História Imagine Rap Monster- A Nerd e o Valentão - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Eunwoo, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinjin, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), MJ, Moonbin, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rocky, Rosé, Sanha
Tags Bts
Visualizações 93
Palavras 715
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii bolinhos, então, essa é a minha primeira fic aqui no Spirit e eu espero de coração que vocês gostem. Fiquem com a fic

Capítulo 1 - Nova escola, novos bullyinadores


Meu nome é S/N, tenho 16 anos e esta vai ser a terceira vez que terei que mudar de escola, só esse ano. Eu sofro muito bullying pelo simples fato de eu ser uma nerd, e para resolver, meus pais me trocam de colégio toda vez que a diretora chamam eles para dizer que sofro bullying.

Meus pais, como presidentes de uma fábrica famosa (se você quiser, imagine uma), são ricos, então eles compraram uma casa só para mim e mandam mordomos e empregados cuidarem de mim e a maioria (mas nem todos) dos finais de semana, eles vêm me visitar.

Mas não pense que só porque eles são ricos que eu sou mimada, pelo contrário, sou humilde e agradeço pelo que tenho.

Eu também uso óculos, mas enxergo sem eles, tudo embaçado mas enxergo (autora: deeer)

            *QUEBRA DE TEMPO*

Acordei cedo, fiz minhas higienes, tomei um banho, me arrumei, e fiquei esperando dar o horário para ir ao novo colégio. Deu o horário, peguei uma maçã, e sai comendo no caminho. 

Chegando lá, o colégio parecia ser bem melhor que os anteriores (bem que meus pais poderiam ter escolhido como primeira opção)

O sinal bateu, e como eu já estava em sala lendo, parei de ler e o professor entrou na sala e começou a ajeitar suas coisas lá.

Perguntei se ele queria ajuda, ele se assustou e virou para trás me encarando.

(Professor)- Já está em sala?!

(S/N)- Sim! O sinal bateu. Tenho mais que a obrigação em estar aqui

(Professor)- É que, normalmente, os alunos entram em, no máximo, 15 minutos.

Logo entram quase todos os alunos e o professor começa a aula. Eu anotava quase tudo o que ele falava, até alguém me cutucar e jogar uma cartinha para mim.

E nela estava escrito:

"Ei novata! Fiquei sabendo que você fica querendo ajudar o professor e ficar elogiando ele só 'pra' receber nota alta. Saiba que aqui nesse colégio e com esses professores, nada funciona."

Ao terminar de ler, me levantei e entreguei a cartinha ao professor. Ele agredeceu e continuou a aula.

Logo a primeira aula acabou e a segunda aula começou. No começo dessa segunda aula, entraram 7 valentões (que até que eram bonitinhos) que pareciam ter voltado de um jogo de futebol, pois estavam suados... E fedendo!

(Professor)- Sentem-se.

Eu estava torcendo para ele não comentar, mas...

(Professor)- Agora que estão todos em sala, vou falar. A partir de hoje, vocês terão uma nova colega. S/N! Venha aqui na frente e se apresente a turma.

Me levantei e fui me apresentar

(S/N)- M-meu nome é-é S/N, te-tenho 16 anos e... E-esse v-vai ser o meu t-terceiro colégio e-esse a-ano.

Me apresentei olhando para baixo e quando olhei para turma inteira voltando sua atenção para mim, eu corei e corri para minha mesa.

Depois de mais um tempo, a aula acabou e tocou o sinal do intervalo.

Eu saí da sala e logo uma garota que parecia ser bem popular, veio em minha direção, olhei nos cadernos dela e o nome dela parecia ser Lisa

(Lisa)- É o seguinte novata, não quero que ande em minha frente, se quiser passar pelo mesmo corredor que eu, terá que passar pela minha sombra. Você também fará meus trabalhos e minhas tarefas. Ah! Fato importante. Você não falará um pouco comigo. Apenas fará os meus trabalhos e entregará para mim.

(S/N)- Tudo bem! Terei o maior prazer em...

Ela me empurra e eu caio no chão com tudo. Todos estavam nos olhando e ela fala:

(Lisa)- Se toca, garota. Eu não perguntei se você concordava ou não em fazer meus trabalhos. E outra, eu disse que era para você NÃO falar comigo. Tá aqui o trabalho que você tem que fazer e me entregar até sexta.

E ela logo joga os cadernos e livros que carregava, em cima de mim, já que eu ainda estava no chão.

Logo um garoto muito simpático (e lindo *-*) foi me ajudar a levantar e também juntou os livros e cadernos que estavam no chão e me entregou

(XXX)- Não liga para isso, não. A Lisa é assim mesmo. Prazer, meu nome é Jinjin.

Ele estende a mão para mim comprimenta-lo, e assim faço e digo:

(S/N)- Prazer é todo meu. Meu nome é S/N.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONTINUA?

 

 

 


Notas Finais


Bolinhos, essa foi minha primeira fic, espero que tenham gostando, se gostarem comenta aí. Continuo ou paro?
Desculpa se tiver erros
Beijos da tia panda


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...