1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine Rosé - O Anjo Caído >
  3. Igreja

História Imagine Rosé - O Anjo Caído - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Boa Leitura!

Capítulo 11 - Igreja


Fanfic / Fanfiction Imagine Rosé - O Anjo Caído - Capítulo 11 - Igreja


POVS S/N


Rosé: Então sobre o que querem conversar


Kai: Sobre seu namorado 


- Kai - dou um tapa no braço do mesmo


Kai: Aii o que foi inferno


Rosé: O que tem meu "namorado"


- Porque as aspas


Rosé: Porque eu pretendo terminar com ele


Kai: Nossa que emoção


- Qual é a emoção?


Kai: Ainda preciso falar - arque-a as sobrancelhas 


- Não


Rosé: Tá falem logo


- O seu "namorado" tem agido estranho ultimamente


Rosé: Desde que ele chegou não


Kai: Como assim "chegou"?


Rosé: Ele estava viajando a trabalho


- A quanto tempo


Rosé: Faz mais ou menos 3 meses 


Kai: E faz quatro meses desdo o evento do museu


- Mais uma prova


Kai: Mas ele, sei lá não... não fica com cheiro de mulheres nas roupas ou fios de cabelos


Rosé: Ele chegou ontem de viagem nem tive tempo de reparar isso e também não importa eu vou terminar com ele, se vocês estão querendo dizer que ele está me traindo estão perdendo o tempo de vocês


Kai: Bom nã...


- Bom é isso mesmo nós só querias te alertar sabe rsrs


Rosé: Tá igual não faz sentido tipo, em menos de dois dias vocês já deduziram que ele estava me traindo?


Kai: Na verdade ele não estava nem viajando 


Rosé: Como é que é?


- Meu Deus e eu pensando que só tinha boca grande pra come


Kai: Foi mal


- Olha só fica longe dele e se ele pedir pra voltar não volta 


Rosé: Porque?


- Porque eu tô querendo te proteger beleza? Você e suas amigas


Rosé: O que elas tem haver com isso


- Me de paciência senhor porque se não eu surto, só faz o que eu tô mandando e não me pergunta mais nada tá?


Rosé: Ok, foi mal


Kai: Você pegou meio pesado não acha?


- Cala a boca


Kai: Nossa ta de mal-humor mesmo em, vou até sair de perto tchau até mais agente se vê na igreja Rosé


Rosé: Até, em falar em igreja você vai ir?


- Vou eu disse que iria e eu vou


Rosé: Porque tá assim comigo?


- Assim como?


Rosé: Tipo brava


- Eu não estou brava só estressada e cansada não dormi direito noite passada


Rosé: Desculpa por ontem, e antes de falar qualquer coisa eu... eu....eu...


- Eu...?


Rosé: O que eu disse era verdade, tchau até


Antes que eu falasse qualquer palavra ela sumiu da minha visão.


O que ela quis dizer com isso, em fim tenho que descansar pra ir na igreja depois porque pelo o que eu sei de igrejas vai ser um saco.


QUEBRA DE TEMPO


- Oi meninas


Todas: Oi S/n


Rosé: Pensei que não iria vir


- Me atrasei um pouquinho, foi mal


 Jisoo: Tranquilo, vem vamos sentar o culto já vai começar


Sentamos uma ao lado da outra o Kai estava conversando com a Jennie perto do bebedouro


Esse é o meu garoto rsrs


OUTRA QUEBRA DE TEMPO


Não aguento mais, ainda bem que terminou mais de repente Rosé saio do meu lado e sobe no palco por uma lateral da estrutura que tinha uma pequena escada de 5 degraus. Ela pega o violão e começa a cantar um louvor


Nossa que voz lindo, as garotas não estavam mentindo quando disseram que ela canta bem, e como canta bem e toca bem pra caralho também, nossa como ela é linda


Isso vai assim pensamentos vai se apaixonando por uma crente que vai pro céu, continua com esses pensamentos eu vou levar ela pro inferno


Na real que merda eu s´me ferro me apaixono por uma garota certinha enquanto eu sou um demônio assassina, mas com motivos, e arrogante belo casal em, como eu sou idiota


Nem percebi e ela já estava vindo em minha direção o pastor , que pelo que eu me lembro é o pai de rosé, subiu no palco e terminou de falar sobre os próximos cultos e que temos que continuar firmes na fé do senhor blá, blá, blá...


E finalmente acaba de vez o culto


Rosé:Vem eu vou te apresentar os meus pais


- Tá legal


Ela me leva até os mesmos 


Rosé: Mãe, pai essa é minha amiga S/n. S/n esses são meus pais Jihyo e J-hope


- Oi


Jihyo: Oi que bem ter novos jovens aqui 


J-hope: Que bom que veio conhecer mais sobre o senhor


- Verdade, eu achei bem interessante o quadro do pastor pirata Nomber Runder bem conhecido na época e até hoje em dia


J-hope: Nos-sa você gosta mesmo de histórias né

 

Parece que ele ficou nervoso ótimo 


- Digamos que sim


Rosé: Quem é esse tal pirata?


- Longa história


Jihyo: Estou bem curiosa nunca ouvi falar ainda mais de um pastor que é pirata


J-hope: bom já está tarde vamos amor


Jihyo: Sim vamos, vem filha


Rosé: Ha não mãe deixa eu possar na Jennie por favor?

                                                        
Meu Cristo Redentor que coisa mais fofa da vontade de apartar e esse biquinho que aigoooo eu vou morrer de fofura, eu juro que se eu não fosse um demônio eu diria que ela é um anjo.


Jihyo; Tá bom só não vão dormir tarde 


Rosé: Ebaa, tchau mãe tchau pai amos vocês, até amanhã S/a


- Até, Rosie


Rosé: Rosie... hum gostei é fofo


Merda o que eu acabei de dizer devo estar na cor dos diabos de desenhos de tanta vergonha que eu estou


Bom pelo menos sei quem é o sujeito que está sendo ameaçado e também sei que as garotas que estão sumindo já estiveram aqui com a história que iriam se mudar e não poderiam mais vir aqui


Por isso que é bom ter vizinhos fofoqueiros, agora é só contar pro pessoal e armar um plano pra acabar om essa história de uma vez, agora se o pessoal envolvido com isso vai pro inferno eu não sei até agora não sabemos se alguma garota foi machucada ou abusada, mas enfim é hora de acabar com esse padre e sabre o porque desse roubo é hoje que o circo pega fogo.





 


Notas Finais


Só pra dizer que essa história do padre que é pirata foi tudo criado por mim nada disso existe nem o nome por isso que é bem ruim o nome ksksksks

Desculpas quaisquer erros vlw!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...