História Imagine Namjoon - BTS - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Kim Nam-joon / Rap Monster
Personagens Kim Namjoon (RM)
Tags Bts, Hot, Kim Nam Joon
Visualizações 40
Palavras 522
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Festa, Ficção, Hentai, LGBT, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura :3

Capítulo 27 - O carro sem placa


Fanfic / Fanfiction Imagine Namjoon - BTS - Capítulo 27 - O carro sem placa

(S/N) On:

Assim que eu acordo, pego meu celular e vou até a porta, verificando se não há ninguém por perto para eu subir na grade da janela novamente, apenas para ver se o Namjoon visualizou ou respondeu a minha mensagem. Não.

Buck entra no quarto, eu levo um susto e acabo caindo no chão do mesmo. Buck que se encontrava com um iogurte em mãos, o largou com brutalidade em cima da mesinha e veio correndo me levantar. Estou fraca, trêmula. Estou muito magra, minhas costas doem, com o porte corporal que tenho agora, minha coluna não aguenta o peso de meus seios. 

Buck me pega no colo e me deita na cama. Ele entrega o iogurte para mim e se senta na cama, preocupado.

Buck: Essa alimentação que você está tendo não está adiantando de nada.

(S/N): Não se preocupe, eu vou me acostumar e vou ficar bem, obrigada.

Ele acena tristemente com a cabeça e sai.

(S/N) Off

Jimin On:

Depois que eu e Yoongi nos arrumamos, descemos e esperamos que os alunos começassem a chegar. Quando isso aconteceu, ficamos super atentos à quem saía dos carros e de que carros elas saíam.

Corte de Tempo

Não achamos nenhum carro sem placa. As coisas vão ficar complicadas, caso o sequestrador não seja um aluno.

Nam-Kyu: De novo atrasado senhor Enri!

Enri: Não tenho hora para vir para aula, isso aqui não é uma escolinha.

Nam-Kyu: Você não costumava chegar atrasado.

Enri: Imprevistos.

Suspeito. Ele saiu de uma Pick-Up Americana, prata.

Jimin: Ei Yoongi. Vem cá.

Vou até o carro com Yoongi logo atrás.

Yoongi: Boa Jimin!

Encontramos!

Jimin: Senhora?

Nam-Kyu: Sim?

Yoongi: Achamos o carro, é do tal Enri.

Jimin: Vamos chamá-lo!

Yoongi: Não, não vamos. Vai complicar pro nosso lado.

Jimin: Tá, então vou ligar para o Namjoon.

Jimin Off

(S/N) On:

Corte de Tempo

Já é tarde, estou apenas estudando quando Enri escancara a porta e pula em cima de mim, agitado. Já começo a chorar.

Enri: Seus amigos já sentiram sua falta. Passei maus bocados para que não me seguissem até aqui. Sofrerá as consequências.

(S/N): Porque? Eu não tenho culpa se VOCÊ, me trouxe para cá.

Ele me da um tapa no rosto e fica por cima de mim, tirando minha roupa. Minhas lágrimas se tornam mais grossas e eu começo a soluçar.

Enri: Hoje você não me escapa- Ele diz entre chupões que começa a dar em meu pescoço.

Corte de Tempo

Enri ficou um tempo me beijando e deixando marcas dechupões pelo meu corpo. Não só de chupões, mas de tapas e apertos fortes também.

Enri: Nem adianta ficar chorando, olha onde já estou- Olho para baixo e ele estava quase dentro de mim- Não vou dar para trás agora.

Eu começo a me debater. Pedidos de misericórdia saem entre soluços de meus lábios, vermelhos e cortados, pela brutalidade de Enri. Quando estava prestes a me penetrar, alguém escancara a porta. Enri solta um palavrão.

Enri: Que foi, caralho!? Saia daqui! Não está vendo que estou ocupado?!

Buck: Me desculpe, senhor. É uma tal de Nam-Kyu. Ela disse que é muito importante.

Continua...


Notas Finais


Eee... '-'

Gente, comentem o que estão achando. Devo continuar? Melhorar algo?

Beijuh :3<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...