História Imagine Min Yoongi - Minha vida - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Comedia, Drama, Imagine Min Yoongi, Suga
Visualizações 9
Palavras 2.401
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu espero que tenha uma ótima leitura! ^u^ ❤

Capítulo 10 - Com ele


Fanfic / Fanfiction Imagine Min Yoongi - Minha vida - Capítulo 10 - Com ele

Após o sonho, eu acordo meio assustada, e quando abro os meus olhos  direito vejo o rosto do Tae que, provavelmente estava me chamando para acordar 


- Kyun, que demora para acordar, hein! - disse ele rindo da minha cara - seu cabelo está engraçado! - e ele caiu na risada

Eu começo a arrumar meu cabelo que, realmente, eu sentia que estava como uma juba de leão! E, como eu não estou acostumada a ser acordada pelo o Tae, pelo motivo de que ele dorme.. Vamos dizer que "um pouco mais do que eu", e, eu sou uma garota que tem sono pesado.. Eu acho que isso tudo é só por enquanto que eu não me acostumei com tudo isso que eles vivem, eu espero não atrapalha-los.

Vamos lá! Pare de dar risada! - ele ria mais ainda. Eu aproveitei que estava dando risada para bagunçar o cabelo dele, e admito que ele ficou fofinho! Eu caí na gargalhada junto com ele. Nós ficamos bagunçando o cabelo de cada um até que ele diz para irmos nos arrumar pois já estava tarde, e confesso que eu acho que dormi demais...

- Vamos, se arrume já é meio dia e pouco - ele disse saindo do quarto e fechando a porta

- Okay! - eu disse em um tom alto para que ele pudesse escutar

Hmm... O que eu posso vestir hoje? O dia é vago, então provavelmente, irão ir em algum lugar para comer. Esse tá bom (Camiseta cinza, shorts jeans e um casaco preto), saí do quarto e fui para a sala de estar e vi os meninos sentados no sofá conversando sobre algo

- O que faremos hoje? - disse o Jin

- Eu sei lá - disse o Namjoon

- Gucci... - citou o TaeTae

- Nah, você sempre quer ir para lá Tae - disse o Kookie

- Okay... - logo falou em resposta

De repente alguém da staff veio com uma câmera na mão e falou que tinha uma idéia para eles

- Bom, hoje não iremos gravar pelo motivo de termos que editar os vídeos que gravamos - disse apontando para a câmera que estava na mão - então, vocês podem ir passear livres em parques, shoppings e o que quiserem, só se lembrem de tomar cuidado.

Eles ficaram alegres e logo em seguida olharam para mim

- Quem vai ficar com ela? - Perguntou o Jin apontando para mim

- Eu. - Yoongi sai de trás se oferecendo para ficar comigo hoje - eu sei que vocês não irão se oferecer pois querem fazer suas coisas sozinhos ou sei lá

- Uuh, okay.. - eu falei olhando para o mesmo que no momento tinha dado um sorriso

Okay então - todos os outros membros responderam assustados com a escolha que ele fez, eu até fiquei alegre.. Eu estava com saudades de passar um tempo só com ele, sabe?

Passou um tempinho e eles resolveram sair para fazer as coisas que queriam sozinhos sem que ninguém possa atrapalha-los com câmeras e etc, mas em minha opinião, eu não acho que eles ficam muito incomodados com câmeras por perto, já que é de costume, mas sempre há o momento de lazer em que eles descansam e fazem o que querem.

- Hm.. Vamos? - eu o chamei

- Só me dê um minuto.. - e continuou sentado olhando para a tela do celular - Não me interrompa, isso me irrita facilmente e você sabe disso - olhou para a minha cara depois de me dar um sermão

- Okay - me sentei no sofá que estava do outro lado da sala o encarando

- O que você quer fazer hoje..? - se levantou estendendo a mão para me ajudar a me levantar

- Ah, sei lá, onde podemos ir? - segurei a mão dele me levantando e o seguindo até a porta

- Só me diga algo que você ainda goste - me respondeu e saímos para a rua.

- Uma praça..? - sem resposta, continuei o seguindo

Caminhando com ele, me faz lembrar de quando éramos menores, nós caminhávamos até a escola, mas existia as exigências dele de que eu tinha que andar com pelo menos 8 metros de distância dele, para evitar os comentários idiotas das outras pessoas, mas os comentários eram algo que voavam por toda a escola.. Era bem chatinho para mim, imagina para ele

- Depois de irmos a praça, nós iremos para uma sorveteria e iremos voltar para casa - ele me disse enquanto íamos a caminho do primeiro local

*QUEBRA DE TEMPO~*

Estávamos procurando um lugar para para ficarmos quando eu vi um ótimo lugar para ficar, havia um lago, o mato era baixo e tinha a sombra das árvores. 


- Ali! - eu saí correndo para o local desejado e, como o esperado, ele veio em minha direção

- Vai ser aqui mesmo? - se sentou no chão olhando ao redor

- Sei lá, aqui é bom pelo motivo de não ter muita luz do sol no rosto - eu o respondi me sentando ao lado dele - É então... como você ficou todos esses anos..?

- Bem. - me respondeu na mesma hora, cortando minhas possibilidades de puxar conversa

- Hm.. Que bom..

- Não queira saber tudo em um dia só, é uma longa história. Mas.. Como você ficou todos esses anos?

- Bem.. Bem, preocupada com você, continuei estudando e agora estou na faculdade de direito mas sempre fui apegada com música, sabe? Desde que o Tae se interessou em começar a cantar eu tentei escrever músicas sobre o que eu sinto e coisas que me deixavam interessada..

- E porque não acompanhou o desenvolvimento dele?

- Eu era.. Corrigindo, ainda sou muito ocupada com as coisas que faço, lá em casa, eu cozinho o almoço e jantar, e quando ele está em casa eu quero o impressioná-lo com coisas que aprendo. E agora que estou na faculdade eu não tenho muito tempo pra tentar ajudá-lo quando ele está em casa, porque ele não vai mais para casa com frequência por causa do trabalho

- Continue. - ele estava atento em tudo que eu dizia, ele parecia bem interessado

- Lembra quando fomos ao parque de diversões?

- Sim, me lembro

- Então, eu havia dito que iria fazer minhas amigas gostarem de vocês, pois eu acho que.. Vocês são muito esforçados com o que fazem e é algo que elas valorizam muito em cantores.. Mas, vou ter que mentir sobre o fato de eu conhecer vocês, elas não irão sair do meu pé se eu convencê-las e contar que conheço tais. Enfim, o Tae não era muito de dizer sobre vocês, já que eu não os conhecia

- Hm.. Já que contou tanta coisa, tá na hora de eu dizer o que aconteceu desde que nos despedimos.. Quando eu parti, tive que morar com minha tia e desde então, eu comecei a ter interesse no piano e comecei a estudar e aprender como tocava. Depois do piano, foi a música, comecei a compor músicas, nada disso interrompeu meus estudos, e como você sabia, eu tinha dificuldades em certas matérias, e tentei melhorar e acabar com essas dificuldades que eu tinha.

- Wow..

- E consegui. Já namorei - QUERIA EU NÃO TER ESCUTADO O QUE ELE DISSE - e por sorte, ninguém se atreveu a querer saber - ele olhou para o meu rosto com um sorriso, querendo me provocar - eu sou um deus grego e sei que você também me quer

- OI?! - Eu fiquei assustada que me joguei no chão, logo tampando meu rosto

- É brincadeira - ele riu - Eu me lembro de quando tentei entrar na BigHit, eles me deram o apelido Suga por causa do meu sorriso - sorriu para mim - Por mais que não pareça, eu senti saudades de você

- .. - eu sem resposta fiquei calada

Ficamos calados até que vem uma criança nos pedindo ajuda para resgatar a bola de futebol que caiu na rua

- Eiii! Vocês podem me ajudar? Minha mãe saiu, e ela disse que não posso ir para o meio da rua..! - o garoto estava prestes a chorar - é a bola que ganhei da minha avó...

- Espere aqui com a Kyun.. - O Yoongi se levantou rapidamente e foi buscar a bola

- Cuidado!! - eu grito antes dele ir para o meio da rua

O mesmo fez um joinha com a mão para me informar de que tinha tinha ouvido, e, ele conseguiu resgatar a bola do garoto mas... Por acidente, um homem que vinha de moto quase o atropelou e por sorte ninguém saiu ferido, mas havia um problema.. O mesmo era de um restaurante e estava prestes à entregar encomendas caríssimas que se quebraram na queda da moto.

- Cara... O que eu vou fazer! Meu chefe vai ficar furioso... - o moço disse com as mãos na cabeça - VOCÊ!!! - ele virou para o Yoongi muito nervoso - POR SUA CULPA, EU POSSO SER DESPEDIDO DO MEU TRABALHO!!! - o mesmo levantou o braço para começar uma briga. Mas por sorte, eu peguei o braço dele e o fiz virar para trás, para me ver frente a frente

- Hey, me desculpe, eu posso ajudar com os danos causados - eu disse pensando em alguma coisa que podia fazer

- E o que você oferece?

- Bem... Eu posso trabalhar onde você tem seu ofício e ajudar a pagar... - soltei o braço dele


- Se é assim.. - ele se virou para o Yoongi - conhece ele?

- Sim, conheço, e a bola é de um amiguinho meu que está nos aguardando na praça - eu apontei para o garoto que estava nos observando

- Venha comigo, preciso que você converse com meu chefe, por sorte, estávamos precisando de uma garçonete lá - ele me pegou pelo braço

- Ei. - Yoongi disse calmo - eu entrego para a criança, e depois a gente se encontra aqui mesmo, okay? - ele se abaixou para pegar a bola do garoto

- Okay! Até já já.. - eu acenei para ele dizendo tchau

O moço arrumou a moto estacionando-a e guardando os pedaços de pratos quebrados na cesta da moto

- Vamos

*QUEBRA DE TEMPO~*

Ao chegar no pequeno restaurante, ele chamou pelo o chefe que estava cozinhando.. O cheiro era maravilhoso!

- Hey chefe, achei uma nova garçonete para cá, ela estava interessada e quis vim trabalhar - ele se abaixou para dizer em meu ouvido - aquilo que aconteceu fica só entre nós, está claro? - eu fiz sim com a cabeça disfarçando

Nós conversamos sobre o que eu iria fazer e quanto eu iria ganhar por semana, dependendo do número de pessoas que iriam visitar o restaurante. Me avisaram que eu ia começar a trabalhar da manhã até à noite, daqui a dois dias eu iria começar a trabalhar lá.

- Bom, é só isso por hoje, você está dispensada.

- Muito obrigada! Até daqui a dois dias! - eu saí de lá e fui em caminho para a praça

*QUEBRA DE TEMPO~*

- Voltei! - fui em direção ao Min-Min que estava quase dormindo na sombra da árvore

- Hm... Ah.. Achei que iria demorar mais - foi se ajeitando após o susto que tomou a minha chegada

- Nah, foi rápido

- Você podia não ter se intrometido, como sabe, sou cantor e podia pagar os pratos - ele me olhou com uma cara séria - e por causa disso você terá que trabalhar com eles aqui, e não poderá voltar para casa tão cedo assim

- Tô de boa - dei um sorriso irônico - parece que o senhor está preocupado comigo - ele virou o rosto dando risada

- Amanhã eu converso com seu chef--- Eu o interrompi

- NANANINANÃO, Isso eu que me viro agora

- Tá bom... Eu não me importo, vamos para a sorveteria - ele se levantou andando para a saída da praça

- Okay... Ei! Me espera! - levantei e saí correndo atrás dele

*QUEBRA DE TEMPO~*

Sentados em uma mesa, olhamos o que iríamos pedir

- Eu quero junto com o sorvete de morango! Deve ser bom!

Ele acenou chamando a garçonete, que logo vinha com um bloco de notas e uma caneta

- O que o casal quer? - ela disse toda simpática, com um sorriso de orelha a orelha

- Ela quer um sorvete com duas massas, de chocolate e morango

- EI! N-não somos um.... ----

- Eu só quero de flocos.

- Aguarde só um minuto - ela deu meia volta para ir para avisar o moço que estava fazendo os sorvetes

- Por que não a avisou?! - eu disse em um tom desesperado

- Ué, está surpresa? Achei que estava acostumada com as crianças que diziam que nós éramos um casal, que dávamos um casal perfeito e coisas do tipo - me olhou com um sorriso de lado, me provocando

- Humpf.. - eu cruzei os braços e esperei a moça trazer os pedidos.

- Aqui está, o preço está na notinha - querem pagar agora?

- Sim - ele entregou o dinheiro para ela

- Muito obrigado, aproveitem! - ela saiu

- Sabe, oque você acha que os garotos estão fazendo - ele olhou para o lado de fora - já está anoitecendo..

- Sei lá.. Devem estar preocupados, se já chegaram lá

- Preocupados? Devem estar preocupados com o que nós estamos fazendo - ele riu

- O-oi?!

- É, minha cara, eles imaginam cada coisa depois..

- Meu deus - eu ri

- Termine isso logo, antes que eu comece a ficar com sono... - ele bocejou

- Uh, okay - eu dei uma dentada no sorvete que meus dentes congelaram - AAAAH... Meus dentes.. - ele começou a rir

- Agora só falta duas colheradas que você termina - continuou a rir

Eu comi tudo e fomos para casa, quando entramos, nos deparamos que fomos os primeiros a chegar, lá estava totalmente quieto e escuro

- Acho que chegamos "cedo demais" - eu disse acendendo as luzes

- Hm.. Percebi... Bom, vou tomar banho e depois vou dormir, não faça muito barulho.


- Okay. - me sentei no sofá e me ajeitei... E... Dormi ali mesmo
Continua... 

Notas Finais


Eu espero que tenha tido uma ótima leitura. ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...