História Imagine Min Yoongi-Meu Híbrido. (HIATOS) - Capítulo 87


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), BLANC7, G-Dragon
Personagens D.L, G-Dragon, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Spax, Taichi
Tags Bts, Híbrido, Romance, Suga, Yoongi
Visualizações 238
Palavras 1.654
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 87 - "Noona o Suga está com medo..."


Fanfic / Fanfiction Imagine Min Yoongi-Meu Híbrido. (HIATOS) - Capítulo 87 - "Noona o Suga está com medo..."

Chegamos ao local, era o restaurante onde conheci Mi-San, irei mostrar ao Suga que Brasil não é só brigadeiro. Entramos no local, nos sentamos no fim do estabelecimento, logo a mão de Mi-San vem nos atender.

Omma M/S-Olá no que posso ajuda-los?...-Fala enquanto via algo em seu caderno de anotações, mas assim que olha pra mim fala.-Aaaah S/n que bom te ver aqui...-Diz sorrindo, não me lembro de ter dito meu nome à la, talvez Mi-San contou.

-Boa noite Sra.  Kwon( Sim o sobrenome deles é Kwon, a culpa não é minha e sim da minha criatividade.)...-Digo sorrindo sem mostras os dentes.

Omma M/S- Me chame apenas de Omma, você ainda virá na sexta né?...-Diz esperançosa quanto à minha resposta.

-Sim, virei sim...

Omma M/S-Ótimo, aliás quem é esse belo rapaz?-Diz olhando pra Suga, que logo cora meio envergonhado. Mas sem demora responde.

Sg-Min Yoongi, mas pode me chamar de Suga...-Diz sorrindo sem mostrar os dentes.- Sou o namorado da noona...-Olha pra mim enquanto fala, pude ver brilho em seus olhos... Se ele não é a criatura mais fofa do universo, me conte quem é.

Omma M/S-Prazer Suga, suas orelhas e rabos são de verdade ou...-Antes dela terminar, Suga balança suas orelhas e rabo.-Uoou que legal, você têm muita sorte S/n, é raro ver híbridos hoje em dia...Você disse que seu sobrenome é Min certo?...-Diz e ele concorda, logo ela faz uma cara de pensativa.- Huum, acho que já ouvi esse nome em algum lugar...-Continua com sua cara de pensativa, mas logo ela fala.-Aaah sim, eu vi os Min's esses dias, eles disseram que iam voltar pra Daegu...-Assim que ela termina de falar, eu olho Suga surpresa e ele faz o mesmo comigo.

-Escuta omma, você sabe o endereço deles em Daegu?...-Digo olhando-a curiosa.

Omma da M/S-Aaah claro vou pegar o papel com o endereço, já volto...-Assim que termina de falar, adentra uma porta, fazendo com que eu e Suga a perdesse-mos de vista.

Sg-Noona, você acha que esses Min's que ela falou, são meus pais?...-Diz ficando com os olhos marejados.

-Iaaa Suga, não chora iremos descobrir isso...Juntos.-Digo passando a mão por seu rosto, enxugando algumas lágrimas que já haviam descido.

Sg-Noona o Suga está com medo...-Diz olhando para baixo.

-Medo de que Suga?...-Ergo seu queixo fazendo com que ele olhe pra mim.

Sg-Deles não aceitarem o Suga como filho noona, deles não me reconhecerem, até poque já se passou 20 anos desde que ele abandonaram o Suga...-Eu via várias lágrimas descendo pelo seu belo rosto, logo eu passo meus dedos por sua face eliminando as lágrimas que haviam descido, e as que ainda viriam.

-Não chore Suga,se você chorar eu também vou. Olhe, se eles fizerem algo de ruim nesse rencontro, voltamos aqui pra Seul e não os vemos nunca mais, tudo bem assim?...-Ele assente, ainda descia algumas lágrimas em seu rosto, porém, eram poucas. Logo vejo a omma da Mi-San vir em nossa direção,  ela iria pergunta sobre o por que de Suga estar chorando, mas, eu fiz um sinal pra não tocar no assunto, ela entendeu e logo falou:

Omma M/S-Bom, aqui está o endereço, mas aqui é um restaurante por tanto o que vão querer pra comer?...

-Traga a especialidade da casa pra ele e um estrogonofe de frango pra mim...-Ela assente e logo sai.

Sg-Noona o que é estro... istro.. estreogo...-Ele aparentava estar um pouco mais calmo. Falava a palavra de todas as maneiras menos da correta.

-Estrogonofe Suga, é uma comida brasileira...-El assente mas logo volta à me perguntar:

Sg- E qual é a especialidade da casa noona?...-Sua curiosidade dava pra ver por seus gestos, ele apoiou os dois braços na mesa, e suas duas mãos em seu queixo/Maxilar, enquanto balança↕a suas pernas pra frente e pra trás, como se fosse uma criança ansiosa por uma surpresa, que seus pais dizem ser super mega hiper boa.

-Se eu não te contar, você fica bravo comigo?...-Ele concorda com a cabeça.-Aish, se chama lasanha...-Assim que falo a palavra "Lasanha" ele me olha confuso.-Ó repete comigo...La.

Sg-La.

-Sa.

Sg-Sa

-Nha.

Sg-Nha.

-Lasanha...

Sg-La..sanha-Quando termina de dizer, bato palmas e lhe dou um beijo-Noona, por que a moça falou sobre você vir aqui na sexta?-Pergunta curioso

-É que assim-Explico pra ele e ele assente animado...O jantar foi repleto de conversa, o que me intrigava era o fato dos pais de Suga morarem em Daegu, a história que Suga me contou é realmente a versão verdadeira? Tipo, pode muito bem ter acontecido outras coisas que nem ele próprio se lembra...

                                                •○•○•○•○•○•○•○•○N.Q.o.T.•○•○•○•○•○•○•○

Chegou sexta feira, hoje seria o dia em que eu iria cantar no restaurante e eu estou muito nervosa, pelo fato de eu nunca ter me apresentado em público, tipo nunca mesmo, sempre que tinha trabalho em duple, eu pedi pra fazer sozinha e não apresentar, mesmo quando Luka/Jimin estavam comigo.

Agora nesse exato momento, eu estava tomando banho, termino o mesmo, logo, saio indo em direção ao closet, ponho uma lingerie preta, logo ponho a roupa escolhida (Notas finais), faço uma maquiagem e um penteado. Os meninos e as meninas foram na frente, quem ficou de me buscar foi a Mi-San, pois ela sabe um lugar nos fundos do restaurante que dá pra entrar. Logo ouço barulho de buzina e suponho ser ela, saio do quarto com meu celular em mãos, logo saio de casa trancando a mesma, logo entro dentro do carro dela.

Mi-San-Olha ela toda produzida...-Percebo seu tom brincalhão em sua fala.

-Idiota, vamos logo...

Mi-San-Ui agressiva, vamos então...-Quando me dei por conta, já tínhamos chegado lá, logo entramos pelos fundos...

-Caralho é muita gente...-Digo depois de ter visto o tanto de pessoas que estavam ali no local.-Tô nervosa...-Ás vezes eu acho que sou meio estranha pois, quando eu fico nervosa eu começo a dar uns pulinhos. E era o que eu estava fazendo agora, dando pulinhos... Cara eu sou muito estranha.

Mi-San-Aish calma mulher, você vai se sair muito bem...-Quem vê acha que eu estou me preparando pra um show de verdade ou pra algum papel num dorama novo muito foda.

-Beleza, o meu violão tá aonde?...

Mi-San-Aqui...-Me entrega o instrumento*OBS-Ela havia comprado um violão*. o pandeiro eu tocaria com os pés por isso ele já estava lá no "palco" junto á um suporte pro mesmo

Já havia cantado algumas músicas, tipo umas 7 por aí, e em todas as músicas quando eu terminava de cantar, todos aplaudiam, e eu sempre olhava Suga e o mesmo me olhava maravilhado. Agora eu acabei de tomar um gole d'água, e começo a cantar uma das minhas músicas favoritas, nem todas as músicas tinha o pandeiro, e a que vou cantar agora não é uma delas:

 

 

                               Don't leave me here

                               Especially  not with her

                               You've heard of people getting lost

                               Here we don't even talk

                               Don't drink my fear

                               When i've had too much

                               You've heard of people getting lost

                                I wanna see you in the dark

                                

                                And falls and breaks and turns into something new

                                

                                I say don't let me go

                                And you say why can't we be friends?

                                And all night i watch it burn

                                And you say why can't we be friends?

                                And talk to me and tell me how this one goes

                                I need a taxi.

                                

                                This world is pintless

                                If you're not here

                                This world is pointless

                                If we're not self-destruction love.

                                

                                And it falls and it breaks and it turns into something new

                                And it falls and it breaks and turns into something

                                

                                I say don't let me go

                                And you say why can't we be friends?

                                And all night i watch it burn

                                And you say why can't we be friends?

                                And talk to me and tell me how this one goes

                                I need a taxi

                                

                                

                                

                                And it falls and it breaks and it turn into someting new

                                

                                I say don't let me go

                                And you say why can't we be friends?

                                And all night i watch it burn

                                And you say why can't we be friends?

                                And talk to me and tell me how this one goes

                                I need a taxi.

 

Mais uma vez termino de cantar e todos aplaudem... Já havia terminado a "apresentação", e além de ter sido cansativo foi muito bom, e enquanto eu cantava os outros comiam certo? Pois é quem vai comer agora sou eu. Todos já haviam ido exceto eu, os meninos e as meninas, que eu não sei aonde estão, sumiram. Enfim, sento em uma mesa esperando os bastardos chegarem, ou alguém vir aqui ‼e atender, pois estou morta de fome... Eu estava concentrada vendo uma coisa no meu celular, quando alguém faz um barulho com a garganta, olho para a pessoa e percebo ser Soon, porém ela estava com um bigode e o uniforme de cozinheira.

Soon-Boa noite senhorita em que posso ajuda-la?-Mano eu estava com muita vontade de rir agora. A cena era tipo, a Soon estava vestida de chefe de cozinha com um bigode igual daquele pizzaiolo dos Simpsons, séria, enquanto eu estava me segurando pra não rir.

-Ham, pode sim me traz... Um suco de abacaxi junto á um estrogonofe de frango...-Digo entrando na brincadeira, se vamos zoar vamos zoar direito.

Soon-Sim, já trago seu pedido...-Ela se retira dali, o que me deu a liberdade de dar uma mini gargalhada...Estava mexendo no celular de novo, quando um ser se joga na cadeira à minha frente. Olho e percebo ser Suga, só que ele não estava um Suga normal, fofinho e pá, ele estava um Suga Bad Boy, isso mesmo. Ele estava mais ou menos assim (Foto de capa) om esconderam as orelhas dele, eu não sei. Sabe aquele memento em que você morre e não percebe? Pois então, eu agora, o Suga em si já é lindo, vestido assim fica mais lindo ainda. E antes que eu pudesse falar alguma coisa ele fala:

Sg-Eai gatinha está sozinha?-Geente a minha vontade de rir só piorou, eu só queria...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                                                   EU SÓ QUERIA RIR AGORA...

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigadix pela leitura‼



Roupicha da S/n:https://br.pinterest.com/pin/AY6Kq_OYKnkKfTAKKkqJTMmmlr9_9VnipVljUC0oGZGdvcMtSALZVOE/




Annyeong▓♥▓


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...