Ahjumma: por favor me ajude...por favor, - uma senhora parou a minha frente parecendo sentir dor.

Me levantei, prestando ajuda pra a mesma não cair. Dei as costas por alguns minutos, assim virei com o choro de meus filhos. Uma pessoa encapuzada fazia algo com eles. -Yaaaa!- o que você está fazendo? - corri até os meus filhos,  aparentemente eles estão bem, ele saiu correndo. Olhei pra trás a senhora que estava se batendo de dor não estava mais lá. 

...isso foi realmente muito estranho.

Não sabia o que aquela desgraça daquela mulher fez, então levei meus bebês no médico, sim ela não chegou a fazer nada grave. O que ela fez? Será que ela só os assustou? 

(...)

Cheguei em casa, a S/n não estava, dei banho nos meus filhos e dei comida após botei a Na-ra, Nam-il e a Da-mi pra dormir. -mamãe ama!-

Mensagem S/n  on :

-Chama a babá e vem me buscar! Estou alcoolizada! 

-estou indo onde está? 

-Na boate Xxx. 

-ok!

Mensagem S/n Off 

Chamei a babá,  e fui até a tal boate.

Procurei, procurei a mesma em todo canto não achei, então eu já estava indo embora me esbarro com a MinJi

Minji: toma uma dose comigo? -

Não... não dar minzy procuro a S/n.. 

Minji: Me esbarrei... com ela entro em um táxi disse que ia pra casa. 

Ah...

Minji: Qual é Cl... não precisa agir assim, eu sei que me trocou por outra, não estou preparada pra aceitar isso ainda...porém é só uma bebida! Pra não perder a viagem...

Ok! -Só uma...-

Ela me levou até o sofá, aquelas luzes ofiscavam meus olhos, o som muito alto. Minji levantou pra pegar as bebidas, voltou com os copos, me deu eu bebi. Ela sorrio maliciosa. Então pediu outra garrafa. Em poucos minutos estava estranho...só tinha bebido um copo parecia que tinha bebido uns trinta. Minha cabeça pesava ouvia ecos 

cl? Esta tudo bem?-

Via tudo girar, segurei na mesma estava insana. -pra onde está me levando Minji?- 

Falei vendo ela bater a porta do Táxi. 

(...)

Ela me apoio no sem ombro, e me levou pra dentro.







Notas Finais


Próximooo♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...